PROFLETRAS/CN PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM LETRAS - PROFLETRAS CURRAIS NOVOS CENTRO DE ENSINO SUPERIOR DO SERIDÓ Telefone/Ramal: Não informado
Dissertações/Teses

Clique aqui para acessar os arquivos diretamente da Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da UFRN

2020
Dissertações
1
  • JOSÉ VILMAR FIRMINO
  • OPERADORES ARGUMENTATIVOS NO ARTIGO DE OPINIÃO: UMA INTERVENÇÃO ATRAVÉS DA SEQUÊNCIA DIDÁTICA

  • Orientador : MARIA ASSUNCAO SILVA MEDEIROS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • MARIA ASSUNCAO SILVA MEDEIROS
  • MARIO LOURENCO DE MEDEIROS
  • ANANIAS AGOSTINHO DA SILVA
  • Data: 30/03/2020

  • Mostrar Resumo
  • A produção textual escrita requer a constante mobilização prática, com uso de estratégias e procedimentos didáticos que favoreçam à apropriação dessa importante prática social. Desse modo, nosso objeto de pesquisa refere-se ao uso de operadores argumentativos nos textos produzidos pelos alunos através do gênero textual artigo de opinião. Como objetivo geral, propomos com este trabalho, analisar as articulações textuais presentes na produção escrita do referido artigo em uma turma do 9º ano de uma escola pública do município de Barcelona-RN. Quanto aos objetivos específicos, o primeiro foi aplicar a Sequência Didática, sugerida em DOLZ, NOVERRAZ e SCHINEUWLY (2004), como proposta de intervenção pedagógica com a finalidade de melhorar a produção escrita. O segundo, foi constatar o processo evolutivo dos alunos quanto à construção textual argumentativa no gênero artigo de opinião, em suas produções escritas. Quanto à metodologia, nossa pesquisa constitui-se em uma pesquisa-ação, balizada em THIOLLENT (2011), com abordagem qualitativa, de base interpretativista, numa turma com 27 (vinte e sete) alunos matriculados no 9º ano do Ensino Fundamental. Isso porque utilizamos como laboratório nossa própria sala de aula onde o professor/pesquisador e os alunos foram os participantes da intervenção pedagógica. Para isso aplicamos, como intervenção, a Sequência Didática, proposta por Dolz, Noverraz e Schineuwly (2004). Nessa perspectiva, dialogamos com os aportes teóricos da Linguística Textual e da Semântica Argumentativa. Buscamos suporte em Adam (2008), com relação à Linguística Textual; Ducrot (1977, 1980) e Cabral (2011), a respeito da argumentação na língua; nos estudos de Kock (2011) e Koch e Elias (2017), com relação aos operadores argumentativos; Marcuschi (2002, 2005), sobre gêneros textuais; Plantin (2008) Perelman e Olbrechts-Tyteca (2005), com os estudos sobre a retórica argumentativa; Bakhtin (2003), sobre a noção de gênero discursivo e Antunes (2009), com a semântica textual, principalmente na relação de sentido estabelecida pelos elementos da coesão textual. Os resultados das análises, nas produções escritas dos alunos demonstraram, ao final dessa pesquisa-ação, que o uso dos operadores argumentativos, nos artigos de opinião, passaram a atender de forma mais adequada aos propósitos comunicativos, uma vez que, empregados de maneira mais articulada, evidenciaram uma evolução, embora mínima no emprego efetivo desses elementos linguísticos, manifestada na tessitura textual das produções analisadas no corpus desse trabalho, contribuindo para uma argumentação mais concisa e, portanto, mais consistente na defesa dos pontos de vista.

      

     


  • Mostrar Abstract
  • Written text production requires constant practical mobilization, using strategies and didactic procedures that favor the appropriation of this important social practice. In this way, our research object refers to the use of argumentative operators in the texts produced by the students through the textual genre of opinion article. As a general objective, we propose with this work, to analyze the textual articulations present in the written production of the referred article in a class of the 9th grade of a public school in the municipality of Barcelona-RN. As for the specific objectives, the first was to apply the Didactic Sequence, suggested in DOLZ, NOVERRAZ and SCHINEUWLY (2004), as a pedagogical intervention proposal with the purpose of improving written production. As for the specific objectives, the first was to apply the Didactic Sequence, suggested in DOLZ, NOVERRAZ and SCHINEUWLY (2004), as a pedagogical intervention proposal with the purpose of improving written production. The second was to verify the student's evolutionary process regarding the argumentative textual construction in the opinion article genre, in their written productions. Regarding the methodology, our research consists of an action research, based on THIOLLENT (2011), with a qualitative approach, with an interpretive basis, in a class with 27 (twenty-seven) students enrolled in the 9th grade of Elementary School. This is because we use our own classroom as a laboratory where the teacher / researcher and the students were participants in the pedagogical intervention. For that, we applied, as an intervention, the Didactic Sequence, proposed by Dolz, Noverraz and Schineuwly (2004). In this perspective, we dialogue with the theoretical contributions of Textual Linguistics and Argumentative Semantics. We seek support from Adam (2008), regarding Textual Linguistics. Ducrot (1977, 1980) and Cabral (2011), regarding argumentation in the language. In the studies by Kock (2011) and Koch and Elias (2017), regarding argumentative operators; Marcuschi (2002, 2005), on textual genres; Plantin (2008) Perelman and Olbrechts-Tyteca (2005), with studies on argumentative rhetoric; Bakhtin (2003), on the notion of discursive genre and Antunes (2009), with textual semantics, mainly in the relation of meaning established by the elements of textual cohesion. The results of the analysis in the students' written productions, demonstrated, at the end of this action research, that the use of argumentative operators, in opinion articles, started to serve more adequately the communicative purposes. This is because, employed in a more articulated manner, they showed an evolution, although minimal in the effective use of these linguistic elements, manifested in the textual fabric of the productions analyzed in the corpus of this work, contributing to a more concise and, therefore, more consistent argument in the defense of viewpoints.

     

     

2
  • CLAUDIA GEAN CARNEIRO ARAUJO
  • PROJETOS DE LETRAMENTO: IMPACTOS NA APRENDIZAGEM DA ESCRITA DE DISCENTES DO ENSINO FUNDAMENTAL

  • Orientador : ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • MARISE ADRIANA MAMEDE GALVÃO
  • IVONEIDE BEZERRA DE ARAÚJO SANTOS MARQUES
  • Data: 17/04/2020

  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho tem como objeto de estudo os Projetos de Letramento, caracterizados como um dispositivo didático (OLIVEIRA, 2016) que se propõe à utilização de práticas reflexivas e coletivas relevantes para redimensionamento do ensino da leitura e da escrita no âmbito escolar. Nesse sentido, a presente pesquisa, nele explanada, traz um delineamento de como a escola pode ser uma agência de letramentos indispensável à criação de metodologias que possibilitem ao educando a vivência com atividades de leitura e escrita conectadas a contextos concretos de interação humana. Sendo assim, objetivamos investigar os impactos dos Projetos de Letramento para a melhoria da aprendizagem do aluno em termos de leitura e escrita. Desse modo, as nossas discussões estão fundamentadas nos postulados de autores que versam sobre Estudos de Letramento e, mais especificamente, sobre Projetos de Letramento KLEIMAN (1995, 2002, 2010); OLIVEIRA; TINOCO; SANTOS (2014), OLIVEIRA (2016) e ROJO (2009); na abordagem social dos gêneros (BAZERMAN, 2006); na Teoria Discursiva dos Gêneros (BAKHTIN, 2011). Metodologicamente, o trabalho baseia-se nos pressupostos da pesquisa-ação (THIOLLENT, 1986) e segue a abordagem qualitativa de dados (BOGDAN; BIKLEN, 1982). O corpus de análise constitui-se de material gerado durante o desenvolvimento da pesquisa por meio de entrevistas, rodas de conversa, palestras, entre outras atividades que vem contribuindo com a abordagem e circulação de diversificados gêneros do discurso. A pesquisa foi efetivada em uma turma de 6º ano de uma escola pública da cidade de São João do Sabugi-RN. A intervenção realizada, por meio de Projetos de Letramento, contribuiu para a aprendizagem da leitura e da escrita, haja vista os colaboradores da pesquisa vivenciarem situações concretas do uso da escrita ao estabelecerem um elo entre os conhecimentos escolares e os saberes socialmente construídos. Os resultados, parcialmente apresentados, apontam que os Projetos de Letramento favorecem à uma melhor qualidade do processo de ensino-aprendizagem, no que se refere à ressignificação das práticas de leitura e escrita no contexto escolar.

     


  • Mostrar Abstract
  • This paper aims to study Literature Projects, characterized as a didactic device (OLIVEIRA, 2016) that proposes to use reflective and collective practices relevant to the scaling up of reading and writing teaching in the school context. In this sense, the present research, in which it is explained, provides a delineation of how the school can be an agency of literacies indispensable to the creation of methodologies that enable the educating the experience with activities of reading and writing connected to concrete contexts of human interaction. Thus, we aim to investigate the impacts of Literacy Projects to improve student learning in terms of reading and writing. Thus, our discussions are based on the postulates of authors that deal with Literature Studies and more specifically on Literacy Projects KLEIMAN (1995, 2002, 2010); OLIVEIRA; TINOCO; SANTOS (2014), OLIVEIRA (2016) and ROJO (2009); in the social approach of genders (BAZERMAN, 2006); in Discursive Theory of Genres (BAKHTIN, 2011). Methodologically, the work is based on the assumptions of action research (THIOLLENT, 1986) and follows the qualitative data approach (BOGDAN; BIKLEN, 1982). The corpus of analysis consists of material generated during the development of the research through interviews, talk wheels, lectures, among other activities that has been contributing to the approach and circulation of diverse discourse genres. The research was carried out in a 6th grade class of a public school in the city of São João do Sabugi-RN. The intervention carried out through Literature Projects contributed to the learning of reading and writing, given that the collaborators of the research experience concrete situations of the use of writing in establishing a link between school knowledge and socially constructed knowledge. The results, partially presented, point out that the Literature Projects favor a better quality of the teaching-learning process, as regards the re-signification of reading and writing practices in the school context.

     

     
     
2019
Dissertações
1
  • FRANCISCA ERIK LARISSE NOGUEIRA LIMA
  • A VARIAÇÃO LINGUÍSTICA EM SALA DE AULA: MOTE PARA UMA SUPERAÇÃO DO PRECONCEITO LINGUÍSTICO

  • Orientador : MARIO LOURENCO DE MEDEIROS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • MARIO LOURENCO DE MEDEIROS
  • ROSANGELA ALVES DOS SANTOS BERNARDINO
  • Data: 15/02/2019

  • Mostrar Resumo
  • Um dos principais objetivos do ensino de língua materna é ampliar as competências linguísticas e comunicativas dos discentes capacitando-os para o uso da língua em diferentes contextos. Partindo de um viés etnográfico, essa pesquisa toma como aporte contribuições da sociolinguística e tem por objeto de estudo a compreensão e a superação do preconceito linguístico em sala de aula.  Tem por objetivo geral propiciar uma compreensão da existência de variedades linguísticas do português em relação à modalidade dessa língua considerada padrão. A partir desse pressuposto propusemos uma intervenção numa sala de aula de 9º ano do Ensino Fundamental de uma escola pública estadual, localizada em Fortaleza-CE, cujo intuito foi esclarecer aos alunos que a língua portuguesa não se resume a uma só modalidade e, menos ainda, às regras da gramática prescritiva. O preconceito linguístico, a variação linguística e a noção de “erro” presentes em Bagno (1999, 2007 e 2013) e em Bortoni-Ricardo (2005) se constituem contribuições teóricas dos estudos sociolinguísticos que ancoram nossa pesquisa. Buscamos responder à seguinte questão: como superar o preconceito linguístico em sala de aula? Entendemos que tal superação contribui para uma melhor convivência com esse fenômeno linguístico nas relações em sociedade. Para tanto propusemos atividades que abordam o conceito de língua, a história da língua portuguesa, bem como a existência de variedades linguísticas. A metodologia seguiu os pressupostos da pesquisa-ação de Vasconcelos (2006), de cunho qualitativo utilizando-se da estratégia pedagógica da sequência didática, nos termos propostos por Dolz, Noverraz & Schneuwly (2004).  Como resultado da pesquisa pudemos observar que os alunos nela envolvidos, ao final das etapas propostas pela sequência didática, passaram a melhor compreender os diferentes tipos e causas de variações linguísticas se constituindo tal entendimento como um fator necessário não apenas à compreensão, como também à superação do preconceito linguístico percebendo que diferentes contextos de uso permitem e até estimulam a materialização de diferentes variantes linguísticas.


  • Mostrar Abstract
  • .

2
  • ERIRÓBSON DANTAS DE LIMA
  • O LETRAMENTO LITERÁRIO PELA FICÇÃO CIENTÍFICA: A SALA DE AULA COMO LABORATÓRIO

  • Orientador : VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • MARIA SUELY DA COSTA
  • Data: 27/03/2019

  • Mostrar Resumo
  • A escolarização da literatura, apesar de praticada desde tempos imemoriais, constantemente é alvo de críticas e reflexões, gerando debates acerca das possibilidades metodológicas para tornar o acesso ao texto literário viável e significativo ao aluno. É notável a deficiência leitora dos estudantes brasileiros, principalmente quando se trata da leitura do texto literário. Garantir esse acesso à literatura, enquanto bem incompressível, é um desafio que se impõe ao professor de português, pois ele é o principal mediador, no contexto escolar, entre o estudante e a leitura literária. Destarte, este trabalho tem como ponto central o processo de letramento literário como uma via alternativa e emergente do ensino de literatura na escola, usando o gênero ficção científica como uma alternativa de acesso para uma experiência de leitura que seja significativa para o leitor. Para tanto, foi desenvolvida uma sequência básica que serviu como coleta de dados, com o intuito de tornar a leitura do texto literário algo atraente ao aluno. Este trabalho foi realizado com alunos do 9º ano do Ensino Fundamental de uma escola da rede municipal da cidade de São Pedro – RN, tendo como suporte metodológico qualitativo a pesquisa-ação, centrada no trabalho de Thiollent (THIOLLENT, 1986). A fundamentação teórica deste trabalho pauta-se nos estudos de COSSON (2007), na compreensão do lugar da literatura no contexto escolar e da sequência básica enquanto via de acesso ao texto literário; em Candido (CANDIDO, 2011), cujo ensaio, “O direito à literatura”, oferece importantes reflexões sobre a natureza do texto literário; além dos trabalhos de ROBERTS (2018), OTERO (1987) e TAVARES (1986), acerca do gênero ficção científica. Esperamos com este trabalho, a partir o uso do gênero ficção científica como elemento disparador do gosto pela leitura literária, fazer com que a leitura literária passe a ser um hábito na vida (não só escolar) do aluno.


  • Mostrar Abstract
  • The schooling of literature, although practiced since immemorial times, is constantly the subject of criticism and reflection, generating debates about the methodological possibilities to make access to the literary text viable and meaningful to the student. The reading deficiency of Brazilian students is remarkable, especially when it comes to reading the literary text. Ensuring this access to literature, while well incompressible, is a challenge imposed on the Portuguese teacher, since he is the main mediator, in the school context, between the student and the literary reading. Thus, this work focuses on the process of literary literacy as an alternative and emergent way of teaching literature at school, using the science fiction genre as a hypothesis of access to a reading experience that is meaningful to the reader. To do so, a didactic sequence will be developed, with the intention of making the reading of the literary text something attractive to the student. This work will be carried out with students of the 9th year of an Elementary Public School in the city of São Pedro - RN, with qualitative methodological support to action research, centered on the work of Thiollent (THIOLLENT, 1986). The theoretical basis of this work is based on the studies of Cosson (COSSON, 2007) in the understanding of the place of literature in the school context and of the didactic sequence as a way of accessing the literary text; in Candido (CANDIDO, 2011), whose essay “The Right to Literature” offers important reflections on the nature of the literary text; besides the works of Léo Godoy Otero (OTERO, 1987) and Bráulio Tavares (TAVARES, 1986), about the genre of science fiction. It is hoped that this work, which is in its process of execution, is based on the hypothesis that the use of the genre of science fiction as a triggering element of the taste for literary reading, to make literary reading a habit in life (not only at school ) of the student.

3
  • EMANOEL VICENTE DO NASCIMENTO
  • O PLANO DE TEXTO NO GÊNERO RELATO PESSOAL: UMA PROPOSTA DE INTERVENÇÃO EM AULA DE LÍNGUA PORTUGUESA


  • Orientador : MARISE ADRIANA MAMEDE GALVÃO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANANIAS AGOSTINHO DA SILVA
  • JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • MARISE ADRIANA MAMEDE GALVÃO
  • Data: 11/04/2019

  • Mostrar Resumo
  • Neste trabalho, elegemos como objeto de estudo o plano de texto materializado no gênero Relato Pessoal. Trata-se de umainvestigaçãodefinida a partir de problemas identificados nos textos escritos dos alunos do 7º Ano do ensino fundamental, quanto ao domínio do plano de texto do gênero Relato Pessoal, realizada em uma escola públicano estado da Paraíba. Nesse âmbito, observamos que os alunos não possuíam conhecimento que os tornassem capazes de produzir um texto com um plano definido, conectando o todo e as partes, a partir do reconhecimento de um gênero.Definimos, desse modo, investigar o texto escrito produzido por esses alunos, a fim de analisar como estes organizavam seus textos,de modo a cumprir uma função comunicativa específica. Teoricamente, assumimos uma visão interacional de língua,tendo o texto como objeto empírico e de ensino e aprendizagem, com base em discussões de alguns teóricos (ADAM, 2011; MARCUSCHI, 2008, KOCH, 2011). Refletimos sobre o plano de texto, na sua relação com o gênero discursivo Relato Pessoal, tendo sido a categoria definida na análise das produções textuais dos alunos, discussão subsidiada em Adam (2011) e Cabral (2013).  Do ponto de vista metodológico, nos orientamospela pesquisa-ação, haja vista nossa interferência na realidade escolar, objetivando o enfrentamento aos problemas relativos ao ensino de Língua Portuguesa, na nossa própria sala de aula. Nessa direção, adotamos uma abordagem qualitativa e interpretativa para análise dos dados obtidos, os textos dos alunos, a partir do contexto em que eles ocorreram, o que possibilitou a construção de seus significados. Para a constituição do corpus de investigação, seguimos as orientações de Dolz, Noverraz e Schneuwly (2004), no que se refere ao procedimento da sequência didática, com vistas à constituição do corpus e ao desenvolvimento da proposta de intervenção. Os resultados deste estudo apontaram que os alunos obtiveram avanços na estruturação dos planos de texto, bem como na utilização de sequências textuais narrativas, quando comparamos as versões inicial e final dos Relatos Pessoais.Tais resultados apontam para a eficácia do trabalho sistemático em sala de aula, com vistas à minimização de problemas detectados. O resultado desse trabalhocom os alunos também possibilitou a organização de uma coletânea de textos impressos, no gênero Relato Pessoal, apresentada para a comunidade escolar como produto final desta pesquisa.


  • Mostrar Abstract
  • In this work, we chose as object of study the text plan materialized in the genre Personal Reporting. It is an investigation defined from the problems identified in the written texts of the students of the 7th Year of elementary school, regarding the domain of the text plan of the genre Personal Report, carried out in a public school in the state of Paraíba. In this context, we observed that the students did not have the knowledge that would make them capable of producing a text with a definite plan, connecting the whole and the parts, from the recognition of a genre. In this way, we defined to investigate the written text produced by these students, in order to analyze how they organized their texts, in order to fulfill a specific communicative function. Theoretically, we take an interactive view of language, having the text as an empirical object and teaching and learning, based on discussions of some theorists (ADAM, 2011; MARCUSCHI, 2008, KOCH, 2011). We reflected on the text plan, in relation to the discursive genre Personal Report, having been the category defined in the analysis of the textual productions of the students, discussion subsidized in Adam (2011) and Cabral (2013). From the methodological point of view, we subsidize ourselves in action research, given our interference in school reality, aiming at confronting the problems related to Portuguese language teaching, in our own classroom. In this direction, we adopted a qualitative and interpretative approach to analyze the data obtained, the students' texts, from the context in which they occurred, which made possible the construction of their meanings. For the constitution of the corpus of research, we follow the guidelines of Dolz, Noverraz and Schneuwly (2004), regarding the procedure of the didactic sequence, with a view to the constitution of the corpus and to the development of the intervention proposal. The results of this study showed that the students obtained advances in the structuring of the text plans, as well as in the use of narrative textual sequences, when comparing the initial and final versions of Personal Reports. These results point to the effectiveness of systematic work in the classroom, with a view to minimizing detected problems. The result of this work with the students also allowed the organization of a collection of printed texts, in the Personal Report genre, presented to the school community as the final product of this research.

4
  • LAIANE RAMOS DE MEDEIROS
  • PROPOSTA DIDÁTICA PARA O ENSINO DA (NÃO) ASSUNÇÃO DA RESPONSABILIDADE ENUNCIATIVA NO GÊNERO DE DISCURSO ARTIGO DE OPINIÃO

  • Orientador : ALEXANDRO TEIXEIRA GOMES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ALEXANDRO TEIXEIRA GOMES
  • MARIA DAS GRACAS SOARES RODRIGUES
  • ADRIANA MORAIS JALES
  • Data: 10/05/2019

  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho está inserido no âmbito dos estudos da Análise Textual dos Discursos (doravante ATD), proposta pelo linguista J-M Adam, que estuda a produção co(n)textual de sentido por meio de textos concretos, a partir de determinados níveis ou planos de análise linguística. A pesquisa tem como objetivo identificar, descrever e analisar o fenômeno da (não) assunção da responsabilidade enunciativa em artigos de opinião produzidos por alunos do 9° ano do ensino fundamental e, em seguida, apresentar uma proposta de trabalho do fenômeno da (não) assunção da responsabilidade enunciativa, a partir do gênero de discurso em tela. Para o embasamento teórico recorrer-se-á, sobretudo, aos estudos de Adam (2011) e Gomes (2014). Em termos metodológicos, será analisado um corpus composto por cinco produções do gênero artigo de opinião, elaboradas por alunos do 9° ano do ensino fundamental, a partir das categorias de análise propostas por Gomes (2014). Nossa investigação apresenta dois momentos: o primeiro, referente à análise do fenômeno da responsabilidade enunciativa no gênero de discurso em questão; o segundo, a elaboração de uma proposta de sequência didática, considerando os pressupostos básicos da responsabilidade enunciativa na construção do propósito argumentativo do produtor do gênero artigo de opinião. Em relação ao primeiro momento, pode-se perceber os PDV materializados por meio de 67 ocorrências de marcas linguísticas de (não) assunção da responsabilidade enunciativa. Os dados nos mostram que há uma predominância do PDV do aluno, apesar de encontrarmos PDV de outras instâncias enunciativas. Entendemos que essa prevalência do PDV do aluno nas produções justifica-se por ser um gênero de discurso que permite que o autor do texto expresse sua opinião sobre uma determinada temática. Quanto à recorrência do PDV de outras instâncias enunciativas nos artigos de opiniões analisados, entendemos que o aluno faz uso das palavras de outrem para expressar seu ponto de vista, na busca de validar e/ou fortalecer seu argumento. Em relação ao segundo momento, em que se elabora uma proposta didática a partir do fenômeno da responsabilidade enunciativa, buscamos fazer com que ela contribua para o ensino da Língua Portuguesa, minimizando os problemas detectados na análise do corpus desta pesquisa, como, por exemplo, a dificuldade de uso dos argumentos de autoridade para sustentar o PDV do produtor do texto. Diante do exposto, esperamos, mediante este trabalho, contribuir com os estudos sobre a temática em pauta, bem como oferecer elementos para que o professor de língua portuguesa possa trabalhar com mais eficácia a questão das vozes presentes nos mais diversos textos veiculados em nossa sociedade.  


  • Mostrar Abstract
  • This work is inserted in the scope of the study of Textual Analysis of Discourse (hereinafter ATD), proposed by the linguist JM Adam, who studies the textual co-production of meaning by means of concrete texts, from certain levels or plans of analysis linguistics. The research aims to identify, describe and analyze the phenomenon of (non) assumption of declarative responsibility in articles of opinion produced by students of the 9th grade of elementary school and then present a proposal of work of the phenomenon of (no) assumption of enunciative responsibility, from the discursive genre on schedule. The theoretical basis will be based on the studies of Adam (2011) and Gomes (2014). In methodological terms, a corpus composed of five productions of the opinion article genre will be analyzed, elaborated by students of the 9th grade of elementary school, based on the categories of analysis proposed by Gomes (2014). Our research presents two moments: the first, referring to the analysis of the phenomenon of enunciative responsibility in the discourse genre in question; the second, the elaboration of a proposal of a didactic sequence, considering the basic assumptions of enunciative responsibility in the construction of the argumentative purpose of the producer of the genre article of opinion. In relation to the first moment, one can perceive the PDVs materialized by means of 67 occurrences of linguistic marks of (non) assumption of the declarative responsibility. The data show us that there is a predominance of the student's PDV, although we find PDV from other enunciative instances. We understand that this prevalence of the student's PDV in the productions is justified because it is a genre of discourse that allows the author of the text to express his opinion about a certain theme. Regarding the recurrence of the PDV of other instances in the articles of opinions analyzed, we understand that the student uses the words of others to express their point of view, in the search to validate and / or strengthen their argument. In relation to the second moment, in which a didactic proposal is elaborated from the phenomenon of enunciative responsibility, we seek to make it contribute to the teaching of the Portuguese  Language, minimizing the problems detected in the analysis of the corpus of this research, as the difficulty of using the arguments of authority to sustain the PDV of the producer of the text. In view of the argument exposed above, we hope, through this work, to contribute to the studies about the subject in question, as well as offer elements so that the Portuguese-speaking teacher can work more effectively the question of the voices present in the most diverse texts served in our society.

