Banca de DEFESA: MARIANA BORGES LOPES

Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : MARIANA BORGES LOPES
DATA : 30/03/2020
HORA: 09:00
LOCAL: Centro de Estudos da MEJC
TÍTULO:

MODULAÇÃO DA EXPRESSÃO DE RNAms ATRAVÉS DO USO DE MIMETIZADORES DE miRNA: TERAPIA GÊNICA APLICADA À CARDIOMIOPATIA DIABÉTICA


PALAVRAS-CHAVES:

Diabetes mellitus; linhagem celular H9c2; modelo animal, mimetizador de miRNA; Pla2g2a; miR-214; Biomarcadores; terapia gênica.


PÁGINAS: 148
RESUMO:

A cardiomiopatia diabética (CMD) é uma complicação crônica do diabetes, com alta mortalidade e morbidade. Inicialmente, o presente estudo buscou in silico, RNAms e miRNAs envolvidos no desenvolvimento da CMD e validá-los in vitro e in vivo. Além disso, objetivou elucidar o papel do gene Pla2g2a e do rno-miR-214-3p na inflamação causada pela hiperglicemia, propondo um tratamento alternativo da CMD através de terapia gênica por mimetizadores de miRNA. O estudo in silico utilizou bancos de dados de microarray do Gene Expression Omnibus (GSE4745 e GSE44179), ferramentas do Ingenuity Pathway Analysis e banco de dados de miRNAs do TargetScan que possibilitaram integrar RNAms, miRNAs e a CMD. No estudo in vitro, cultura da linhagem de mioblastos H9c2 foram mantidas em meios normoglicêmico (NG, 5,5 mmol/L de glicose) e hiperglicêmico (HG, 25 mmol/L de glicose), após, foi realizada extração de RNA total das células para a análise da expressão gênica (miRNAs e RNAms) por PCR em tempo real (RTqPCR). No modelo in vivo, ratos Wistar tiveram o diabetes induzido farmacologicamente por estreptozotocina (40 mg/kg, i.v.; n=7) e foram comparados ao grupo controle (tampão citrato, n=7), após 30 dias da indução os animais foram eutanasiados e dos seus ventrículos esquerdos (VE) foi extraído RNA total e proteínas para a análise da expressão gênica (RNAms e miRNAs) por RTqPCR e Western Blotting, respectivamente. A expressão de Pla2g2a estava aumentada nos bancos de dados de microarray disponíveis online¸ na cultura de H9c2 em condições hiperglicêmicas (3 vezes aumentado, p=0,043) e no VE de ratos diabéticos (3 vezes aumentado, p= 0,004). O rno-miR-214-3p apresentou-se reduzido tanto nos bancos de dados quanto nas análises de expressão in vitro (p=0,043) e in vivo (p=0,025). Já a expressão das proteínas sPLA2IIA e IL-6 apresentaram aumento (p = 0,011, ambas proteínas) no VE dos ratos diabéticos. In vitro, foi realizada a transfecção do mimetizador do rno-miR-214-3p a 50nM por 24 horas aumentando em 6000 vezes a sua expressão, resultados de RTqPCR da expressão de Pla2g2a e Il6 mostraram tendência à diminuição (com valor de p>0,05). Esse estudo demonstra que análises in silico podem auxiliar na busca por biomarcadores de doenças. Bem como, mostra que o usar mimetizador do rno-miR-214-3p pode ser uma técnica inovadora no controle pós transcricional da Pla2g2a e sPLA2-IIA, modulando a expressão da Il6, reduzindo os efeitos da CMD.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - ALVARO DANILO CERDA MAUREIRA - UFRO
Externa à Instituição - ALICE CRISTINA RODRIGUES - USP
Presidente - 2087759 - ANDRE DUCATI LUCHESSI
Interno - 2275890 - MARCELO DE SOUSA DA SILVA
Interno - 1544647 - MATHEUS DE FREITAS FERNANDES PEDROSA
Notícia cadastrada em: 16/03/2020 15:12
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2020 - UFRN - sigaa07-producao.info.ufrn.br.sigaa07-producao