Banca de QUALIFICAÇÃO: THÂMARA DAYANE BATISTA ALVES

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : THÂMARA DAYANE BATISTA ALVES
DATA : 30/03/2022
HORA: 14:30
LOCAL: sala virtual
TÍTULO:

AVALIAÇÃO DA ASSOCIAÇÃO ENTRE OS DISPOSITIVOS DE DRENAGEM URBANA CONVENCIONAIS E OS DE BAIXO IMPACTO PARA REDUÇÃO DA VAZÃO DE PICO EM BACIAS URBANAS TROPICAIS.


PALAVRAS-CHAVES:

Drenagem urbana; Chuvas intensas; Mudanças climáticas; LID.


PÁGINAS: 20
RESUMO:

Os sistemas de drenagem urbana convencionais não são construídos para acompanhar a urbanização rápida e descontrolada, tornando-se ineficientes na coleta e descarga do escoamento produzido por eventos de chuvas intensas, fazendo com que ocorram inundações. Além disso, as chuvas intensas provavelmente sofrerão interferências das mudanças climáticas em longo prazo, de modo que existe a necessidade de revisão dos critérios de projeto para sistemas de drenagem urbana de acordo com os cenários climáticos esperados. A fim de mitigar as falhas nos dispositivos de drenagem convencionais e garantir uma maior resiliência da drenagem urbana frente às mudanças climáticas vem-se empregando uma concepção descentralizada de infraestrutura de drenagem urbana: os dispositivos urbanos de baixo impacto (Low Impact Development – LID) como telhados verdes, pavimentos permeáveis, trincheiras de infiltração e micro reservatórios, que objetivam simular o comportamento hidrológico natural da bacia para controlar as vazões de pico no escoamento superficial. Embora os benefícios hidrológicos dos LIDs tenham sido amplamente documentados, os potenciais impactos das mudanças climáticas no desempenho desses dispositivos, permanecem desconhecidos nas modelagens, gerando conclusões parciais e isoladas sobre o comportamento futuro de dispositivos da drenagem urbana. Dessa forma, este trabalho tem como objetivo avaliar a aplicabilidade da associação dos LIDs aos sistemas de drenagem convencionais em mitigar inundações em bacias urbanas tropicais. O estudo será desenvolvido por meio de modelagens hidráulica de uma bacia de drenagem urbana tropical na qual será considerada a inserção de dispositivos de baixo impacto. Serão realizadas simulações de alguns cenários considerando eventos de precipitação sob condições climáticas atuais e futuras, estas considerando as projeções do Intergovernmental Panel on Climate Change (IPCC).


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1222082 - ADA CRISTINA SCUDELARI
Interna - 2190974 - JOANA DARC FREIRE DE MEDEIROS
Externo ao Programa - 350698 - VENERANDO EUSTAQUIO AMARO
Notícia cadastrada em: 22/02/2022 15:50
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - | | Copyright © 2006-2023 - UFRN - sigaa17-producao.info.ufrn.br.sigaa17-producao