Banca de DEFESA: LUIZA DE MARILAC ALVES DA FONSÊCA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : LUIZA DE MARILAC ALVES DA FONSÊCA
DATA : 26/02/2018
HORA: 14:00
LOCAL: Sala 04 do bloco 1 da FACISA/UFRN
TÍTULO:

TRADUÇÃO, ADAPTAÇÃO CULTURAL E PROPRIEDADES PSICOMÉTRICAS DA HURT INSULT THREATENED SCREAM PARA RASTREIO DA VIOLÊNCIA DOMÉSTICA CONTRA IDOSOS NO BRASIL


PALAVRAS-CHAVES:
Idoso. Violência doméstica. Questionários. Psicometria.

PÁGINAS: 100
RESUMO:

INTRODUÇÃO: A literatura científica tem mostrado limitações na produção de instrumentos de rastreio para violência contra o idoso no contexto brasileiro. Atualmente, esse tipo de estudo tem sido pouco abordado na realidade do contexto brasileiro, no que concerne à adaptação transcultural de instrumentos destinados a população idosa. A HITS- Brasil trata-se de um instrumento de rastreio breve da violência doméstica contra a pessoa idosa, que pode ser utilizado em contextos clínicos e domiciliares, objetivando a constatação do risco de violência. Este estudo por se tratar da tradução e adaptação e validação de um instrumento que não possui origem nem validação brasileira seguiu critérios metodológicos rigorosos no intuito de garantir ampla confiabilidade e posteriormente ser aplicado e utilizado por outros pesquisadores para rastreio de VD contra o idoso. OBJETIVO: Este estudo teve como objetivo traduzir, adaptar e avaliar as propriedades psicométricas (validade e confiabilidade) do instrumento Hurt Insult Threatened Scream (HITS) para o rastreio da violência doméstica contra idosos. MÉTODO: Estudo de tradução, adaptação e validação. Foram recrutados, de forma aleatória 30 idosos para a fase de equivalência operacional e 48 idosos com idade entre 65 a 80 anos ou mais de ambos os sexos, a média de idade para as duas etapas foi de 70,8 anos levando em consideração os dois grupos. Dados sobre variáveis sociodemografica, capacidade cognitiva e aplicação da HITS foram coletados. Para análise dos resultados foi utilizado a estatística descritiva e inferencial, para etapa da equivalência operacional foi avaliada a equivalência dos itens que aconteceu em cinco etapas que avaliou as equivalências semântica, idiomática, experimental e conceitual para o contexto brasileiro. Após esse processo foi dado início a etapa de equivalência de mensuração que buscou avaliar a validade e confiabilidade nos 48 idosos. RESULTADOS: O estudo cumpriu as cinco etapas do processo de tradução e adaptação transcultural da HITS, sendo elas: traduções, retrotraduções, síntese das traduções, análise da equivalência semântica, idiomática, experiencial e conceitual por um comitê de experts e pré-teste em 30 idosos, o qual foi seguido de ajustes da linguagem e conceitos, alcançando a forma final do instrumento, nomeado HITS-Brasil. Os valores obtidos através do Coeficiente do alfa de Cronbach mostraram resultados de aceitáveis para todos os itens (item 1: 0,80 ; item 2: 0, 75; item 3: 0,80 e item 4:0,68). Na análise da concordância interexaminador tivemos boa concordância para os itens 1 e 2 e baixa concordância pra os itens 3 e 4 da escala. Consideramos que a baixa concordância nos itens 3 e 4  não implicaria de forma negativa no coxtexto geral da escala, uma vez que temos uma alta confiabilidade pelo alfa de cronbach. CONCLUSÃO: Em sua versão final, a HITS-Brasil obteve índice de fidedignidade alto para os quatro itens quando avaliado a sua consistência interna, indicando que os resultados são satisfatórios.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 2132107 - NUBIA MARIA FREIRE VIEIRA LIMA
Interno - 2612129 - MERCES DE FATIMA DOS SANTOS SILVA
Interno - 3885543 - SAIONARA MARIA AIRES DA CAMARA
Externo à Instituição - GERALDO EDUARDO GUEDES DE BRITO - UFPB
Externo à Instituição - LEANDRO DE ARAUJO PERNAMBUCO - UFPB
Notícia cadastrada em: 19/02/2018 08:22
SIGAA | Superintendência de Informática - (84) 3215-3148 | Copyright © 2006-2019 - UFRN - sigaa10-producao.info.ufrn.br.sigaa10-producao