Banca de DEFESA: IVANOVITCH MEDEIROS DANTAS DA SILVA

Uma banca de DEFESA de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: IVANOVITCH MEDEIROS DANTAS DA SILVA
DATA: 21/01/2013
HORA: 15:00
LOCAL: Auditório do Laut
TÍTULO:
Uma Metodologia para Modelagem e Avaliação da Dependabilidade de Redes Industriais Sem Fio

PALAVRAS-CHAVES:
Redes Industriais Sem Fio, WirelessHART, ISA100.11a, WIA-PA,
Árvores de Falhas, Análise de Dependabilidade, Confiabilidade, Disponibilidade.

PÁGINAS: 169
GRANDE ÁREA: Engenharias
ÁREA: Engenharia Elétrica
SUBÁREA: Eletrônica Industrial, Sistemas e Controles Eletrônicos
ESPECIALIDADE: Automação Eletrônica de Processos Elétricos e Industriais
RESUMO:
Garantir os requisitos de dependabilidade é fundamental para as aplicações industriais,
onde falhas podem conduzir a defeitos cujas consequências impactam em prejuízos
econômicos e principalmente danos ambientais e riscos aos operadores. Assim, diante da
relevância do tema, esta tese propõem uma metodologia para análise da dependabilidade
de redes industriais sem fio (WirelessHART, ISA100.11a, WIA-PA) ainda na fase de projeto.
Entretanto, a proposta pode ser facilmente estendida para as fases de manutenção
e expansão da rede. A proposta utiliza a teoria de grafos e o formalismo de Árvores de
Falhas para criar automaticamente um modelo analítico a partir de uma dada topologia de
rede industrial sem fio, onde a dependabilidade possa ser avaliada. As métricas de avaliação
suportadas compreendem confiabilidade, disponibilidade e MTTF da rede, como
também medidas de importância dos dispositivos, aspectos de redundância e defeitos em
modo comum. Ressalta-se que a proposta independe de qualquer ferramenta para analisar
quantitativamente as métricas visadas. Contudo, para propósito de validação da proposta
utilizou-se uma ferramenta amplamente aceita na academia para esse fim (SHARPE). Adicionalmente,
um algoritmo para geração dos cortes mínimos originalmente aplicado na
teoria de grafos foi adaptado para o formalismo das Árvores de Falhas com o objetivo de
garantir escalabilidade da metodologia às redes industriais sem fio (< 100 dispositivos).
Finalmente, a metodologia proposta foi validada a partir de cenários típicos encontrados
em ambientes industriais, como topologias estrela, linha, cluster e mesh. Foram também
avaliados cenários com defeitos em modo comum e um conjunto de políticas a serem
seguidas na criação de uma rede industrial sem fio. Para garantir aspectos de escalabilidade,
uma análise de desempenho foi conduzida, onde pode-se observar a aplicabilidade
da metodologia para as redes tipicamente encontradas em ambientes industriais.

MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1153006 - LUIZ AFFONSO HENDERSON GUEDES DE OLIVEIRA
Interno - 347628 - ADRIAO DUARTE DORIA NETO
Interno - 1746084 - DANIEL ALOISE
Externo à Instituição - FRANCISCO VASQUES DE CARVALHO - UNIPORTO
Externo à Instituição - PAULO PORTUGAL - UNIPORTO
Externo à Instituição - PAULO ROMERO MARTINS MACIEL - UFPE
Notícia cadastrada em: 10/12/2012 09:15
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2020 - UFRN - sigaa09-producao.info.ufrn.br.sigaa09-producao