Banca de QUALIFICAÇÃO: JOSHUA MICHAEL MARTIN

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : JOSHUA MICHAEL MARTIN
DATA : 07/03/2017
HORA: 10:30
LOCAL: Sala de Aula da Psicobiologia
TÍTULO:

Análise de Grafos Aplicada aos Sonhos do Sono REM e não-REM


PALAVRAS-CHAVES:

Análise de grafos; sonho; relatos de sonho; sono não-REM; sono REM.


PÁGINAS: 31
RESUMO:

Embora existam muitas investigações, ainda não são claras as diferenças entre os sonhos documentados depois do sono de movimentos oculares rápidos (REM) e depois do sono não REM (NREM). Uma forma de explorar essas potenciais disparidades é por meio da investigação das diferenças linguísticas presentes nos relatos de sonhos durante as fases respectivas do REM e NREM. Um método promissor que ainda não foi aplicado a esse respeito é a análise de atributos de grafos da fala (SGA). Essa técnica pode distinguir entre relatos verbais de esquizofrênicos e controles e é particularmente eficaz em detectar a psicose quando analisa relatos de sonho. O presente trabalho tem como objetivo investigar as diferenças estruturais possíveis dos relatos de sonho obtidos a partir dos estágios principais do sono. Para fazer isso, 22 sujeitos dormiram em um laboratório e foram despertados durante N2, N3 e REM. Quando acordavam, relatavam qualquer contéudo do sonho (se era presente) e depois preenchiam um questionário com escalas subjetivas relacionadas com o sonho. A amostra final constituiu 161 relatos de sonho (N2 – 82, N3 – 33, REM – 46). Os resultados iniciais indicam que os grafos do REM são maiores e mais conectados do que os do N3. Eles também sugerem que os grafos do N2 representam uma forma intermediária entre REM e N3 – menores e menos conectados que grafos do REM, mas maiores e mais conectados do que os do N3. Uma análise de correlação demonstrou uma relação significativa entre SGA e avaliações subjetivas de intensidade de sonho, memória do sonho, percepção auditiva e intensidade da emoção. Ao todo, esses resultados indicam um relacionamento complexo entre as estruturas dos relatos de sonho e a fase em que eles foram obtidos. Análises futuras incorporando medidas de sono mais precisas, bem como técnicas complementares baseadas na semântica de textos podem fornecer um retrato mais completo dos achados atuais.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1660044 - SIDARTA TOLLENDAL GOMES RIBEIRO
Interno - 2998660 - MARIO ANDRE LEOCADIO MIGUEL
Notícia cadastrada em: 03/03/2017 16:54
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - (84) 3342 2210 | Copyright © 2006-2024 - UFRN - sigaa11-producao.info.ufrn.br.sigaa11-producao