     

     

     

5
  • CLEUNICE CRISTINA SILVA ARAÚJO


  • A LITERATURA DE MASSA COMO FERRAMENTA PARA DESENVOLVER O GOSTO PELA LEITURA

  • Orientador : MARIA ASSUNCAO SILVA MEDEIROS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIA ASSUNCAO SILVA MEDEIROS
  • VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • MARIA SUELY DA COSTA
  • Data: 12/06/2019

  • Mostrar Resumo
  • Diante do crescente desinteresse pela leitura, é preciso encontrar meios que possam estimular os alunos a desenvolverem o hábito e o gosto pela leitura de maneira autônoma e prazerosa. Assim, é perceptível que todo o tradicionalismo no ensino da língua não tem levado em consideração uma ferramenta que, bem utilizada, pode servir como nova abordagem para a formação de leitores dentro e fora dos muros da escola. A Literatura de Massa tem despertado o interesse dos jovens pela leitura a partir de narrativas que se aproximam de suas realidades e faixa etária. Nesse sentido, este trabalho tem como objetivo geral desenvolver o gosto pela leitura, trazendo, consequentemente, avanços que a leitura proporciona no tocante ao uso da língua. Como objetivos específicos propomos inserir a Literatura de Massa nas atividades de sala de aula, a fim de avaliar a evolução dos alunos no que diz respeito ao gosto e ao hábito da leitura. Para tanto, seguimos uma abordagem qualitativa de caráter interpretativista, com foco na pesquisa-ação de acordo com Thiollent (2013). A escolha do presente gênero como objeto de estudo se justifica por se tratar de uma linguagem que envolve o imaginário do leitor, e, ainda assim, pode tratar de temas atuais importantes e desenvolver, não apenas o domínio da Língua Portuguesa, mas cuja leitura pode desenvolver a capacidade crítica do aluno. Este estudo tem sua relevância em virtude de tratar de uma ferramenta diferente, que foge ao tradicionalismo da Literatura Clássica e inova o trabalho com a leitura, embora uma não exclua a outra. O corpus desta pesquisa consiste na obra da literatura estrangeira Starters, livro de ficção científica, um dos gêneros da Literatura de Massa, escolhido pelos próprios alunos, o qual foi trabalhado nas oficinas de leitura e produção de texto, como também serviu de ancoragem para associar o referencial teórico adotado nesta pesquisa. O trabalho foi realizado numa escola municipal na cidade de Jucurutu, numa turma de 8º ano do EF. Para desenvolver a pesquisa em sala de aula, apropriamo-nos da Sequência Didática como estratégia para desenvolver o prazer pela leitura através dos gêneros da Literatura de Massa. Foram tomados como referenciais teóricos Bakhtin (2003), Marcushi (2008), Sodré (1998) e em Irandé (2009) para entender a dimensão dos gêneros textuais. Já em Seibert (2015), Gagliari (2002), Solé (1998), Freire (1992) e Lajolo (1988), Koch e Elias (2009), Tavela (2010), Ceccantini (2006), aprofundamos o debate sobre as estratégias de leitura e sua relevância.  Em relação à SD utilizamos o modelo proposto por Schneuwly, Noverraz e Dolz (2013). Nas análises, procuramos observar como se dá essa intervenção e como esse gênero contribuiu para aproximar os alunos de forma natural da leitura. Na SD, foram produzidas oficinas de leitura, debates, trabalhamos com estudo dos gêneros, produções textuais, vocabulário e domínio da linguagem, inferência e coerência. Além de propostas de atividades para iniciar a leitura e sugestões de títulos. Assim, podemos afirmar que os resultados alcançados a partir da leitura dos Gêneros de Massa em sala de aula foram positivos, uma vez que identificamos que através do uso dessa literatura surgem novos leitores, que leem diariamente por conta própria, com avanços significativos. Desse modo, mesmo enfrentando algumas dificuldades ao longo da intervenção, percebemos um novo olhar da maioria dos alunos sobre o ato de ler, a partir de livros que se aproximam do seu cotidiano, tornando-se significativo e eficaz para sua vida escolar e social.


  • Mostrar Abstract
  • In the face of growing disinterest for reading, it is necessary to find ways that can stimulate students to develop the habit and the like for reading autonomously and enjoyable. Thus, it is noticeable that all the traditionalism in language teaching has not taken into consideration a tool that, well used, can serve as a new approach to the formation of readers inside and outside the walls of the school Mass literature has awakened the interest of young people for reading from narratives that approach their realities and age group. In this sense, this work aims to develop a taste for general reading, bringing thus advances that reading provides for the use of the language. As specific objectives, we propose inserting the mass Literature in the classroom, in order to evaluate the progress of students with regard to the taste and to the habit of reading. To this end, we follow a qualitative approach of interviewing character, with a focus on action research in accordance with Thiollent (2013). The choice of this genre as an object of study is justified because it is a language that involves the reader's imagination, and yet can treat current important themes and develop, not just the domain of the Portuguese Language, but can be read develop the student's critical ability. This study has relevance because of your dealing with a different tool, that beyond traditionalism of classical literature and innovates work with reading, although one does not delete the other. The corpus of this research consists in the work of foreign literature Starters, science fiction novel, one of the genres of literature, chosen by the students themselves, which was crafted in the workshops of reading and text production, but also served as an anchoring to associate the theoretical framework adopted in this research. The work was carried out in a municipal school in the city of Jucurutu, in a class of eighth-graders of the ES. To develop research in the classroom, we took ownership in the Didactic sequence as a strategy to develop the pleasure by reading through the genres of literature. We took as theoretical references Bakhtin (2003), Marcushi (2008), Shafiq (1998) and Irandé (2009) to understand the dimension of the text genres. Concerning Seibert (2015), Gagliari (2002), Solé (1998), Freire (1992) and Lajolo (1988), Koch and Elias (2009), Tavela (2010), Ceccantini (2006), we have pointed out the debate on the strategies of reading and its relevance. Regarding SD, we used the model proposed by Schneuwly, Noverraz and Dolz (2013). In the analyses, we tried to observe how this intervention is given and how this genre contributed to bring students closer to the natural way of reading. In the SD, reading workshops, debates, work with the study of genres, textual productions, vocabulary and mastery of language, inference and coherence were produced. In addition to proposals for activities to start reading and suggestions for titles. Thus, we can affirm that the results obtained from the reading of the mass genre in the classroom were positive, since we identified that through the use of this literature new readers emerge, who read daily on their own, with advances Significant. Thus, even facing some difficulties throughout the intervention, we perceive a new look of the majority of students about the act of reading, from books that approach their daily lives, becoming meaningful and effective for their school and social life.

6
  • IAPONIRA COSTA
  • A PAZ? AH, PAZ! HÁ PAZ: LEITURAS DE PAZ MEDIADAS PELAS NOVAS TECNOLOGIAS

  • Orientador : VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • NADIA MARIA SILVEIRA COSTA DE MELO
  • Data: 12/06/2019

  • Mostrar Resumo
  • Nos primeiros anos do século XXI, se acentuou o uso da tecnologia que retirou a leitura de sua zona de conforto, que era o livro, e deu a ela um novo mundo – o midiático – responsável por fazê-la circular das mais variadas formas possíveis: blogs, sites, vlogs, redes sociais, através de vídeo, áudio ou atrelada às imagens. O fato é que a leitura agora chega a espaços para além do escolar e a leitores para além dos escolarizados. Este estudo intitulado, A paz? Ah, paz! Há paz: leituras de paz mediadas pelas novas tecnologias investigou sobre como utilizar as Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação (TDIC) na realização de diversas estratégias de leitura, com o objetivo principal de promover os sentimentos de valorização e autoestima em relação à cultura da paz na escola e na sociedade, além de possibilitar ao aluno, através dessas variadas formas de ler e registrar o mundo, a produção, publicação e principalmente, compartilhamento de ideias e novos conhecimentos. Também vale ressaltar a reflexão suscitada por esta pesquisa em relação ao papel do professor nesse contexto, e a importância da formação continuada como fator imprescindível para o uso pedagógico das TDIC no ambiente escolar. Como referencial teórico, trouxemos a concepção de leitura apresentada por Koch e Elias (2006), ratificada pelos Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN) e pela Base Nacional Comum Curricular (BNCC), além dos estudos de Solé (1998) quanto às estratégias de leitura. A metodologia utilizada foi a da pesquisa-ação, de cunho qualitativo, tendo como parâmetro os estudos de Dionne (2007) e Thiollent (1988). A pesquisa ainda se valeu dos estudos de Moran (2000) e Masetto (2009) que tratam das novas tecnologias no cenário educacional. Para o desenvolvimento da intervenção, elaboramos uma sequência didática, subsidiada nos pressupostos teóricos de Rildo Cosson (2014), denominada de “sequência básica”. Essa atividade interventiva, aplicada em uma turma de 8ª ano do ensino fundamental, de uma escola estadual, localizada na zona urbana da cidade de Caicó/RN, foi desenvolvida em 10 oficinas, partindo do contato com a poesia, passando por letras de canções, pesquisas biográficas, produção de mural e videopoemas, releitura de textos, declamações e coreografias. Todas essas expressões mediadas pelas TDIC. Desse modo, considerando a importância da mediação para uma aprendizagem significativa, este estudo propôs um processo de escuta ativa, sistematizando vozes e práticas do coletivo, possibilitando descobertas e o trabalho com leitura aliado às TDIC.
     

  • Mostrar Abstract
  • In the early years of the 21st century, the use of technology was accelerated and removed the reading of its comfort zone, which was the book, and gave it a new world – the media – responsible for keeping it circulating in the most varied possible ways: blogs, sites, vlogs, social networks, through video, audio, or attached to the images. The fact is that reading now reaches beyond school spaces and to readers beyond the educated ones. This study entitled, Peace? Oh, peace! There is peace: peace readings mediated by new technologies investigated on how to use the Digital Information and Communication Technologies (TDIC) in several reading strategies, with the main objective to promote the feelings of valuation and self-esteem in relation to the culture of peace at school and in society, in addition to enabling the student, through these different ways to read and record the world, production, publication and specially sharing of ideas and new knowledge. Also it is worth mentioning the reflection raised by this research in relation to the role of the teacher in this context, and the importance of continuing education as an essential factor for the pedagogical use of TDIC in the school environment. As theoretical reference, we brought the concept of reading by Koch and Elias (2006), ratified by the National Curricular Parameters (PCN) and by the National Common Curricular Base (BNCC), in addition to the studies of Solé (1998) as for the strategies of reading. The methodology used was that of action research, qualitative oriented, having as parameter the Dionne studies (2007) and Thiollent (1988). The research is still worth studying Moran (2000) and Masetto (2009) dealing with new technologies in the educational setting. For the development of the intervention, we elaborated a didactic sequence, subsidized in the theoretical assumptions of Rildo Cosson (2014), called "basic sequence".
    This Interventional activity, applied in a class of 8th grade of elementary school, in a State school, located in the urban area of the city of Caicó/RN, was developed in 10 workshops, assuming contact with poetry through song lyrics, research Biographical, production of wall and video poems, rereading of texts, declamations and choreography. All these expressions were mediated by the TDIC. Thus, considering the importance of mediation for meaningful learning, this study proposed a process of active listening, systemizing the voices and practices of the collective, enabling discoveries and work with reading allied to theTDIC.

7
  • RENILSON NÓBREGA GOMES
  • A DIDATIZAÇÃO DO GÊNERO CARTA DE LEITOR COM FOCO NA INTERAÇÃO: UMA PROPOSTA DE ENSINO E APRENDIZAGEM DE LÍNGUA PORTUGUESA

  • Orientador : MARCIO SALES SANTIAGO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • JÚLIO CESAR ROSA DE ARAÚJO
  • MARCIO SALES SANTIAGO
  • Data: 11/09/2019

  • Mostrar Resumo
  • Esta dissertação explana um estudo em que propusemos a didatização do gênero textual carta de leitor com foco na interação, pontuando a relevância dessa prática abrir perspectivas para que a produção textual escolar oportunize o encontro do aluno-escritor com um leitor, por meio da escrita. Como sabemos, na aula de Língua Portuguesa, as produções textuais têm se efetivado mais como atividade do que para estabelecer interação. Partimos do seguinte questionamento: quais conhecimentos o aluno deverá dominar para empregar na escrita que se propõe como interação no processo de didatização de um gênero textual? Nesse sentido, reconhecemos a prática de ensino que prepara o aluno disponibilizando saberes que o oriente na produção de textos que circulará socialmente, tendo um leitor para os seus textos. Apontamos como objetivo geral investigar o texto produzido pelo aluno no gênero carta de leitor. Esse gênero foi escolhido para atestar a meta investigada com base nos postulados de autores distribuídos de acordo com os tópicos que constituem a fundamentação teórica apresentada no segundo capítulo deste trabalho. Assim, no tópico Concepções de escrita, explanamos os postulados de Koch e Elias (2017), Pietri (2007) e Serafini (2003); no tópico Linguagem e Comunicação, referenciamos pautado no que expressam Koch (2013), Brito (1984) e Serafini (2003); no tópico A prática da escrita no cotidiano social e escolar, citamos Antunes (2003), Cavalcante (2008) e Paz (2010); no tópico Avaliação e aprimoramento de texto, fundamentamos a partir das afirmações abordadas por Abaurre e Abaurre (2012), Ruiz (2010) e Serafini (2003); no tópico A escrita do gênero carta de leitor, fazemos usos do que asseveram Alves Filho (2011), Bezerra (2005) e Costa  (2018) e no tópico A didatização da escrita escolar, sistematizamos o que postulam Antunes (2014), Arcoverde e Arcoverde (2007), Faraco (2008), Gurgel (2018) e Neves (2006), dentre outros autores. Na execução da intervenção, utilizamos uma sequência didática amparando-nos no que dizem Dolz, Noverraz e Schneuwly (2004), na pretensão de efetivar a concepção de escrita que apontamos como proposta desse nosso trabalho. A pesquisa se pauta nas orientações da Linguística Aplicada representada, neste trabalho, pelos estudiosos Rojo (2006) e Moita Lopes (2006). Também é qualitativa por se tratar de uma investigação voltada para os aspectos qualitativos de uma situação-problema (BOGDAN; BIKLEN, 1994), (BORTONI-RICARDO, 2008) e (GUERRA, 2014) e do tipo pesquisa-ação ao permitir que o pesquisador intervenha dentro de um problema social e aprimore a sua área de trabalho, no caso, na sala de aula, precisamente na modalidade da língua escrita. O público participante da pesquisa são alunos do 7º ano do EF de uma escola pública do município de Tenório-PB. Como resultado, observamos que há condição do aluno usar a escrita para interagir por meio dos seus textos ao empregar, com adequação, conhecimentos linguísticos, enciclopédicos, textuais e interacionais na sua produção textual, como orienta Koch e Elias (2017). Para isso, a carta de leitor foi escolarizada, além das possibilidades de escrita que se vinha efetivando em contexto escolar, orientando e oferecendo ao aluno, um espaço para a sua publicação, partindo de a sala de aula até chegar a outras dimensões, por meio de suportes como blog, jornal e revista usados como produto final da pesquisa.


  • Mostrar Abstract
  • .

8
  • TEREZA CRISTINA NUNES DE OLIVEIRA
  • A VARIAÇÃO LINGUÍSTICA NO GÊNERO TIRINHA: UMA PROPOSTA DE INTERVENÇÃO NAS AULAS DE LÍNGUA PORTUGUESA NO ENSINO FUNDAMENTAL II

  • Orientador : MARCIO SALES SANTIAGO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • EDMAR PEIXOTO DE LIMA
  • MARCIO SALES SANTIAGO
  • URBANO CAVALCANTE DA SILVA FILHO
  • Data: 13/09/2019

  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho objetiva investigar as variações linguísticas da língua portuguesa, através de análises linguísticas no gênero textual tirinha, especialmente do personagem Chico Bento. Este estudo busca reconhecer as variações existentes em alguns contextos de seus falantes, e por meio de textos discutir a intencionalidade delas, à medida que haja constatação sobre esses fenômenos que integram a língua portuguesa. A partir disso, propõe-se que haja uma postura de valorização para que dessa maneira estimule um combate ao preconceito linguístico, como também um aprimoramento das competências linguísticas dos envolvidos neste trabalho. O objeto em estudo partiu de uma inquietude causada no ambiente das aulas de língua portuguesa, à proporção em que os aprendizes se deparavam com aspectos da língua que não condiziam regularmente com a sua realidade. Para isto, a pesquisa tem como embasamento teórico os estudos sociolinguísticos de Bagno (2007; 2009; 2013), Bortoni-Ricardo (2004;2005), Labov (2008), Faraco (2008) e Antunes (2007). Para estudos relativos a texto e gênero, abordamos os trabalhos de Antunes (2010; 2009), Marcuschi (2008), Dolz e Schneuwly (2004) e Koch (2012). Na metodologia, fundamentada nos pressupostos dos teóricos Thiollent (2011), Flick (2009) e Zabala (1998), foi desenvolvida uma pesquisa-ação, através da elaboração de uma sequência didática que pudesse, a partir de um gênero textual, motivar um envolvimento dos alunos para a função comunicativa da escrita, e principalmente analisar as variações linguísticas como uma prática social e assim anular o conceito de erro que elas possuem. Os resultados obtidos demonstraram que a proposta de intervenção didática obteve êxito em seus objetivos, tendo em vista que os alunos puderam compreender que as variações linguísticas são fenômenos inerentes da nossa língua. Conferiu-se essa concepção através de momentos de reflexões e discussões, que favoreceram mudanças na visão de cada um sobre a língua portuguesa. Ainda puderam constatar que não há como considerar uma língua mais correta ou não, mas aquela adequada, principalmente em relação aos falantes das comunidades rurais, posto que não é uma linguagem especificamente deles, já que podemos encontrá-las em outros contextos também. Com isso, foi possível compreender que nenhuma linguagem deverá ser desprezada, já que não existe homogeneidade nela.


  • Mostrar Abstract
  • This work aims to investigate the linguistic varieties of the Portuguese language, through the linguistic analysis about the comic trip, specifically the character Chico Bento. This study looks to recognize the existent variations in some contexts of his speakers, and through texts discuss their intencionalidade, while there is observation on these phenomena that integrate the Portuguese language. From that, one proposes that there is a posture of increase in value so that in this way it stimulates a combat to the linguistic prejudice, just as an aprimoramento of the linguistic competences of the wrapped ones in this work. The object in study left from an anxiety caused in the environment of the classrooms of Portuguese language, to the proportion in which the apprentices were coming across aspects of the language that were not matching regularly his reality. For this, the inquiry takes the studies as a theoretical foundation sociolinguísticos of Bagno (2007; 2009; 2013), Bortoni-Ricardo (2004; 2005), Labov (2008), Faraco (2008) and Antunes (2007). For studies relative to text and type, we board the works of Antunes (2010; 2009), Marcuschi (2008), Dolz and Schneuwly (2004) and Koch (2012). In the methodology based on the presuppositions of the theoreticians Thiollent (2011), Flick (2009) and Zabala (1998), was developed an inquiry-action, through the preparation of an educational sequence that could, from a textual type, cause an involvement of the pupils for the communicative function of the writing, and mainly analyse the linguistic variations as a social practice and so cancel the concept of mistake that they have. The obtained results demonstrated that the proposal of educational intervention obtained result in his objectives, having in mind that the pupils could understand that the linguistic variations are inherent phenomena of our language. It gave itself this conception through moments of reflections and discussions, which favored changes in the vision of each one on the Portuguese language. They could still note than there is no way to consider a more correct language or not, but appropriate that one, mainly regarding the speakers of the rural communities, although it is not a language specifically of them, since we can find them in other contexts also. Therewith it was possible to understand that no language should be neglected, since there is no homogeneity in it.

9
  • RAPHAEL DANTAS DE OLIVEIRA
  • O FENÔMENO DA RESPONSABILIDADE ENUNCIATIVA A PARTIR DO GÊNERO DE DISCURSO CARTA DO LEITOR: UMA PROPOSTA DIDÁTICA PARA ESTUDANTES DO ENSINO FUNDAMENTAL

  • Orientador : ALEXANDRO TEIXEIRA GOMES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ALEXANDRO TEIXEIRA GOMES
  • MARISE ADRIANA MAMEDE GALVÃO
  • URBANO CAVALCANTE DA SILVA FILHO
  • Data: 13/09/2019

  • Mostrar Resumo
  • Considerando o nosso entendimento de que, quando falamos ou escrevemos, deixamos marcas que identificam quem é o responsável pelo dizer no texto, esta pesquisa teve como objetivo analisar o fenômeno da (não) assunção da Responsabilidade Enunciativa no gênero de discurso carta do leitor. Para fundamentar teoricamente o nosso trabalho, orientamo-nos por Adam (1997, 1999, 2011, 2012), Alves Filho (2011), Antunes (2009, 2010), Baktin (2011), Bezerra (2010), Gomes (2014, 2015), Fávero e Koch (1998, 2012), Koch (1997, 2002, 2013), Marcushi (2002, 2008, 2010), Passeggi et. al. (2010), Rodrigues et al. (2010), entre outros. Do ponto de vista da pesquisa-ação, nos fundamentamos em Thiollent (2011), cujo problema analisado, em sala de aula, contou com o direcionamento do professor titular e pesquisador da turma, além dos alunos envolvidos no processo. Do ponto de vista da Sequência Didática (SD), seguimos os aportes de Dolz, Scheneuly e Noverraz (2011), com o propósito de escolarizar o gênero de discurso carta do leitor e solicitar a sua produção após a orientação do conhecimento linguístico pesquisado, objetivando também observar como os alunos se expressam no próprio texto. Nosso corpus é composto por 16 cartas produzidas por alunos do 7º ano do Ensino Fundamental de uma escola pública na cidade de Jardim do Seridó-RN. Em relação aos resultados, podemos afirmar que há uma predominância da voz do aluno, apesar de encontrarmos, em pequena recorrência, a voz de outras fontes enunciativas, a exemplo da articulista Rosely Sayão, autora do artigo que motivou a escrita das cartas do leitor analisadas neste trabalho. Em relação às marcas linguísticas identificadas nas cartas do leitor analisadas, temos: índices de pessoas, conectores, asserções, adjetivos, advérbios, verbos na 1ª pessoa do singular, verbos na 1ª pessoa do plural, verbos na 3ª pessoal do singular, modalizadores, entre outros. Todas essas marcas ajudaram na identificação das vozes presentes no texto e se tornaram de grande importância na orientação argumentativa do enunciador. Podemos apontar, ainda, diversos efeitos de sentido construídos pelas vozes presentes no texto, a saber: opinião contrária ao uso excessivo do celular e apropriação da voz do outro para influenciar o Ponto de Vista (PdV) do interlocutor, entre outros. Por fim, além do aporte teórico sistematizado e da análise e discussão dos dados obtidos, sistematizamos a proposta didática por nós criada em sintonia com a experiência vivenciada, com o escopo de divulgar a temática estudada na pretensão dessa servir de orientação e ser aplicada em turmas de aluno dos anos finais do Ensino Fundamental com o gênero de discurso carta do leitor ou outro gênero de interesse do professor. Assim, culminamos um estudo que oportunizou, a partir dos resultados obtidos, percebermos que quando usamos a linguagem, nossa imagem fica no texto, podendo ser reconhecida a partir do que evidencia o fenômeno da Responsabilidade Enunciativa, devendo, portanto, assumirmos o dito no texto, uma vez que esse desconsidera a fuga diante das marcas empregadas na explanação das informações registrados por meio da escrita.


  • Mostrar Abstract
  •  

    Considering our understanding that when we speak or write, we leave marks that identify who is responsible for saying in the text, this research aimed to analyze the phenomenon of the (no) assumption of Enunciative Responsibility in the discourse genre of the reader's letter. To theoretically substantiate our work, we are guided by Adam (1997, 1999, 2011, 2012), Alves Filho (2011), Antunes (2009, 2010), Baktin (2011), Bezerra (2010), Gomes (2014, 2015), Fávero and Koch (1998, 2012), Koch (1997, 2002, 2013), Marcushi (2002, 2008, 2010), Passeggi et. al. (2010), Rodrigues et al. (2010), among others. From the point of view of action research, we are based on Thiollent (2011), whose problem analyzed in the classroom was directed by the head teacher and class researcher, as well as the students involved in the process. From the point of view of the Didactic Sequence (DS), we follow the contributions of Dolz, Scheneuly and Noverraz (2011), with the purpose of schooling the reader's letter speech genre and request its production after the orientation of the searched linguistic knowledge, aiming also observe how students express themselves in the text itself. Our corpus consists of 16 letters produced by students of 7th grade of elementary school from a public school in the city of Jardim do Seridó-RN. Regarding the results, we can say that there is a predominance of the student's voice, although we find, in a slight recurrence, the voice of other enunciative sources, such as the writer Rosely Sayão, author of the article that motivated the writing of the reader's letters analyzed. in this research. Regarding the linguistic marks identified in the analyzed reader's letters, we have: indices of people, connectors, assertions, adjectives, adverbs, verbs in 1st person singular, verbs in 1st person plural, verbs in 3rd person singular, modalizers, among others. All these marks helped in identifying the voices present in the text and became of great importance in the argumentative orientation of the enunciator. We can also point out several meaning effects constructed by the voices present in the text, namely: opinion contrary to the excessive use of the cell phone and appropriation of the other's voice to influence the point of view of the interlocutor, among others. Finally, besides the systematized theoretical contribution and the analysis and discussion of the obtained data, we systematized the didactic proposal created by us in line with the lived experience, with the scope of disseminating the theme studied in order to serve as guidance and to be applied in classes of students of the final years of elementary school with the discourse genre reader's letter or other genre of interest of the teacher. Thus, we culminated in a study that made it possible, from the results obtained, to realize that when we use language, our image is in the text, and can be recognized from what evidences the phenomenon of Enunciative Responsibility. Therefore, we should assume what is said in the text, since it disregards the escape from the marks used in the explanation of information recorded through writing.

