PPGEP/CT PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ENGENHARIA DE PRODUÇÃO CENTRO DE TECNOLOGIA Telefone/Ramal: (84) 3342-2255/402 https://posgraduacao.ufrn.br/pep

Banca de QUALIFICAÇÃO: LEONARDO DE OLIVEIRA MEDEIROS

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: LEONARDO DE OLIVEIRA MEDEIROS
DATA: 03/12/2014
HORA: 15:30
LOCAL: Auditório do LAI
TÍTULO:

Abordagem da ergonomia para análise das atividades das equipes de resposta à emergência em lançamentos de veículos aeroespaciais


PALAVRAS-CHAVES:

Ergonomia, segurança, desastre, emergência, simulação, aeroespacial.


PÁGINAS: 102
GRANDE ÁREA: Engenharias
ÁREA: Engenharia de Produção
RESUMO:

O presente projeto de qualificação de mestrado apresenta a proposta de pesquisa que tem como objetivo analisar as atividades das equipes de resposta à emergência e identificar as competências necessárias para essas equipes enfrentarem possíveis situações de crise, durante as operações no Centro de Lançamento da Barreira do Inferno em Parnamirim/RN. A partir dessa análise será possível remodelar o atual treinamento simulado, com o intuito de melhorar o nível de competências da referida equipe, aperfeiçoar o nível de resiliência destas operações e, portanto, o nível de segurança. Esta pesquisa consiste em um estudo de caso descritivo exploratório, de natureza aplicada e caráter qualitativo e será realizada seguindo a abordagem da Ergonomia, adotando­se o método da Análise Ergonômica do Trabalho que proporciona a análise da atividade de trabalho, combinando métodos observacionais e interacionais. A relevância do presente estudo baseia­se em cooperar e contribuir com o atual processo de retomada do Programa Espacial Brasileiro. Para que a pesquisa atinja seu objetivo de analisar a atividade ou o trabalho real da equipe de emergência é necessário que haja o acompanhamento da atividade em situação de emergência, e para tanto, será utilizada a técnica da Simulação para analisar a atividade destas equipes em uma situação mais próxima da realidade através das observações sistemáticas realizadas in loco. Com os dados preliminares já obtidos, é possível identificar fatores de ordem tecnológico, organizacional, de formação de equipe e da própria atividade, que influem diretamente na realização da atividade destas equipes. Espera­se ao final da pesquisa, seja estabelecido um diagnóstico ergonômico que subsidiará um caderno de encargos a fim de que seja implementado um novo modelo de treinamento, a partir da aplicação de cenários postulados, que sejam capazes de simular situações reais de crise para treinar as equipes de resposta à emergência visando gerenciar as possíveis crises decorrentes destas operações.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1217772 - RICARDO JOSE MATOS DE CARVALHO
Externo à Instituição - MARIA CHRISTINE WERBA SALDANHA - UFPB
Externo à Instituição - PAULO VICTOR RODRIGUES DE CARVALHO - MCTI
Notícia cadastrada em: 18/11/2014 17:40
SIGAA | Superintendência de Tecnologia da Informação - (84) 3342 2210 | Copyright © 2006-2023 - UFRN - sigaa11-producao.info.ufrn.br.sigaa11-producao