Banca de QUALIFICAÇÃO: THIARA OLIVEIRA RABELO

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : THIARA OLIVEIRA RABELO
DATA : 24/03/2017
HORA: 14:00
LOCAL: Miniauditório da Biblioteca Central (BCZM)
TÍTULO:

Geodiversidade em ambientes costeiros: discussões e aplicações no setor sudeste da Ilha do Maranhão


PALAVRAS-CHAVES:

Geodiversidade; Ambiente costeiro; Ilha do Maranhão


PÁGINAS: 91
RESUMO:

A Geodiversidade corresponde a variedade de ambientes geológicos, fenômenos e processos ativos geradores de paisagens, rochas, minerais, fósseis e outros depósitos superficiais que constituem a base para a vida na Terra. A integração dos componentes bióticos e abióticos ainda é pouco desenvolvida, tanto no meio científico quanto no nível de gestão do território. Isto acontece, principalmente, pela falta de atenção aos elementos abióticos como recursos naturais finitos devido ao seu processo deterioração a médio ou longo prazo. É no cenário de proteção ambiental que evidenciamos a Geodiversidade em ambientes costeiros, que se constituem como áreas frágeis e de intensa dinâmica, visto que estão em situações de transição entre o continente e o mar. Neste contexto, destaca-se nesta pesquisa o ambiente costeiro do setor sudeste da Ilha do Maranhão, que atualmente é considerado como uma das áreas de expansão urbana da Ilha e possui poucos estudos voltados para sua dinâmica geoambiental, que é composta por uma dinâmica diferenciada em relação ao litoral ocidental da Ilha do Maranhão. É daí que parte a inquietação deste estudo, que busca avaliar como a Geografia pode contribuir para conservação da Geodiversidade, a partir da avaliação do potencial dos recursos abióticos do ambiente costeiro sudeste da Ilha do Maranhão, no Estado do Maranhão gerando informações que venham a contribuir para estudos posteriores desta área. Com base na abordagem geossistêmica, os resultados parciais desta pesquisa trazem com base na identificação feita da Geodiversidade da área, características relacionadas a geologia, geomorfologia, pedologia e hidrografia, sendo algumas destas informações identificadas neste setor a partir deste estudo. A compreensão da Geodiversidade local, a partir de sua caracterização e compreensão de interações e processos relacionados aos principais tipos de usos pelas comunidades locais, possibilitou a divisão de unidades homogêneas de Geodiversidade, tendo como elemento principal para sua classificação a Geomorfologia, considerado atributo de maior destaque na área em relação aos demais recursos abióticos. A partir destas inferências foram elencados treze pontos de interesses relacionados a Geodiversidade, que se serão detalhados com mais ênfase nas próximas etapas desta pesquisa e que se configuram como locais que necessitam de maior atenção quanto a conservação ou que possuem potencial paisagístico para o desenvolvimento do Geoturismo na área, que pode ser considerado uma ferramenta de Geoconservação do ambiente costeiro do setor sudeste da Ilha do Maranhão.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 2966354 - DIOGENES FELIX DA SILVA COSTA
Externo ao Programa - 1549838 - MARCELO DOS SANTOS CHAVES
Externo ao Programa - 1513243 - MARCOS ANTONIO LEITE DO NASCIMENTO
Presidente - 2177287 - ZULEIDE MARIA CARVALHO LIMA
Notícia cadastrada em: 14/03/2017 16:22
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2020 - UFRN - sigaa03-producao.info.ufrn.br.sigaa03-producao