10
  • FRANCISCO DAS CHAGAS MEDEIROS DE SOUZA
  • LETRAMENTO ESCOLAR: UMA PROPOSTA PARA A MELHORIA DA COMPREENSÃO DOS ALUNOS EM ENUNCIADOS DE QUESTÕES DE ATIVIDADES AVALIATIVAS


  • Orientador : ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • NADIA MARIA SILVEIRA COSTA DE MELO
  • Data: 04/10/2019

  • Mostrar Resumo
  • Utilizar a linguagem de modo proficiente, atendendo às necessidades impelidas pelas interações sociais, é uma necessidade à qual o ensino de Língua Portuguesa busca atender, de maneira que assume como principal objetivo de suas aulas a ampliação da competência referente à leitura e compreensão de textos, materializados nos mais diversos gêneros utilizados nos mais diferentes contextos de uso da língua. No que tange ao uso da referida competência em sala de aula de quaisquer disciplinas, verifica-se, contudo, uma dificuldade bastante significativa por parte dos alunos quando solicitados a responder as questões de atividades avaliativas, sendo apresentado elevado grau de incompreensão diante dos Enunciados de Questões. Em função disso, este estudo tem por objetivo investigar os aspectos que dificultam a compreensão dos alunos na leitura de enunciados de questões de atividades avaliativas. Para tanto, é desenvolvido um Projeto Didático de Gêneros (PDG) a fim de contribuir com o melhor desempenho do aluno na leitura e compreensão dos enunciados de questões. Esta pesquisa é realizada com alunos do 8º ano do Ensino Fundamental de uma escola pública da rede estadual de ensino na Cidade do Natal – RN e assume uma abordagem de cunho qualitativo com foco na pesquisa-ação, fundamentada nas perspectivas de Bodgan; Biklen (1994), Flick (2009) e Thiollent (2005). No que concerne à fundamentação teórica, concebe-se a leitura, bem como seu ensino, a partir dos construtos de autores como Solé (2013; 2014), Antunes (2003), Alliende; Condemarín (2005) e Koch; Elias (2009); toma-se como suporte acerca da concepção de texto os estudos de Koch (2015; 2016), Antunes (2010) e Marcuschi (2008); discute-se os gêneros seguindo os pressupostos de Bakhtin (2010 [1992]) e Bronckart (1999); e aborda-se o gênero enunciado de questões a partir das abordagens de Paz (2001) e Lino de Araújo (2017). A partir dos resultados da pesquisa, ora em execução, pretende-se amenizar as dificuldades de compreensão dos alunos em relação aos enunciados de questões de forma a obterem melhores resultados nas atividades avaliativas e, consequentemente, a ampliação da competência leitora e compreensiva dos alunos para as variadas situações comunicativas cotidianas.


  • Mostrar Abstract
  • Using the language in a proficient way, attending to the needs impelled by the social interactions, is a necessity that the Portuguese Language teaching seeks to attend, in a way that assumes as main objective of its classes the extension of the competence regarding the reading and understanding of texts, materialized in the most diverse genres used in the most different contexts of language use. Regarding the use of this competence in the classroom of any subject, however, there is a rather significant difficulty on the part of the students when asked to answer the questions of evaluative activities, being presented a high degree of incomprehension in relation to the Utterance of Questions. Therefore, this study aims to investigate the aspects that make it difficult for students to understand the reading of utterance of questions of evaluative activities. For that, a Gender Didactic Project (PDG) is developed in order to contribute to the student's better performance in reading and understanding the question utterance. This research is carried out with students of the 8th grade of Elementary School of a public school of the state school network in the city of Natal - RN and adopts a qualitative approach focusing on action research, based on the perspectives of Bodgan; Biklen (1994), Flick (2009) and Thiollent (2005). As regards the theoretical basis, reading and teaching are conceived from the constructs of authors such as Solé (2013, 2014), Antunes (2003), Alliende; Condemarín (2005) and Koch; Elias (2009); the studies of Koch (2015; 2016), Antunes (2010) and Marcuschi (2008); the genres are discussed following the assumptions of Bakhtin (2010 [1992]) and Bronckart (1999); and addresses the Question Utterance Gender based on the approaches of Paz (2001) and Lino de Araújo (2017). From the results of the research, which is currently underway, it is intended to alleviate the students 'comprehension difficulties in relation to the questions utterance in order to obtain better results in the evaluation activities and, consequently, to increase the students' reading and comprehension competence for the everyday communicative situations.

     

11
  • EDVANILSON DE OLIVEIRA

  • A PRODUÇÃO ESCRITA NO 9º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL:

    UM ESTUDO DO GÊNERO TEXTUAL CRÔNICA

  • Orientador : MARIA ASSUNCAO SILVA MEDEIROS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIA ASSUNCAO SILVA MEDEIROS
  • JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • NADIA MARIA SILVEIRA COSTA DE MELO
  • Data: 11/10/2019

  • Mostrar Resumo
  •  

     

    O trabalho com a escrita tem sido cada vez mais difícil em nossas escolas. Nossos alunos, em sua maioria, são oriundos de famílias menos favorecidas e vivem em ambientes com pouco, ou sem nenhum incentivo à leitura, como também à escrita. Esse motivo dificulta o trabalho em sala de aula, pois o desestímulo é bastante presente, razão pela qual encontram dificuldades na aquisição da linguagem escrita, como também na prática de leitura. Diante disso, entendemos que é na escola que podemos proporcionar meios para que esses alunos possam minimizar essas dificuldades. Nosso objetivo principal foi investigar os textos escritos produzidos pelos alunos do 9º ano do EF, a partir do gênero textual crônica, através da aplicação de Sequência Didática (SD). Justificamos a escolha desse gênero pelas suas características em relatar, descrever, apresentar fatos do cotidiano, o que possibilitou a imersão dos estudantes em práticas leitoras e (re)criação de suas próprias produções textuais. Percebemos que esta pesquisa apresenta sua relevância no sentido de poder contribuir para o ensino de Língua Portuguesa e aperfeiçoar a experiência, enquanto professor que se dedica à melhoria da leitura e da escrita em sala de aula. Embora nosso objeto de estudo seja a escrita, não devemos desenvolver essa sem aquela, pois não se produz texto sem primeiro termos lido sobre o gênero estudado. Para desenvolvermos esse trabalho, através da aplicação de sequência didática, tomamos como referência os estudos de Dolz e Schneuwly (2004). Com relação à metodologia, optamos por uma pesquisa-ação, com os estudos de Dionne, (2007); Thiollent (1988) e, com base na pesquisa qualitativa, Moreira (2006). Nosso trabalho teve como público alvo os alunos da turma do 9º ano do ensino fundamental, do município de Tenente Laurentino Cruz/RN. Para a análise dos textos dos alunos seguimos os estudos de Marcuschi (2008); Bakhtin (2003). Constatamos, em todo esse processo, que a escolha do gênero textual “crônica”, para a realização desse trabalho, foi um facilitador, uma vez que é um gênero com características da realidade dos alunos, em que “tudo pode virar crônica”, conforme sempre ouviram do professor.  Além de apresentar temas do cotidiano, a linguagem é simples, é um texto curto e fácil de produzir, em que escrever deixou de ser um desafio e passou a ser uma realidade. Desse modo, durante o processo da produção final vimos que, diferentemente da produção inicial, os alunos apresentaram maior domínio e facilidade ao escrever. Isso resultou numa coletânea de textos, no gênero crônica que denominamos de “Caderno de crônicas: narrando o cotidiano”. Portanto, só foi possível desenvolver esse trabalho, em sala de aula de Língua Portuguesa no EF, mediante a oportunidade de cursar o Mestrado Profissional em Letras em Rede Nacional – PROFLETRAS.                 

     

     


  • Mostrar Abstract
  •  

    Working with writing has been increasingly difficult in our schools. Most of our students come from underprivileged families and live in environments with little or no incentive to read or write. This reason makes it difficult to work in the classroom, because the discouragement is very present, which is why they find difficulties in the acquisition of written language, as well as in the practice of reading. Given this, we understand that it is at school that we can provide means for these students to minimize these difficulties. Our main objective was to investigate the written texts produced by the 9th grade students of the EF, from the chronic textual genre, through the application of Didactic Sequence (SD). We justify the choice of this genre for its characteristics in reporting, describing, presenting everyday facts, which allowed the immersion of students in reading practices and (re) creation of their own textual productions. We realize that this research presents its relevance in that it can contribute to the teaching of Portuguese Language and improve the experience as a teacher who is dedicated to improving reading and writing in the classroom. Although our object of study is writing, we should not develop this without that, because text is not produced without first reading about the genre studied. To develop this work through the application of didactic sequence, we take as reference the studies by Dolz and Schneuwly (2004). Regarding the methodology, we opted for an action research, with the studies of Dionne, (2007); Thiollent (1988) and, based on qualitative research, Moreira (2006). Our work had as target audience the students of the 9th grade elementary school, from the city of Tenente Laurentino Cruz / RN. For the analysis of the students texts we follow the studies of Marcuschi (2008); Bakhtin (2003). We found throughout this process that the choice of the “chronic” textual genre for this work was a facilitator, since it is a genre with characteristics of the students' reality, where “everything can become chronic”, as always heard from the teacher. In addition to presenting everyday themes, the language is simple, is a short and easy to produce text, where writing is no longer a challenge and became a reality. Thus, during the final production process we saw that, unlike the initial production, students showed greater mastery and ease in writing. This resulted in a collection of texts, in the chronicle genre we call the "Notebook of Chronicles: Narrating the Daily Life." Therefore, it was only possible to develop this work, in the Portuguese language classroom at EF, through the opportunity to study the Professional Master in Letters in National Network – PROFLETRAS.

12
  • JEDIAEL FERREIRA DA COSTA
  • A coesão sequencial em textos no gênero carta aberta: uma proposta de intervenção no ensino fundamental

  • Orientador : MARISE ADRIANA MAMEDE GALVÃO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • MARISE ADRIANA MAMEDE GALVÃO
  • ANANIAS AGOSTINHO DA SILVA
  • Data: 29/11/2019

  • Mostrar Resumo
  •  Este trabalho está relacionado com a nossa inquietação enquanto docente de Língua Portuguesa, especificamente com a questão de como tornar o ensino prazeroso e significativo para o aluno, de maneira que o seu propósito na escola transcenda a mera aprovação escolar. Com regularidade, o estudante tem apresentado algumas dificuldades em reconhecer a organização composicional dos gêneros textuais, assim como de estabelecer as conexões por meio dos conectores de coesão sequencial, inviabilizando em algumas situações a continuidade de sentido do texto. Assim, esta pesquisa teve como objetivo geral investigar o uso dos mecanismos coesivos na produção escrita no gênero textual Carta aberta realizada por alunos do nono ano do ensino fundamental de uma escola do município de Picuí, Paraíba. Selecionamos como objetivos específicos, identificar a infraestrutura geral de textualização do gênero Carta Aberta; caracterizar os elementos de coesão sequencial nos textos produzidos; analisar a função desses elementos coesivos na construção dos sentidos do texto. As bases teóricas que fundamentam essa pesquisa se pautam nos estudos textuais interativos desenvolvidos por Koch e Elias (2006; 2010), Koch (2002; 2011; 2013), Marcuschi (2005; 2008), Antunes (2005; 2009; 2010), Geraldi (2011), entre outros. Quanto aos aspectos metodológicos, recorremos à abordagem qualitativa e interpretativa, com base nos estudos de Flick (2009), Fonseca (2002), Marconi e Lakatos (2011), além de outros. Esta investigação, do ponto de vista da tipologia de pesquisa, atende aos princípios da pesquisa ação, em conformidade com os estudos de Thiollent (2011), caracterizada pela intervenção do professor regente na sala de aula sob sua responsabilidade. Os dados da pesquisa foram gerados a partir da aplicação de uma sequência de atividades desenvolvidas com base nas orientações modulares de Dolz, Schneuwly e Noverraz, (2004), através da qual os alunos produziram uma versão inicial e uma versão final da Carta Aberta. Nas produções iniciais buscamos identificar e analisar a infraestrutura geral de textualização da Carta aberta, com foco nas relações semânticas estabelecidas pelos conectores de coesão sequencial, tendo em vista uma intervenção pedagógica mediada pela aplicação de uma SD. Na versão inicial, os alunos se apropriaram de alguns conectores com o objetivo de estabelecer as relações semânticas pertinentes; no que concerne a produção final, foram constatados novos conectores, desse modo expandindo o uso dos elos de ligação, proporcionando a implementação de novas relações semânticas e, consequentemente, contribuindo para o estabelecimento da coesão textual. Com relação ao Gênero textual, constatamos que, de modo geral, os alunos produziram textos adequados às especificações da Carta aberta. Desse modo, os dados convergem para a consecução dos objetivos pretendidos, uma vez que os alunos puderam ampliar o uso de conectores, como também escrever uma Carta Aberta, de modo que fosse compreendida pelos usuários.


  • Mostrar Abstract
  • This work is related to our concern as a teacher of Portuguese Language, specifically the question of how to make teaching enjoyable and meaningful to the student, so that their purpose in school goes beyond mere school approval. Regularly, the student has presented some difficulties in recognizing the compositional organization of textual genres, as well as in establishing connections through sequential cohesion connectors, making the continuity of meaning of the text unfeasible in some situations. Thus, this research aimed to investigate the use of cohesive mechanisms in the written production in the textual genre Open letter made by ninth grade students of a school in the municipality of Picuí, Paraíba. We selected as specific objectives, identify the general textualization infrastructure of the Open Letter genre; characterize the elements of sequential cohesion in the texts produced; to analyze the function of these cohesive elements in the construction of text meanings. The theoretical bases that underlie this research are based on the interactive textual studies developed by Koch and Elias (2006; 2010), Koch (2002; 2011; 2013), Marcuschi (2005; 2008), Antunes (2005; 2009; 2010), Geraldi (2011), among others. Regarding the methodological aspects, we resorted to the qualitative and interpretative approach, based on the studies of Flick (2009), Fonseca (2002), Marconi and Lakatos (2011), among others. This research, from the point of view of research typology, meets the principles of action research, in accordance with the studies by Thiollent (2011), characterized by the intervention of the conducting teacher in the classroom under his responsibility. The research data were generated from the application of a sequence of activities developed based on the modular orientations of Dolz, Schneuwly and Noverraz, (2004), through which the students produced an initial version and a final version of the Open Letter. In the initial productions we tried to identify and analyze the general open textual textualization infrastructure, focusing on the semantic relations established by the sequential cohesion connectors, in view of a pedagogical intervention mediated by the application of an SD. In the initial version, students appropriated some connectors in order to establish the relevant semantic relations; Regarding the final production, new connectors were found, thus expanding the use of the connecting links, providing the implementation of new semantic relations and, consequently, contributing to the establishment of textual cohesion. Regarding the textual genre, we found that, in general, the students produced texts that fit the specifications of the Open Letter. Thus, the data converge to achieve the intended objectives, since students were able to expand the use of connectors, as well as write an Open Letter, so that it was understood by users.

     

    Keywords: Portuguese Language Teaching. Text genre Open letter. Sequential cohesion.

     

     

     

13
  • GENÚBIA CRISTIANE BARBOSA
  • O VERBOVISUAL NOS DICIONÁRIOS ESCOLARES DO TIPO 3: AS IMAGENS COMO POTENCIALIZADORAS DOS SIGNIFICADOS DE VERBETES

  • Orientador : MARCIO SALES SANTIAGO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARCIO SALES SANTIAGO
  • ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • ANTONIO LUCIANO PONTES
  • Data: 29/11/2019

  • Mostrar Resumo
  • Vivemos na chamada sociedade da informação, em que os textos são permeados de múltiplas linguagens. O visual ganha destaque, as imagens figuram não apenas como acessórios, mas como fontes de conhecimento, permitindo uma compreensão mais eficaz do que é exposto. Tomando como base este cenário, esta dissertação abordou à multimodalidade nos dicionários escolares do tipo 3, destinados aos últimos anos do ensino fundamental. A pesquisa buscou responder ao seguinte questionamento: como as imagens presentes nos dicionários podem contribuir para potencializar o entendimento das definições dos verbetes, ao serem apresentadas aos jovens? Assim, foi traçado o seguinte objetivo geral: compreender a importância da imagem para a construção dos sentidos em verbetes de dicionários escolares. Para isso, utilizou-se como subsídios teóricos e conceituais as contribuições de autores como: Krieger (2012), Pontes (2009; 2010), Santiago (2012) e Carvalho (2011) nos estudos voltados para a Lexicografia e o léxico; Dionísio (2014), Kleiman (2013) e Vieira (2015) nas questões referentes à multimodalidade. No que concerne aos aspectos metodológicos, a investigação configura-se como uma pesquisa-ação (THIOLLENT, 2005) e objetivou primordialmente aplicar uma sequência didática (DOLZ; NOVERRAZ; SCHNEUWLY, 2004) com vistas à leitura e análise das definições de palavras nos dicionários selecionados para o estudo, com ênfase nos aspectos imagéticos das ilustrações dos vocábulos. Deste modo, as atividades desenvolvidas oportunizaram aos educandos uma reflexão de como as imagens contribuem significativamente para o entendimento das definições expostas. Os resultados demonstraram que a união entre texto escrito e imagem contribui significativamente para a compreensão dos significados dos verbetes. Deste modo, evidencia-se a importância da utilização dos dicionários em sala de aula de forma constante e contínua, uma vez que são ferramentas indispensáveis no processo de ensino/aprendizagem da língua portuguesa, em especial, da leitura e da escrita.


  • Mostrar Abstract
  • We live in the called information society, in which texts are surrounded by multiple languages. The visual aspect is highlighted, the images figures not only as accessories, but also as knowledge sources, allowing a more effective comprehension of what is exposed. Based on this scenario, this dissertation addressed the multimodality in the school dictionaries type 3, directed to the last years of the elementary School. The research intended to answer the following questioning: how the images present in the dictionaries can contribute to potentialize the understanding of entries definitions, when presented to youth? This way, the following general aim was to understand the importance of image to the meaning construction in school dictionaries entries. Therefore, were used as theoretical and conceptual subsidies the contribution of authors like: Krieger (2012), Pontes (2009; 2010), Santiago (2012) and Carvalho (2011), in the studies focused on the Lexigraphy and the Lexicon; Dionísio (2014), Kleiman (2013) and Vieira (2015) in the questions relative to the multimodality. In relation to the methodological aspects, the investigation is configured as action research (THIOLLENT, 2005) and aimed at first apply a didactic sequence (DOLZ; NOVERRAZ; SCHNEUWLY, 2004) for the reading and analysis of the words definitions on the dictionaries selected to the study, with emphasis to the imagetic aspects of the illustrations of the words. This way, the developed activities made possible to the students a reflection about how the images contribute significantly to the comprehension of the exposed definitions. The results demonstrated that the union between written text and image contribute significantly to the understanding of the meaning of entries. Therefore, is evidenced the importance of using the dictionaries at classroom steadily and continuously, once they are indispensable tools for the teaching-learning process of Portuguese Language, especially, reading and writing.

14
  • LIZÂNDRA MEDEIROS DOS SANTOS
  • DA LEITURA DE MEMÓRIAS AO REGISTRO: O DIÁRIO DE LEITURA COMO INSTRUMENTO DE AVALIAÇÃO

  • Orientador : LUCELIO DANTAS DE AQUINO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • LUCELIO DANTAS DE AQUINO
  • JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • SEBASTIAO AUGUSTO RABELO
  • MARIA EDILEUZA DA COSTA
  • Data: 09/12/2019

  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho tem como objetivo geral investigar a efetivação das ações de letramento literário no 8º ano do Ensino Fundamental II, a partir do uso de uma sequência didática básica com o gênero Memórias Literárias e o Diário de Leitura, promovendo, junto aos alunos, situações de leitura que ultrapassem os muros da escola. Como objetivos específicos, temos: analisar a aplicação da sequência didática básica, com o gênero Memória Literária, buscando promover  o contato do aluno com  a leitura literária; interpretar o desenvolvimento das práticas de leitura literária, a partir da análise da intervenção com  estudo de Memórias Literárias e do uso do Diário de Leitura; e, perceber o desenvolvimento da prática leitora dos alunos, a partir dos registros realizados no Diário de Leitura. Esta pesquisa é embasada em  questões relevantes para nosso estudo, como o conceitos de Letramento Literário, ancorando-nos nos pressupostos de Cosson (2014) e (2017), dentre outros estudiosos e pesquisas que refletem sobre esse assunto. Quanto ao trabalho com Memórias Literárias, utilizamos memórias premiadas na Olimpíada de Língua Portuguesa de 2016. Diante disso, para corroborar o que discutimos, apoiamo-nos no conceito de Memória Literária conforme o que afirmam Clara et al. (2010)).  No tocante ao uso do diário de leitura, esta pesquisa se baseia nos postulados de Buzzo (2010) e Machado (1998). No que se refere a aspectos metodológicos, este trabalho consiste em uma pesquisa-ação que tem como norte os estudos de Thiollent (1996); e, por se tratar de uma pesquisa baseada em uma intervenção, desenvolvida através de uma sequência didática básica, traremos à luz o que trata Cosson (2009). Na sequência didática básica, desenvolvemos aulas de leitura a partir de memórias literárias e solicitamos registros em diários de leitura. Estes serviram de instrumento para que analisássemos os resultados de nossa ação, que tinha como escopo formar leitores críticos. Desse modo, podemos afirmar que, embora não tenhamos recebido a quantidade de diários que esperávamos, os resultados alcançados a partir de nossa ação são positivos, visto que percebemos que nossos alunos deram um passo para a criticidade, para a reflexão, bem como, a partir de então, para que tenham um novo olhar para a leitura. Consideramos nossa intervenção como ato de grande importância para nós e para os alunos envolvidos, tendo em vista que a leitura não é uma ação escolar, mas para a vida.


  • Mostrar Abstract
  • This work aims to investigate the effectiveness of literary literacy actions in the 8th grade of Elementary School II, from the use of a basic didactic sequence with the genre Literary Memories and Reading Diary, promoting, with students, situations of reading beyond the school walls. As specific objectives, we have: to analyze the application of the basic didactic sequence, with the genre Literary Memory, seeking to promote the contact of the student with the literary reading; interpret the development of literary reading practices, from the analysis of the intervention with study of Literary Memories and the use of the Reading Diary; and, perceive the development of students' reading practice, based on the records made in the Reading Diary. This research is based on issues relevant to our study, such as the concepts of Literary Literacy, anchoring us in the assumptions of Cosson (2014) and (2017), among other scholars and researches that reflect on this subject. As for the work with Literary Memories, we use award-winning memories at the 2016 Portuguese Language Olympics. Therefore, to corroborate what we discussed, we rely on the concept of Literary Memory as stated by Clara et al. (2010)). Regarding the use of the reading diary, this research is based on the postulates of Buzzo (2010) and Machado (1998). With regard to methodological aspects, this work consists of an action research that is based on the studies of Thiollent (1996); and because it is an intervention-based research, developed through a basic didactic sequence, we will bring to light what Cosson (2009) deals with. In the basic didactic sequence, we developed reading lessons from literary memories and requested reading journal entries. These served as an instrument for us to analyze the results of our action, which aimed to form critical readers. Thus, we can say that, although we did not receive as many diaries as we expected, the results achieved from our action are positive, since we realize that our students have taken a step towards criticality, reflection, and from then on, so that they have a new look at reading. We consider our intervention as an act of great importance to us and the students involved, considering that reading is not a school action, but for life.

15
  • RUTH FAUSTINO


  • O TEXTO ARGUMENTATIVO EM SALA DE AULA: UMA PROPOSTA DE ESCRITA COM EDITORIAIS

  • Orientador : MARIA ASSUNCAO SILVA MEDEIROS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIA ASSUNCAO SILVA MEDEIROS
  • JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • ANANIAS AGOSTINHO DA SILVA
  • Data: 20/12/2019

  • Mostrar Resumo
  • Sabemos que ainda há muito o que se estudar e pesquisar no ensino de Língua Portuguesa com o intuito de melhorar a prática didática, principalmente, no Ensino Fundamental. Diante disso, se faz necessário um trabalho maior na área de produção textual visto que os alunos apresentam muitas dificuldades de articulação de ideias e, isto fica evidenciado nos gêneros textuais argumentativos onde percebemos pouca consistência dos argumentos para defender ou refutar um ponto de vista. Face ao exposto, nosso trabalho tem como objeto de pesquisa um estudo sobre a construção do texto argumentativo Editorial, produzido pelos alunos em sala de aula. Como objetivo geral, procuramos investigar o processo argumentativo na construção do gênero textual Editorial produzido por alunos do 9º ano do Ensino Fundamental. Nesse sentido, enfocamos a importância do aspecto persuasivo argumentativo, associado à questão funcional, dos operadores argumentativos na articulação da estrutura do gênero textual Editorial. Isso porque alguns dos operadores argumentativos caracterizam o referido gênero, como também à especificidade da argumentação, uma vez que engloba tanto aspectos linguísticos verbais e/ou não-verbais, além dos retóricos que se apresentam em constante interação. (PINTO, 2010, p. 199). Entretanto, nessa pesquisa, analisamos os operadores argumentativos na produção escrita dos alunos, tais como: operadores que somam argumentos a favor; operadores que deixam subentendidos os argumentos [...] (Kock e Elias (2017), através da realização de uma Sequência Didática (SD) nos moldes preconizados por Dolz; Noverraz; Schneuwly (2004), observando se houve progressos quanto ao emprego dos referidos operadores. Nosso trabalho se justifica pela necessidade de fazer uma pesquisa voltada para a produção textual, especificamente, para a análise da construção argumentativa em Editoriais de revistas, pelos alunos, sem no entanto, excluir a leitura. Além disso, esse estudo se torna relevante por apresentar mais um enfoque no que se refere à argumentação em um gênero textual como o Editorial enquanto produção escrita na escola. Quanto à metodologia, nossa pesquisa constitui-se em uma pesquisa-ação, pois utilizamos como laboratório nossa própria sala de aula onde o professor/pesquisador e os alunos são os participantes da investigação científica. Fundamentamos nossa pesquisa nos estudos de alguns teóricos da Linguística Aplicada e da Linguística textual, dentre eles Marcuschi (2005, 2008); Koch (2016); Kock e Elias (2010); Antunes (2009, 2010) da Linguística Textual; Passarelli (2004) que trata da escrita; Marcuschi (2008); Bakhtin (2003) sobre gêneros textuais; Plantin (2008); Koch (2011) e Fiorin (2017) sobre Argumentação; e Soares (2016); Melo (1985); Souza (2006) sobre Editorial. Com relação aos resultados, pudemos notar, após a intervenção com o emprego da SD, que os alunos não variam os operadores argumentativos na produção escrita, mas variam quanto a sua função argumentativa, embora demonstrem pouco conhecimento dessas marcas linguísticas, repetindo os mesmos operadores várias vezes ao longo do texto. Percebemos também, que os alunos empregam inadequadamente esses recursos da língua, comprometendo a argumentação do texto, pois não correspondem ao sentido discursivo nem ao valor semântico dessas expressões. Portanto, essa pesquisa só foi possível por nos encontrarmos em um Programa de Mestrado Profissional em Rede Nacional (PROFLETRAS), cujo projeto nos fez olhar, com mais propriedade, a nossa prática docente.

