Banca de DEFESA: RAYANA PRISCILLA SILVA PONTES

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : RAYANA PRISCILLA SILVA PONTES
DATA : 16/02/2018
HORA: 15:00
LOCAL: Sala C1 do Setor de Aulas IV - UFRN
TÍTULO:

SÍNTESE E IMOBILIZAÇÃO DE NANOPARTÍCULAS DE FIBROÍNA NO SUBSTRATO TÊXTIL: AVALIAÇÃO DA CITOTOXICIDADE E ADESÃO CELULAR


PALAVRAS-CHAVES:

Biomaterial; Citotoxicidade; Fibroína; Nanopartículas; Têxteis na área médica; Citotoxicidade; Adesão.


PÁGINAS: 73
RESUMO:

A busca por novos materiais com características biodegradáveis, baixa toxicidade e boa biocompatibilidade tem sido objeto de investigação no desenvolvimento de nanopartículas. Entretanto para que um material consiga exercer essa função, é necessário que ele possa ser degradado sem lançar no organismo humano possíveis toxinas. Dentre esses, a fibroína, um biomaterial presente no casulo do bicho da seda, vêm sendo constantemente estudado por apresentar uma excelente capacidade de sofrer mudanças na sua conformação, podendo se tornar uma partícula nanométrica de formato esférico. Portanto, o presente trabalho tem como objetivo a produção de nanopartículas de fibroína a partir de métodos rápidos e de baixo custo, sendo nosso produto analisado a partir de paramêtros como: caracterizadas por Espalhamento dinâmico da luz (DLS), Tamanho e Potencial Zeta (via nanosizer), Difração de Raios X (DRX), Microscopia Eletrônica de Transmissão (MET), Determinação de área especifica pelo método BET, Espectroscopia na região do Infravermelho com Transformada de Fourier (FTIR). As nanopartículas de fibroína foram imobilizadas em malha de PLA  analisadas com FTIR e DRX. Os resultados de DLS, FTIR e MET comprovam a formação das nanopartículas de fribroína de seda esféricas com tamanhos médios entre 48 a 156 nm, e potencial zeta de -19,95Ω o que caracteriza um ótimo material, enquanto a avaliação da viabilidade celular mostrou as NPF’s como material não citotóxico para baixas concentrações, confirmando que o método de obtenção das nanopartículas por sistema ternário é uma alternativa eficaz e de custo baixo onde apresenta um grande potencial para utilização como biomaterial, devido à sua resistência mecânica, biocompatibilidade e biodegradabilidade.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 182.221.614-15 - RASIAH LADCHUMANANANDASIVAM - UFRN
Externo ao Programa - 2941160 - JOSE HERIBERTO OLIVEIRA DO NASCIMENTO
Externo ao Programa - 2614285 - KESIA KARINA DE OLIVEIRA SOUTO SILVA
Externo à Instituição - ANDREA LIMA DE SA - UES - RN
Externo à Instituição - ELISÂNGELA BEZERRA DAS NEVES HOLANDA - NENHUMA
Notícia cadastrada em: 08/02/2018 16:53
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2020 - UFRN - sigaa18-producao.info.ufrn.br.sigaa18-producao