Banca de DEFESA: TULLIO EMMANUEL MESSIAS RAPOSO

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.

DISCENTE: TULLIO EMMANUEL MESSIAS RAPOSO

DATA: 25/03/2011

HORA: 10:00

LOCAL: Sala 02 do DCA

TÍTULO:

Desenvolvimento e Testes de Software de um Receptor de GPS para Uso Espacial


PALAVRAS-CHAVES:

Malha de sincronismo de frequência, receptor de GPS, Monitor GPS Aeroespacial, Operação Maracati 2

Malha de sincronismo de frequência, receptor de GPS, Monitor GPS Aeroespacial, Operação Maracati 2

PÁGINAS: 133

GRANDE ÁREA: Engenharias

ÁREA: Engenharia Elétrica

RESUMO:

Veículos espaciais se movem com velocidades elevadas e sofrem mudanças bruscas de aceleração. Então, para que um receptor de GPS possa calcular soluções de navegação estando a bordo de tais veículos, o efeito Doppler deve ser levado em consideração durante os processos de aquisição e rastreio de sinais de satélites. Assim, para que o receptor submetido à alta dinâmica comporte os deslocamentos de frequência no sinal recebido, decorrentes desse efeito, é necessário ajustar sua largura de banda de varredura de frequências e aumentar a ordem de sua malha de rastreio. Este trabalho apresenta as modificações no software no GPS Orion, um receptor de arquitetura aberta da GEC Plessey Semiconductors, hoje Zarlink, a fim de torná-lo apto a gerar soluções de navegação em veículos submetidos à alta dinâmica, especialmente satélites de órbita baixa. A plataforma de desenvolvimento GPS Architect, comercializada pela mesma empresa, foi utilizada para dar suporte às modificações. Além disso, são apresentadas as características do Monitor GPS Aeroespacial, uma ferramenta computacional desenvolvida para monitorar as soluções de navegação calculadas pelo receptor de GPS através de gráficos. Apesar de não ter sido possível fazer simulações em alta dinâmica com as modificações de software implementadas no receptor, verificou-se seu funcionamento satisfatório, em regime estacionário, fazendo uso, inclusive, da nova interface gráfica. A dissertação apresenta ainda os resultados do experimento Receptor de GPS para Aplicações Aeroespaciais, obtidos com a participação do receptor numa missão suborbital, a Operação Maracati 2, em dezembro de 2010, utilizando uma malha de rastreio de portadora digital de segunda ordem. Apesar de um incidente ocorrido momentos antes do lançamento ter prejudicado a navegação efetiva do receptor, foi observado que o experimento funcionou adequadamente, rastreando e adquirindo novos satélites durante o voo do foguete VSB-30.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1149639 - FRANCISCO DAS CHAGAS MOTA
Externo ao Programa - 348011 - GILVAN LUIZ BORBA
Externo à Instituição - MÁRIO SARCINELLI FILHO - UFES
Notícia cadastrada em: 15/03/2011 15:25
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2020 - UFRN - sigaa03-producao.info.ufrn.br.sigaa03-producao