     

    P


  • Mostrar Abstract
  • We know that there is still much to study and research in teaching Portuguese in order to improve didactic practice, especially in elementary school. Given this, more work is needed in the area of textual production as students have many difficulties in articulating ideas and this is evident in argumentative textual genres where we perceive little consistency of arguments to defend or refute a point of view. Given the above, our work has as its research object a study on the construction of the Editorial argumentative text, produced by students in the classroom. As a general objective, we sought to investigate the argumentative process in the construction of the editorial textual genre produced by 9th grade students. In this sense, we focus on the importance of the argumentative persuasive aspect, associated with the functional question, of the argumentative operators in the articulation of the editorial textual structure. This is because some of the argumentative operators characterize this genre, as well as the specificity of the argument, since it encompasses both verbal and / or nonverbal linguistic aspects, as well as the rhetoric that is constantly interacting. (PINTO, 2010, p. 199). However, in this research, we analyze the argumentative operators in the students' written production, such as: operators that add arguments in favor; operators who misunderstand the arguments [...] (Kock and Elias (2017), by conducting a Didactic Sequence (SD) along the lines advocated by Dolz; Noverraz; Schneuwly (2004)), noting whether there has been progress on the use of operators. Our work is justified by the need to do a research focused on textual production, specifically for the analysis of argumentative construction in magazine editorials, by students, without, however, excluding reading. In addition, this study becomes relevant because it presents one more approach to argumentation in a textual genre such as Editorial as a written production in school. As for the methodology, our research constitutes an action research, because we use as laboratory our own classroom where the teacher / researcher and the students are the participants of the scientific investigation. We base our research on the studies of some theorists of Applied Linguistics and Textual Linguistics, including Marcuschi (2005, 2008); Koch (2016); Kock and Elias (2010); Antunes (2009, 2010) of Textual Linguistics; Passarelli (2004) that deals with writing; Marcuschi (2008); Bakhtin (2003) on textual genres; Plantin (2008); Koch (2011) and Fiorin (2017) on Argumentation; and Soares (2016); Melo (1985); Souza (2006) about Editorial. Regarding the results, we could notice, after the intervention with the use of DS, that the students do not vary the argumentative operators in the written production, but vary in their argumentative function, although they demonstrate little knowledge of these linguistic marks, repeating the same operators. times throughout the text. We also realize that students misuse these language resources, compromising the argumentation of the text, as they do not correspond to the discursive meaning or semantic value of these expressions. Therefore, this research was only possible because we found ourselves in a Professional Master's Degree Program in National Network (PROFLETRAS), whose project made us look more properly at our teaching practice.

     


     

2018
Dissertações
1
  • MANOEL AVELINO DA SILVA FILHO
  • TRANSFORMAÇÃO DO LEITOR DE ROMANCE FICCIONAL DE COSTUMES NO AMBIENTE ESCOLAR

  • Orientador : VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • MANOEL FREIRE RODRIGUES
  • VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • Data: 21/03/2018

  • Mostrar Resumo
  • A presente intervenção surge a partir de uma problemática: a fragilidade da leitura de textos literários no ambiente escolar, ou seja, a ausência desta leitura de forma mais frequente e sistemática nas aulas de Língua Portuguesa, bem como no cotidiano dos alunos fora da escola. Dessa constatação, surge a necessidade de criar estratégias e instrumentos que promovam a prática efetiva da leitura de textos literários pelos alunos. A opção foi pela leitura do romance em sala de aula, no oitavo ano do Ensino Fundamental tendo como objetivo principal contribuir com a formação leitora do aluno, seu letramento literário. Metodologicamente este trabalho se configura como uma pesquisa-ação (THIOLLENT, 2011), ou seja, uma intervenção em sala de aula, cujo corpus da pesquisa se constitui dos registros de leitura realizados pelos alunos durante as práticas leitoras e da condução e análise deste professor/interventor. Para tal intento, utilizamos o instrumento diário de leitura tendo como ancoragem teórica, Machado (1998), cuja análise nos   ofereceu dados sobre o desempenho de leitura do aluno no aspecto da construção de sentidos, avanços e dificuldades na formação de habilidades de leituras. No decorrer da análise foram considerados os estudos de Soares (1999), Cosson (2006) e Maia (2007), dentre outros, de modo que suscitasse no aluno o prazer de ler, apresentando instrumentos e suportes para auxiliá-lo no processo de busca de uma leitura proficiente e autônoma. Os resultados construídos durante a intervenção serviram para observarmos entre outros aspectos, os avanços dos alunos em termos de proficiência leitora, bem como a relação entre literatura e ensino, entre leitura e formação de leitores, incluindo-se, no caso, os professores que precisam, também, ser leitores proficientes a fim de poderem melhor atuar na constituição de sujeitos leitores.


  • Mostrar Abstract
  • The present intervention arises from a problem: the fragility of literary texts reading in the school environment, that is, the absence of this reading in a more frequent and systematic way in the Portuguese Language classes, as well as in the daily life of students outside the school. From this observation, the need arose to create strategies and instruments that promote the effective practice of literary texts reading by students. The option was to read novels in the classroom, in the eighth year of elementary school, with the main objective of contributing to learner's reading, to literary literacy. Methodologically this work is configured as an action research (THIOLLENT, 2011), that is, a classroom intervention, whose corpus of research consists of the reading records made by students during the reading practices and the conduction and analysis by this teacher / controller. For this purpose, we used as tool the reading journal, theoretically based on Machado (1998), whose analysis provided us with data about students’ reading performance in terms of the construction of meanings, advances and difficulties in the formation of reading skills. In the course of the analysis, the studies of Soares (1999), Cosson (2006) and Maia (2007), among others, were considered to provoke in the students the pleasure of reading, presenting instruments and supports to assist them in the search process of a proficient and autonomous reading. The results built during the intervention served to observe, among other aspects, students' progress in terms of reading proficiency, as well as the relationship between literature and teaching, between reading and readers’ formation, including in this case teachers, who need  also to be proficient readers in order to be better able to act in the constitution of readers.

2
  • SANDRA DANIELE OLIVEIRA
  • LITERATURA POTIGUAR EM SALA DE AULA: DESATANDO OS NÓS PARA O LETRAMENTO LITERÁRIO

  • Orientador : VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • MANOEL FREIRE RODRIGUES
  • VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • Data: 22/03/2018

  • Mostrar Resumo
  • Não é de hoje que as inquietações no que se refere à leitura, e a falta dela, na escola vêm sendo o dilema entre a maioria dos professores de Português. É notório o distanciamento progressivo da leitura, contudo da leitura literária. E os motivos são os mais diversos. Mas independente de quais sejam, é urgente buscar e encontrar saídas no sentido de solucionar a problemática sobre as lacunas deixadas pela leitura literária na formação do leitor, o que influencia negativamente na competência leitora e apreciação da literatura. Diante da questão, abordaremos uma possibilidade metodológica fundamentada na pesquisa-ação, com o objetivo principal de sensibilizar novos leitores em seu letramento literário. A intervenção está ancorada na validação e aplicação da Sequência Básica de Cosson (2014) a uma turma de 6º ano do ensino fundamental de uma escola rural da Serra de Santana, vinculada à rede municipal de ensino. Participam desse processo investigativo vinte e cinco alunos - dois com necessidades educacionais especiais e a pesquisadora na condição de professora de Português da turma.  Na escolha metodológica, considerando a natureza do fenômeno estudado, optamos pela abordagem qualitativa com viés etnográfico, utilizando como procedimentos, a observação e atividades orais e escritas registradas em portfólios, que contribuíram para uma coleta de dados significativos na tentativa de respostas aos objetivos propostos. Partimos do conceito de leitura enquanto prática social referenciada principalmente pelos Parâmetros Curriculares Nacionais (2001), Leffa (1996), Solé (1998), Soares (2001) e Kleiman (2009). Utilizamos a Literatura norte-riograndense como estratégia de aproximar o leitor do texto literário em diálogo às proposições sobre os aspectos de tradição e continuidade literária de Todorov (2010) e a literatura enquanto humanizadora de Candido (2007). A partir das atividades realizadas, os alunos evidenciaram o entendimento do aspecto humanizador da literatura, em compatibilidade a efetivação do letramento literário. O que nos revela que alcançamos nosso objetivo.


  • Mostrar Abstract
  • It is not recent that the concerns about reading and the lack of it in schools have been the dilemma among most Portuguese teachers. It is notorious the progressive distance from reading, especially from literary reading. The reasons are the most diverse. However, regardless of what are the reasons, it is urgent to seek and find solutions to solve the problem caused by the gaps left by the lack of literary reading in the formation of readers, which negatively influences the reading competence and appreciation of literature. Facing this issue, we will expose a methodological possibility based on action research, with the main objective of sensitizing new readers in their literary literacy. The intervention bases itself in the validation and application of the Basic Sequence of Cosson (2014) to a group of 6th grade elementary school students in a rural school in Serra de Santana, linked to the municipal school network. Twenty-five students - two with special educational needs - and the researcher as Portuguese teacher of the class participate in this investigative process. In the methodological choice, considering the nature of the studied phenomenon, we opted for the qualitative approach with ethnographic bias, using as procedures observation and oral and written activities recorded in portfolios, which contributed to a significant data collection in the attempt to answer the proposed objectives. We started by the concept of reading as a socially referenced practice present on the National Curricular Parameters (2001), Leffa (1996), Solé (1998), Soares (2001), and Kleiman (2009). We used Rio Grande do Norte State (“Potiguar”) Literature as a strategy to approach the reader with the literary text in dialogue with Todorov’s (2001) propositions on the aspects of tradition and literary continuity and Candido’s (2007) propositions on literature as humanizing. Through the activities carried out, students evidenced the understanding of the humanizing aspect of literature, in compatibility with the literary literacy effectiveness. This reveals to us that we have reached our goal.

3
  • MARIA ADELÚCIA DOS SANTOS
  • MEMÓRIA DAS PALAVRAS: UMA ABORDAGEM LEXICAL DA LÍNGUA PORTUGUESA EM SALA DE AULA

  • Orientador : MARCIO SALES SANTIAGO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANTONIO LUCIANO PONTES
  • MARCIO SALES SANTIAGO
  • MARIA ASSUNCAO SILVA MEDEIROS
  • Data: 11/05/2018

  • Mostrar Resumo
  • A falta de sistematização da abordagem do conteúdo lexical, especificamente no que diz respeito à atuação das palavras de étimo africano na formação do léxico brasileiro, numa sala de aula de 9º ano de uma escola pública do estado da Paraíba, levou-nos aos seguintes questionamentos: como desenvolver uma abordagem significativa e sistematizada do sistema lexical da língua portuguesa? E ainda: Quais as implicações dessa abordagem no processo de ensino-aprendizagem?Assim surgiu a necessidade de elaborar e desenvolver uma sequência didática que ofereça a possibilidade de trabalhar o léxico de uma forma mais efetiva, através do gênero verbete de dicionário. Nesse trabalho, pretendemos analisar as contribuições de ações direcionadas à formação lexical do português falado no Brasil para o conhecimento do aluno. Especificamente, buscamos aplicar estratégias de escrita que favoreçam a valorização dos vocábulos de origem africana que influenciaram a formação do nosso sistema lexical, possibilitar o (re)conhecimento do aporte lexical de base africana incorporado ao português falado no Brasil, suscitar no aluno o conhecimento mais amplo acerca de sua identidade linguística, apresentar o hipergênero dicionário ampliando a concepção de uso e finalidade e propor aos alunos a produção do gênero verbete de dicionário. Para tanto, o presente estudo baseia-se nos seguintes aportes teóricos: Krieger (2012, 2014), Santiago (2012) e Antunes (2012) nos estudos voltados para o Lexicografia e o léxico em sala de aula; Mendonça (1972), Castro (2001, 2012), Lopes (2006), Silva (2004) como embasamento para as questões relativas ao contato entre as línguas africanas e o português do Brasil; Dolz e Schneuwly (2004) e Marcuschi (2008) nas orientações acerca da elaboração da sequência didática. A metodologia seguiu os pressupostos da pesquisa-ação de Thiollent (1986), Moreira; Caleffe (2006) e Fritzen (2012) a partir de uma perspectiva qualitativa referente aos dados de pesquisa. De maneira geral, os resultados apontam que o trabalho sistemático e significativo com o léxico em sala de aula, a partir do hipergênero dicionário, contribuiu para que os alunos ampliassem o conhecimento sobre a formação de sua própria identidade linguística


  • Mostrar Abstract
  • The lack of systematization of the lexical content approach, specifically regarding the performance of the words of African étimo in the formation of the Brazilian lexicon, in a 9th grade classroom of a public school in the state of Paraíba, led us to the following questions : how to develop a meaningful and systematized approach to the Portuguese language lexical system? And yet: what are the implications of this approach in the teaching-learning process? This has led to the need to elaborate and develop a didactic sequence that offers the possibility of working the lexicon more effectively through the dictionary entry genre. In this work, we intend to analyze the contributions of actions directed to the lexical formation of the Portuguese spoken in Brazil for the knowledge of the student. Specifically, we seek to apply writing strategies that favor the appreciation of African origin words that influenced the formation of our lexical system, enable the (re) knowledge of the lexical contribution of African base incorporated into Portuguese spoken in Brazil, elicit in the student the most broad about their linguistic identity, present the hiper dictionary genre enlarging the conception of use and purpose and propose to students the production of the genre dictionary entry. To do so, the present study is based on the following theoretical contributions: Krieger (2012, 2014), Santiago (2012) and Antunes (2012) in the studies focused on Lexicography and lexicon in the classroom; Mendonça (1972), Castro (2001, 2012), Lopes (2006), Silva (2004) as a basis for questions concerning contact between African languages and Brazilian Portuguese; Dolz and Schneuwly (2004) and Marcuschi (2008) in the guidelines on the elaboration of the didactic sequence. The methodology followed the assumptions of the action research of Thiollent (1986), Moreira; Caleffe (2006) and Fritzen (2012) from a qualitative perspective regarding the research data. In general, the results point out that a systematic and meaningful work with the lexicon in the classroom, from the hypergeneric dictionary, contributed to the students to increase the knowledge about the formation of their own linguistic identity.

4
  • MARIA DOS MILAGRES ZEFERINO UYANIK
  • O ROMANCE POLICIAL E O DIÁRIO DE LEITURA EM SALA DE AULA:

    Letramento literário construído a partir do mergulho no mundo de Sherlock Holmes

     

  • Orientador : VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIA LUCIA PESSOA SAMPAIO
  • SEBASTIAO AUGUSTO RABELO
  • VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • Data: 23/05/2018

  • Mostrar Resumo
  • Os trabalhos relativos à fomentação da leitura literária se tornam sempre pertinentes, tendo em vista as frequentes dificuldades de sua efetivação em sala de aula na contemporaneidade das escolas públicas brasileiras. Em âmbito local, esse dado se confirma, constatado por pesquisa prévia, realizada numa turma de 8º ano, ao detectar uma demasiada vinculação destes estudantes aos meios tecnológicos, preterindo-os à prática de leitura. Assim, este trabalho se propõe efetivar uma ação pedagógica de forma a promover o letramento literário nesta série. Para isso, escolheu-se, como ponto de partida de leitura, o gênero romance policial de enigma, O cão de Baskerville, de Sir Arthur Conan Doyle, e por ser seu protagonista, Sherlock Holmes, embora criado há mais de cem anos, presente no contexto atual, sendo reatualizado, relido e (re) adaptado a outros suportes, como cinema, jogos e séries de tevê, e, dessa maneira, próximo ao universo vivencial dos alunos. Intermediada essa leitura por práticas motivadoras e a escrita de diário de leitura em sala e aula. Vale dizer que este estudo percorre os caminhos da metodologia da pesquisa-ação, uma vez que esta retorna para a comunidade a fim de amenizar suas problemáticas, concebendo todos como co-participantes do processo de construção de transformações e corresponsáveis pelos avanços dentro de uma coletividade. Para isso, as ações utilizam-se das sequências didáticas expandidas de Cosson (2009) e suas concepções teórico-metodológicas, e dos diários de leitura produzidos pelos alunos como fomento de dados conclusivos de possíveis sucessos. Também, o trabalho se ancora teoricamente nas abordagens de Sodré (1985) e Eco (1970), de Reimão (1983) e de Todorov (1969), relativo à discussão sobre literatura de massa na vida social, ao romance policial como gênero narrativo; de Cosson (2009; 2014) ao versar sobre letramento literário; de Bogdan & Biklen (1994) e de Thiollent (1996) concernente à pesquisa e à pesquisa-ação; de Machado (1998) quanto aos diários de leitura e de Rouxel et ali (2013) acerca da subjetividade do leitor. Os resultados obtidos configuram-se no maior envolvimento dos alunos com a leitura literária, fortalecendo esse letramento, percebendo-se como integrante da relação comunicativa com a obra e com o autor, visto que se põem na posição participante, seja no preenchimento dos vazios do texto, seja na possibilidade de colocarem-se frente ao texto criticamente, conforme demonstrado nos diários de leitura. Assim como foi possível transformar culturas de leitura por oportunizar espaços para o ler dentro da escola, seja na transformação dos espaços físicos para isto, como a sala de leitura, e outros, ou mesmo nos espaços dentro do tempo das aulas, ou seja, nas aulas não se sugerem leituras, mas se fazem e se compartilham leituras, expandindo-se a várias áreas do conhecimento e alcançando outras turmas na escola.


  • Mostrar Abstract
  • The work related to the promotion of literary reading is always relevant, given the frequent difficulties of its effectiveness in the classroom in the contemporaneity of Brazilian public schools. At the local level, this data is confirmed, verified by previous research, carried out in a group of 8th year, when detecting an excessive linkage of these students to the technological means, preordaining them to the practice of reading. Thus, this work proposes to carry out a pedagogical action in order to promote literary literacy in this series. For this, the novel was chosen as the starting point for reading the mystery novel, Sir Arthur Conan Doyle's The Hound of Baskerville, and for being its protagonist, Sherlock Holmes, although created more than a hundred years ago, present in the current context, being updated, re-read and (re) adapted to other supports, such as cinema, games and TV series, and, thus, close to the students' experiential universe. Intermediated this reading by motivating practices and the writing of reading diaries in class and classroom. It is worth mentioning that this study traverses the paths of the methodology of action research, since it returns to the community in order to soften its problems, conceiving all as co-participants in the process of building transformations and co-responsible for the advances within a community . For this, the actions are used of the expanded didactic sequences of Cosson (2009) and its theoretical-methodological conceptions, and of the reading diaries produced by the students as foment of conclusive data of possible successes. In general, the work is theoretically anchored in Sodré's (1985) and Eco (1970), Reimão's (1983) and Todorov's (1969) approaches to the discussion of mass literature in social life, to the crime novel as a genre narrative; of Cosson (2009; 2014) when dealing with literary literacy; of Bogdan & Biklen (1994) and Thiollent (1996) concerning research and action research; of Machado (1998) regarding reading journals and Rouxel et al. (2013) about the subjectivity of the reader. The results obtained are based on a greater involvement of the students with the literary reading, strengthening this literacy, perceiving itself as part of the communicative relationship with the work and with the author, since they put themselves in the participant position, either in filling the voids of the text, or the possibility of placing themselves before the text critically, as shown in the reading journals. Just as it was possible to transform reading cultures by opting spaces for reading within the school, either in the transformation of physical spaces to this, such as the reading room, and others, or even in the spaces within the class time, that is, in the lessons are not suggested but readings are made and shared, expanding to various areas of knowledge and reaching other classes at school.

5
  • FÁBIO DIAS DA SILVA
  • NAS ENTRELINHAS DO GÊNERO CANÇÃO:

    Estratégias para a formação de um leitor proficiente

  • Orientador : VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • VERÔNICA PALMIRA SALME DE ARAGÃO
  • Data: 28/05/2018

  • Mostrar Resumo
  • Para atender às necessidades sociais e exercer sua cidadania de forma mais reflexiva e participativa, faz-se necessário que nosso aluno realize uma leitura proficiente dos gêneros que o circundam. Conforme os resultados das últimas avaliações nacionais, como a Prova Brasil, os discentes estão aquém das exigências sociais, uma vez que decodificam sinais gráficos de maneira artificial, limitando-se apenas a entender os sentidos da superficialidade textual, alheios aos enunciados mais intrínsecos, não explícitos na materialidade do texto. Nessa conjuntura, elegemos como objetivo geral deste trabalho investigar, com alunos do 9º ano de uma escola estadual no município de Caicó-RN, como o Gênero Textual Canção contribui para a formação de um leitor proficiente e crítico através de atividades de leitura, compreensão e interpretação das várias linguagens presentes neste gênero. Seguiremos o percurso metodológico qualitativo dos dados, na área da pesquisa-ação, conforme Thiollent (2011), guiado por atividades de uma Sequência Didática, aportados em Dolz, Noverraz & Schneuwly, (2004) e Costa-Hübes (2009). Já como aporte teórico no estudo dos letramentos, usamos escritos de Soares (2012); Rojo e Moura (2012), Candido (1998) e Cosson (2014). Quanto à concepção de língua, texto, leitura e compreensão e formação de leitor crítico, aportamos nos estudos de Antunes (2009), Kleiman (2013), Koch (2011) e (2014), Leffa (1996) e Solé (1998) e, no embasamento do Gênero Textual e Gênero Canção, detemo-nos nas reflexões, respectivamente, de Marcuschi (2008), Maia (2007), Tatit (1987) e Costa (2002).   A partir dessas referências teóricas e metodológicas, foi feita uma análise das seguintes canções: Aos meus heróis – Julinho Marassi, Alegria, alegria – Caetano Veloso, Pra não dizer que não falei das flores – Geraldo Vandré, Geração coca cola – Renato Russo e Brasil – Cazuza, abordando o contexto de produção, conteúdo temático, construção composicional e marcas linguístico-enunciativas. Os resultados desse trabalho evidenciam que, no Gênero Textual Canção, encontramos elementos capazes de formar um leitor proficiente, pois, além de uma linguagem rica em significados a serem formados, esse gênero está carregado de sonhos, denúncias, críticas sociais, sentimentos, ofertando oportunidade aos alunos de formarem opinião e refletirem sobre os conflitos sociais de uma época.


  • Mostrar Abstract
  •  

    To meet social needs and exercise their citizenship in a more reflexive and participative way, it is necessary that our student make a proficient reading of the genres that surround him. According to the results of the latest national assessments, such as Proof Brazil, students fall short of social requirements, since they decode graphic signals in an artificial manner, limiting themselves only to understanding the meanings of textual superficiality, unrelated to the most intrinsic statements, not explicit in the materiality of the text. At this juncture, we chose as a general objective of this work to investigate, as students of the 9th grade of a state school in the municipality of Caicó-RN, how the Song Genre contributes to the formation of a proficient and critical reader through activities of reading, interpretation of the various languages present in this genre. We will follow the qualitative methodological course of the data, in the area of action research, according to Thiollent (2011), guided by activities of a Didactic Sequence, provided in Schneuwly and Dolz (2004) and Costa-Hübes (2009). Already as a theoretical contribution in the study of literatures, we use writings by Soares (2012); Rojo and Moura (2012), Candido (1998) and Cosson (2014). In the studies of Antunes (2009), Kleiman (2013), Koch (2011) and (2014), Leffa (1996) and Solé (1998), we have contributed to the conception of language, reading and comprehension and the formation of critical reader. , in the context of the Textual Genre and Genre Song, we find ourselves in the reflections, respectively, by Marcuschi (2008), Maia (2007), Tatit (1987) and Costa (2002). From these theoretical and methodological references, an analysis was made of the following songs: To my heroes - Julinho Marassi, Joy, joy - Caetano Veloso, Not to mention that I did not mention the flowers - Geraldo Vandré, Coca Cola Generation - Renato Russo and Brazil - Cazuza, addressing the context of production, thematic content, compositional construction and linguistic-enunciative marks. The results of this work show that, in the Genre Song, we find elements capable of forming a proficient reader, because, besides a language rich in meanings to be formed, this genre is loaded with dreams, denunciations, social criticism, feelings, offering opportunity students to form opinions and reflect on the social conflicts of an era.

