Banca de QUALIFICAÇÃO: THIAGO DE OLIVEIRA ALVES ROCHA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: THIAGO DE OLIVEIRA ALVES ROCHA
DATA: 12/07/2013
HORA: 14:30
LOCAL: Auditório do Setor IV de Aulas
TÍTULO:

Estratégia de Controle Robusto para interconexão de Sistemas PV Trifásicos à Rede
Elétrica.


PALAVRAS-CHAVES:

Fontes renováveis, controlador robusto, DSM-PI, compensação da qualidade de energia.


PÁGINAS: 72
GRANDE ÁREA: Engenharias
ÁREA: Engenharia Elétrica
SUBÁREA: Eletrônica Industrial, Sistemas e Controles Eletrônicos
ESPECIALIDADE: Eletrônica Industrial
RESUMO:

Atualmente há uma grande preocupação em relação a substituição das fontes não
renováveis pelas fontes renováveis na geração de energia elétrica. Isto ocorre devido a
limitação do modelo tradicional e da crescente demanda. Com o desenvolvimento dos
conversores de potência e a eficácia dos esquemas de controle, as fontes renováveis têm
sido interligadas na rede elétrica, em um modelo de geração distribuída. Neste sentido,
este trabalho apresenta uma estratégia de controle não convencional, com a utilização de
um controlador robusto, para a interconexão de sistemas fotovoltaicos com à rede elétrica
trifásica. A compensação da qualidade de energia no ponto de acoplamento comum
(PAC) é realizada pela estratégia proposta. As técnicas tradicionais utilizam detecção de
harmônicos, já neste trabalho o controle das correntes é feita de uma forma indireta sem a
necessidade desta detecção. Na estratégia indireta é de grande importância que o controle
da tensão do barramento CC seja efetuado de uma forma que não haja grandes flutuações,
e que a banda passante do controlador em regime permanente seja baixa para que as
correntes da rede não tenham um alto THD. Por este motivo é utilizado um controlador
em modo dual DSM-PI, que durante o transitório se comporta como um controlador em
modo deslizante SM-PI, e em regime se comporta como um PI convencional. A corrente
é alinhada ao ângulo de fase do vetor tensão da rede elétrica, obtido a partir do uso de
um PLL. Esta aproximação permite regular o fluxo de potência ativa, juntamente com
a compensação dos harmônicos e também promover a correção do fator de potência no
ponto de acoplamento comum. Para o controle das correntes é usado um controlador dupla
sequencia, que utiliza o princípio do modelo interno. Resultados de simulação são
apresentados para demonstrar a eficácia do sistema de controle proposto.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1196444 - RICARDO LUCIO DE ARAUJO RIBEIRO
Interno - 1807863 - FLAVIO BEZERRA COSTA
Externo à Instituição - ALEXANDRE CUNHA OLIVEIRA - UFCG
Notícia cadastrada em: 14/06/2013 11:26
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2020 - UFRN - sigaa04-producao.info.ufrn.br.sigaa04-producao