Banca de DEFESA: MARCIO DE CASTRO FONSECA

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE : MARCIO DE CASTRO FONSECA
DATA : 02/12/2016
HORA: 15:00
LOCAL: Sala 4I2
TÍTULO:

ANÁLISE ECONÔMICA DE UM SISTEMA DE APROVEITAMENTO DE ÁGUA DE CHUVA EM UNIDADE HOSPITALAR



PALAVRAS-CHAVES:

Água de chuva. Lavanderia hospitalar. Reservatório de armazenamento. Sustentabilidade.

 


PÁGINAS: 95
RESUMO:

O uso de tecnologias de aproveitamento de água de chuva vem se consolidando cada vez mais como fonte alternativa de suprimento de água em diversos tipos de usos. A vantagem desta tecnologia se baseia na acessibilidade da água durante a estação seca, com a possibilidade de substituição da água proveniente do abastecimento público. O objetivo deste estudo consistiu na análise financeira de dois projetos piloto de aproveitamento de água de chuva para o abastecimento de lavanderia em unidade hospitalar nas cidades de Natal e Caicó. Para isso, foi desenvolvido um modelo de simulação do comportamento hidrológico do sistema na escala diária. O estudo considerou a otimização do uso da água de chuva como forma de minimizar os custos de consumo da água do abastecimento público. Considerando as tecnologias atualmente disponíveis, este estudo utilizou reservatório semienterrado com revestimento em geomembrana de polietileno de alta densidade (PEAD), tendo em vista a possibilidade de construção de reservatórios de grande capacidade com baixo custo, adequado para situações de alta demanda e irregularidades na distribuição da precipitação. Foram realizadas simulações envolvendo diferentes cenários de aproveitamento de água de chuva, com a utilização da água em lavanderias das unidades hospitalares do Hospital Universitário Onofre Lopes (Natal) e do Hospital Regional do Seridó (Caicó). A análise financeira envolveu o Valor Presente Líquido, a Taxa Interna de Retorno e o payback. Ela permitiu selecionar a solução mais adequada para cada sistema. Os resultados obtidos para Natal demonstraram que o uso de um reservatório com capacidade de 500 m3 possibilitaria economia anual de R$ 81.143,10 (redução de 44% na conta de água), e payback do sistema de sete meses. Para Caicó, um reservatório com capacidade de 2.000 m3 possibilitaria uma economia anual de R$ 40.154,00 (redução de 68% na conta de água), e payback do sistema de 24 meses.


MEMBROS DA BANCA:
Interno - 346736 - CICERO ONOFRE DE ANDRADE NETO
Presidente - 1242829 - LUCIO FLAVIO FERREIRA MOREIRA
Externo à Instituição - TARCISO CABRAL DA SILVA - UFPB
Notícia cadastrada em: 30/11/2016 17:41
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2020 - UFRN - sigaa25-producao.info.ufrn.br.sigaa25-producao