     
6
  • FRANCISCO APARECIDO DE ALMEIDA SILVA
  • ORALIDADE E ENSINO DE LINGUA PORTUGUESA: O GÊNERO SEMINÁRIO EM SALA DE AULA

  • Orientador : MARISE ADRIANA MAMEDE GALVÃO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • MARIA AUGUSTA GONÇALVES DE MACEDO REINALDO
  • MARISE ADRIANA MAMEDE GALVÃO
  • Data: 27/06/2018

  • Mostrar Resumo
  • A abordagem dos gêneros orais em sala de aula possibilita que os alunos desenvolvam habilidades que lhes serão úteis em eventos reais específicos, em diferentes situações de interação. Assim sendo, essa abordagem exige, igualmente ao que se prevê para a modalidade escrita, planejamento e elaboração de atividades pedagógicas voltadas para os mais diferentes gêneros. Neste trabalho, objetivamos investigar como os alunos do 9º ano utilizam o gênero oral seminário, haja vista termos observado algumas dificuldades na implementação do referido gênero em atividades de sala de aula. Como meio de proporcionar condições para que os discentes superassem suas dificuldades, propusemos desenvolver ações, por meio de sequência didática, a fim de trabalhar esse gênero da modalidade oral.  Nessa direção, fundamentamo-nos em estudos que seguem perspectivas sociointeracionais, com o foco nos gêneros orais e no ensino desses gêneros. Baseamo-nos, para tanto, nos estudos de Dolz, Schneuwly e Noverraz (2011), Marcuschi (2005, 2015, 2016), Melo e Cavalcante (2006), Travaglia (2007, 2013), entre outros. Seguimos uma abordagem de investigação qualitativa (BOGDAN e BIKLEN, 1994) e, com relação ao tipo, adotamos a pesquisa - ação (THIOLLENT, 2011). Realizamos um trabalho, pedagogicamente orientado pela Sequência Didática (DOLZ, NOVERRAZ e SCHNEUWLY), a fim de acompanhar o desenvolvimento dos alunos no tocante à prática do gênero seminário. O corpus analisado (os seminários produzidos), possibilitaram constatar que os alunos apresentaram avanços no uso do gênero em estudo, em diferentes aspectos, comparando-se as produções iniciais e finais. Consideramos, com esse resultado, que os problemas demonstrados inicialmente pelos alunos puderam ser minimizados pela adoção de uma abordagem de ensino sistemática, envolvendo o ensino do gênero oral formal em sala de aula.

     

     


  • Mostrar Abstract
  • The classroom approach to oral genres enables students to develop skills that will be useful for specific real events in different interaction situations. Therefore, this approach requires, also to what is predicted for the written modality, planning and elaboration of pedagogic activities directed to the most different genres. In this work, we aim to investigate how the students of the 9th grade use the oral genre seminar, since we have observed some difficulties in the implementation of said genre in classroom activities. As a means of providing conditions for students to overcome their difficulties, we proposed to develop actions, through a didactic sequence, in order to work this genre of the oral modality. In this direction, we are based on studies that follow sociointerational perspectives, focusing on oral genres and the teaching of these genres. Based on the studies of Dolz, Schneuwly and Noverraz (2011), Marcuschi (2005, 2015, 2016), Cavalcante e Melo (2006), Travaglia (2007, 2013), among others. We followed a qualitative research approach (BOGDAN and BIKLEN, 1994) and, with regard to type, we adopted action research (THIOLLENT, 2011). We did a work, pedagogically guided by the Didactic Sequence (DOLZ, NOVERRAZ and SCHNEUWLY), in order to follow the development of the students regarding the practice of the seminar genre. The corpus analyzed (the seminars produced), allowed to verify that the students presented advances in the use of the study genre, in different aspects, comparing the initial and final productions. With this result, we consider that the problems initially demonstrated by the students could be minimized by adopting a systematic teaching approach, involving the teaching of the formal oral genre in the classroom.

7
  • ALANE LÍVIA ROCHA DAS CHAGAS
  •  FABULANDO EM SALA DE AULA: UMA PROPOSTA PARA O LETRAMENTO LITERÁRIO

  • Orientador : ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • MARIA SUELY DA COSTA
  • VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • Data: 18/07/2018

  • Mostrar Resumo
  • Esta pesquisa objetiva compreender de que forma o uso da fábula, trabalhada a partir dos letramentos de domínio dos alunos, pode contribuir para uma melhor receptividade do texto literário em sala de aula. Metodologicamente, trata-se de uma pesquisa-ação (THIOLLENT, 2002) porque atuamos em um contexto real, havendo um clima de colaboração entre pesquisador e pesquisados, no sentido de buscar soluções para o problema observado. Com base na análise do problema, elaboramos um plano de ensino que se orientou pela proposta de sequência didática  de Schenuwly e Dolz (2004) e Cosson (2009), fazendo uso de fábulas de Esopo e dos letramentos múltiplos (ROJO, 2009), musical, familiar, escolar, integrando-os com as atividades de leitura e compreensão do gênero em questão.  No tangente à abordagem, pautamo-nos na análise qualitativa dos dados, analisando as informações, fatos, sem se deter a interpretação de números (MARTINS;THEÓPHILO, 2007), sendo nosso corpus os textos, vídeos, e fotografias, que registram a sequência didática aplicada. Em termos teóricos, baseamo-nos nos aportes estabelecidos por Cosson (2009), Kleiman (1995, 2005, 2006)Rojo (2009), Soares (2009),Terra (2014), Bakhthin (2006), dentre outros. Os resultados indicam que os alunos reagiram positivamente com relação à recepção da fábula na perspectiva na qual foi trabalhada. É possível concluir que há necessidade de refletir acerca das metodologias usadas na escola no condizente aos conteúdos literários e, também, da eficácia desses métodos, apontando uma possibilidade de ensino centrada nos interesses do educando, por acreditar que essa seja uma saída possível para a melhor aceitação da literatura como proposição de leitura, de aprendizagem.


  • Mostrar Abstract
  • This research aims to understand how the use of the fable, based on students' domain literacies, can contribute to a better receptivity of the literary text in the classroom. Methodologically, it is an action research (THIOLLENT, 2002) because we act in a real context, having a climate of collaboration between researcher and researched, in the sense of seeking solutions to the observed problem. Based on the analysis of the problem, we elaborated a teaching plan that was guided by the proposal of a didactic sequence of Schenuwly and Dolz (2004) and Cosson (2009), making use of fables of Aesop and of the multiple literacies (ROJO, 2009), musical , family, school, integrating them with the activities of reading and understanding the genre in question. In the tangent to the approach, we focus on the qualitative analysis of the data, analyzing the information, facts, without stopping the interpretation of numbers (MARTINS; THEOPHILO, 2007), being our corpus texts, videos, and photographs, which record the sequence applied. In theoretical terms, we are based on the contributions established by Cosson (2009), Kleiman (1995, 2005, 2006), Rojo (2009), Soares (2009), Terra (2014) and Bakhthin (2006). The results indicate that the students reacted positively regarding the reception of the fable in the perspective in which it was worked. It is possible to conclude that there is a need to reflect on the methodologies used in the school in accordance with the literary contents and also the effectiveness of these methods, pointing to a possibility of teaching focused on the interests of the learner, believing that this is a possible way for the best acceptance of literature as a reading, learning proposition.

     

8
  • THIAGO ESPÍNOLA DE MEDEIROS
  • A COESÃO SEQUENCIAL NA PRODUÇÃO ESCRITA DE ALUNOS DO ENSINO FUNDAMENTAL


  • Orientador : MARISE ADRIANA MAMEDE GALVÃO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ALEXANDRO TEIXEIRA GOMES
  • LUCINEUDO MACHADO IRINEU
  • MARISE ADRIANA MAMEDE GALVÃO
  • Data: 17/08/2018

  • Mostrar Resumo
  • A escrita, por ter um papel relevante na sociedade, tem sido, ao longo do tempo, abordada por estudiosos no campo da Educação, da Linguística Aplicada, da Linguística, entre outros, enquanto prática necessária para que os indivíduos possam assumir seus papéis como cidadãos críticos e participativos.  Assim sendo, é necessário que a escola, principalmente os professores, realizem um trabalho efetivo com a produção de textos em modalidades diversas com os quais o aluno possa interagir nos mais diferentes lugares e situações. É comum observar-se que, quando solicitado a produzir determinado texto, o aluno o faça, embora essa escrita apresente alguns problemas, entre estes os de ordem da coesão. Tomando por base essas considerações, o presente trabalho tem como foco a produção textual escrita desses alunos, no que se refere ao uso dos elos de coesão sequencial, com vistas à construção dos sentidos do texto. Assim, esta investigação é norteada pela seguinte questão: como os alunos do 8º ano se utilizam de elementos coesivos sequenciais no texto escrito que produzem? Para tanto, definiu-se com objetivo geral, investigar como os alunos usam os conectivos nas produções textuais no gênero carta aberta. Como objetivos específicos, selecionaram-se: identificar as especificidades do gênero carta aberta; identificar os elos coesivos nos textos; especificar as relações semânticas estabelecidas pelos elos coesivos nos textos; reconhecer se os elementos de coesão sequencial atendem aos propósitos comunicativos dos textos. As bases teóricas adotadas são oriundas das pesquisas de Koch e Elias (2010), Koch (2002, 2011, 2013), Marcuschi (2008), Antunes (2005, 2007, 2009, 2010), entre outros trabalhos que seguem perspectivas interacionais.  Do ponto de vista metodológico, adotou-se a a abordagem qualitativa e a pesquisa-ação, conforme as orientações de Thiolent (2012) e Creswell (2010), a fim de atender ao objetivo da pesquisa. A geração de dados para este trabalho foi realizada por meio da sequência didática, de acordo com a proposta de Dolz, Noverraz e Schneuwly (2004), por meio da qual os alunos produziram textos em uma versão inicial e uma final. Em relação aos resultados, na versão inicial, os alunos utilizaram 247 conectores para estabelecer as relações semânticas necessárias para o propósito do texto; já na produção final, foram observados 341 conectores, sendo 94 conectores a mais, indicando que na versão reescrita os alunos puderam utilizar adequadamente outros conectivos que ainda não haviam sido materializados textualmente. Isso significou uma expansão no uso dos elementos coesivos, sendo possível o estabelecimento de novas relações semânticas nos textos. No que se refere ao gênero textual da carta aberta, verificou-se que, de maneira geral, os alunos conseguiram produzir textos de acordo com as especificidades do gênero. Portanto, os dados apontam para a consecução dos objetivos estabelecidos, uma vez que se observou que os alunos conseguiram ampliar o repertório de conectores, além de também aprenderem a produzir o gênero carta aberta.


  • Mostrar Abstract
  • Writing, for having a relevant role in society, has been, over time, approached by scholars, in the field of Education, Applied Linguistics, Linguistics, among others, as a necessary practice for individuals to assume their roles as critical and participatory citizens. Therefore, it is necessary that the school, especially the teachers, carry out an effective work, aiming at the student to produce texts in their different modalities with which they can interact in the most different places and situations. It is common to observe that when asked to produce a certain text, the student does it with some problems, precisely, of order of cohesion. Based on these considerations, this work focuses on the textual production of these students, regarding the use of sequential cohesion elements, for constructing the meanings of the text. Thus, this research is guided by the following question: how the students of 8th grade use sequential cohesive elements in the written text they produce? For this, it was defined as a main objective to investigate how students use the connectives in textual productions in the open letter genre. They were selected as specific objectives: to identify the specificities of the genre open letter; identify the cohesive elements in the texts; to specify the semantic relations established by the cohesive elements in the text; to recognize if the elements of sequential cohesion serve the communicative purposes of texts. As a theoretical bases Koch and Elias (2010), among others, were adopted as the theoretical basis, according to Koch (2002, 2011, 2013), Marcuschi (2008), Antunes (2005, 2007, 2009, 2010). From the methodological point of view, the work favors action research, qualitative Thiolent (2012), Creswell (2010), whose proposal to meet the objectives of improving the student's textual production adopts the work with the didactic sequence, according to with the proposal of Dolz, Noverraz and Schneuwly (2004), this also served as instrumental for the generation of data. Through it, the students produced two texts, an initial version and a final version, that were compared to observe the use of the connectors, as well as the textual genre. It also provided opportunities to reflect on the entire application of the sequence, which were therefore annotated to serve as data for analysis. Regarding the results, it was observed that the didactic sequence generated the production of fourteen text pairs (initial version and final version). In the initial version, students used 247 connectors to establish the semantic relationships necessary for the purpose of the text; already, in the final production, 341 connectors were found, being 94 more connectors, thus pointing out that in the rewriting the students were able to use other connectives that they had not yet used, they varied these connectives to establish relations that they already knew when they used other connectors. In addition to this aspect, we launched a look at the open letter textual genre, it was noted that of the fourteen pairs of texts only one did not meet the specificities of the genre. Therefore, the data point to the achievement of the intended objectives, since it was observed that the students were able to expand the repertoire of connectors, besides also learned to produce the genre open letter.

9
  • JARBENE DANTAS GOMES SOARES
  • A INFLUÊNCIA DO LETRAMENTO ESCOLAR NO FOMENTO DE PRÁTICAS DE LETRAMENTO NO DOMÍNIO FAMILIAR

  • Orientador : ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • MARISE ADRIANA MAMEDE GALVÃO
  • NADIA MARIA SILVEIRA COSTA DE MELO
  • Data: 21/08/2018

  • Mostrar Resumo
  • No Brasil, há anos se discute a importância da participação da família para o sucesso escolar de crianças e adolescentes, no entanto, escassos são os trabalhos que debatem essa temática e raras são as ações desenvolvidas pelas escolas, secretarias de educação e pelos Governos a fim de atenuar a falta de vinculação entre as práticas de letramento escolar e familiar. Diante deste panorama nacional, objetivamos, por meio desta dissertação, avaliar a influência de um trabalho de fomento com práticas de leitura e de escrita para a construção e/ou revitalização do letramento familiar de alunos de uma turma do 8º ano de escola pública do município do Natal. Para isso, iremos, inicialmente, diagnosticar o lugar do letramento no domínio familiar do aluno, elaborar e aplicar Projeto Didático de Gênero (PDG) voltado para a revitalização do letramento no âmbito das famílias. A presente pesquisa é uma investigação de caráter interventivo (THIOLLENT, 1986) e adota a perspectiva de abordagem de dados qualitativa (BODGAN; BIKLEN, 1994). Em termos teóricos, fundamenta-se nos pressupostos dos Estudos de Letramento como prática social (KLEIMAN, 2008; ROJO, 2009; HAMILTON, 2000 e SOARES, 2003), em trabalhos que versam sobre o letramento familiar (SANTOS, 2015; BRITO, 2016). A avaliação da influência de um trabalho de fomento ao letramento familiar, mediado pela escola, aponta para a efetivação de práticas de leitura e de escrita no cotidiano das famílias, assim como para a maior compreensão, da parte dos pais, no tocante à importância do trabalho implementado pela escola.


  • Mostrar Abstract
  • In Brazil, the importance of family participation for school success in children and adolescents has been discussed for years, however, there are few studies that discuss this issue, and there are few actions developed by schools, education departments and governments to alleviate the lack of linkage between school and family literacy practices. In view of this national panorama, we aim, through this dissertation, to evaluate the influence of a work of development with reading and writing practices for the construction and / or revitalization of the family literacy of students of a group of 8th year of public school of the municipality Of Christmas. For this, we will initially diagnose the place of literacy in the student's family domain, develop and apply a Gender Didactic Project (PDG) aimed at revitalizing literacy within families. The present research is an interventional research (THIOLLENT, 1986) and adopts the perspective of qualitative data approach (BODGAN; BIKLEN, 1994). In theoretical terms, it is based on the assumptions of Literacy Studies as a social practice (KLEIMAN, 2008; ROJO, 2009; HAMILTON, 2000 and SOARES, 2003), in papers dealing with family literacy (SANTOS, 2015, BRITO, 2016) The evaluation of the influence of a work of support to family literacy, mediated by the school, points to the practice of reading and writing practices in the daily life of families, As well as to the greater understanding on the part of the parents regarding the importance of the work implemented by the school. 

10
  • NILSON ALFREDO DA SILVA
  • CONFEITARIA POÉTICA: UMA PROPOSTA DE FORTALECIMENTO DAS AGÊNCIAS ESCOLA E FAMÍLIA

  • Orientador : ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • JOSE LUIZ FERREIRA
  • MARIA SUELY DA COSTA
  • Data: 11/09/2018

  • Mostrar Resumo
  • A família tem delegado à escola a inteira responsabilidade de educar os filhos e dela tem se afastado à medida que a idade escolar do aprendiz aumenta. Nesse sentido, este trabalho centra-se na reaproximação entre família e escola, mediante a implementação do Projeto Didático de Gêneros (PGD), em aulas de Língua Portuguesa, adotando como artefato o gênero literário poema, tendo em vista o objetivo geral de fortalecer as práticas de leitura e escrita dos alunos e os objetivos específicos de a) formar parceria entre escola e família, b) promover a reaproximação entre essas agências de letramento e c) redimensionar o valor atribuído ao gênero literário. A investigação é do tipo pesquisa-ação (THIOLLENT, 1985) e adota a abordagem qualitativa dos dados (BOGDAN e BIKLEN, 1994). Seu desenvolvimento ocorre sob a orientação do Projeto Didático de Gênero - PDG (GUIMARÃES E KERSCH, 2014). A opção por um artefato da literatura (leitura e produção de poemas) justifica-se pelo lugar privilegiado que ela ocupa no processo de formação do leitor, pois contribui para a humanização do próprio sujeito (CANDIDO, 2011). A fundamentação teórica desta pesquisa assume como pressupostos os trabalhos que concebem o letramento como prática social (HAMILTON, 2000; HEATH, 1982; STREET,1984; KLEIMAN, 1995; OLIVEIRA; KLEIMAN, 2008), nas produções que focalizam a parceria escola-família, mais especificamente, o letramento familiar (CASPE, 2003; PHILIP; SAMPLE, 2005; KEY, 1998), nos trabalhos que versam sobre o Letramento Literário (COSSON, 2014) e o gênero poema na sala de aula (FRANZ, 1997;  JOSÉ, 2003; PINHEIRO, 2002). Os resultados demonstraram a contribuição do PDG para a reaproximação das agências de letramento família e escola, mediados pelo gênero literário poema. O trabalho também revela que a presença da família na escola possibilitou o fortalecimento das práticas de leitura e de escrita dos alunos.

     


  • Mostrar Abstract
  • The family has delegated to the school the whole responsibility of educating their children and it has moved away as the learner's school age increases. In this sense, this work aims to promote rapprochement between family and school through the implementation of the Didactic Project of Genres (PGD) in classes of Portuguese Language adopting as an artifact the literary genre poem. Research is action-research type (THIOLLENT, 1985) and adopts the qualitative approach of the data (BOGDAN and BIKLEN, 1994). Its development takes place under the guidance of the Didactic Project of Gender - PDG (GUIMARÃES & KERSCH, 2014). The option for an artifact of literature (reading and producing poems) is justified by the privileged place it occupies in the process of formation of the reader by contributing to the humanization of the subject itself (CANDIDO, 2011). The theoretical foundation of this research assumes as presuppositions the works that conceive of literacy as a social practice (HAMILTON, 2000, HEATH, 1982, STREET, 1984, KLEIMAN, 1995; OLIVEIRA, KLEIMAN, 2008) in productions that focus on the school-family partnership , Especially in the literature on literacy (COSSON, 2014) and the poem genre in the classroom (FRANZ, 1997; JOSÉ, 1997; , 2003). The results demonstrate the contribution of the PDG to the rapprochement of the agencies of literacy family and school, mediated by the literary genre poem. The work also reveals that the presence of the family in the school made possible the strengthening of students' reading and writing practices.

11
  • LECY LUIZ RAIMUNDO DA SILVA
  • MEMÓRIAS: UM TRAMPOLIM PARA A ESCRITA

  • Orientador : JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • MARIA SUELY DA COSTA
  • SEBASTIAO AUGUSTO RABELO
  • Data: 11/09/2018

  • Mostrar Resumo
  • Sendo a sociedade grafocêntrica e estando organizada em torno da palavra, ler e escrever são habilidades essenciais para a inserção do indivíduo no mundo do conhecimento sistematizado. É perceptível a visão negativa de muito estudantes quando o assunto é a produção textual, tendo em vista o desinteresse dos educandos para produzir textos. O ato de escrever é visto como uma imposição, um fardo negativo que gera o pressuposto da obrigação e, praticamente, nenhum contentamento. Por isso, as práticas de ensino que envolvem a escrita precisam ajustar-se às orientações da proposta educacional vigente no país afim de enfatizar  o desenvolvimento da competência escritora dos alunos. Nesse contexto, tendo como base o desenvolvimento da escrita, o gênero memórias literárias é difundido nas salas de aula no período das Olimpíadas de Língua Portuguesa. Esta pesquisa pretende enfocar o gênero memórias sob outra ótica, na qual considera o rememorar afetivo dos próprios alunos, usando-o como instrumento para aguçar o prazer de escrever, pois quando se escreve sobre um tema ou algo que se conhece, a escrita flui de modo mais leve e satisfatório. Além disso, atribui-se à gramática, no decorrer da sequência didática, uma função complementar para que seja utilizada em função do texto e da adequação às características especificas do gênero proposto. O objetivo geral é investigar como o gênero memórias pode contribuir para o desenvolvimento da competência escritora dos alunos, a partir de uma proposta de intervenção pedagógica que enfatiza a escrita como um processo de construção de textos.  Os objetivos específicos são: 1) Analisar o processo de produção escrita dos alunos a partir do gênero memórias.  2) identificar as dificuldades linguísticas e gramaticais (ortografia, pontuação, concordância verbal e nominal) apresentadas na produção escrita de todas as versões do texto; 3) analisar as atividades de reescritura do texto inicial; 4) comparar as produções textuais após a reescrita para observar os possíveis avanços. A metodologia está ancorada na pesquisa ação, na qual foi realizada uma intervenção pedagógica em que os alunos produziram textos, por meio de sequências didáticas – SD, em duas situações, a primeira produção (texto Inicial – TI) para análise inicial e a segunda produção (Texto Final – TF) para análise e avaliação final do processo de escrita de alunos do 6º ano da Escola Municipal Pedro de Azevedo Maia, situada no município de Barcelona/RN. Como aporte teórico, o estudo pauta-se nos pressupostos teóricos de Bakhtin (2002), Geraldi (2003, 1993, 1996), Kato (2003), Marcuschi (2008), Passareli (2012), Travaglia (1996), Antunes (2007), Dolz; Schneuwly (2004), Le Goff (2003) Thiolent (1996), dentre outros. 

     


  • Mostrar Abstract
  • In a graphical society, centered in the word, the acts of reading and writing are essential skills for the insertion of individual in the systematized world of knowledge. It is perceptible the negative view of many students about textual production, showing lack of interest in writing activities, seeing it as an imposition and, practically, without satisfaction. Therefore, writing practices need to conform to the guidelines of the educational proposal, in order to provide the development of students' writing skills. In this sense, the teaching of writing used the literary memories for working with it in classrooms during the period of the Portuguese Language Olympics in which the students start from the memories of elderly people of community, interviewing and writing the memoirs in the first person, considering the stories collected. Thus, this research focused on the genre of memories from a different point of view, seeking the emotional remembrance of the students. In this way, we tried to use it as an instrument that sharpens the pleasure of writing, because when writing about a theme or something that is known, writing flows more lightly and satisfactorily. The general objective is to investigate how the genre of memories can contribute to the development of student writing skills, based on a pedagogical intervention proposal that emphasizes writing as a process of text construction, and specifically: 1) Analyze the written production process of students from the genre memories; 2) Identify linguistic and grammatical difficulties (spelling, punctuation, verbal and nominal agreement) presented in the written output in the text versions; 3) Compare the textual productions after the rewrite to observe the possible advances. The methodology followed the action research. The data were collected from the pedagogical intervention in a group of the 6th year of primary education at a school in the city of Barcelona / RN. The object of study were texts produced from didactic sequences - SD, in two situations: a) Initial Production - TI) and b) Final Production - TF). Data analysis was based on the qualitative approach. The study was based on the theoretical assumptions of Bakhtin (2002), Geraldi (2003, 1993, 1996), Kato (2003), Marcuschi (2008), Passareli (2012), Travaglia (1996), Antunes (2007), Dolz; Schneuwly (2004), Le Goff (2003) Thiolent (1996), among others. The study showed that the genre of memories can provide students with the affective remembrance of their daily lives and has become a motivating factor for students to record their own life histories. The analysis of the data revealed that, when they were encouraged to write about their own histories, they showed a greater interest in writing, as they showed greater development in the proposed activities. In this way, they recalled facts of daily life, expressed emotions and feelings lived at school, at home and in other contexts, revealing that they feel more stimulated to write, since they were not hypothetical situations of textual production, but situations the use of the language in its written form.

12
  • ALEZANGELA DE FÁTIMA DE JESUS BENTO
  • A ESCRITA PROCESSUAL E A METODOLOGIA  DOS PROJETOS DE LETRAMENTO: UM OLHAR PARA A PRODUÇÃO TEXTUAL EM AULAS DE LÍNGUA PORTUGUESA

  • Orientador : ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • MARIA DO SOCORRO OLIVEIRA
  • NADIA MARIA SILVEIRA COSTA DE MELO
  • Data: 02/10/2018

  • Mostrar Resumo
  • Os Projetos de Letramento caracterizam-se por enfatizar atividades envolvendo a leitura e a escrita como práticas sociais, além de se constituírem estratégias didático pedagógicas capazes de promover a articulação entre os conteúdos curriculares estabelecidos como foco no processo de ensino-aprendizagem às situações sócio históricas e culturais do aluno, ressiguinificando-os. Assim sendo, objetivo deste trabalho é analisar a contribuição desta metodologia para a melhoria das práticas de escrita de alunos de uma turma do 7º ano que apresenta um grau elevado de dificuldade em atividades de leitura e de produção textual. Teoricamente, adotamos como referências os aportes dos Estudos do Letramento como prática social (KLEIMAN, 1995; 2001; 2005; 2009; ROJO, 2009; ROJO; MOURA, 2012; SOARES,1998; 2003; TFOUNI, 1995), inclusive dos pressupostos alusivos aos Projetos de Letramento (OLIVEIRA;TINOCO; SANTOS, 2011). Para embasar a abordagem dos gêneros como artefatos em eventos e práticas de letramento, lançamos mão dos aportes de Bakhtin, (2011); bem como a concepção de escrita uma atividade processual fundamentada nos postulados de Passarelli (2004; 2012). Em termos metodológicos, a investigação proposta estabelece-se como uma pesquisa-ação (THIOLLENT, 1986) e segue orientações da abordagem qualitativa de dados (BODGAN; BIKLEN,1982). Os resultados apontam para a relevância da implementação do Projeto de Letramento em termos de aprimoramento do desempenho dos alunos no tocante à leitura e à produção escrita de gêneros discursivos propostos.


