Banca de DEFESA: FAISY PAULINO PEREIRA SOARES

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: FAISY PAULINO PEREIRA SOARES
DATA: 08/03/2013
HORA: 09:00
LOCAL: Sala A3 do Setor de Aulas IV - UFRN
TÍTULO:

INFLUÊNCIA DA FORMAÇÃO DE POZOLANAS COM ADIÇÃO DE METACAULIM EM CONCRETO DE ALTA RESISTÊNCIA


PALAVRAS-CHAVES:

Concreto de alta resistência, metacaulim, cimento portland, resistência mecânica, emissão de CO2.


PÁGINAS: 76
GRANDE ÁREA: Engenharias
ÁREA: Engenharia Mecânica
RESUMO:

A necessidade de construir estruturas duráveis e resistentes a ambientes agressivos proporcionou o desenvolvimento do concreto de alta resistência, tais atividades geram um alto consumo de cimento, fator que implica na emissão CO2.  Muitas vezes a resistência desejada não é atingida utilizando apenas o cimento na composição. Este trabalho tem como objetivo avaliar a influência das pozolanas com a adição de metacaulim nas características físico mecânicas do concreto de alta resistência comparando-as com a formulação padrão. Foram realizados ensaios de caracterização dos agregados de acordo com a norma NBR 7211, avaliação do cimento e agregado graúdo através dos ensaios de petrografia (NBR 15577 - 3/08) e reação alcali-agregado (NBR 15577-05/08). Foram confeccionados corpos de prova de acordo com a norma NBR 5738-1/04 com adições de 0%, 4%, 6%, 8% e 10% de metacaulim em substituição ao cimento CP V nas formulações. Para avaliação do concreto no estado fresco e endurecido foram realizados ensaios de espalhamento e resistência à compressão de acordo com as normas NBR 7223/1992 e NBR 5739-8/94 respectivamente. Os resultados da caracterização dos agregados apresentaram boas características quanto à análise granulométrica e petrografia, bem como potencialmente inócuos quanto à reação alcali-agregado. Quanto ao ensaio de resistência à compressão, todas as formulações com adição de metacaulim apresentaram valor superior aos 28 dias de ruptura quando comparadas com a formulação padrão. Estes resultados apresentam uma alternativa de redução da emissão de CO2, além de melhorias na qualidade e durabilidade do concreto, pois a fina granulometria do metacaulim proporciona uma ótima compactação da massa influenciando diretamente na resistência mecânica e reologia da massa.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1350249 - RUBENS MARIBONDO DO NASCIMENTO
Interno - 349104 - LUIZ GUILHERME MEIRA DE SOUZA
Externo à Instituição - CAUBI FERREIRA DE SOUZA JUNIOR - IFRN
Notícia cadastrada em: 07/03/2013 16:02
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2020 - UFRN - sigaa13-producao.info.ufrn.br.sigaa13-producao