Banca de DEFESA: FELIPE MURILO SILVA DA COSTA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: FELIPE MURILO SILVA DA COSTA
DATA: 24/01/2014
HORA: 09:00
LOCAL: Auditório do CT
TÍTULO:

ESTUDO DA VIABILIDADE DA UTILIZAÇÃO DE CINZA DE LODO DE ESGOTO COMO ADIÇÃO EM ARGAMASSA DE CIMENTO PORTLAND.


PALAVRAS-CHAVES:

Argamassa, resíduo, lodo, cinza.


PÁGINAS: 105
GRANDE ÁREA: Engenharias
ÁREA: Engenharia Civil
SUBÁREA: Construção Civil
ESPECIALIDADE: Materiais e Componentes de Construção
RESUMO:

O uso de lodo de esgoto como matéria-prima se insere dentro do processo de reciclagem de resíduos, fundamental no modelo de sustentabilidade ambiental atual. A reciclagem de resíduos vem se consolidando como uma solução sustentável, técnica e ambientalmente correta. Apesar de apresentar composição e características muito variáveis, o lodo de esgoto, pode ser considerado como um resíduo com alto potencial de reciclagem no setor da construção civil. Neste trabalho foi estudada a viabilidade de utilização de cinza de lodo de esgoto como adição em argamassa de cimento Portland no traço 1:3 em massa considerado o traço padrão. Foram estudadas adições desta cinza nas proporções de 5%, 10%, 15%, 20%, 25% e 30% em relação à massa de cimento. A metodologia foi centrada na caracterização dos materiais por meio de ensaios físicos, químicas, mecânicos, ambientais e microestruturais, seguida pela produção das argamassas, e finalizada pelos ensaios de caracterização das argamassas no estado fresco, através do índice de consistência, teor de ar incorporado, densidade de massa e retenção de água, e no estado endurecido através da densidade de massa, absorção de água por capilaridade, coeficiente de capilaridade, resistência à compressão, resistência à tração na flexão, resistência de aderência à tração e da análise microscópica. Após comparar a argamassa padrão com as argamassas com adição da cinza, conclui-se que a cinza de lodo de esgoto não comprometeu a integridade e propriedades das argamassas com adição, inclusive aumentando a resistência à compressão e tração, sendo 20% a porcentagem mais indicada. Assim, torna-se viável a adição de cinza de lodo de esgoto em argamassa de cimento Portland para o traço estudado. 


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - GLADIS CAMARINI - UNICAMP
Interno - 1507841 - MARIA DAS VITORIAS VIEIRA DE ALMEIDA
Presidente - 1284389 - MARIA DEL PILAR DURANTE INGUNZA
Notícia cadastrada em: 20/01/2014 14:25
SIGAA | Superintendência de Informática - (84) 3215-3148 | Copyright © 2006-2019 - UFRN - sigaa13-producao.info.ufrn.br.sigaa13-producao