  • Mostrar Abstract
  • The Literacy Projects are characterized by emphasizing activities involving reading and writing as social practices, as well as pedagogical didactic strategies capable of promoting the articulation between the curricular contents established as a focus in the teaching-learning process to socio-historical situations and cultural aspects of the student, resiguinizando them. Therefore, the objective of this work is to analyze the contribution of this methodology to the improvement of the writing practices of students of a 7th grade class that presents a high degree of difficulty in reading and textual production activities. Theoretically, we adopted as references the contributions of Literature Studies as social practice (KLEIMAN, 1995, 2001, 2005, 2009, ROJO, MOURA, 2012; SOARES, 1998; 2003 and TFOUNI, 1995) Tinoco and Santos (2011). To support the approach of genres as artifacts in literacy events and practices, we use Bakhtin's contributions (2011); as well as the conception of writing a procedural activity based on the postulates of Passarelli (2004) .In terms of methodology, the proposed research establishes itself as an action research (THIOLLENT, 1986) and follows orientations of the qualitative approach of data (BODGAN; BIKLEN, 1982). The results point to the relevance of the implementation of the Literacy Project to improve students' performance in reading and written production of proposed discursive genres.

13
  • FERNANDA CAVALCANTE BARBOSA E SILVA
  • A PRODUÇÃO ESCRITA DO TEXTO ARGUMENTATIVO DE ALUNOS DO 9º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL


  • Orientador : MARISE ADRIANA MAMEDE GALVÃO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIO LOURENCO DE MEDEIROS
  • MARISE ADRIANA MAMEDE GALVÃO
  • ROSANGELA ALVES DOS SANTOS BERNARDINO
  • Data: 19/12/2018

  • Mostrar Resumo
  • Ler e escrever são habilidades essenciais para a vida escolar, no que diz respeito à construção de conhecimentos para o desenvolvimento da autonomia dos alunos com vistas à formação de sujeitos aptos para interagir nas mais diversas situações comunicativas. O presente trabalho tem como ponto de partida a observação de problemas na produção escrita de textos argumentativos dos alunos do 9º ano do Ensino Fundamental de uma escola pública, localizada em Fortaleza – CE. Assim sendo, as perguntas que orientaram esta investigação foram se os textos argumentativos produzidos pelos alunos apresentavam um ponto de vista sobre uma determinada questão; se esses textos revelavam o uso de argumentos consistentes para a sustentação do ponto de vista e, por fim, se os alunos utilizavam articuladores discursivo-argumentativos no texto produzido. Para responder a esses questionamentos definimos como objetivo geral deste trabalho, investigar a escrita de textos argumentativos produzidos por estes alunos, adotando, principalmente, a perspectiva de linguística textual. Teoricamente, esta pesquisa adotou os postulados das investigações de Koch e Elias (2017), Marcuschi (1983, 2002, 2008, 2010), sobre o texto, além de outros autores cujos trabalhos discutem a argumentação e o ensino do texto argumentativo, como Platin (2008, 2011), Koch e Elias (2017), Faraco (1992) e Possenti (2017). Metodologicamente optamos por uma pesquisa-ação, seguindo uma abordagem qualitativa buscando as orientações dos trabalhos de Brandão (1990), Bogdan e Biklen (1994) e Thiollent (1998). Tendo em vista se tratar de uma proposta de trabalho de intervenção, os dados foram coletados por meio da aplicação de uma sequência didática, sendo o corpus da pesquisa composto pelas produções textuais iniciais e finais dos alunos. A análise dos dados nesses dois momentos foi feita a partir das categorias pautadas em Koch e Elias (2017) e Possenti (2017), quais sejam: o ponto de vista e sua relação com os argumentos; as estratégias argumentativas e os articuladores discursivo-argumentativos. Os problemas observados nas produções iniciais direcionaram as atividades pedagógicas ao longo da intervenção. Ao se comparar as produções textuais dos alunos antes e após o desenvolvimento da proposta percebeu-se a eficácia do trabalho realizado. Observou-se significativa melhoria no que se refere ao desenvolvimento da competência comunicativa. Os alunos produziram textos em que foram observados argumentos mais consistentes, posicionando-se de forma mais crítica diante de questões sociais importantes. Como conclusão, a pesquisa possibilitou aprofundar a identificação das dificuldades dos alunos na construção de textos argumentativos como também observar e registrara superação das mesmas.


  • Mostrar Abstract
  • Reading and writing are essential skills for school life, as regards the construction of knowledge for the development of students' autonomy with a view to the formation of subjects capable of interacting in the most diverse communicative situations. The present work has as starting point the observation of problems in the written production of argumentative texts of the students of the 9th grade of Elementary School of a public school, located in Fortaleza - CE. Thus, the questions that guided this investigation were whether the argumentative texts produced by the students presented a point of view on a certain question; if these texts revealed the use of consistent arguments for the support of the point of view and, finally, if the students used discursive-argumentative articulators in the text produced. To answer these questions, we define the general objective of this work to investigate the writing of argumentative texts produced by these students, adopting, mainly, the perspective of textual linguistics. Theoretically, this research adopted the postulates of the investigations of Koch and Elias (2017), Marcuschi (1983, 2002, 2008, 2010) on the text, besides other authors whose works discuss the argumentation and the teaching of the argumentative text, such as Platin (2008, 2011), Koch and Elias (2017), Faraco (1992) and Possenti (2017). Methodologically we opted for an action research, following a qualitative approach seeking the orientations of the works of Brandão (1990), Bogdan and Biklen (1994) and Thiollent (1998). In order to be a proposal for intervention work, the data were collected through the application of a didactic sequence, the corpus of the research being composed of the initial and final textual productions of the students. The analysis of the data in these two moments was made from the categories based on Koch and Elias (2017) and Possenti (2017), which are: the point of view and its relation with the arguments; argumentative strategies and discursive-argumentative articulators. The problems observed in the initial productions directed the pedagogical activities throughout the intervention. When comparing the textual productions of the students before and after the development of the proposal, the effectiveness of the work was realized. There was a significant improvement in the development of communicative competence. The students produced texts in which more consistent arguments were observed, positioning themselves more critically in the face of important social issues. As a conclusion, the research made it possible to deepen the identification of students' difficulties in the construction of argumentative texts as well as to observe and record their overcoming.

2017
Dissertações
1
  • VERÔNICA GILCINEIDE DE ARAÚJO
  • O tópico discursivo na aula de língua portuguesa: uma proposta de intervenção com o gênero fábula.


  • Orientador : MARISE ADRIANA MAMEDE GALVÃO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARISE ADRIANA MAMEDE GALVÃO
  • JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • MARIA ELIETE DE QUEIROZ
  • Data: 24/04/2017

  • Mostrar Resumo
  • Nesta pesquisa elegemos o tópico discursivo como proposta de trabalho, privilegiando especificamente o estudo da organização hierárquica nas produções de texto de alunos do sexto ano de uma escola municipal, a partir do gênero fábula. Discutimos a questão do tópico como elemento por meio do qual os assuntos tratados no texto se relacionam entre si, pois de acordo com a Linguística Textual, um texto coerentemente construído apresenta conexões das partes entre si e destas com o todo. Tendo em vista as dificuldades encontradas por nossos alunos em organizar adequadamente os tópicos nos textos que produzem, estabelecemos como critério necessário à construção do texto um trabalho com a organização hierárquica.  Na perspectiva de colaborar com a aprendizagem dos discentes no que se refere à progressão tópica dos textos, desenvolvemos uma sequência didática, embasada nas orientações de Dolz, Noverraz e Schneuwly (2004). Nosso trabalho teve por base os princípios de uma pesquisa-ação, seguindo uma metodologia orientada para uma ação especifica. Nessa direção, objetivamos minimizar alguns problemas na ordem da produção textual, a partir dos princípios básicos da centração e da organicidade do texto. Nosso estudo seguiu pressupostos da Linguística Textual, teoricamente amparado pelos trabalhos de Cavalcante (2012), Koch (2002, 2006), Antunes (2009), Marcuschi (2008), Jubran (2006), entre outros. Nossas análises e reflexões revelaram que, após a proposta com as sequências didáticas, os alunos produziram textos escritos com perceptíveis avanços no aspecto da hierarquia tópica, fato que evidenciou a melhoria na compreensão destes com relação à importância de escrever, relacionando as ideias entre si, fato que estabelece a coerência entre as unidades de sentido do texto. Como resultado desse trabalho, os alunos apresentaram como produto final, um livreto constituído por fábulas originais de suas autorias.


  • Mostrar Abstract
  • In this research we chose the discursive topic as a proposal of work, privileging specifically the study of the hierarchical organization in the text productions of students of the sixth year of a municipal school, through the fable genre. We discussed the topic as an element through which the subjects dealt with in the text relate to each other, because according to Textual Linguistics, a coherently developed text presents the connections between the parts and the whole. Considering the difficulties  presented  by our students in properly organizing the topics in the texts they produce, we established as a necessary criterion for the construction of the text, a work with the hierarchical organization. In the perspective of collaborating with the students' learning regarding the topical progression of the texts, we developed a didactic sequence, based on the guidelines of Dolz, Noverraz and Schneuwly (2004). Our work was based on the principles of an action research, following a methodology oriented to a specific action. In this direction, we aimed to minimize some problems in the order of textual production, based on the basic principles of centration and the organicity of the text. Our study followed the presuppositions of Textual Linguistics, theoretically supported by the works of Cavalcante (2012), Koch (2002, 2006), Antunes (2009), Marcuschi (2008), Jubran (2006), among others. Our analyzes and reflections revealed that, after the proposal with the didactic sequences, the students produced written texts with noticeable advances in the aspect of the topical hierarchy, fact that evidenced the improvement in their understanding of the importance of writing, relating the ideas to each other, showing coherence between the units of meaning in the text. As a result of this work, the students presented as final product, a booklet made up of original fables of their authorship.

2
  • FABIANO MOREIRA DE OLIVEIRA
  •          A REFERENCIAÇÃO NA SALA DE AULA DO ENSINO FUNDAMENTAL: UMA PROPOSTA DE INTERVENÇÃO


  • Orientador : MARISE ADRIANA MAMEDE GALVÃO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • MARISE ADRIANA MAMEDE GALVÃO
  • MARIA ELIETE DE QUEIROZ
  • Data: 28/07/2017

  • Mostrar Resumo
  • Nesta pesquisa abordamos a referenciação como mecanismo de construção do sentido no texto. Neste trabalho, partimos da constatação de que os alunos do 9º ano do ensino fundamental apresentavam em seus textos dificuldades com relação ao uso dos mecanismos de referenciação, implicando nem sempre a clareza para o leitor acerca da identificação de objetos discursivos no desenvolvimento das produções textuais solicitadas em sala de aula.  Dessa forma, objetivamos investigar o referido fenômeno por meio do gênero textual “artigo de opinião”, sendo possível diagnosticar os problemas encontrados no uso da referenciação e orientar um trabalho de produção textual com foco nessas ocorrências. Para tanto, nossa pesquisa adotou como postulados teóricos as considerações de autores que  abordam em perspectivas textuais/interativas os fenômenos referenciais enquanto práticas discursivas resultantes da articulação entre a linguagem e a realidade. Entre esses autores em que nos baseamos, ressaltamos Mondada e Dubois (2003), Koch (1992,1997, 1998, 2005, 2006, 2014), Travaglia (1992), Marcuschi (2005), Cavalcante (2011,2012,2013,2014), Val (1999), Antunes (2005), os quais tratam os mecanismos de referenciação a partir dos conhecimentos construídos na interação autor-leitor e texto. Assim sendo, definimos uma abordagem qualitativa de pesquisa, especificando a pesquisa-ação, já que propusemos uma intervenção como forma de abordar o problema da produção textual escrita dos alunos. Os textos analisados na produção inicial proporcionaram a nossa orientação por meio de atividades pedagógicas voltadas para a referenciação e suas estratégias, para que os alunos pudessem melhor compreender a importância desta como atividade discursiva e de escolhas em função do sentido pretendido no texto. Durante o trabalho em sala de aula e por meio da análise dos textos produzidos pelos alunos, no gênero artigo de opinião, observamos que eles apresentaram um avanço significativo no tocante à questão investigada, após a intervenção com o intuito de minimizar os problemas na produção escrita


  • Mostrar Abstract
  •  

    In this research we approach the reference as a mechanism of construction of meaning in the text. In Thus, we start from the observation that the students of the 9th year of elementary school shows difficulties in their texts regarding the use of referencing mechanisms, implying not always the clarity for the reader about the identification of discursive objects in the development of the requested textual productions In the classroom. In this way, our objective is to investigate this phenomenon through the textual genre "opinion article", being possible to identify  the problems revealed  in the use of the reference and to guide a work of textual production with focus on these occurrences. For that, our research adopted as theoretical postulates the considerations of authors whose approach follows the textual / interactive perspectives concerning the referential phenomena as discursive practices resulting from the articulation between language and reality. Among these authors on which we base, we highlight Mondada and Dubois (2003), Koch (1992,1997, 1998, 2005, 2006, 2014), Travaglia (1992), Marcuschi (2005), Cavalcante (2011,2012,2013,2014 ), Val (1999), Antunes (2005), which treat the mechanisms of reference from the knowledge built in the author-reader interaction and text. Thus, we defined a qualitative research approach, specifying the action-research, since we proposed an intervention as a way of approaching the problem of students' written textual production. The texts analyzed in the initial production provided our orientation through pedagogical activities oriented to the reference and its strategies, so that the students could better understand the importance of this as a discursive activity and of choices according to the meaning intended in the text. During the classroom work and through the analysis of the texts produced by the students, in the opinion article genre, we observed that they presented a significant advance regarding the investigated question, after the intervention with the intention of minimizing the problems in the written production

3
  • JAÇANAN DE SOUZA TELES
  • O ENSINO DE LÍNGUA PORTUGUESA E A VARIAÇÃO LINGUÍSTICA:

    UMA PROPOSTA DE INTERVENÇÃO PEDAGÓGICA

  • Orientador : JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • MARIA ELIETE DE QUEIROZ
  • MARISE ADRIANA MAMEDE GALVÃO
  • Data: 28/07/2017

  • Mostrar Resumo
  • A realização deste trabalho suscita uma reflexão sobre o Ensino de Língua Portuguesa e a abordagem das variedades linguísticas no contexto escolar. A maioria dos professores apresenta dificuldade em abordar o tema, limitando-se em levar para a sala de aula textos que abordem a variação numa perspectiva de reescrita na qual ao aluno é solicitado apenas a transposição para a linguagem formal pautada nas gramáticas normativas. Entretanto, têm consciência da importância do tema que representa e valoriza a língua em sua diversidade, sendo instrumento valioso de luta contra toda forma de discriminação e de exclusão social pela linguagem. O estudo configura-se como uma pesquisa-ação com alunos 9º ano do Ensino fundamental de uma escola pública, cujo objetivo é investigar como os mesmos compreendem a variação linguística como elemento de (re)conhecimento e valorização da heterogeneidade da língua e a superação do preconceito linguístico, haja vista que a finalidade do ensino de Língua Portuguesa é desenvolver a competência linguística dos discentes, permitindo-lhes a convivência com a multiplicidade de variáveis da língua. Nesse sentido, partimos de atividades sistematizadas em forma de Sequências Didáticas, utilizando o gênero textual cordel, fundamentamo-nos nas orientações contidas nos Parâmetros Curriculares Nacionais, com também nas contribuições de teóricos como Preti (1974); Bakhtin (1997, 2011), Bagno (1997, 1999, 2002, 2007); Mollica (2012) Bortoni-Ricardo (2004, 2005); Antunes (2012), Schneuwly; Dolz (2004), Cagliari (2001), dentre outros. Os resultados revelaram que os alunos refletiram sobre os usos da língua materna, compreenderam que há uma multiplicidade de variação da linguagem e que se faz necessária uma ressignificação do preconceito linguístico.

     


  • Mostrar Abstract
  •  

     The realization of this work raises a reflection on the Teaching of Portuguese Language and the approach of linguistic varieties in the school context. Most teachers find it difficult to approach the subject, limiting themselves to taking to the classroom texts that approach variation in a rewriting perspective in which the student is asked only to transpose into the formal language based on normative grammars. However, they are aware of the importance of the theme that represents and values the language in its diversity, being a valuable tool to fight against all forms of discrimination and social exclusion through language. The study is an action research with 9th grade students of a public school, whose objective is to investigate how they understand linguistic variation as an element of (re) knowledge and valorization of language heterogeneity and overcoming the Linguistic prejudice, given that the purpose of Portuguese language teaching is to develop students' linguistic competence, allowing them to coexist with the multiplicity of language variables. In this sense, we start from systematized activities in the form of Didactic Sequences, using the textual genre cordel, based on the guidelines contained in the National Curricular Parameters, also in the contributions of theorists such as Preti (1974); Bakhtin (1997, 2011), Bagno (1997, 1999, 2002, 2007); Mollica (2012) Bortoni-Ricardo (2004, 2005); Antunes (2012), Schneuwly; Dolz (2004), Cagliari (2001), among others. The results revealed that the students reflected on the uses of the mother tongue, understood that there is a multiplicity of language variation and that a re-signification of linguistic prejudice is necessary

4
  • GERLÚCIO MEDEIROS DE ARAÚJO
  •  

    O LIVRO DIDÁTICO “PORTUGUÊS LINGUAGEM” E O ENSINO DE GRAMÁTICA: TRABALHANDO A ORAÇÃO SUBORDINADA ADVERBIAL

     

  • Orientador : MARIO LOURENCO DE MEDEIROS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • GILTON SAMPAIO DE SOUSA
  • JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • MARIO LOURENCO DE MEDEIROS
  • Data: 31/07/2017

  • Mostrar Resumo
  • O presente trabalho tem por objetivo investigar as abordagens de ensino de gramática presentes em exercícios do livro didático Português Linguagem, 9º Ano, Ensino Fundamental II. O ensino de gramática na escola tem sido objeto de interesse de muitos estudiosos da linguagem e de docentes. Este trabalho fundamentado na observação de dificuldades encontradas na prática docente de língua portuguesa, pretende tecer algumas reflexões sobre os parâmetros do ensino da gramática via livro didático, especificamente, na turma do 9º ano do Ensino Fundamental II de uma escola pública na cidade de Ipueira - RN. No presente estudo, serão observadas as contribuições e implicações do livro didático Português Linguagem para o ensino gramatical e, a partir de dados concretos, confrontar tais colaborações com as orientações presentes nos Parâmetros Curriculares Nacionais, nas Diretrizes Nacionais e em contribuições de teóricos como Antunes (2003),Neves (2003) Possenti (1996),Traváglia (2009), Bagno (2001) entre outros. Essencialmente, destacam-se os conceitos, a importância e a aplicação da gramática nas aulas de língua portuguesa. O trabalho se propõe, pois, a fazer uma investigação e, posteriormente, uma intervenção no tocante ao ensino de gramática, pegando como exemplo as orações subordinadas adverbais, explicitando a proposta constante do livro didático abordado. Procura ainda discutir a relevância de um trabalho reflexivo com a gramática na sala de aula. Pretende-se, para tanto, analisar que perspectivas e que práticas foram incorporadas pelo livro didático no que concerne ao ensino da gramática da língua materna e quais caminhos seguir para um ensino que priorize uma visão dinâmica da língua, trabalhando as categorias gramaticais como elementos que dão suporte à significação dos enunciados em situações concretas de uso. Assim, num primeiro momento, o estudo de propõe a analisar o livro didático Português Linguagem para explicitar a proposta de ensino de categorias gramaticais ali presentes e ampliá-la a partir de uma sequência didática, mostrando  não apenas os limites do livro didático, mas como é indispensável a interferências do professor na complementação de tais propostas, visando à superação de lacunas naquele existentes.


  • Mostrar Abstract
  • The present work aims to investigate the approaches of grammar teaching present in exercises of the Português Linguagem textbook, 9th grade, Elementary School II. The teaching of grammar in school has been an object of interest to many language scholars and teachers. This work, based on the observation of difficulties found in the teaching practice of Portuguese language, intends to make some reflections about the parameters of grammar teaching via textbook, specifically in the 9th grade class of Elementary School II of a public school in the  Ipueira - RN. In the present study, we will observe the contributions and implications of the Português Linguagem textbook for grammar teaching and, based on concrete data, compare such collaborations with the guidelines present in the National Curricular Parameters, National Guidelines and contributions of theorists such as Antunes 2003), Neves (2003) Possenti (1996), Traváglia (2009), Bagno (2001) and others. Essentially, the concepts, importance and application of grammar in Portuguese language classes. The work proposes, therefore, to make an investigation and, later, an intervention in the teaching of grammar, taking as an example the clauses subordinated adverbais, explaining the proposal in the textbook approached. It also seeks to discuss the relevance of reflective work with grammar in the classroom. Intends to, for both,, to analyze which perspectives and practices were incorporated by the didactic book in that concerns the teaching of the grammar of the mother tongue and which paths to follow a teaching that prioritizes a language’s dynamic, working the grammatical categories as elements that Support the signification of statements in concrete situations of use. So,in the fisrt moment, the study proposes to analyze the Português Linguagem textbook to explain the proposed teaching of grammatical categories present and extend it from a didactic sequence, showing not only the limits of the textbook, but also It is indispensable to interfere with the teacher in the complementation of such proposals, aiming at overcoming gaps in the existing ones.

5
  • ISMAEL ANDRÉ DOS SANTOS SILVA
  • PRÁTICAS DE LETRAMENTO DIGITAL:

    A ESCRITA NOSSA DE CADA DIA NOS DOMÍNIOS DA WEB

  • Orientador : ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ALEXANDRO TEIXEIRA GOMES
  • ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • RISOLEIDE ROSA FREIRE DE OLIVEIRA
  • Data: 31/07/2017

  • Mostrar Resumo
  • Em pleno século XXI em que vivenciamos a era tecnológica e digital, a escola como a mais importante agência de letramento, formadora de agentes para exercer plenamente sua cidadania, precisa implementar novas práticas pedagógicas  pautadas em pressupostos teóricos e metodológicos capazes de subsidiar os alunos a adentrar o domínio das novas tecnologias, de modo a construir conhecimentos e, consequentemente, saber agir diante das mais diversas situações interação para atender às inúmeras demandas da sociedade pós moderna. Nesta perspectiva, a partir uma pesquisa-ação (THIOLENT,1985 ), desenvolvida por meio de sequências didáticas, objetivamos possibilitar aos alunos a ambientação, a instrução e a utilização dos artefatos ligados ou não a internet com o intuito de inseri-los no âmbito do letramento digital. Para tanto, lançamos mão do gênero crônicas como artefato material pertinentes aos eventos de letramento previstos para os alunos do 9º ano do Ensino Fundamental de uma escola pública do interior do estado do Rio Grande do Norte. Teoricamente, a pesquisa proposta está embasada em fundamentos dos Estudos de Letramento (KLEIMAN, 1998; SOARES, 2000), nos aportes que versam sobre o letramento digital (XAVIER, 2002; VALENTINI; SOARES, 2011, LEVY,1999; COSCARELLI; RIBEIRO, 2005). No que diz respeito à sequência didática, apoia-se em aportes apresentados por Zabala (1998), Schneuwly, Dolz e Noverraz (2004), dentre outros. Em termos metodológicos, trata-se de uma pesquisa-ação, com abordagem de dados de natureza qualitativa (LUDKE; ANDRÉ, 1986; DENZIN; LINCOLN, 2006). O processo de intervenção possibilitou-nos observar que há na informática ou, mais precisamente, nos domínios da internet, um potencial significativo de práticas de letramento que, se utilizado pelo professor, pode dinamizar as aulas e contribuir para não apenas para a melhoria do desempenho do aluno, mas também inovar as atividades propostas pelo professor durante o processo de ensino-aprendizagem. Nesse sentido, faz-se necessário, introduzir a informática com cunho educativo para promover no alunado o contato com o computador conectado à internet, cujo acesso orientado pode se constituir num artefato de grande valia para o aprendizado da leitura e da escrita com implicações positivas na atuação do discente nas demais disciplinas do currículo do Ensino Fundamental.


  • Mostrar Abstract
  • In the 21st century, in which we live the technological and digital age, the school as a trainer of individuals capable of fully exercising their citizenship, must incorporate new habits, behaviors and demands, managing and propagating changes in new practices of knowledge construction, providing a learning differently, mainly, regarding the use of the technologies present in the daily life of the students. In this perspective, we will focus in this action research, through didactic sequences the setting, instruction and use of artifacts linked or not to the internet as a means for the construction of the chronic textual genre, aiming at the development of a competent and proficient writing of students of the 9th grade of Elementary School in a public institution. The research is based on scholars such as Kleiman (1998), Soares (2000), Xavier (2002) Valentini and Soares (2011), Levy (1999), Zabala (1998), Schneuwly, Dolz and Noverraz (2004). We will start from the condition of diagnosing the level of aptitude of the students regarding the use of the devices connected or not to the internet, as well as how the information obtained from the digital world is used to acquire school knowledge. We will also work on the chronic textual genre as a basis for developing students’ writing skills, as well as the production of a blog as the final result to be obtained, where the students' production is recorded and disseminated, making each student understand the importance of Instrumentalization and the use of its writing as a social and transformative practice through the technological resources of the present time.

