Banca de DEFESA: MARIA DA CONCEICAO ALVES FERREIRA

Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: MARIA DA CONCEICAO ALVES FERREIRA
DATA: 29/09/2011
HORA: 08:30
LOCAL: SALA DE MULTIMEIOS/NEPSA/CCSA/UFRN
TÍTULO:

SABERES PEDAGÓGICOS/COMUNICACIONAIS, PESQUISA/FORMAÇÃO: REFLEXÕES SOBRE AS EXPERIÊNCIAS FORMATIVAS DAS PROFESSORAS ONLINE


PALAVRAS-CHAVES:

Saberes pedagógicos/comunicacionais. Experiências formativas. Docência online. Educação online. Pesquisa-formação.


PÁGINAS: 263
GRANDE ÁREA: Ciências Humanas
ÁREA: Educação
RESUMO:

 

A presente tese, intitulada ―Saberes pedagógicos/comunicacionais, pesquisa/formação: reflexões sobre as experiências formativas das professoras online‖, desenvolveu reflexões sobre os saberes pedagógicos/comunicacionais, a pesquisa/formação e as experiências formativas das professoras online, objetivando compreender como os saberes pedagógicos/comunicacionais são instituintes/instituídos a partir das experiências formativas dessas professoras. Para isso, partiu-se da seguinte questão: como os saberes pedagógicos/comunicacionais estão sendo instituídos/instituintes a partir das experiências formativas das professoras online? A abordagem metodológica de pesquisa escolhida foi a pesquisa/formação, alicerçada na Etnopesquisa Crítica/formação. Esta se constituiu como itinerário fecundo de reflexões sobre os saberes pedagógico-comunicacionais e experiências formativas, contribuindo para a formação e autoformação do professor/pesquisador e das professoras online. Proporcionou momentos de formação, de reflexão-na-ação e sobre-a-ação, potencializou/estruturou o processo de compreender, analisar, interpretar e refletir sobre as experiências formativas e de contribuir para as reflexões acerca dos saberes pedagógicos/comunicacionais das professoras online. O referencial teórico dialogado foi baseado em conceitos como: educação online, interatividade Silva (2002), Santos (2005), Moran (2003), docência Veiga (2005), Pimenta (2002), Freire (2005), Tardif (2002), docência online Sacramento (2006), saberes docentes Tardif (2002), Charlot (2000), Porlán (1997), García (1992), Freire (2005), Etnopesquisa-formação Macedo (2000) e formação Macedo (2010), Josso (2010). Os achados revelam que os saberes pedagógicos/comunicacionais foram instituintes/instituídos a partir das experiências formativas das professoras online, da emergência de um coletivo comunicativo/dialógico, estruturante e potencializado pelas experiências do contexto online, da organização didática pedagógica/comunicacional online, da pesquisa, da relação constituída com o saber e dos saberes apresentados pelo itinerário familiar, escolar, acadêmico e profissional. Com isso, é possível dizer que esses saberes e as experiências são plurais, fractais, pois são partes que se relacionam com outras partes, que reúnem, num todo, o singular e o plural, o local e o global, o texto e o contexto, agregando princípios para a perspectiva pedagógica comunicacional online que articularam: a pesquisa, o diálogo, a interatividade, a hipertextualidade, a multivocalidade, os dispositivos formativos, as experiências formativas como possibilidades para a pesquisa e para formação de professores/as que tenham como ponto de partida e de chegada o pedagógico e a experiência.
Palavras-chave: Saberes pedagógicos/comunicacionais. Experiências formativas. Docência online. Educação online. Pesquisa-formação.

A presente tese, intitulada ―Saberes pedagógicos/comunicacionais, pesquisa/formação: reflexões sobre as experiências formativas das professoras online‖, desenvolveu reflexões sobre os saberes pedagógicos/comunicacionais, a pesquisa/formação e as experiências formativas das professoras online, objetivando compreender como os saberes pedagógicos/comunicacionais são instituintes/instituídos a partir das experiências formativas dessas professoras. Para isso, partiu-se da seguinte questão: como os saberes pedagógicos/comunicacionais estão sendo instituídos/instituintes a partir das experiências formativas das professoras online? A abordagem metodológica de pesquisa escolhida foi a pesquisa/formação, alicerçada na Etnopesquisa Crítica/formação. Esta se constituiu como itinerário fecundo de reflexões sobre os saberes pedagógico-comunicacionais e experiências formativas, contribuindo para a formação e autoformação do professor/pesquisador e das professoras online. Proporcionou momentos de formação, de reflexão-na-ação e sobre-a-ação, potencializou/estruturou o processo de compreender, analisar, interpretar e refletir sobre as experiências formativas e de contribuir para as reflexões acerca dos saberes pedagógicos/comunicacionais das professoras online. O referencial teórico dialogado foi baseado em conceitos como: educação online, interatividade Silva (2002), Santos (2005), Moran (2003), docência Veiga (2005), Pimenta (2002), Freire (2005), Tardif (2002), docência online Sacramento (2006), saberes docentes Tardif (2002), Charlot (2000), Porlán (1997), García (1992), Freire (2005), Etnopesquisa-formação Macedo (2000) e formação Macedo (2010), Josso (2010). Os achados revelam que os saberes pedagógicos/comunicacionais foram instituintes/instituídos a partir das experiências formativas das professoras online, da emergência de um coletivo comunicativo/dialógico, estruturante e potencializado pelas experiências do contexto online, da organização didática pedagógica/comunicacional online, da pesquisa, da relação constituída com o saber e dos saberes apresentados pelo itinerário familiar, escolar, acadêmico e profissional. Com isso, é possível dizer que esses saberes e as experiências são plurais, fractais, pois são partes que se relacionam com outras partes, que reúnem, num todo, o singular e o plural, o local e o global, o texto e o contexto, agregando princípios para a perspectiva pedagógica comunicacional online que articularam: a pesquisa, o diálogo, a interatividade, a hipertextualidade, a multivocalidade, os dispositivos formativos, as experiências formativas como possibilidades para a pesquisa e para formação de professores/as que tenham como ponto de partida e de chegada o pedagógico e a experiência.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 2179219 - MARIA DAS GRACAS PINTO COELHO
Interno - 926826 - ADIR LUIZ FERREIRA
Interno - 4197701 - ERIKA DOS REIS GUSMAO ANDRADE
Externo à Instituição - ROBERTO SIDNEI ALVES MACEDO - UNEB
Notícia cadastrada em: 15/09/2011 15:48
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - (84) 3342 2210 | Copyright © 2006-2024 - UFRN - sigaa08-producao.info.ufrn.br.sigaa08-producao