Banca de DEFESA: MARILIA DE SOUZA CASTRO

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: MARILIA DE SOUZA CASTRO
DATA: 29/06/2015
HORA: 09:00
LOCAL: NEPSA
TÍTULO:

Mudanças no processo produtivo capitalista e a dinâmica do setor de serviços: Repercussões nas cidades médias cearenses no período de 1990 a 2010


PALAVRAS-CHAVES:

Reestruturação Produtiva. Serviços. Cidades Médias Não Metropolitanas.


PÁGINAS: 121
GRANDE ÁREA: Ciências Sociais Aplicadas
ÁREA: Economia
RESUMO:

A atual fase do desenvolvimento capitalista induz cada vez mais o processo de urbanização que tem sua articulação estimulada pela expansão dos centros médios urbanos e o seu crescimento não está vinculado a uma área específica, segue uma lógica abrangente atrelada às tendências da sociedade capitalista contemporânea e suas espacializações. Em face das substanciais mudanças no processo produtivo capitalista, a divisão social do trabalho nas cidades médias não metropolitanas cearenses passa a ter novos enfoques acerca de sua natureza. O setor de serviços responsável por grande parte do emprego gerado revela a sua importância significativa na dinâmica econômica dessas cidades. Nesse contexto, algumas questões acerca da sua importância, tamanho e produtividade passaram por reformulações quanto ao seu papel no sistema capitalista de produção. A predominância das atividades terciárias que engloba o setor de serviços e comércio nas cidades médias e suas relações com o processo de acumulação do capital deve ser compreendida frente ao aumento da velocidade das transformações tecnológicas e das novas demandas por “funções-serviços”, como assistência técnica, P&D entre outras. A intenção desse trabalho, considerado seu objetivo geral de verificar qual é o papel do setor de serviços na dinâmica econômica das cidades médias não metropolitanas cearenses no período de 1990 a 2010, é ressaltar os elementos responsáveis pelas mudanças da estrutura produtiva, apresentando a realidade da dinâmica produtiva do estado, a partir de indicadores setoriais e sua influência na definição de políticas de desenvolvimento regional e urbano. Além de analisar se o setor de serviços é capaz de dinamizar a economia estadual. O recorte temporal escolhido (1990 a 2010) é marcado por grandes transformações como o abandono das políticas desenvolvimentistas. Para alcançar os objetivos propostos, a metodologia utilizada seguiu o método dedutivo-histórico a partir de duas linhas de ação: a primeira teve um caráter exclusivamente teórico descritivo, concentrando esforços na pesquisa das literaturas ligadas ao papel do setor de serviços num contexto de reestruturação produtiva, financeirização e globalização neoliberal. A outra linha referiu a fase de elaboração e interpretação de uma base de informações estatísticas de caráter secundário, coletados em bancos de dados de organismos oficiais como o Banco Central, Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE, Rede Anual de Informações Sociais – RAIS, Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada – IPEA e Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Estado do Ceará – IPECE entre outras. 


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1205069 - WILLIAM EUFRASIO NUNES PEREIRA
Externo ao Programa - 2177279 - DENILSON DA SILVA ARAUJO
Externo à Instituição - FRANCISCO DO O'''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''''' DE LIMA JÚNIOR - URCA
Notícia cadastrada em: 10/06/2015 09:38
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa27-producao.info.ufrn.br.sigaa27-producao