Banca de DEFESA: FLAVIA ROBERTA MONTEIRO DE SOUZA

Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : FLAVIA ROBERTA MONTEIRO DE SOUZA
DATA : 23/08/2022
HORA: 08:00
LOCAL: on line
TÍTULO:

P

POLISSACARIDEOS SULFATADOS DE Gracilaria birdiae, EXTRATO DE FOLHAS de Baccharis trimera E BLENDS CONSTITUÍDOS POR ESSES AGENTES:  AVALIAÇÃO DA ATIVIDADE ANTIOXIDANTE E DA CAPACIDADE DE INIBIR O ACÚMULO DE LIPÍDIOS

 


PALAVRAS-CHAVES:

Carqueja, Asteraceae; phenolic compounds; obesity; antioxidant; Caenorhabditis elegans


PÁGINAS: 180
RESUMO:

 

A obesidade, caracterizada pelo excesso de gordura corporal, é uma doença de caráter inflamatório. Vários fatores observados em pacientes obesos, incluindo a inflamação crônica, podem induzir o estresse oxidativo nesses indivíduos. Dentro desse contexto, antioxidantes de origem natural são apontados como agentes promissores a serem incorporados no tratamento da obesidade. A alga vermelha comestível Gracilaria birdiae sintetiza polissacarídeos sulfatados antioxidantes. A planta Baccharis trimera é utilizada na medicina popular para o tratamento da obesidade. Dessa forma, o presente estudo buscou avaliar as atividades antioxidante e inibidora do acúmulo de lipídios de polissacarídeos sulfatados da alga vermelha G. birdiae (GB) e extrato das folhas de B. trimera (BT), bem como verificar se os blends elaborados a partir desses produtos podem otimizar tais atividades biológicas in vitro e in vivo. GB foi obtido por proteólise da alga. BT foi obtido por decocção. GB apresentou capacidade antioxidante in vitro em cinco ensaios realizados. GB não foi citotóxico e inibiu a diferenciação de pré-adipócitos (3T3-L1), bem como, diminuiu o acúmulo de lipídeos nessas células. Em estudos com Caenorhabditis elegans, GB reduziu os níveis de espécies reativas de oxigênio (ERO) e aumentou a longevidade dos animais em condições de estresse. Além disso, diminui o teor de triglicerídeos e outros lipídeos nos vermes com dietas ricas ou não em glicose. Análise fitoquímica de BT mostrou rutina, apigenina e ácido 5-cafeoilquínico, como os principais componentes de BT. Testes mostraram que BT não é toxico para fibroblatos 3T3, nem para o C. elegans.  BT reduziu o acúmulo de lipídios nos vermes submetidos a dietas ricas ou não em glicose. Além disso, com o uso de RNA de interferência (RNAi), observou-se que BT depende do fator de transcrição NHR-49 para exercer seu efeito antiobesidade nos vermes. Por meio da formulação de blends, foram obtidos compostos com diferentes concentrações de GB e BT. Na maioria dos testes antioxidantes in vitro, os blends GB:BT (50:50%) denominado de BTGB50-BT50 e GB:BT (75:25%) (GB25-BT75) foram mais potentes do que GB e BT. A produção de ERO em C. elegans foi reduzida principalmente com GB50-BT50 e GB25-BT75 (5 mg/mL), o que aumentou a longevidade dos vermes. Os animais que apresentaram redução mais significativa na inibição de gordura foram os tratados com BT e com GB25-BT75. Especificamente aos triglicerídeos, a maior redução observada foi com os animais tratados com blend GB25-BT75, tanto em dieta rica em glicose como não. Também foram realizados ensaios de quantificação de ERO nos animais knockdown para os fatores de transcrição SKN-1 e DAF-16 com uso de RNAi e ensaio de sobrevivência em condições de estresse oxidativo em animais mutantes skn-1(zu67). Ainda com uso de RNAi, foram avaliados os mecanismos envolvidos no acúmulo de lipídios para os fatores de transcrição TUB-1 e NHR-49. Os resultados mostraram que os efeitos proporcionados pelo tratamento com os blends na redução do estresse oxidativo foram dependentes do fator de transcrição SKN-1. Em relação a inibição do acúmulo de lipídeos, o principal fator de transcrição envolvido foi NHR-49. Em vista dos resultados apresentados, comprovou-se a potencial atividade antioxidante e inibidora do acúmulo de lipídios de GB e BT, isoladamente, e a potencialidade da ação terapêutica destes componentes quando combinados entre si na forma de blends.

.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - ALEXANDRE COELHO SERQUIZ - UNI-RN
Externo ao Programa - 1221519 - DÁRLIO INÁCIO ALVES TEIXEIRA - nullExterna à Instituição - HERYKA MYRNA MAIA RAMALHO - UnP
Interno - 2195251 - HUGO ALEXANDRE DE OLIVEIRA ROCHA
Interno - 2962496 - RAFAEL BARROS GOMES DA CAMARA
Notícia cadastrada em: 11/08/2022 16:05
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2022 - UFRN - sigaa22-producao.info.ufrn.br.sigaa22-producao