Banca de QUALIFICAÇÃO: JACKSON CLAUDIO COSTA DE LIMA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : JACKSON CLAUDIO COSTA DE LIMA
DATA : 15/07/2021
HORA: 14:00
LOCAL: Vídeo Conferência
TÍTULO:

Medida de confiabilidade dos testes SNIP e R-SNIFF em homens e mulheres adultos jovens


PALAVRAS-CHAVES:

Músculos respiratórios; reprodutibilidade dos resultados; bioestatística; pesquisa clínica


PÁGINAS: 50
RESUMO:

Os testes de pressão inspiratória nasal (SNIP) e pressão expiratória nasal (R-SNIFF) são métodos complementares importantes usados para avaliar a capacidade dos músculos respiratórios desenvolverem força inspiratória e expiratória em vários contextos clínicos. Precisar o grau que essas medidas se correlacionam e concordam traz confiança na sua utilização. Objetivo: O objetivo deste estudo foi avaliar a confiabilidade dos testes SNIP e R-SNIFF em homens e mulheres adultos jovens. Métodos: Este estudo transversal foi desenvolvido com voluntários saudáveis entre 18 e 29 anos de idade. Cada voluntário realizou 20 testes SNIP e R-SNIFF com intervalo de 30 segundos entre as manobras para descanso. A interface utilizada foi uma máscara facial de borda inflável com fixador cefálico. Para a confiabilidade das medidas foi utilizado o coeficiente de correlação interclasse (CCI), erro padrão de mensuração (EPM) e mínima mudança detectável (MMD) entre a medida mais alta e a primeira manobra reprodutível de homens e mulheres. Resultados: A amostra deste estudo foi composta por 32 sujeitos, com distribuição paritária em 16 homens e 16 mulheres. O CCI e seu intervalo de confiança (IC) da amostra para SNIP foi 0,994 (0,988-0,997), EPM 1,820 e MMD 5,043 e para R-SNIFF foi 0,950 (0,897-0,976), EPM 6,03 e MMD 16,716. O SNIP para homens apresentou CCI 0,992 (0,977-0,997), EPM 2,07 e MMD 5,74, e R-SNIFF 0,877 (0,648-0,957), EPM 7,66 e MMD 21,23. O SNIP para mulheres apresentou CCI 0,992 (0,977-0,997), EPM 1,15 e MMD 3,19 e R-SNIFF 0,957 (0,878-0,985), EPM 6,11 e MMD 16,95. Outrossim, 75% dos indivíduos obtiveram a medida de SNIP mais alta e a primeira reprodutível entra a 11ª e 20ª manobras. Para R-SNIFF, eles valores são, respectivamente, 65,6% e 62,5%. Conclusão: Os resultados mostram que SNIP e R-SNIFF apresentaram excelente confiabilidade entre todos os sujeitos. A confiabilidade entre os homens para R-SNIFF foi considerada boa, e excelente em ambos os testes entre as mulheres. Ademais, as mulheres atingiram pico de pressão mais rápido que os homens durante SNIP e R-SNIFF.

 


MEMBROS DA BANCA:
Externa ao Programa - 2212172 - CATHARINNE ANGELICA CARVALHO DE FARIAS
Presidente - 1545315 - GUILHERME AUGUSTO DE FREITAS FREGONEZI
Externa à Instituição - JESSICA DANIELLE MEDEIROS DA FONSECA
Notícia cadastrada em: 04/06/2021 09:44
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa23-producao.info.ufrn.br.sigaa23-producao