Banca de DEFESA: ISABELLY BEZERRA BRAGA GOMES DE MEDEIROS

Uma banca de DEFESA de MESTRADO foi cadastrada pelo programa.
DISCENTE: ISABELLY BEZERRA BRAGA GOMES DE MEDEIROS
DATA: 02/02/2016
HORA: 14:00
LOCAL: SALA DE AULA DO PEC
TÍTULO:

EMPREGO DE GEOTÊXTEIS NÃOTECIDOS NA PERCOLAÇÃO EM SOLO ARENOSO COM DISPOSIÇÃO DE ESGOTO TRATADO SOB CONDIÇÕES ANAERÓBIAS



PALAVRAS-CHAVES:

Colmatação. Geotêxteis. Infiltração. Esgoto.


PÁGINAS: 36
GRANDE ÁREA: Engenharias
ÁREA: Engenharia Sanitária
RESUMO:

A disposição final no solo do esgoto tratado em sistemas descentralizados cresce como alternativa frente à inexistência de esgotamento sanitário que possibilite a disposição final apropriada aos esgotos domésticos. Além disso, a praticidade construtiva, proximidade com o sistema de tratamento e inexistência de legislações específicas que regulem padrões de lançamento contribuem para o aumento do uso dessa alternativa. Todavia, o rápido esgotamento do solo devido à colmatação tem causado o transbordamento desses dispositivos, reduzindo a vida útil dos mesmos. A recuperação desses sistemas de infiltração, após a ocorrência de sua colmatação, é um grande desafio. Além de árduas, as limpezas desse tipo de dispositivo normalmente são ineficientes, tornando o processo impraticável em muitos casos. Dessa forma, a utilização de geotêxteis nãotecidos surge como uma alternativa que pode contribuir para a eficiência e durabilidade de dispositivos de infiltração. O recobrimento do solo por esse material pode possibilitar a conservação e renovação da capacidade de infiltração do solo, uma vez que a retenção de material sólido pelo geotêxtil pode reduzir a colmatação no solo. Desta forma, o presente trabalho tem o objetivo de avaliar o uso de geotêxteis nãotecidos no prolongamento da vida útil de dispositivos de percolação em solos arenosos, com disposição de esgoto tratado, sob condições anaeróbicas. Para isso, foram monitoradas três unidades piloto de percolação (colunas de infiltração) em triplicata (filtro de areia recoberto com geotêxtil nãotecido de 130 g/m², filtro-piloto de areia recoberto com geotêxtil nãotecido de 300 g/m² e filtro de areia sem geotêxtil), alimentadas pelo efluente de um sistema de tratamento composto por tanque séptico seguido de filtro anaeróbio. Configurações de filtros em duplicata, alimentados com água potável, também foram testadas a fim de se verificar a influência da perda de carga dos geotêxteis na condutividade hidráulica. Os sistemas foram alimentados continuamente, de maneira que era sempre mantida uma carga hidráulica constante de 10 cm sobre as colunas de percolação, induzindo-as a condições anaeróbicas. O experimento foi operado por 52 dias, porém, no 38ª dia, os geotêxteis de duas colunas de cada triplicata foram substituídos. Análises de condutividade hidráulica e físico-químicas (turbidez, sólidos, nitrogênio amoniacal e orgânico, nitrato, fósforo e DQO) foram realizadas semanalmente no afluente e efluente das configurações. No término de cada etapa do experimento (38ª dia e 52ª dia), o solo de preenchimento das colunas de percolação desativadas foi analisado para obtenção do teor de matéria orgânica. Concluiu-se que os geotêxteis retiveram parcela considerável dos sólidos presentes no afluente, principalmente o de 300 g/m², reduzindo a colmatação no solo das colunas de percolação. Entretanto, o geossintético causou uma perda de carga considerável, reduzindo os valores de condutividade hidráulica dos sistemas. Além disso, se evidenciou que a matéria orgânica se acumula principalmente na superfície do solo e logo abaixo dela. Os geotêxteis não se mostraram como fator de interferência na eficiência de remoção de nutrientes, DQO e turbidez.


MEMBROS DA BANCA:
Presidente - 1759924 - HELIO RODRIGUES DOS SANTOS
Interno - 376.950.452-68 - ANDRE LUIS CALADO ARAUJO - IFRN
Externo ao Programa - 2085750 - FAGNER ALEXANDRE NUNES DE FRANCA
Externo à Instituição - JULIANA DELGADO TINOCO - CAERN
Notícia cadastrada em: 01/02/2016 13:57
SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2020 - UFRN - sigaa07-producao.info.ufrn.br.sigaa07-producao