Banca de QUALIFICAÇÃO: EVELYNN CRHISTYANN MEDEIROS DUARTE

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : EVELYNN CRHISTYANN MEDEIROS DUARTE
DATA : 29/06/2021
HORA: 14:00
LOCAL: Departamento de Odontologia (através do Meet)
TÍTULO:

FORMULAÇÃO, AVALIAÇÃO DA COMPOSIÇÃO E EFICÁCIA DE CIMENTOS BIOATIVOS ENDODÔNTICOS


PALAVRAS-CHAVES:

Agregado trióxido mineral; Cimento Portland; Composição química; Aplicações clínicas.


PÁGINAS: 70
RESUMO:

Os cimentos bioativos endodônticos apresentam inúmeras aplicações clínicas, devido as suas propriedades biológicas, como por exemplo: a sua bioatividade; biocompatibilidade; capacidade de indução do reparo de lesões periapicais, de apresentar resposta inflamatória ausente ou reduzida, de vedação, de ação antimicrobiana e de permitir a liberação de íons cálcio e a deposição de tecido mineralizado. Por isso, passaram a ser utilizados na prática odontológica, sendo indicados para selar perfurações, preencher cavidades retrógradas, em cirurgias parendodônticas, pulpotomias, apicificação, tampão apical e revitalização pulpar em dentes com rizogênese incompleta, dentre outras. Baseado nesses benefícios, a presente pesquisa objetivou desenvolver e caracterizar cimentos bioativos reparadores endodônticos de baixo custo e efetividade antimicrobiana, com o intuito principal de ser empregado no serviço público de saúde. Para isso, foram preparadas algumas formulações contendo cimentos finos, escória moída e celulose. Esses cimentos teste foram comparados com o MTA reparador da Angelus. Sendo então dividido em quatro grupos: Grupo 1 (cimento fino cinza com escória moída MZVI e celulose); Grupo 2 (cimento branco cinza, escória moída MPW e celulose); Grupo 3 (cimento fino branco e celulose) e Grupo 4 (MTA, Angelus – controle positivo). As amostras de cada grupo foram submetidas às análises de Difração de Raio-X (DRX), Análise Termogravimétrica (TG), Microscopia Eletrônica de Varredura (MEV), Potencial hidrogeniônico (Ph), picnometria, Espectroscopia de Infravermelho com Transformada de Fourier (FTIR) e potencial antibacteriano contra Enterococcus Faecalis através do teste de difusão em ágar. A análise dos dados será realizada através da estatística descritiva. 


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1879551 - FABIO ROBERTO DAMETTO
Externa ao Programa - 1059162 - LETICIA MARIA MENEZES NOBREGA
Externa ao Programa - 6349819 - REJANE ANDRADE DE CARVALHO
Notícia cadastrada em: 17/06/2021 09:16
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2023 - UFRN - sigaa11-producao.info.ufrn.br.sigaa11-producao