Banca de DEFESA: AGRINEZ DIANA DE MELO

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : AGRINEZ DIANA DE MELO
DATA : 05/04/2023
HORA: 10:00
LOCAL: DEART, sala 38-D
TÍTULO:

A POÉTICA MATRICIAL DOS ORIXÁS E ENCANTADOS: O ARA RITUAL MULHER PRETA NO TEATRO ANCESTRAL


PALAVRAS-CHAVES:

Ara, Ancestralidade, Poéticas, Teatro, Mulher Negra, Candomblé.


PÁGINAS: 87
RESUMO:

O trabalho reflete sobre as potencialidades do ara (corpo) de mulher preta em representação para criação de um caminho de protagonismo e autonomia artística a partir do reconhecimento ancestral. Partindo da necessidade em encontrar referências de representatividade de mulher negra na academia e nos palcos, a ancestralidade, o candomblé e o teatro, surgem como fonte e meio para criação de uma dramaturgia corporal centrada na energia dos Orixás e Encantados. Estas ações de poder refletem na construção de novas narrativas, evidenciadas através dos espetáculos teatrais: Ombela, Histórias Bordadas em Mim e de uma vivência formativa centrada na Poética Matricial dos Orixás. O objetivo da escrita é criar possibilidades de diálogos entre a valorização da ancestralidade, de matriz africana e suas influências no teatro contemporâneo, interligando o teatro físico e o ritualístico na construção cênica. A escrita leva em consideração os caminhos de aprendizado através do acolhimento e respeito à matriz originária africana e indígena. Os escritos contribuem para apontar caminhos de decolonização do ara de mulher preta no teatro.


MEMBROS DA BANCA:
Externa à Instituição - FERNANDA JÚLIA BARBOSA - UFBA
Interna - ***.043.118-** - LARA RODRIGUES MACHADO - UNICAMP
Presidente - 1754863 - ROBSON CARLOS HADERCHPEK
Notícia cadastrada em: 17/03/2023 16:15
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - (84) 3342 2210 | Copyright © 2006-2024 - UFRN - sigaa14-producao.info.ufrn.br.sigaa14-producao