Banca de DEFESA: FRANCISCO LEONARDO DA SILVA JÚNIOR

Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : FRANCISCO LEONARDO DA SILVA JÚNIOR
DATA : 20/08/2022
HORA: 08:30
LOCAL: DEPARTAMENTO DE ODONTOLOGIA - AUDITÓRIO
TÍTULO:

AVALIAÇÃO DA UTILIZAÇÃO DO PROBIÓTICO LACTOBACILUS CASEI ADJUNTO A TERAPIA PERIODONTAL EM MODELO EXPERIMENTAL DE PERIODONTITE : UMA RELAÇÃO ENTRE PERIODONTO E INTESTINO


PALAVRAS-CHAVES:

Periodontite; Probióticos; Disbiose Intestinal; Lactobacillus casei


PÁGINAS: 88
RESUMO:

A periodontite é uma condição crônica inflamatória que pode influenciar a microbiota intestinal. O tratamento padrão ouro para a periodontite inclui a raspagem e o alisamento corono-radicular, porém em casos complexos pode-se utilizar terapias adjuvantes, como os probióticos. A utilização deste tratamento adjuvante poderá contribuir para a melhoria da condição periodontal e a simbiose intestinal. O objetivo deste estudo foi avaliar o efeito na inflamação periodontal e intestinal da utilização do Lactobacillus casei (LC) adjunto a raspagem e alisamento corono-radicular (RACR) em camundongos Balb/c com periodontite, induzida por ligadura. Este estudo foi um ensaio pré-clínico, in vivo, randomizado, cego e controlado por placebo, constituído por 40 camundongos Balb/c machos. Os animais foram submetidos a indução da periodontite por colocação de ligadura com fio de seda 4.0 ao redor do segundo molar superior direito. A amostra foi dividida em 4 grupos, cada um com 10 animais: Grupo I: Sem Periodontite e sem RACR; Grupo II: Com Periodondite e sem RACR; Grupo III: Com Periodontite e com RACR ; Grupo IV: Com Periodontite e  com RACR + administração de LC, por gavagem, durante 30 dias. Foram realizadas análises  de citocinas pelo método ELISA no tecido gengival ( IL-6), intestinal ( IL-1β, IL-6 e IL-10) e sanguíneo (IL-1β e  IL-6),  o sangue também foi submetido a análises  bioquímicas (TGO, TGP, ureia e creatinina) e contagem diferencial de leucócitos. Foram coletados fragmentos do intestino grosso desses animais e analisados quanto a biomarcadores do estresse oxidativo (SOD, GSH e MDA), atividade da acetilcolinesterase (AChE) e foram realizadas contagem da população de Bactérias Produtoras de Ácido Láctico das fezes dos animais. A utilização do LC adjunto a RACR resultou em uma redução na expressão da IL-6 no tecido gengival de camundogos com Periodontite (p < 0,05), para as inteleucinas saguineas (IL-1β e  IL-6), não houve diferenças entre os grupos (p > 0,05). Já para as citocinas intestinais hoveu uma redução na expressão de IL-10 (p < 0,05), para os grupos que apresentaram a Periodontite. Com relação ao estresse oxidativo intestinal os animais do Grupo III e IV tiveram uma redução dos níveis de MDA (p < 0,05), para a SOD e o GSH, não houve diferenças significativas entre os 4 grupos pesquisados (p < 0,05). Conclui-se que o uso de LC adjunto a RACR em camungongos com periodontite induzida por ligadura pode reduzir a liberação de IL-6 no tecido gengival. Com relação aos efeitos intestinais foram encontrados dois efeitos: O primeiro relacionado a modulação da resposta  inflamatória, com a redução de MDA, nos animais que receberam o tratamento periodontal. E o segundo relacionado a um efeito pró-inflamatório, com a redução da expressão da IL-10.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 2085732 - ANA RAFAELA LUZ DE AQUINO MARTINS
Interna - 1958729 - RUTHINEIA DIOGENES ALVES UCHOA LINS
Externo ao Programa - 1752956 - EULER MACIEL DANTAS - UFRNExterno à Instituição - FERNANDO JOSE DE OLIVEIRA NOBREGA - UERN
Externa à Instituição - SABRINA GARCIA DE AQUINO - UFPB
Notícia cadastrada em: 10/08/2022 10:59
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2023 - UFRN - sigaa01-producao.info.ufrn.br.sigaa01-producao