Banca de QUALIFICAÇÃO: DANY GERALDO KRAMER CAVALCANTI E SILVA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: DANY GERALDO KRAMER CAVALCANTI E SILVA
DATA: 04/06/2012
HORA: 14:30
LOCAL: Sala 94 do Centro de Tecnologia - CT/UFRN
TÍTULO:

DESENVOLVIMENTO DE NANOCOMPÓSITO (HIDROXIAPATITA/POLIURETANO) PELA GELAÇÃO (GELLING) DE POLI (ÁLCOOL VINÍLICO) (PVA) PARA REMOÇÃO DE METAIS PESADOS


PALAVRAS-CHAVES:

Nanocompósito, Poliuretano, Metais Pesados, Hidroxiapatita, Álcool Polivinílico.


PÁGINAS: 120
GRANDE ÁREA: Engenharias
ÁREA: Engenharia Mecânica
RESUMO:

A remoção de microcontaminantes de efluentes é um desafio na atualidade, em decorrência de seu custo e eficiência, em especial no tratamento de efluentes contendo metais pesados. Uma alternativa que vem surgindo é a aplicação de nanocompósitos biodegradáveis, na qual apresentam eficiência de remoção e recuperação deste microcontaminante além de seu baixo custo. Com esse intuito, o presente estudo objetivou desenvolver e caracterizar um nanocompósito a base de hidroxiapatita (HAP), poliuretano (PU) e álcool povinilíco (PVA) para remoção de metais pesados. Para tanto, a pesquisa foi desenvolvida em várias etapas: 1 - Caracterização físico-química e microbiológica de efluentes hospitalares (dois hospitais, um público e um privado); 2 – Produção de hidroxiapatita através da técnica de precipitação aquosa, e respectiva caracterização por MEV, FTIR e DRX; 3 – Produção do nanocompósito na qual a hidroxiapatita foi adicionada aos pré-polímeros de poliuretano e submetidos a alta agitação seguida de maturação desta fase, em seguida, a película de álcool polivínilico e hidroxiapatita foi produzida, sob agitação  e aquecimento por duas horas, sendo a base HAP/PU mergulhadas por 30 segundos para devida aderência da película, seguida de resfriamento e secagem. 4 – Caracterização do compósito pelas técnicas de DRX, FTIR e MEV/EDS; 5 – Teste mecânico de compressão do compósito;  6 – Teste de adsorção de Metais Pesados (Níquel e Cádmio) pelo referido compósito com respectivas análises adsortivas. Em processo de autorização, há uma proposta de trabalho na Universidade de Coimbra que seriam: Adsorção física de N2, Posimetria de Hg, Determinação de potenciais Zeta, Análise Termogravimétricas e FTIR; Além de testes de regeneração do compósito e testes de Isotermas na Adsorção de metais pesados. Até o presente momento foi possível caracterizar a estrutura do compósito verificando-se que o mesmo apresenta estrutura compatível para utilização nos testes de adsorção de metais pesados.


MEMBROS DA BANCA:
Externo ao Programa - 1549526 - EDVALDO VASCONCELOS DE CARVALHO FILHO
Externo ao Programa - 1941160 - JOSE HERIBERTO OLIVEIRA DO NASCIMENTO
Externo ao Programa - 350248 - MARIA GORETE FELIPE
Presidente - 6346998 - RASIAH LADCHUMANANANDASIVAM
Externo ao Programa - 347235 - TEREZA NEUMA DE SOUZA BRITO
Notícia cadastrada em: 31/05/2012 12:40
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2020 - UFRN - sigaa09-producao.info.ufrn.br.sigaa09-producao