     

6
  • MARIA APARECIDA TIAGO DE MELO
  • ENCONTRO COM LEITORES: UMA PROPOSTA DE INTERVENÇÃO PARA O ENSINO FUNDAMENTAL

     

  • Orientador : JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • MARISE ADRIANA MAMEDE GALVÃO
  • GILTON SAMPAIO DE SOUSA
  • Data: 31/07/2017

  • Mostrar Resumo
  • A frase “Eu não gosto de ler” dita pelos alunos, ao mesmo tempo em que é inquietante é também desafiadora para o professor, em especial o de Língua Portuguesa, haja vista que é constantemente atingido por cobranças para que proporcione às crianças e aos adolescentes um convívio estimulante com a leitura, assim como possibilite a ampliação da leitura do mundo e da leitura da palavra. Essa falta de interesse pela leitura acontece, muitas vezes, pelo fato deles não saberem ler na sua plenitude, realizando apenas uma leitura superficial na qual decodificam as letras presentes no texto, mas não o interpretam, não enxergam o que está implícito nas entrelinhas. Essa atitude é gerada, dentre vários motivos, pelo fato de que muitos alunos não têm contato sistemático com leitura de qualidade e com adultos leitores que os incentivem. A escola, então, torna-se o único veículo de interação desses alunos com textos, cabendo a ela oferecer oportunidade para o desenvolvimento de atividades leituras, nas quais a diversidade de textos seja comtemplada, como também a preparação de leitores proficientes e práticas de leituras eficazes que contribuam para a formação de leitores competentes. Entende-se também por leitor competente aquele que, por iniciativa própria, seleciona, de acordo com suas necessidades e interesses, o que ler entre os vários tipos de textos que circulam socialmente. Partindo desse desafio causado por esse não gostar de ler que gera a dificuldade apresentada pelos alunos em realizar uma leitura proficiente e assim chegar à leitura crítica-reflexiva é que propomos, neste trabalho, refletir sobre o ensino de leitura e apresentar uma proposta de intervenção pedagógica pautada na leitura e interpretação de livros literários de diferentes gêneros, utilizando a apresentação dinâmica desses livros como estratégia para o desenvolvimento das habilidades de ler e compreender. Para tanto, serão apresentados aos alunos do 9º ano de uma escola pública estadual do município de Currais Novos/RN diversos títulos de livros de literatura os quais estão catalogados na biblioteca da escola e na ONG “Casarão de Poesia”.  Nessa perspectiva, desenvolveremos uma pesquisa-ação, cujo objetivo geral é desenvolver a competência leitora dos alunos para que possam ler proficientemente, interpretar e dialogar com textos lidos. Fundamentamos nossa investigação nos aportes teóricos de Kleiman (1989; 1996), Martins (2006), Solé (2012), Liberato;Fulgêncio (2012), Schneuwly; Dolz (2004), Guimarães (2007), Cosson (2009), Cavalcante (2010), Elias; Koch (2012), Marcuschi (2005), além das orientações contidas na proposta educacional vigente. Dessa forma, esperamos contribuir para o aprendizado significativo da leitura e da compreensão de textos lidos, formando leitores proficientes.


  • Mostrar Abstract
  •  

    The phrase "I do not like to read" by the students, while it is distressing, is also challenging for the teacher, especially the Portuguese Language, given that he is constantly hit by charges to provide children and adolescents A stimulating conviviality with the reading, and allows the amplification of the reading of the world and the reading of the word. This lack of interest in reading often happens because they do not know how to read in their fullness, only performing a superficial reading in which they decode the letters present in the text, but do not interpret it, they do not see what is implied in the lines. This attitude is generated, among many reasons, by the fact that many students do not have systematic contact with quality reading and with adult readers who encourage them. The school then becomes the only vehicle for the interaction of these students with texts, and it offers an opportunity for the development of reading activities in which the diversity of texts is contemplated, as well as the preparation of proficient readers and Readings that contribute to the training of competent readers. It is also understood by a competent reader who, on his own initiative, selects, according to his needs and interests, what to read among the various types of texts that circulate socially. Starting from this challenge caused by this dislike of reading that generates the difficulty presented by the students in accomplishing a proficient reading and thus reaching the critical-reflexive reading is that we propose, in this work, to reflect on the teaching of reading and to present a proposal of pedagogical intervention Based on the reading and interpretation of literary books of different genres, performing the dynamic presentation of these books as a strategy for the development of reading and comprehension skills. To this end, a series of book titles will be presented to the students of the 9th grade of a state public school in the municipality of CurraisNovos / RN, which are cataloged in the school library and in the NGO "Casarão de Poesia". In this perspective, we will develop an action research, whose general objective is to develop students' reading competence so that they can read proficiently, interpret and dialogue with read texts. We base our investigation on the theoretical contributions of Kleiman (1989, 1996), Martins (2006), Solé (2012), Liberato; Fulgêncio (2012), Schneuwly; Dolz (2004), Guimarães (2007), Cosson (2009), Cavalcante (2010), Elias; Koch (2012), Marcuschi (2005), besides the guidelines contained in the current educational proposal expressed in the National Curricular Parameters. In this way, we hope to contribute to the significant learning of reading and reading comprehension, forming proficient readers.

     

     

     

7
  • JAILSON LUCENA DANTAS
  • A PESQUISA ORIENTADA NA ESCOLA: UMA PRÁTICA DE LETRAMENTO INFORMACIONAL EM TURMA DE 8º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL

     

  • Orientador : ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ALEXANDRO TEIXEIRA GOMES
  • ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • RISOLEIDE ROSA FREIRE DE OLIVEIRA
  • Data: 31/07/2017

  • Mostrar Resumo
  • Vivemos em uma sociedade em que há uma grande disponibilidade de informações, sobretudo em função do advento e da popularização das tecnologias digitais a partir das últimas décadas. Mas será que a escola tem preparado seus alunos para saberem lidar de maneira segura e autônoma com essa gama de recursos informacionais disponíveis? Embora os Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN) já apontassem que essa seria uma das responsabilidades da escola, percebemos que ela ainda não tem cumprido plenamente com essa função, pois os alunos apresentam muitas dificuldades no que se refere à busca e ao uso da informação. É neste contexto que desenvolvemos uma intervenção didática em uma turma de 8º ano da Escola Municipal de Ensino Fundamental Ana Maria Gomes, Picuí-PB, com o objetivo de promover e analisar, a partir do desenvolvimento de práticas de letramento informacional, a melhoria do desempenho dos alunos em termos de busca, seleção, mapeamento, avaliação e usos da informação e sua contribuição para a produção escrita em diferentes eventos de letramento. Para fundamentar a nossa pesquisa transitamos pelos conceitos de letramentos (KLEIMAN, 1995; ROJO, 2009) e letramento informacional (CAMPELLO, 2009). Desenvolvemos a intervenção tendo como orientação metodológica a pesquisa-ação (THIOLLENT, 1985), por envolver uma questão prática e a sua melhoria, bem como uma reflexão sobre esta prática. Fizemos ainda uma abordagem quantitativa e qualitativa dos dados emanados da pesquisa que se desenvolveu através de uma sequência didática na qual os alunos desenvolveram habilidades para a realização da pesquisa escolar orientada e para a melhoria no trato com os recursos informacionais de um modo geral.


  • Mostrar Abstract
  • We live in a society in which there is wide availability of information, especially due to the advent and popularization of digital tecnologies from the last decades. But has the school prepared its students to know how to deal with this range of informational resouces available in a safe and autonomous way? Although the PCNs have already point out that this would be one of the school’s responsability, we realized that it has not yet fully complied this function, since the students present many difficulties in relation to the search and use of information. In this context, we plan to promote a didactic intervention in an 8th grade class from the EMEF Ana Maria Gomes, Picuí-PB, in order to analyze, from the development of information literacy practices, an improvement of student performance in terms of search, selection, mapping, evaluation and uses of the information and its contribution for a writting production in different literacy events. To base our research we transit through concepts of literacy (KLEIMAN, 1995; ROJO, 2009) and informational literacy (CAMPELLO, 2009). We will develop the intervention having as guidance the action-research because it involves a practical matter and its improvement, as well as a reflexion on this practice. We will still make a qualitative approach of the data emanated from the research which will be developed through didactic sequencies in which the students will develop skills for the accomplishment of the targeted research and for the improvement in dealing with informational resources in general.

8
  • LIANEIDE MAYARA BEZERRA ARAUJO
  • UMA VIAGEM SOBRE DUAS RODAS: DE ANGOLA PARA A SALA DE AULA

  • Orientador : VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • DERIVALDO DOS SANTOS
  • FRANCISCA ZULEIDE DUARTE DE SOUZA
  • VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • Data: 14/12/2017

  • Mostrar Resumo
  • A bicicleta que tinha bigodes, romance do escritor angolano Ndalu de Almeida, mais conhecido como Ondjaki, conta a história da cidade de Luanda no período pós-guerra através das memórias de infância dos meninos da rua. Essa história serve como pano de fundo para a realização da sequência básica – de acordo com as concepções de Cosson (2014) – desenvolvida com os alunos do 7° ano do ensino fundamental de uma escola da rede pública municipal de ensino de Serra Caiada/RN. O objetivo deste trabalho é investigar de que maneira as literaturas africanas de língua portuguesa podem contribuir para a efetivação da Lei 10.639/2003, lei esta que institui o ensino da história e da cultura afro-brasileira e africana em todos os estabelecimentos de ensino. A problemática foi escolhida tendo por base o fato de que apesar de já ter passado mais de uma década de sua promulgação, são poucas as instituições de ensino em que esta lei está, realmente, efetivada. A metodologia utilizada neste trabalho é qualificada como pesquisa-ação – de acordo com as proposições de Thiollent (2011) – tendo em vista que esta se caracteriza pela participação dos alunos envolvidos na pesquisa e, principalmente, pela resolução de um problema de forma colaborativa. Como referencial teórico, usamos as concepções de Cavalleiro (2001), Munanga (2005 e 2012) e Praxedes e Praxedes (2014), autores que discutem, dentre outras coisas, a importância da educação para as relações étnico-raciais e a efetivação da Lei 10.639/2003. Sua relevância consiste em debater este assunto tão importante para professores e alunos e cooperar com as reflexões em sala de aula, numa perspectiva inclusiva, minimizando os efeitos do racismo, da discriminação e do preconceito na escola. 


  • Mostrar Abstract
  • The bicycle with mustaches, a novel by Angolan writer Ndalu de Almeida, better known as Ondjaki, tells the story of the city of Luanda in the post-war period through the childhood memories of street children. This story serves as a background for the accomplishment of the basic sequence - according to Cosson's conceptions (2014) - developed with the students of the 7th grade of a primary school in the municipal public school of Serra Caiada / RN. The objective of this work is to investigate how Portuguese-speaking African literatures can contribute to the implementation of Law 10.639 / 2003, which establishes the teaching of Afro-Brazilian and African history and culture in all educational establishments. The problem was chosen based on the fact that although more than a decade has passed since its enactment, there are few educational institutions where this law is actually implemented. The methodology used in this work is qualified as action research - according to the propositions of Thiollent (2011) - considering that this is characterized by the participation of the students involved in the research and, mainly, by solving a problem in a collaborative way. As a theoretical reference, we use the concepts of Cavalleiro (2001), Munanga (2005 and 2012) and Praxedes and Praxedes (2014), authors who discuss, among other things, the importance of education for ethnic-racial relations and the implementation of Law 10.639 / 2003. Its relevance is to discuss this important issue for teachers and students and to cooperate with the reflections in the classroom, in an inclusive perspective, minimizing the effects of racism, discrimination and prejudice in school.

2016
Dissertações
1
  • MARIA MARLENE DOS SANTOS VIANA DA SILVA
  • FACEBOOK:UM SUPORTE TECNOLÓGICO PARA O ENSINO DA LEITURA

     

     

     

     

  • Orientador : JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • MARISE ADRIANA MAMEDE GALVÃO
  • MARIA ELIETE DE QUEIROZ
  • Data: 30/05/2016

  • Mostrar Resumo
  • Nas últimas décadas, as pesquisas que envolvem o ensino de leitura vêm apresentando resultados poucos satisfatórios, haja vista que a escola vem falhando na sua função de formar leitores. Tudo isso se deve ao fato de que os alunos têm apresentado um alto grau de desmotivação ao se deparar com as atividades de leitura, além de estarem inseridos em uma sociedade na qual predomina a tecnologia que os envolve e os motiva. Dessa forma, os avanços tecnológicos acabam gerando uma relação de dependência e necessidade de uso, fazendo com que as pessoas busquem as tecnologiascomo uma espécie de sobrevivência. Nessa perspectiva, realizamos uma intervenção pedagógica sobre o ensino de leitura, tendo como ferramenta o “Facebook, tendo em vista que o uso desse aparato tecnológico já faz parte do dia-a-dia dos alunos. Desse modo, acreditamos que esserecurso didático servirá paraestimulá-los a ler, criando assim um hábito constante na vida cotidiana e escolar do aluno. Para tanto, elegemos como objetivo proporsituações concretas para o uso do Facebook, apresentando os gêneros discursivosmultimodais que circulam neste meio virtual, motivando os alunos a ler a partir de algo que seja do seu interesse. A pesquisa está inserida na Linguística Aplicada, centrando-se no ensino da leitura numa concepção dialógica/interativa da linguagem, nos gêneros discursivosmultimodais, na multimodalidade, no letramento digital, nos hipertextos e nas Tecnologias de Informação e Comunicação,levando em consideração a leitura como uma prática social. Foram tomados como referenciais os PCN (1998), Solé(1998), Koch (2009, 2013), Dionísio (2005), Kress e Van Leeuwen (2004), Garcez (2001), Silva (1992), Kleiman (2000, 2002), Marcuschi e Xavier (2004), Ribeiro (2013), Silva (2004), Nutall (2003), Grellet (1981), Aebersold e Field (1997), Bakhtin (2011), Marcuschi (2001, 2008) e outros. Metodologicamente, encontramos respaldo em alguns princípios da pesquisa-ação, tendo em vista que se ajusta ao propósito de realizar uma intervenção, cujo o objetivo é minimizar as dificuldades que interferem no desenvolvimento da capacidade leitora dos alunos.

     


  • Mostrar Abstract
  • In the last decades, the researches that involve the teaching of reading have presented few satisfactory results, since the school is failing in its function to train readers. All of this is due to the fact that the students have shown a high degree of demotivation when faced with the activities of reading, besides being inserted in a society in which the technology that surrounds and motivates them predominates. In this way, technological advances end up generating a relationship of dependence and necessity of use, causing people to look for technologies as a kind of survival. From this perspective, we carried out a pedagogical intervention on reading teaching, using as a tool the "Facebook, considering that the use of this technological apparatus is already part of the students' daily life. In this way, we believe that this didactic resource will serve to stimulate them to read, thus creating a constant habit in the daily life and school of the student. In order to do so, we have chosen as objective to propose concrete conditions for the use of Facebook, presenting the multi-modal discursive genres that circulate in this virtual environment, motivating the students to read from something that is of their interest. The research is inserted in Applied Linguistics, focusing on the teaching of reading in a dialogic / interactive conception of language, in multi-modal discursive genres, in multimodality, in digital literacy, in hypertexts and in Information and Communication Technologies, taking into account reading as A social practice. It was used as reference the PCN (1998), Solé (1998), Koch (2009, 2013), Dionísio (2005), Kress and Van Leeuwen (2004), Garcez (2001), Silva (1992), Kleiman ), Marcuschi and Xavier (2004), Ribeiro (2013), Silva (2004), Nutall (2003), Grellet (1981), Aebersold and Field (1997), Bakhtin (2011), Marcuschi (2001, 2008) and others. Methodologically, we find support in some principles of action research, considering that it fits the purpose of carrying out an intervention, whose objective is to minimize the difficulties that interfere in the development of students' reading capacity..

     

2
  • MARIA DE FÁTIMA PEREIRA DE MORAIS
  • MENINO DE ASAS – UMA PROPOSTA DE LEITURA NA SALA DE AULA

  • Orientador : VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • SEBASTIAO AUGUSTO RABELO
  • CRIGINA CIBELLE PEREIRA
  • Data: 26/10/2016

  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho acadêmico tece uma reflexão sobre a escola como principal instância de letramento literário infanto-juvenil, dando ênfase ao professor como um agente para a formação de leitores de obras literárias. Além disso, tem por objetivo expor uma alternativa metodológica pautada nas estratégias de compreensão leitora propostas em três fases (antes, durante e depois da leitura). Para isso, tomamos por base Solé (1998), em consonância com as sequências básica e expandida apresentadas por Cosson (2009), pretendendo, assim, uma aprendizagem significativa para o leitor infanto-juvenil. A abordagem metodológica qualitativa que orienta este estudo acadêmico tem como princípio a pesquisa-ação, uma alternativa de investigação com um estilo participativo, cuja principal característica é a intervenção. Nesse sentido, apresenta-se uma mediação pedagógica que será proposta a partir da leitura discursiva de O menino de Asas (1993), de Homero Homem, com o intuito de levar parte da Literatura Potiguar para a sala de aula. Assim, compreendendo que a leitura é uma atividade de construção de sentidos e interação leitor-texto-autor, a intervenção aqui proposta está na perspectiva dialógica da linguagem e da compreensão responsiva ativa Bakhtin(1990/2006). Esse texto está composto de quatro capítulos: A Introdução; A Literatura infanto-Juvenil no Brasil (traçado histórico); A sala de aula como espaço de letramento literário (O espaço da narrativa infantil; O Leitor de Literatura infanto-Juvenil) e Dando Asas à Imaginação (descrição do ambiente da intervenção e dos docentes) e do projeto da sequência didática “Alçando Voo com Menino de Asa: Uma Proposta de Encantamento literário” - e após, o passo a passo, as etapas vivenciadas no espaço escolar. Todas as ações planejadas e realizadas nessa pesquisa acadêmica permitiu ao educando uma experiência significativa com a literatura, para alguns a primeira em se tratando de romance. Como orientações que nortearam esta pesquisa de cunho interventivo, contamos com os PCN do ensino fundamental e com o aporte teórico definido a partir das contribuições de SOLÉ (1998), PENAC (1993), ZILBERMAN (2003), SOARES (2005), COSSON (2009), PCN (1998).


  • Mostrar Abstract
  • This academic work reflects on the school as the main body of literary literacy juvenile, emphasizing the teacher as an agent for the formation of readers of literary works. Also, it aims to expose a methodological alternative guided in understanding strategies reader proposals in three stages (before, during and after the reading). For this, we based Solé (1998), in line with the basic and expanded sequences presented by Cosson (2009), intending thus a significant learning for children and young readers. The qualitative methodological approach that guides this academic study's principle action research, an alternative research with a participatory style, whose main feature is the intervention. In this sense, we present a pedagogical mediation that will be proposed from the discursive reading The Wings Boy (1993), Homer man, in order to take part of the Potiguar Literature for the classroom. So understanding that reading is a way of building activity and interaction reader-text-author, the intervention proposed here is in the dialogical perspective of language and active responsive understanding Bakhtin (1990/2006). This text is composed of four chapters: The Introduction; Literature for children and youth in Brazil (historic route); The classroom as literary literacy space (the space of childhood narrative; The children and Youth Literature Reader) and Giving Wings to the Imagination (environmental description of intervention and teachers) and the didactic sequence project "taking flight with Boy Asa: a Proposal for a literary Enchantment "- and after, step by step, the steps experienced at school. All actions planned and conducted academic research that allowed the student a meaningful experience with the literature, for some the first when it comes to romance. As guidelines that guided this interventionist nature of research, we have the PCN elementary school and the theoretical framework set from the contributions of SOLÉ (1998), PENAC (1993), ZILBERMAN (2003), SOARES (2005), COSSON ( 2009), PCN (1997-2000), SOLÉ (1998), Candide (1995), BAKHITIN (1990-1996) Colomer (2007), among others.

3
  • ANTÔNIO JOEL DA SILVA COSTA
  •  

     

    ESCRITA ORTOGRÁFICA: UMA PROPOSTA DE INTERVENÇÃO PARA O ENSINO FUNDAMENTAL II

  • Orientador : MARIA ASSUNCAO SILVA MEDEIROS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANTONIO LUCIANO PONTES
  • MARCIO SALES SANTIAGO
  • MARIA ASSUNCAO SILVA MEDEIROS
  • Data: 01/11/2016

  • Mostrar Resumo
  •  

     

    A ortografia da Língua Portuguesa é um aspecto que visa a padronização da escrita, pois facilita a leitura e melhora a comunicação entre os usuários. Por isso, defendemos a ideia de que o usuário deve se apropriar desse modelo de escrita convencionalizado e considerado de maior prestígio em nossa sociedade. Desse modo, é papel da escola propor aos alunos situações que os aproximem mais da ortografia da Língua Portuguesa. Erros de escrita são comuns nos primeiros anos de escolaridade, além disso, temos observado, enquanto professor de língua materna, é que esses erros se estendem para além dos anos iniciais do ensino fundamental. Diante disso, voltamos nossa atenção para esses erros ortográficos, procurando compreender quais são as maiores incidências, suas causas principais, que critérios utilizarmos para identificá-los e o que podemos fazer para que nossos alunos superem ou minimizem esses problemas de escrita. Para isso, diagnosticamos os principais erros ortográficos cometidos por alunos do 7° ano do ensino fundamental, de uma escola da rede pública estadual de ensino de Currais Novos-RN. Utilizamos uma metodologia que agregou aspectos quantitativos os quais nos dão conta dos vários erros cometidos pelos alunos, obtidos através de textos espontâneos com base num modelo de análise a partir de teóricos como Morais (2006), Cagliari (2009b), Zorzi (1998) e Oliveira. Já os aspectos qualitativos se referem à análise e discussão dos dados bem como às propostas de ensino-aprendizagem elucidadas nas atividades de intervenção desenvolvidas durante a pesquisa-ação. Os resultados das análises demostraram uma grande incidência de erros ligados à marca da oralidade na escrita. As intervenções foram eficazes, pois os alunos conseguiram alcançar os resultados esperados. Em síntese, percebemos que o ensino de ortografia pode trazer contribuições importantes quando trabalhado de forma reflexiva e interativa. Finalmente, esperamos que nosso trabalho contribua para o ensino de ortografia, auxiliando alunos e professores de Língua Portuguesa.

     


  • Mostrar Abstract
  • The spelling of the Portuguese language is an important social aspect aimed at the standardization of writing, therefore, easier to read and improve communication between users. Also, master the standard of our language allows the speaker to be on equal terms in social interrelations of writing written. For this importance given to spelling, it is that we defend the idea that the user must master well this writing model agreed and most prestigious in our society. Thus, it is the role of school offer students situations, allowing them approach the most of the spelling of the Portuguese language, a task not so easy, because the mechanisms governing the writing of our language are many orders, a fact that ends up generating a lot of mistakes spelling. These writing problems are very common in the early years of schooling, but we have observed, the experience as a teacher of mother tongue and testimonials from other peers, repeated by scholars in the field, it is that these errors extend beyond early elementary school years. Therefore, we turn our attention to these misspellings in which we try to understand what were the greatest impact, what its main causes, what criteria could be used to identify them and what we could do as teachers of Portuguese, so that our students would exceed or downplayed these orthographic writing problems. For this, we diagnose spelling mistakes made by students of the 7th grade of elementary school of a school of public state of Currais teaching New - RN. We use a methodology that would comprise quantitative to qualitative aspects; the first give us error totals account made by the students which were obtained by collecting spontaneous texts to accomplish the initial diagnosis of the class based on an analysis of parameters model assembled from theorists such as Mitchell (2006), Cagliari ( 2009), Zorzi (1998) and Oliveira; since the latter refer to the analysis and discussion of these data as well as the teaching and learning proposals elucidated in intervention activities that were developed during the action research. The results analyzed demonstrated a high incidence of errors in the oral mark in writing, because most of the class writes with some interference of speech in its spelling, even creating other classification criteria it was possible to realize that the major obstacle in orthographic writing of students is direct support to orality, they still believe that the spelling of our language is completely phonetic writing, which is not true as there are numerous other factors related to the organization of the spelling of the Portuguese language. It was also possible to see that uncorrected errors in the previous series will advance to the following series, which demonstrates the need for intervention activities with the students as they alone can not overcome these errors. The results of the intervention proposals for some misspellings, since it was not possible to apply to all the criteria that we list in our model were effective for students because responded well to the activities and substantially improved its orthographic written, which shows the importance of a reflective work with the spelling. Thus, we hope that our work can contribute to the spelling teaching, helping students and Portuguese teachers in the pursuit of minimizing or even overcoming spell spelling errors.

     

    Keywords: Spelling. Spelling errors. Teaching. Intervention.

4
  • CLAUDIA JACINTO DE MEDEIROS SANTOS
  • A LITERATURA POPULAR NA SALA DE AULA:

    Uma proposta para o ensino de leitura literária

     


  • Orientador : VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIA ELIZA DE FREITAS NASCIMENTO
  • SEBASTIAO AUGUSTO RABELO
  • VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • Data: 01/11/2016

  • Mostrar Resumo
  • Este estudo apresenta uma proposta de ensino de  leitura literária na sala de aula de uma turma do sexto ano, do Ensino  Fundamental. Nele, tivemos por objetivo verificar a pertinência da utilização da literatura popular em sala de aula, como estratégia para promover a melhoria da formação leitora dos educandos. Considerando que a linguagem da poesia popular convive com as outras formas do dizer poético, como o erudito por exemplo,  essa convivência é instigadora e propícia para que aconteça o letramento literário dos alunos. Existem ainda, contextos do aprendizado de leitura onde é negado aos alunos a interlocução com o literário de forma prazerosa e lúdica. Isso afeta negativamente  seu comportamento leitor, acarretando o desinteresse e o desconhecimento da literatura, levando a um quadro de inaptidão à compreensão leitora, especificamente a linguagem da literatura popular. A partir desta problemática a pesquisa foi desenvolvida sob o formato metodológico da pesquisa-ação Thiollent (2011). Na intervenção as atividades foram desenvolvidas através de oficinas de leitura, sugeridas pelos estudos do letramento literário de Cosson(2007) e  Pinheiro (1995) e Pinheiro e Marinho (2012) para tratar dos estudos do poema de cordel em sala de aula. Ainda teve os aportes teóricos de Candido (1995), quando afirma sobre o direito ao bem cultural, que é a literatura, pois esta humaniza. Buscoamos em Moisés (2012) o referencial para tratar da poesia e o seu encantamento na sala de aula; tratando da leitura e seu ensino, Zilberman (2008) e, sobre a literatura popular, as leituras de Luyten (1992). Esses  foram os referenciais teóricos que serviram para sustentar as reflexões e questionamentos surgidos no processo da pesquisa-ação. A professora e também pesquisadora foi participante junto com seus alunos em busca da solução e/ou possíveis respostas para sanar o problema da deficiência do letramento literário. Os resultados dessa ação interventiva apontam para a eficácia e pertinência do uso das oficinas de leitura desenvolvidas, uma vez que estas sinalizaram de forma positiva para a aproximação, compreensão e fruição do texto de linguagem literária, erudita e de raiz popular.


