Banca de QUALIFICAÇÃO: ALLYSON FERNANDES DA COSTA SILVA

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : ALLYSON FERNANDES DA COSTA SILVA
DATA : 22/06/2016
HORA: 09:00
LOCAL: Sala 02-DCA
TÍTULO:

Uma metaheurística ALNS para um problema dinâmico de localização de facilidades em hierarquia com capacidades modulares


PALAVRAS-CHAVES:

localização dinâmica de facilidades, capacidades modulares, facilidades em hierarquia, metaheurística, busca em vizinhança larga.


PÁGINAS: 50
RESUMO:

A necessidade de configurar realisticamente cadeias de suprimento através de problemas de localização de facilidades em modelos matemáticos tem levado ao surgimento de modelos cada vez mais elaborados. A literatura destes problemas no contexto da pesquisa operacional é vasta mas ainda há bastante a ser explorado. Desde o surgimento da área, em meados do século XX, novas características vem sendo incorporadas aos modelos clássicos dando origem a diversas novas classes de problemas. Este trabalho sugere a unificação de algumas destas características nunca trabalhadas conjuntamente num único e novo modelo para um problema de localização-alocação de facilidades. O modelo resultante é capaz de lidar com facilidades em até dois níveis em hierarquia, múltiplas mercadorias, alocações múltiplas entre as facilidades e os clientes e ajustes modulares das capacidades das facilidades, tudo isto num horizonte de planejamento. Como problemas de localização de facilidades são difíceis de serem resolvidos de forma exata, na segunda parte do trabalho foi desenvolvida uma metaheurística Adaptive Large Neighborhood Search (ALNS) capaz de resolver o problema sugerido e outros subproblemas derivados dele. O ALNS é uma metaheurística que traz uma abordagem relativamente nova na literatura e vem ganhando destaque pela sua flexibilidade em lidar com problemas em que o espaço de busca do conjunto de soluções é demasiadamente grande para ser explorado por heurísticas simples. A sua estrutura adaptativa permite que uma coleção de heurísticas sejam implementadas sendo usadas mais frequentemente apenas aquelas que tiverem melhor desempenho na instância trabalhada. Como estas heurísticas são independentes, diversas vizinhanças podem ser exploradas a cada iteração do algoritmo. Testes preliminares com instâncias benchmarking de um problema derivado do sugerido apontam que a metaheurística criada tem potencial de ser competitiva em termos de tempo de resolução e qualidade da solução encontrada mesmo em comparação com heurísticas especializadas nos subproblemas tratados.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1746084 - DANIEL ALOISE
Externo ao Programa - 1746062 - CAROLINE THENNECY DE MEDEIROS ROCHA
Externo ao Programa - 2993322 - ÉVERTON SANTI
Notícia cadastrada em: 23/05/2016 14:46
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2020 - UFRN - sigaa09-producao.info.ufrn.br.sigaa09-producao