Banca de DEFESA: GLÊNIA MARIA DA SILVA FREITAS

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : GLÊNIA MARIA DA SILVA FREITAS
DATA : 29/08/2022
HORA: 13:00
LOCAL: Plataforma do ZOOM
TÍTULO:

Três diário à Carolina: Escrevivências de pele memória de uma artista-pesquisadora-negra na cena


PALAVRAS-CHAVES:

Escrevivência; Escrita acadêmica performática f(r)ccional; Feminismos negros; Experiência de pele-memória.


PÁGINAS: 97
RESUMO:

Partindo da prática da escrevivência (EVARISTO, 2006), em articulação com a proposta de uma escrita acadêmica performática, uma escrita f(r)iccional (LYRA, 2020), essa dissertação em primeira pessoa, busca tramar um encontro meu com a escritora brasileira Carolina Maria de Jesus (2014) para uma conversa sobre nossos diários escritos em diferentes tempos, com o intuito de fomentar uma construção dramatúrgica, que tem como temas: a infância e a não representatividade nas mídias, a adolescência e a solidão da mulher artista negra nos dias atuais. Eu e Carolina, mulheres negras vivendo realidades tão semelhantes, travamos um diálogo entretempos onde são expostas situações de racismo, machismo, objetificação do corpo feminino negro, luta de classe dentro e fora da cena real e ficcional, tendo como base de reflexão, estudos introdutórios dos feminismos negros (RIBEIRO, 2018), (hooks, 2019), na defesa da ideia de uma experiência de pele-memória.


MEMBROS DA BANCA:
Externa à Instituição - DENISE ESPÍRITO SANTO DA SILVA - UERJ
Interna - 1755707 - KARYNE DIAS COUTINHO
Presidente - ***.107.854-** - LUCIANA DE FÁTIMA ROCHA PEREIRA DE LYRA - UERJ
Notícia cadastrada em: 17/08/2022 16:29
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - (84) 3342 2210 | Copyright © 2006-2024 - UFRN - sigaa11-producao.info.ufrn.br.sigaa11-producao