Banca de DEFESA: ANDRESSA ADNA CAVALCANTE MORAIS

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : ANDRESSA ADNA CAVALCANTE MORAIS
DATA : 31/07/2020
HORA: 14:00
LOCAL: Sala de videoconferência
TÍTULO:

DEFINIÇÃO DE REGRA DE OPERAÇÃO DE RESERVATÓRIOS COM USO DE PREVISÕES CLIMÁTICAS SAZONAIS


PALAVRAS-CHAVES:

Otimização. Regras de operação. Previsões de precipitação. Escassez hídrica. Regras de racionamento.


PÁGINAS: 43
RESUMO:

As regiões semiáridas são caracterizadas por alta variabilidade temporal e espacial da precipitação, resultando em alta incerteza na sua estimativa.  Este fato provoca um impacto dramático nas decisões adotadas para alocar recursos hídricos a centros de demanda, dificultando a gestão dos recursos hídricos. Soma-se a este fato a ocorrência frequente de seca associada às mudanças climáticas e ao aquecimento global, que tornou a dificuldade de atendimento das demandas hídricas um relevante problema global. A integração da previsão meteorológica no gerenciamento de um sistema hidrológico pode melhorar substancialmente a segurança da operação. Diante disso, esta pesquisa verificou a adequabilidade do uso das previsões de precipitação na definição de uma regra de operação do reservatório Cruzeta, inserido no semiárido brasileiro. Cenários foram desenvolvidos por meio de algoritmo genético (AG) para otimizar as variáveis envolvidas na operação de racionamento com previsão (RP). Esta operação teve seus indicadores de desempenho comparados a outras 4 operações: Política de operação padrão (standard operating policy - SOP), atual regra de racionamento do reservatório Cruzeta (A), racionamento sem previsões (R) e o racionamento com previsão perfeita (RPP). Os resultados mostraram que os 3 cenários com racionamento otimizados em AG (R, RP e RPP) apresentaram resultados intermediários entre o consumismo de SOP e o conservadorismo de A. Seus resultados apresentam propostas de operações de reservatórios razoáveis, que aproveitam ao máximo a disponibilidade hídrica, sem deixar que o reservatório colapse. RP apresentou melhorias no atendimento as demandas com relação a regra R, inclusive nos períodos de falha, aproveitando com mais eficiência o volume de armazenamento. Ainda, quando se compara RP a RPP, percebe-se que a ideia central deste trabalho obteve resultados muito próximos da condição idealizada.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1759777 - ADELENA GONCALVES MAIA
Externo à Instituição - JOSÉ CARLOS DE ARAÚJO
Externo ao Programa - 320597 - PAULO SERGIO LUCIO
Notícia cadastrada em: 16/07/2020 14:41
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2020 - UFRN - sigaa14-producao.info.ufrn.br.sigaa14-producao