Banca de DEFESA: PAULO ANDERSON HOLANDA CAVALCANTE

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.

DISCENTE: PAULO ANDERSON HOLANDA CAVALCANTE

DATA: 19/04/2011

HORA: 14:00

LOCAL: Auditório do Setor de Aulas IV

TÍTULO:

Localização de Faltas em Linhas de Transmissão usando Morfologia Matemática


PALAVRAS-CHAVES:

Localização de faltas, linhas de transmissão, morfologia matemática, ondas viajantes, sistemas de energia elétrica.


PÁGINAS: 90

GRANDE ÁREA: Engenharias

ÁREA: Engenharia Elétrica

RESUMO:

Devido à desregulamentação do setor elétrico, as concessionárias de energia tem sido impelidas a buscar procedimentos técnicos para se tornarem mais competitivas. Nesse contexto, a localização de faltas em sistemas de energia elétrica é um problema de relevância crescente. Por causa de sua extensão, uma linha de transmissão é o componente do sistema de energia mais susceptível a ocorrência de faltas. Após a ocorrência de uma falta, é desejável que a equipe de manutenção localize-a rapidamente para extingui-la.
De modo geral, existem duas classes de métodos principais para localização de faltas em linhas de
transmissão de energia elétrica. Na primeira classe, utilizam-se medidas dos componentes fundamentais de tensão e corrente coletadas em um ou nos dois terminais da linha de transmissão monitorada. Essas medidas são posteriormente processadas para obtenção de uma impedância aparente que está relacionada com a posição da falta. A segunda classe é baseada na detecção dos instantes de chegadas das ondas viajantes de tensão e/ou corrente associados à falta. Nessa classe a implementação pode ser baseada em medidas realizadas em um ou nos dois terminais da linha. A técnica de localização de faltas investigada neste trabalho se encaixa na segunda classe.
Após a ocorrência de uma falta em uma linha de transmissão, sinais transitórios de tensão e corrente
superpostos ao sinal de freqüência fundamental se propagam do ponto da falta em direção aos terminais da linha na forma de ondas viajantes. Para detectar os instantes de chegada das frentes das ondas aos terminais monitorados da linha é necessário utilizar ferramentas matemáticas capazes de extrair essas informações dos sinais de tensão e/ou corrente.
Uma das ferramentas mais difundida para a análise de sinais é a transformada de Fourier. O uso dessa transformada baseia-se na decomposição do sinal em bases senoidais e cossenoidais. Embora seja bastante difundida, a transformada de Fourier não é eficaz para decompor sinais transitórios por utilizarem janela de largura fixa. Uma segunda opção é a transformada wavelet, que se diferencia da transformada de Fourier porque o sinal é decomposto em bases localizadas tanto no domínio da freqüência quanto no domínio do tempo. Uma alternativa às transformadas de Fourier e wavelet para análise de sinais transitórios são os chamados filtros morfológicos. Em contraste com aquelas transformadas lineares, os filtros morfológicos são operadores não lineares baseados apenas em operações de adição e subtração acompanhadas da extração de máximos e mínimos de conjuntos discretos. Apresentam, portanto, a vantagem de serem mais eficientes computacionalmente.
Neste trabalho serão desenvolvidas metodologias para localização de faltas em linhas de transmissão baseadas nos instantes de chegadas das frentes de ondas de tensão e/ou corrente observadas nos terminais de linhas de transmissão sob falta. Para a determinação dos instantes de chegada das frentes de onda serão utilizadas técnicas baseadas na morfologia matemática. Serão desenvolvidas e analisadas metodologias que utilizam informações de um ou dois terminais da linha de transmissão.


MEMBROS DA BANCA:
Externo à Instituição - DARLAN ALEXANDRIA FERNANDES - UFPB
Presidente - 1674969 - MADSON CORTES DE ALMEIDA
Interno - 346287 - MANOEL FIRMINO DE MEDEIROS JUNIOR
Notícia cadastrada em: 24/03/2011 15:59
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2020 - UFRN - sigaa11-producao.info.ufrn.br.sigaa11-producao