Banca de DEFESA: HELLEN DE LIMA SILVA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : HELLEN DE LIMA SILVA
DATA : 28/07/2016
HORA: 14:00
LOCAL: Multimeios I - Centro de Educação
TÍTULO:

A FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES DO ENSINO FUNDAMENTAL: o PAR na rede municipal de ensino de São José do Campestre (2007-2011)


PALAVRAS-CHAVES:

Federalismo. Plano de ações articuladas. Formação continuada de professores.


PÁGINAS: 155
RESUMO:

Este trabalho busca discorrer sobre a formação continuada de professores do ensino fundamental no âmbito do Plano de Ações Articuladas (2007-2011) no município de São José do Campestre-RN. Discute a organização estatal federalista brasileira que propiciou a inserção do município como ente da federação, o que implica a necessidade em estabelecer um regime de colaboração intergovernamental, com consequências para o reordenamento das políticas educacionais. A pesquisa que resultou, nesta dissertação de mestrado, se insere no Observatório da Educação - Obeduc/Capes, em um projeto intitulado “Avaliação do Plano de Ações Articuladas –
PAR: um estudo em municípios do Rio Grande do Norte, Pará e Minas Gerais (2007- 2011) ”. Para a nossa pesquisa, foram consideradas as seguintes questões: Como se configuraram as relações entre as instâncias governamentais na implementação do PAR, no Município de São José do Campestre/RN? A formação continuada de professores do ensino fundamental, desenvolvida por meio do PAR (2007-2011), na Rede Municipal de Ensino de São José do Campestre, correspondia às necessidades almejadas pelos professores para a melhoria da prática docente? Tem-se, portanto, como objetivo analisar aspectos da formação continuada de professores do ensino fundamental implementada na vigência do PAR (2007-2011) do município de São José do Campestre/RN. Esta investigação se inscreve na abordagem qualitativa, expressando um olhar sobre a relação entre a quantidade e qualidade, buscando informações, dados, indícios, para a pesquisa. Houve a preocupação em trabalhar na perspectiva do materialismo histórico dialético, uma vez que as contradições e a totalidade permitem compreender aspectos significativos para o entendimento da realidade sócio-histórica estudada. Utilizam-se alguns aspectos da metodologia da entrevista compreensiva, tendo em vista que se partiu das entrevistas em conjunto com as teorias estudadas, para a análise da problemática, bem como, procedeu-se à análise bibliográfica e documental. O campo empírico do estudo se dará, portanto, no município de São José do
Campestre/RN, no âmbito da Secretaria Municipal de Educação. Foram entrevistados três componentes do Comitê Local de São José do Campestre/RN e uma técnica do MEC que auxiliou na elaboração do PAR em municípios do Rio Grande do Norte. O estudo constatou que o PAR constitui-se em um instrumento gerencial que tem por finalidade responsabilizar os gestores locais pelo processo educacional, sem efetivar a participação igualitária das instâncias governamentais na elaboração e implementação das ações geradas. No que concerne ao município de São José do Campestre, município de pequeno porte, sem prática de planejamento de suas ações, cujos profissionais ainda não construíram sua autonomia, o PAR pode proporcionar mudanças significativas nas relações educacionais, em especial, no que se refere à formação continuada de professores, despertando os profissionais para a importância do estudo coletivo e para a elaboração de um plano de formação continuada dos professores. Do conjunto de ações de formação continuada solicitada pelo município apenas uma ação, referente ao curso de aperfeiçoamento em Língua Portuguesa e Matemática, foi implementada, demonstrando que as necessidades de formação docente da rede podem ter sido influenciadas pelas avaliações externas às escolas.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 2346663 - ALDA MARIA DUARTE ARAUJO CASTRO
Externo à Instituição - JOSE MATEUS DO NASCIMENTO - IFRN
Presidente - 1646204 - LUCIANE TERRA DOS SANTOS GARCIA
Interno - 019.991.844-91 - MARIA APARECIDA DE QUEIROZ - UFRN
Externo à Instituição - ODETE DA CRUZ MENDES - UFPA
Notícia cadastrada em: 13/07/2016 16:47
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - (84) 3342 2210 | Copyright © 2006-2024 - UFRN - sigaa08-producao.info.ufrn.br.sigaa08-producao