Banca de QUALIFICAÇÃO: OZANA DE FATIMA COSTA BRITO

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : OZANA DE FATIMA COSTA BRITO
DATA : 05/04/2021
HORA: 09:00
LOCAL: Vídeo Conferência
TÍTULO:

Os efeitos do isolamento social na funcionalidade de pacientes com Esclerose Lateral Amiotrófica durante a pandemia de COVID-19 no Brasil.


PALAVRAS-CHAVES:

Esclerose Lateral Amiotrófica, telemedicina e COVID-19


PÁGINAS: 20
RESUMO:

A Esclerose Lateral Amiotrófica (ELA) é uma doença neuromuscular (DNM), marcada pela degeneração do neurônio motor superior e do neurônio motor inferior. Essa degeneração ocasiona déficits motores progressivos que pioram dentro de semanas ou meses. Devido ao comprometimento respiratório existentes, os indivíduos com ELA passaram a ser uma população que necessitou de cuidados especiais durante a pandemia de COVID-19 nos anos de 2020 e 2021.A principal forma de prevenção durante esse período foi isolamento social, que resultou na ausência de atendimentos presenciais para pessoas com ELA e por consequência o maior uso de estratégias de telemedicina para o monitoramento desses indivíduos. O presente estudo tem como objetivo investigar, por meio de instrumentos de telemedicina, como o isolamento social afetou a funcionalidade e a evolução respiratória de pacientes com ELA durante a pandemia de COVID-19 no Brasil. Este é um estudo do tipo longitudinal que será realizado entre o mês de Abril de 2020 e Abril de 2021, a amostra foi composta por pacientes, de ambos os sexos, acompanhados por uma equipe multidisciplinar do Hospital Universitário Onofre Lopes (HUOL) com o diagnóstico médico de ELA de acordo com os critérios da El Escorial World Federation of Neurology, que possuíam algum meio de acesso à internet e que aceitassem participar da pesquisa. O monitoramento foi realizado por meio das plataformas Google Meet, Sistema de Telesaúde da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) ou por chamada de vídeo via Whatsapp, a plataforma era escolhida de acordo com a preferência do indivíduo. Durante o monitoramento foi realizada uma avaliação por meio de uma ficha de avaliação clínica que contava com perguntas sobre o quadro respiratório, sinais e sintomas de hipoventilação noturna bem como sobre aspectos relacionados ao uso da Ventilação Não Invasiva (VNI). Foi também aplicado o questionário sobre funcionalidade als Functional Rating Scale-Revised (ALSFRS-R / BR) e os indivíduos recebiam orientação de prevenção contra o COVID-19 e/ou outras orientações de acordo com o quadro clínico. A análise estatística foi realizada por meio do software Statistical Package for Social Sciences 2.0, inicialmente foi realizada uma estatística descritiva dos dados obtidos até agora.   Até o presente momento foram realizadas 49 avaliações de 18 indivíduos (14 homens), onde 38,9% tinham VNI prescrita com uma média na pontuação da ALSFRS-R / BR de 28,5 pontos e domínio respiratório da mesma escala teve uma média de 9 pontos.


MEMBROS DA BANCA:
Externa ao Programa - 009.766.534-78 - LUCIANA PROTASIO DE MELO - FATERN
Interna - 2319151 - TATIANA SOUZA RIBEIRO
Presidente - 5566309 - VANESSA REGIANE RESQUETI FREGONEZI
Notícia cadastrada em: 01/03/2021 12:17
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa16-producao.info.ufrn.br.sigaa16-producao