Banca de DEFESA: IGOR LOPES DE ANDRADE

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: IGOR LOPES DE ANDRADE
DATA: 26/02/2014
HORA: 14:00
LOCAL: Auditório do NUPEG - NTI/UFRN
TÍTULO:

OTIMIZAÇÃO DO FRESAMENTO DE ROSCAS INTERNAS COM A TÉCNICA DE INTERPOLAÇÃO HELICOIDAL


PALAVRAS-CHAVES:

Fresamento, interpolação helicoidal, estratégia de usinagem, CAD/CAM, aço temperado e revenido.


PÁGINAS: 82
GRANDE ÁREA: Engenharias
ÁREA: Engenharia Mecânica
RESUMO:

Na usinagem de roscas internas, ferramentas dedicadas, conhecidas como machos rígidos são necessários para cada tipo de perfil e diâmetro, além de reduzidos valores de velocidade de corte quando comparado aos principais processos de usinagem. Esta restrição na velocidade de corte está associada à dificuldade de sincronização da rotação e velocidade de avanço da ferramenta no processo. O fato restringe a flexibilidade e torna o tempo de usinagem longo diante da manufatura de componentes com roscas. Uma alternativa as restrições impostas pelos machos rígidos na usinagem de roscas é o fresamento com a técnica de interpolação helicoidal. A técnica é a fusão de dois movimentos: rotação e interpolação helicoidal. As ferramentas podem ter diferentes configurações: uma única aresta ou múltiplas arestas (no sentido axial, radial ou em ambos). Contudo, o fresamento de roscas com a técnica de interpolação helicoidal é relativamente novo e restritas pesquisas existem sobre o tema, fato que promove desafios para sua ampla aplicação no ambiente de manufatura. O objetivo desta pesquisa é determinar o desempenho dos diferentes tipos de ferramentas no fresamento de roscas com a técnica de interpolação helicoidal em aço temperado e revenido. Os resultados mostraram que a utilização do corte concordante possibilitou a usinagem de um maior número de roscas, independentemente do tipo de ferramenta. A utilização do corte discordante causou avaria de lascamento nas arestas de corte, enquanto que o corte concordante promoveu desgaste abrasivo. Outro ponto relevante é que o aumento da relação diâmetro do furo e diâmetro da ferramenta possibilitou incremento do tempo de usinagem.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1792669 - ADILSON JOSE DE OLIVEIRA
Externo à Instituição - ADRIANO FAGALI DE SOUZA - UFSC
Interno - 1792681 - ULISSES BORGES SOUTO
Notícia cadastrada em: 14/02/2014 16:04
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2020 - UFRN - sigaa12-producao.info.ufrn.br.sigaa12-producao