Seminários em Neurociências 2011.1

Segunda-feira 13/06/2011 10:50h Sala 4 – Escola de Ciência e Tecnologia

 

Regulação dopaminérgica do sono e memória

Prof. Bruno Lobão (Depto. Biofísica, UFRN & IINN-ELS)

Apesar de o sono representar um fenômeno geral e de ser contemplado com extensa investigação de seus mecanismos, a sua função ainda não é completamente elucidada. Recentemente, tem sido mostrado por meio de registros multi-unitários concomitantes a medição de expressão gênica, que o sono favorece a consolidação das memórias segundo os postulados Hebbianos. O sono de ondas lentas propiciaria a reverberação neuronal enquanto que o sono REM induziria processos moleculares relacionados à plasticidade neural duradoura, relacionada ao aprendizado e suas respectivas cascatas mnemônicas. Nessa apresentação apresentaremos resultados que vem a comprovar que o bloqueio por antagonista seletivo D2 (Haloperidol a 0.3 mg/kg) administrado durante o sono REM produz um prejuízo na aquisição e na consolidação de novas memórias em camundongos. Verificamos ainda nesta serie de experimentos que a hiperdopaminergia de camundongos transgênicos para a proteína DAT (transportador de dopamina) está relacionada a déficits de consolidação de memórias. Entretanto, a administração de baixas doses de haloperidol (0.05 mg/kg) reverte o prejuízo da capacidade mnemônica dos animais mutantes para uma faixa similar à dos animais selvagens. Também testamos através de registros eletrofisiológicos multi-unitários e geração de mapas de estado bidimensionais,  se o haloperidol seria capaz de bloquear nas primeiras horas a emergência de sono REM. Com estudos imuno-histoquímicos , verificamos que o haloperidol a 0.3 mg/kg tambem inibe a expressão de uma importante proteína relacionada à neuroplasticidade no hipocampo, a Calcio-calmodulina-kinase fosforilada. Sugerimos a partir desta serie de experimentos que tanto níveis altos quanto reduzidos de atividade dopaminérgica nos receptores D2 dopaminergicos, são capazes de reduzir a consolidação de memórias em camundongos, e que é bem provável que essa redução se de pela modulação do sono REM que ocorre em função do bloqueio desses receptores.

 

Local: Sala 4 – 1º. andar - Escola de Ciências e Tecnologia / UFRN

Campus Universitário Lagoa Nova, 59078-970 - Natal - RN

Tel: +55 (84) 3217-0003 / 4008-0003 (IINN-ELS / CPN)

Mapa: http://www.ect.ufrn.br/en/node/10

Notícia cadastrada em: 10/06/2011 15:36
SIGAA | Superintendência de Informática - (84) 3215-3148 | Copyright © 2006-2019 - UFRN - sigaa06-producao.info.ufrn.br.sigaa06-producao