Banca de QUALIFICAÇÃO: LIVIA CRISTINA SIQUEIRA GARCIA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : LIVIA CRISTINA SIQUEIRA GARCIA
DATA : 25/06/2018
HORA: 09:00
LOCAL: ESCOLA DE SAÚDE - UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE
TÍTULO:

APOIO MATRICIAL EM SAÚDE MENTAL NA ATENÇÃO BÁSICA: ferramenta para o cuidado integral?


PALAVRAS-CHAVES:

Apoio Matricial, Saúde Mental, CAPS, Atenção Básica.


PÁGINAS: 48
RESUMO:

A concepção de Apoio Matricial envolve estratégias de cogestão e de apoio para operar em redes sociais ou em complexos sistemas, admitindo uma concepção ampliada do processo saúde/doença, o diálogo e a constituição relacional de equipes multiprofissionais para o enfretamento de problemas. No campo da saúde mental essa metodologia é considerada estratégica para garantir o princípio da integralidade das ações em saúde, pois visa estabelecer uma melhor articulação entre o Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) e a Atenção Básica (AB). No entanto, observam-se aspectos dessa relação desenvolvida pelo CAPS III leste Natal na AB que necessitam ser investigados, relacionados à integração entre as equipes da atenção básica e apoiadores em efetivamente instituir na dinâmica de trabalho as solicitações do Apoio Matricial para compartilhamento ou discussão de casos. Entende-se que a construção dessa relação é uma tarefa complexa e processual que considero ser potencialmente relevante para o fortalecimento da política de saúde mental do nosso município. Dessa maneira, justifica-se a necessidade de explorar a realidade local, sendo fundamental tanto para qualificar o Apoio quanto para aumentar a capacidade da AB de melhor intervir nos problemas de saúde do seu território, particularmente no âmbito da saúde mental, visando à elaboração futura de ações estratégicas que qualifiquem esses encontros, por meio do estabelecimento de tecnologias (de abordagem, de relação, de intervenção, etc.), que favoreçam o cuidado integral aos usuários e o fortalecimento do Sistema Único de Saúde (SUS). Assim, esse estudo tem o objetivo de analisar o Apoio Matricial em saúde mental do ponto de vista de profissionais da Atenção Básica dos Distritos Sanitários leste e sul do município de Natal/RN. Trata-se de um estudo pertencente ao campo da pesquisa social em saúde, cujo desenho é de natureza descritiva e exploratória de abordagem qualitativa. Os sujeitos serão os profissionais de nível superior, nível médio e Agente Comunitários de Saúde que atuam nas respectivas unidades básicas com o modelo da Estratégia de Saúde da Família.  A opção pela pesquisa nos distritos sanitários sul e leste se deu em virtude de ser o território de abrangência do CAPS III Leste e local de inserção do labor diário da pesquisadora. Para coleta de dados será utilizada entrevista com roteiro semiestruturado e para análise a técnica da análise de conteúdo temático. Para auxiliar no tratamento dos dados textuais será utilizado o software ATLAS/ti. A relevância de estudo sobre a temática do Apoio Matricial revela-se como um tema expressivo para a efetividade do cuidado em saúde mental de base comunitária, por seu potencial caráter transformador das relações de trabalho entre equipes, como estratégia que amplia o trabalho em rede e que favorece o cuidado integral, contínuo e de qualidade para os usuários do SUS. Além de, contribuir para análise das ações do apoio matricial ofertado pelo CAPS que representa um serviço estratégico no arranjo da Reforma Psiquiátrica brasileira, de consolidação dos princípios do SUS.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 2295095 - LYGIA MARIA DE FIGUEIREDO MELO
Interno - 2639848 - MARIZE BARROS DE SOUZA
Externo ao Programa - 572906 - MAURICIO ROBERTO CAMPELO DE MACEDO
Notícia cadastrada em: 06/06/2018 17:04
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2021 - UFRN - sigaa02-producao.info.ufrn.br.sigaa02-producao