Banca de DEFESA: CAMILA RODRIGUES DOS SANTOS

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : CAMILA RODRIGUES DOS SANTOS
DATA : 21/02/2017
HORA: 09:00
LOCAL: Multimeios I – Centro de Educação
TÍTULO:

AS REPRESENTAÇÕES SOCIAIS E PACTO NACIONAL PELA ALFABETIZAÇÃO NA IDADE CERTA – PNAIC: O OLHAR DOS(AS) PROFESSORES(AS) ALFABETIZADORES(AS) DO MUNICÍPIO DE NATAL


PALAVRAS-CHAVES:

Formação docente. Representações Sociais. PNAIC. Profissionalização docente.


PÁGINAS: 251
RESUMO:

A formação docente tem sido marcada por avanços, retrocessos e mudanças, em que propostas curriculares para formação inicial tem se mostrado, muitas vezes, insuficientes, evidenciando a necessidade de formação continuada. Assim, surgem políticas públicas propostas pelo Ministério da Educação, pelas Secretarias de Educação ou ainda formações em serviço, propostas pelas próprias instituições de ensino, com vistas ao atendimento às demandas formativas identificadas pelo corpo docente. Para realizar essa discussão de forma qualificada, utilizamos autores como Cambi (1999), Saviani (1991; 2000; 2009; 2011), Freire (1991; 2000), Libâneo e Pimenta (1997; 1999), Vicentini e Lugli (2009), Imbernón (2009), Dourado (2015), entre outros. Nossa pesquisa tem como objeto a formação continuada do PNAIC (Plano Nacional pela Alfabetização na Idade Certa). Como objetivo, propomos analisar a representação social dos professores participantes do PNAIC acerca dessa formação. Ou seja, o universo será constituído pelos alfabetizadores dos anos iniciais do Ensino Fundamental do município de Natal. As representações sociais, que tem como precursor Moscovici, revelam os sentidos atribuídos ao fazer docente enraizado no sistema do pensamento. Nessa direção, realizamos uma investigação que envolveu procedimentos teórico-metodológicos de caráter qualitativo e quantitativo, dentre os quais estão, na dimensão teórica: a revisão bibliográfica, o estado da arte, de acordo com nossa temática e a pesquisa documental; na dimensão empírica, utilizamos, na coleta de dados, a TALP – Técnica de Associação Livre de Palavras, o questionário socioeconômico, a observação in loco e fontes secundárias para caracterização do universo da pesquisa. Para o tratamento e análise dos dados, utilizamos os softwares Excel e EVOC – Ensemble des Programmes Permetant 1' Analyse des Evocations (2000), posteriormente, a análise de conteúdo de Bardin (2011), a partir da categorização temática. Essa combinação de técnicas permitiu verificar as possíveis representações sociais da formação ofertada pelo PNAIC, em determinado momento, e por um grupo específico. Estes resultados podem contribuir para um olhar mais amplo sobre essa representação, em que os conhecimentos – construídos em uma proposta de troca de experiências, em uma relação teórico-prática – são importantes e necessários, tanto para reflexão sobre o fazer docente, quanto para o desenvolvimento de aprendizagens. Destacamos a relevância desta pesquisa frente a abrangência do programa e da necessidade de pesquisas que estejam em consonância com as demandas formativas dos docentes da rede básica de ensino.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - ANDREZZA MARIA BATISTA DO NASCIMENTO TAVARES - IFRN
Interno - 6347805 - DENISE MARIA DE CARVALHO LOPES
Presidente - 3465197 - ELDA SILVA DO NASCIMENTO MELO
Externo à Instituição - JOSE MATEUS DO NASCIMENTO - IFRN
Externo ao Programa - 2453560 - MARIA CRISTINA LEANDRO DE PAIVA
Notícia cadastrada em: 20/02/2017 17:08
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - (84) 3342 2210 | Copyright © 2006-2024 - UFRN - sigaa13-producao.info.ufrn.br.sigaa13-producao