Banca de QUALIFICAÇÃO: BIANCA RODRIGUES DA SILVA BARROS

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : BIANCA RODRIGUES DA SILVA BARROS
DATA : 23/03/2022
HORA: 14:00
LOCAL: videoconferência
TÍTULO:

Exercício isométrico versus isotônico no manejo da tendinopatia do manguito rotador – efeitos na dor, função e controle neuromuscular do ombro: protocolo para um ensaio clínico randomizado


PALAVRAS-CHAVES:

Manejo da dor; terapia por exercício; eletromiografia; movimento; síndrome do impacto subacromial.


PÁGINAS: 50
RESUMO:

Introdução: A tendinopatia do manguito rotador (MR) é uma desordem comum do ombro e o tratamento por meio de exercícios resistidos tem sido a principal abordagem de tratamento para este distúrbio. Os exercícios isométricos vêm sendo bastante estudados para o tratamento de tendinopatias de membros inferiores, mas ainda precisam ser melhor estabelecidos no tratamento de tendinopatias do MR. Este protocolo descreve um ensaio clínico randomizado que tem como objetivo comparar os efeitos de dois tipos de exercícios – isométrico versus isotônico – na dor, na função e no controle neuromuscular do ombro em indivíduos com tendinopatia do MR. Métodos e análises: Quarenta e seis indivíduos (18 – 45 anos) com dor no ombro (>3 meses) e comprovada tendinopatia unilateral no suprespinhal e/ou infraespinhal participarão deste estudo. Os indivíduos serão alocados aleatoriamente em um dos dois grupos de exercícios: isométrico e isotônico. Eles serão avaliados antes e após a primeira sessão de tratamento, e novamente após seis semanas de tratamento. Os desfechos a serem avaliados serão: dor e função geral do ombro; força isométrica de elevação e rotação lateral e medial do ombro; atividade eletromiográfica dos músculos deltóide médio, infraespinhal, serrátil anterior e trapézio inferior; e cinemática escapular durante a tarefa de elevação do braço com e sem carga. Os dois grupos serão submetidos a um protocolo de alongamento e fortalecimento da musculatura periescapular. O grupo isométrico irá desenvolver adicionais exercícios para o MR, com 3 repetições de 32s a 70% da força isométrica máxima para cada exercício. O grupo isotônico irá desenvolver os exercícios para o MR de forma concêntrica e excêntrica (2s para cada fase), com 3 séries de 8 repetições para cada exercício a 8 RM. O tempo sob tensão de 96s que vai ser o mesmo para os dois grupos e a carga de exercícios dos dois grupos será ajustada nas semanas 3 e 5 do protocolo de seis semanas. Os efeitos do tratamento entre os grupos serão avaliados usando ANOVAs two-way com medidas repetidas, com o auxílio do software Statistical Package for the Social Sciences (SPSS).


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1081828 - CATARINA DE OLIVEIRA SOUSA
Externa à Instituição - PAULA REZENDE CAMARGO - UFSCAR
Interno - 2566849 - WOUBER HÉRICKSON DE BRITO VIEIRA
Notícia cadastrada em: 10/03/2022 16:43
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa07-producao.info.ufrn.br.sigaa07-producao