Banca de QUALIFICAÇÃO: ROMULO DE OLIVEIRA NUNES

Uma banca de QUALIFICAÇÃO de DOUTORADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : ROMULO DE OLIVEIRA NUNES
DATA : 17/07/2018
HORA: 14:00
LOCAL: IMD - Sala a definir
TÍTULO:

Seleção Dinâmica de Atributos para Comitês de Classificação


PALAVRAS-CHAVES:

Seleção dinâmica de atributos, Comitês de Classificação, Diversidade


PÁGINAS: 80
RESUMO:

Em aprendizado de máquina (AM), o pré-processamento dos dados tem como objetivo aprimorar a qualidade dos dados que serão utilizados, através de da análise dos dados e da identificação dos problemas presentes nos mesmos, visando apresentar os dados em uma forma adequada para a técnica de AM escolhida. A seleção de atributos é uma das principais etapas da fase de pré-processamento dos dados. Seu principal objetivo é escolher um subconjunto que melhor represente o conjunto de dados, de maneira a permitir a redução da dimensionalidade e um possível aumento na precisão dos classificadores. Existem diferentes abordagens para se realizar a seleção de atributos, uma delas é a Seleção Dinâmica. A Seleção Dinâmica parte do princípio de que cada instância é única e que melhores resultados são obtidos quando se seleciona um subconjunto de atributos para cada instância em vez de um único subconjunto para toda a base de dados. Uma vez que uma representação mais compacta dos dados foi selecionada, o próximo passo na classificação dos dados é a escolha do modelo a ser usado para classificar os dados. Esse modelo pode ser formado por um único classificador ou por um sistema de combinação de classificadores, conhecido como Comitês de classificadores. Um comitê de classificadores pode ser definido como a combinação múltiplos classificadores que serão utilizados para gerar uma resposta final para o sistema através da combinação de suas respostas individuais. Para que esses sistemas apresentem melhor desempenho que um classificador individual, é necessário promover a diversidade entre os componentes que formam o comitê, isto é, é necessário que os componentes do sistema não cometam erros nos mesmos padrões. Por este motivo, a diversidade tem sido considerada um dos aspectos mais importantes no projeto de comitês, já que não existe vantagem na combinação de métodos de classificação idênticos. O objetivo deste trabalho é utilizar a seleção dinâmica de atributos em sistemas de combinação de classificadores. Para isso, foram desenvolvidas três versões que realizam essa adaptação de maneira a gerar a diversidade entre os classificadores base. As versões foram comparadas utilizando diferentes taxas de seleção em um comitê formado por cinco classificadores, logo após, a melhor versão encontrada foi testada com diferentes tamanhos de comitês.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 1350250 - ANNE MAGALY DE PAULA CANUTO
Externo ao Programa - 1669545 - DANIEL SABINO AMORIM DE ARAUJO
Externo à Instituição - ARAKEN DE MEDEIROS SANTOS - UFERSA
Notícia cadastrada em: 11/07/2018 08:49
SIGAA | Superintendência de Informática - (84) 3215-3148 | Copyright © 2006-2019 - UFRN - sigaa05-producao.info.ufrn.br.sigaa05-producao