  • Mostrar Abstract
  • This paper presents a literary reading teaching proposal in the classroom of a class of the sixth year of elementary school. The study aimed to verify the relevance of the use of the line of the poem as a strategy to cause the improvement of reader training of students. Whereas the language of popular poetry coexists with other forms of poetic saying, as the scholar for example. This experience is instigator, perfect for that to happen the literary literacy of students. There are also reading learning contexts where it is denied students the dialogue with the literary in a pleasant and playful way. This negatively affects your reader behavior, leading to disinterest and the lack of literature. Leading to a disability framework for reading comprehension, specifically the language of popular literature. From this problem the research was developed under the methodological format of action research Thiollent (2011). In the intervention activities were developed through reading workshops, suggested by literary literacy studies of Cosson (2007), also had the theoretical contributions coming from Candido (1995) when he states on the right to cultural property, literature, as this humanizes. To address the line of the poem studies. Pinheiro (1995) and pine and Navy (2012); and, if sought in Moses (2012) the reference to treat poetry and its enchantment in the classroom; dealing with reading and teaching Zilberman (2008); and, on the popular literature sought to readings Luyten. Basically these were the theoretical references that served to support the reflections and questions arising in the action research process. In this research the teacher and researcher was also participating along with their students in search of the solution or answer to the problem. The results of this action surveyed pointed to the effectiveness and relevance of the use of developed reading workshops, as these signaled positively to the approach, understanding and enjoyment of the text of literary language, poetic and popular roots.

5
  • MARCELA GRAZIELLY ROCHA
  • REVIRANDO O BAÚ DE CIDINHA SILVA NA SALA DE AULA

  • Orientador : VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • DERIVALDO DOS SANTOS
  • MANOEL FREIRE RODRIGUES
  • Data: 18/11/2016

  • Mostrar Resumo
  • A Literatura afrobrasileira vem conquistando cada vez mais espaço no ambiente acadêmico, mas muito pouco chega aos educandos do ensino fundamental. A partir da Lei 10639/03, que inclui a obrigatoriedade do estudo da história e cultura afrobrasileira e africana, a escola precisa oferecer aos estudantes a sua reflexão como constituinte e formadora da sociedade brasileira, valorizando o papel do negro como sujeito formador da história do nosso país, visto que o que se tem ensinado nas escolas quanto à história da África se limita a história da escravidão e do povo escravizado. A Literatura Negra trabalhada em sala de aula ainda não rompeu os padrões estéticos clássicos ou da tradição brasileira. Apresentamos, então, uma proposta de trabalho com uma autora afro descendente: Cidinha da Silva, escritora mineira, que aparece dentro do panorama literário atual, trabalhando com a Literatura Negra, uma literatura marginal ao cânone. Suas crônicas tratam de temas relacionados ao conceito de negritude, o preconceito racial, a cultura afro brasileira, religião de matriz africana, comportamento, música, de forma natural, leve e que atinge o público infanto-juvenil, com suas histórias, contos, crônicas em que podemos nos reconhecer dentro do enredo, nos personagens e até mesmo nas ações do dia a dia. Este trabalho propõe uma sequência didática voltada para a leitura e escrita do gênero textual crônica, mais especificamente da obra Baú de miudezas, sol e chuva (2014), que tem como objetivo interferir no processo ensino-aprendizagem dos alunos do Ensino Fundamental II da rede pública de educação a partir da valorização cultural e conscientização de sua identidade e seu papel no mundo. A pesquisa apresenta um enfoque didático-pedagógico, fundamentada na pesquisa ação de Thiollent (2011), nos PCN’s, na Lei 10.639/03, em Cabral (2013), Alves (2010), Candido (2010, 1998, 1995), Compagnon (2012), Cosson (2009), Holanda (2004), Freire (1987), Freyre (2001), Fonseca (2006), Hall (1999), Jauss (1994), Kreutz (1999), Merquior (1996), Moisés (1979) e Munanga (2009, 2000).


  • Mostrar Abstract
  • The Afro-Brazilian literature is gaining more space in academic setting, but very little reaches the students of elementary school. Based on the Law 10639/03, which includes the obligation of study of Afro-Brazilian and African history and culture, the school needs to offer students its reflexions as component and creator of Brazilian society, appreciating the role of the Afro-Brazilian folk as a creator individual of the history of our nation, because what has been taught in schools is that the history of Africa is limited to the history of slavery and enslaved people. The Afro-Brazilian literature worked on the classroom did not break up with the classic esthetics patterns and neither with the Brazilian tradition yet. Thus, I present a proposal to work with an African descendant authoress: Cidinha da Silva, a writer from Minas Gerais, who appears inside the current literary scene, working with the Afro-Brazilian Literature, a marginal literature to the canon, which deals with themes related to the Negritude concept, racial prejudice, African Brazilian culture, religion of African origin, behavior and music in a natural and flowing way, and that reaches the juvenile public with their stories, tales, chronicles where we can recognize ourselves within the plot, in characters and even in the actions of the daily life. This paper proposes a focused instructional sequence for reading and writing of the genre of chronicle, more specifically the composition Baú de miudezas, sol e chuva (2014) which has as an objective to approach the teaching and learning process of students from elementary school of public education as from a cultural appreciation and awareness of their identity and role in the world. This research presents a didactic and pedagogical focus, based on PCN’s, on the Law 10.639/03, on Candido (2010, 1998, 1995), Cosson (2009), Freire (1987) and Munanga (2009, 2000).

6
  • GILBERTO CARDOSO DOS SANTOS
  • LEITURAS DO REGIONALISMO POÉTICO EM SALA DE AULA

     

     

  • Orientador : VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • SEBASTIAO AUGUSTO RABELO
  • MANOEL FREIRE RODRIGUES
  • Data: 18/11/2016

  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho de intervenção visa apresentar uma proposta de leitura que se contraponha ao processo de homogeneização cultural próprio da globalização, a partir da valorização das diferenças linguísticas e culturais no espaço escolar. Defende que a escola deve incentivar a preservação das manifestações literárias do lugar onde os alunos vivem. Para este fim, analisamos a obra de dois poetas potiguares cujas produções revelam comprometimento com suas raízes regionais: Hélio Crisanto, poeta popular, e Jorge Fernandes, poeta erudito. A pesquisa-ação (THIOLLENT, 2011) foi utilizada como estratégia levada a efeito numa turma de 9º ano do ensino fundamental, para estimular neles a compreensão de que a nossa Língua Portuguesa apresenta variações em seu sistema de fala e escrita e, desse modo, podemos compreender como se dá essas variações a partir do texto literário. Neste trabalho, seguimos rumos teóricos delineados por ARAÚJO (1997), CANDIDO (2013), BAGNO (2007), GURGEL (2001), PENNAC (1992), FREYRE (1996), SOLÉ (1998), COMPAGNON (2009), MOISÉS (2007), COSSON (2014), LAJOLO (1994), entre outros para desenvolver as sequências didáticas pretendidas para o alcance de nossos objetivos. Os resultados obtidos, após o término da intervenção, exitosa, resultou numa cartilha produzida pelos alunos, fruto de uma viagem de estudo ao Museu Rural Auta Pinheiro Bezerra, de Santa Cruz (RN), contendo verbetes e fotografias de peças regionais.


  • Mostrar Abstract
  • This paper aims to propose a reading that counteracts the own cultural homogenization process of globalization, from the appreciation of linguistic and cultural differences at school. It argues that the school should encourage the preservation of the literary manifestations of where students live. To this end, we analyzed the work of two poets whose productions potiguares show commitment to its regional roots: Hélio Crisanto, popular poet, and Jorge Fernandes, erudite poet. Action research (THIOLLENT, 2011) was used as a strategy carried out in a class of 9th grade of elementary school, to encourage them to understand that our Portuguese presents variations in their speech system and writing and thus, we can understand how is these variations from the literary text. In this work, we follow theoretical directions outlined by ARAUJO (1997), CANDIDO (2013), BAGNO (2007), GURGEL (2001), Pennac (1992), Freyre (1996), SOLÉ (1998), COMPAGNON (2009), Moses ( 2007), COSSON (2014), LAJOLO (1994), among others to develop the required didactic sequences for achieving our goals. The results obtained after the intervention successful, resulted in a booklet produced by the students, the result of a study trip to the Rural Museum Auta Bezerra Pinheiro, Santa Cruz (RN), containing entries and photographs of regional parts.

7
  • RENO RODRIGUES
  • O TEXTO JORNALÍSTICO NA SALA DE AULA: LEITURA E COMPREENSÃO DE CHARGES

  • Orientador : MARIA ASSUNCAO SILVA MEDEIROS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIA ASSUNCAO SILVA MEDEIROS
  • MARISE ADRIANA MAMEDE GALVÃO
  • MARIA ELIZA DE FREITAS NASCIMENTO
  • Data: 23/11/2016

  • Mostrar Resumo
  •  

    Os gêneros da esfera jornalística apresentam uma grande relevância social e sua circulação ocorre de forma bastante ampla, inclusive no interior de outros domínios discursivos, como acontece na escola. Os próprios Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN) de Língua Portuguesa recomendam um trabalho com gêneros argumentativos desta esfera de circulação, para quem o seu domínio é de fundamental importância para a efetiva inserção nos meios sociais. Dessa forma, nossa pesquisa desenvolveu uma ação didática em uma turma do Ensino Fundamental II a partir do gênero textual charge. Para isso, utilizamos o modelo de sequência didática proposto por Schneuwly e Dolz (2013). A escolha do presente gênero como objeto de estudo partiu dos próprios alunos participantes desta pesquisa, isso após a aplicação de um questionário. A nosso ver, o gênero charge atende aos propósitos desta pesquisa, visto que se trata de um enunciado multimodal, cuja linguagem híbrida e atraente comumente instiga o imaginário do leitor e também por se tratar de um gênero de caráter argumentativo, cuja leitura poderá ampliar a capacidade crítica do aluno. Assim, temos como objetivo propor estratégias de leitura que possibilitem aos alunos a efetiva compreensão do gênero textual charge. O corpus desta pesquisa diz respeito a um universo razoável de charges do cartunista Rodrigo Brum Machado, as quais foram trabalhadas nas oficinas de leitura e compreensão como também serviram de ancoragem para associar o referencial teórico adotado nesta pesquisa. Nosso trabalho se insere na área de estudos da Linguística Aplicada e a abordagem metodológica adotada baseia-se em uma pesquisa qualitativa-interpretativista, com foco na pesquisa-ação, em que aplicamos junto aos alunos uma Sequência Didática (SD). Ao desenvolvermos os módulos da SD, adotamos como referência alguns dos elementos propostos por Antunes (2013) para o trabalho com o texto em relação aos seus aspectos globais, como o universo de referência, a unidade semântica (temática), o propósito comunicativo, a relevância informativa e as relações com os outros textos. Uma de nossas questões de pesquisa trouxe reflexão sobre a dificuldade leitora que os nossos alunos apresentam frente aos gêneros constituídos pela multimodalidade. No entanto, o trabalho com o gênero charge proporcionou aos participantes alguns benefícios, embora ainda incipientes, no que concerne ao desenvolvimento de suas capacidades de leitura crítica em relação ao texto constituído por mais de um modo de representação.

     


     


  • Mostrar Abstract
  • The genres of journalistic sphere have a great social relevance and their circulation is quite broadly, including within other discursive domains, as in school. Even the National Curriculum Parameters (PCN) Portuguese Language recommend a job with argumentative genres of this outstanding ball to who your domain is of fundamental importance for the effective integration in social media. Thus, our research has developed a didactic action in a class of elementary school II from the genre charge. For this, we use the following didactic model proposed by Schneuwly and Dolz (2013). The choice of this genre as an object of study came from the students themselves participants in this study, that after the application of a questionnaire. In our view, the genre charge meets the purposes of this study, since it is a multimodal utterance, whose hybrid and attractive language commonly instigates the reader's imagination and also because it is an argumentative character gender, whose reading can expand critical capacity of the student. Thus, we aim to propose reading strategies that enable students to effective understanding of the genre charge. The corpus of this research relates to a reasonable universe of cartoons of cartoonist Rodrigo Machado Brum, which were worked in workshops and reading comprehension as well as served as anchor to associate the theoretical framework adopted in this research. Our work is included in the subject area of Applied Linguistics and the methodological approach adopted is based on a qualitative, interpretive research, focusing on action research, in which we apply to the students a Didactic Sequence (SD). By developing the modules SD adopted as reference some of the elements proposed by Antunes (2013) to work with the text in relation to its global aspects such as the reference population, the semantic unit (subject), the communicative purpose, the newsworthiness and relations with other texts. One of our research questions brought reflection on the difficulty reader that our students have the front genres made by multimodality. However, I work with gender charge provided participants with some benefits, although still incipient, regarding the development of their critical reading skills on the text consists of more than one mode of representation.

     

8
  • JOSEFA CLEIDE ARAÚJO DE ALMEIDA
  •  

    O USO DE OPERADORES ARGUMENTATIVOS EM ARTIGOS DE OPINIÃO: UMA INTERVENÇÃO COM ALUNOS DO 9º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL


  • Orientador : MARIO LOURENCO DE MEDEIROS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIO LOURENCO DE MEDEIROS
  • JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • ROSANGELA ALVES DOS SANTOS BERNARDINO
  • Data: 01/12/2016

  • Mostrar Resumo
  •  

    A linguagem escrita é um dos canais mediante o qual o indivíduo se relaciona e interage com o mundo, portanto, o seu domínio pelo usuário da língua é uma das condições para o efetivo exercício da cidadania. O bom manejo da escrita, na condição de atividade interativa, requer mobilização de vários conhecimentos, uso de estratégias linguísticas e procedimentos implicados na construção dos sentidos do texto. Na nossa prática docente percebemos, no entanto, a deficiência dos alunos quanto ao uso dos operadores argumentativos por ocasião da produção de seus textos. O emprego inadequado, repetições de um mesmo operador e até mesmo ausências desses elementos fundamentais para encadear os enunciados no texto foram percebidas como dificuldades recorrentes. O presente estudo traz uma proposta de intervenção pedagógica visando ao aprimoramento das competências de escrita dos alunos do 9º ano de uma escola pública do município de Parnamirim/RN. Objetivando capacitar esses alunos para articular melhor seus argumentos ao produzirem textos do gênero artigo de opinião, trabalhamos com os operadores argumentativos. Estes são elementos indispensáveis à boa argumentação, vez que orientam o interlocutor para uma determinada conclusão, direcionando, dessa forma, para o ponto de vista defendido pelo sujeito enunciador. Com o intuito de compreender e, desse modo, interferir no uso dos operadores argumentativos, nos artigos de opinião produzidos pelos alunos, realizamos uma pesquisa-ação, de cunho qualitativo, aplicando o método sequência didática, proposta por Dolz, Noverraz e Schneuwly (2004). Tal método nos permitiu trabalhar com os alunos o emprego dos operadores argumentativos, em situações reais de comunicação, conforme recomendam os Parâmetros Curriculares Nacionais para o ensino de Língua Portuguesa. Para tanto, elegemos a produção de artigos de opinião, por se tratar de gênero textual predominantemente argumentativo, para que os alunos percebessem a pertinência daqueles elementos e sua eficácia no discurso e, assim, pudessem utilizá-los com maior propriedade ao defenderem um determinado ponto de vista. Para tanto, dialogamos com aportes teóricos da Linguística Textual e da Semântica Argumentativa. Fundamentamo-nos em Ducrot (1977), o qual utiliza as noções básicas de escala argumentativa e classe argumentativa para explicar o funcionamento desses operadores nos textos; nos estudos do discurso e análise de textos de Koch (2011), defensora de que todo ato de linguagem é um ato, de alguma forma, argumentativo; em Marcuschi (2008), que postula uma linguagem centrada na perspectiva da sociointeração e da sociocognição; no dialogismo de Bakhtin (2003) para quem todo texto é produzido em um contexto comunicativo específico e se materializa em um determinado gênero; bem como em Antunes (2010), dentre outros autores. Percebemos, ao final dessa pesquisa-ação, que a utilização dos operadores argumentativos, nos artigos de opinião produzidos por nossos alunos, passou a atender melhor aos propósitos comunicativos, vez que, empregados de forma mais articulada, evidenciaram uma melhor apropriação desses elementos linguísticos e o seu efetivo emprego, propiciando às relações discursivas, manifestas na tessitura textual, uma argumentação mais coerente e, portanto, com maior poder de convencimento.



  • Mostrar Abstract
  • Written language is one of the channels by which the individual relates to and interacts with the world, therefore, his/her domain of the language is one of the conditions for the effective exercise of citizenship. The good management of writing, in the condition of interactive activity, requires mobilization of various knowledges, use of linguistic strategies and procedures involved in the construction of the meanings of the text. In our teaching practice, however, we perceive the students' deficiency regarding the use of argumentative operators in the production of their texts. Inadequate employment, repetitions of the same operator, and even absences from these fundamental elements to link the statements in the text were perceived as recurring difficulties. The present study presents a proposal of pedagogical intervention aimed at improving the writing skills of the 9th grade students of a public school in the city of Parnamirim/RN. Aiming to enable these students to better articulate their arguments when producing texts of the genre opinion article, we worked with the argumentative operators. These are indispensable elements to the good argumentation, since they guide the interlocutor towards a certain conclusion, directing, in this way, to the point of view defended by the enunciator. In order to understand and thus to interfere in the use of argumentative operators, in the opinion articles produced by the students, we carried out an action research, of a qualitative nature, applying the method didactic sequence, proposed by Dolz, Noverraz e Schneuwly (2004). Such method allowed us to work with students the use of argumentative operators in real communication situations, as recommended by the National Curricular Parameters for Portuguese Language Teaching. For this, we chose the production of opinion articles, for it is a predominantly argumentative textual genre, so that students perceive the pertinence of those elements and their effectiveness in the discourse and, therefore, could use them with greater property when defending a certain point of view. For that, we dialogued with theoretical contributions of the Textual Linguistics and Argumentative Semantics. We fundamented in Ducrot (1977), which uses the basic notions of argumentative scale and class to explain the operation of these operators in the texts; in the studies of the discourse and analysis of texts of Koch (2011), defender that every act of language is an act, somehow, argumentative; in Marcuschi (2008), who postulates a language centered on the perspective of socio-interaction and sociocognition; in the dialogism of Bakhtin (2003) for whom all texts are produced in a specific communicative context and materialize in a certain genre; as well as in Antunes (2010), among other authors. We noticed, at the end of this action research, that the use of argumentative operators in the opinion articles produced by our students began to better serve the communicative purposes, since that once employed in a more articulated way, they showed a better appropriation of these linguistic elements and their effective employment, giving to the discursive relations, manifested in the textual tessitura, a more coherent argumentation and, therefore, with greater convincing power.

9
  • FRANCINALDO APRIGIO DOS SANTOS

  •  

    UMA PROPOSTA DE LEITURA COM O GÊNERO TEXTUAL CRÔNICA NO ENSINO DE LÍNGUA PORTUGUESA


  • Orientador : MARIA ASSUNCAO SILVA MEDEIROS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIA ASSUNCAO SILVA MEDEIROS
  • LUCELIO DANTAS DE AQUINO
  • RISOLEIDE ROSA FREIRE DE OLIVEIRA
  • Data: 13/12/2016

  • Mostrar Resumo
  •  

    Este trabalho apresenta uma proposta de intervenção pedagógica elaborada com o intuito de incentivar os alunos do Ensino Fundamental II (EF-II), especificamente, do 9º ano, a apreciarem a leitura e discorrerem sobre ela, uma vez que a maioria deles, nessa etapa do Ensino Básico, não gosta de ler e, consequentemente, apresenta dificuldade na compreensão e produção de textos. Dessa forma, a pesquisa procura elaborar algumas intervenções no sentido de minimizar essa problemática com a aplicação de estratégias pedagógicas direcionadas a leituras através de Sequências Didáticas (SD), utilizando como recursos metodológicos alguns gêneros textuais, dando maior enfoque ao gênero crônica, uma vez que os Parâmetros Curriculares Nacionais (PCN) de Língua Portuguesa (2001) sugerem um trabalho com gêneros literários privilegiados para a prática de leitura e escrita de textos. Nessa perspectiva, o presente estudo tem como objetivo, de forma geral, refletir sobre as dificuldades de leitura e compreensão de textos pelos alunos do EF-II, além de investigar como o gênero textual crônica pode favorecer ao desenvolvimento da competência leitora do aluno, através de atividades diversificadas. Para isso, fundamentamo-nos em referenciais teóricos direcionados à leitura e a produção do texto em Koch (2009), que focaliza a importância da interação autor-texto-leitor e de Antunes (2009), dentre outros que enfatizam os gêneros textuais como ponto de partida para o ensino da língua materna e a aquisição do processo da leitura e compreensão de textos; Bakhtin (1997) e Marcuschi (2008) sobre os gêneros na interação social; Dolz e Schneuwly (2004) que defendem uma proposta de ensino-aprendizagem centrada nos gêneros textuais, considerando a linguagem um instrumento de construção do conhecimento. Ainda, podemos mencionar Solé (1998) que afirma ser possível utilizar diversas estratégias de leitura em sala de aula, tornando-a um recurso essencial à aquisição do conhecimento. Quanto à metodologia, nossa pesquisa se insere em uma abordagem qualitativa, com base na teoria de Triviños (1987) que ver esse tipo de pesquisa como um processo o qual se desenvolve em interação dinâmica, reformulando-se constantemente. Foi a partir dessa reformulação que chegamos à construção de um livro intitulado Crônicas do mundo (in)real: o cotidiano na narrativa literária a partir das produções escritas pelos alunos. Produto esse não previsto no início dessa dissertação, porém delineado entre professor e alunos em sala de aula de Língua Portuguesa, através de oficinas envolvendo SD. Nesse sentido, concluímos que é necessário elaborarmos estratégias e intervenções pedagógicas que enfoquem os gêneros textuais dentro da concepção de linguagem como atividade interacional tanto de caráter linguístico, como de caráter sociocognitivo. Além disso, a prática de ensino de Língua Portuguesa, com os gêneros textuais, especificamente, a crônica como narrativa literária, pode ser um facilitador para o aperfeiçoamento da leitura e da sua compreensão, visto que é possível ampliar o conhecimento do aluno em relação às características estruturais, linguísticas e sociodiscursivas de determinados gêneros. Como também, proporciona o educando a refletir sobre a adequação dos elementos da língua ao texto, à situação de produção e à funcionalidade de um gênero específico como prática social e comunicativa.


  • Mostrar Abstract
  • This work presents a proposal of pedagogical intervention elaborated with the intention of encouraging the students of Elementary School II (EF-II), specifically, of the 9th grade, to appreciate the reading and to speak about it, since the majority of them, in this stage Of Basic Education, does not like to read and, consequently, presents difficulty in understanding and producing texts. In this way, the research seeks to elaborate some interventions in order to minimize this problem with the application of pedagogical strategies directed to reading through Didactic Sequences (SD), using as methodological resources some textual genres, giving a greater focus to the chronic genre, since The National Curriculum Parameters (PCN) of Portuguese Language (2001) suggest a work with privileged literary genres for the practice of reading and writing texts. In this perspective, the present study has, as a general objective, to reflect on the difficulties of reading and comprehension of texts by EF-II students, besides investigating how the chronic textual genre can favor the development of student reading competence through activities. For this, we are based on theoretical references directed to the reading and production of the text in Koch (2009), which focuses on the importance of author-text-reader interaction and Antunes (2009), among others that emphasize textual genres as point of the mother tongue and the acquisition of the process of reading and understanding texts; Bakhtin (1997) and Marcuschi (2008) on genders in social interaction; Dolz and Schneuwly (2004) who defend a proposal of teaching-learning centered in the textual genres, considering the language an instrument of knowledge construction. Still, we can mention Solé (1998) who affirms that it is possible to use several reading strategies in the classroom, making it an essential resource for the acquisition of knowledge. Regarding the methodology, our research is inserted in a qualitative approach, based on the theory of Triviños (1987) that see this type of research as a process that develops in dynamic interaction, constantly reformulating. It was from this reformulation that we came to the construction of a book entitled Chronicles of the world (in) real: the quotidian in the literary narrative from the productions written by the students. This product was not foreseen at the beginning of this dissertation, but outlined between teacher and students in the Portuguese Language classroom, through workshops involving SD. In this sense, we conclude that it is necessary to devise pedagogical strategies and interventions that focus the textual genres within the conception of language as an interactional activity of both linguistic and sociocognitive character. In addition, the practice of teaching Portuguese Language, with textual genres, specifically, the chronicle as a literary narrative, can be a facilitator for the improvement of reading and comprehension, since it is possible to increase the student's knowledge in relation to Structural, linguistic and sociodiscursive characteristics of certain genres. As well, it provides the learner to reflect on the adequacy of language elements to the text, the production situation, and the functionality of a specific gender as a social and communicative practice.

10
  • MARIA ALMAIZA DE MEDEIROS LEÔNCIO
  •  

    LETRAMENTO DIGITAL NO ENSINO FUNDAMENTAL II: ESTRATÉGIAS DE LEITURA COM O USO DO HIPERTEXTO

     

  • Orientador : MARIA ASSUNCAO SILVA MEDEIROS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIA ASSUNCAO SILVA MEDEIROS
  • LUCELIO DANTAS DE AQUINO
  • RISOLEIDE ROSA FREIRE DE OLIVEIRA
  • Data: 13/12/2016

  • Mostrar Resumo
  •  

    O acesso às novas tecnologias da informação e comunicação, sobretudo a internet, é hoje uma ferramenta que colabora para o desenvolvimento da leitura e da escrita. Com a introdução da cultura digital como prática pedagógica os alunos são levados a utilizar a internet como suporte de conteúdos para o ensino/aprendizagem o que os desafiam a ler, cada vez mais por meio de hipertextos. Diante disso, o nosso objetivo foi analisar o desempenho dos alunos de uma turma do 9º ano do Ensino Fundamental quanto à leitura em tela. Para isso, elaboramos uma proposta de intervenção que direcionasse o desenvolvimento das habilidades de leitura e compreensão do hipertexto no contexto digital. No campo metodológico, o trabalho se ancorou em uma abordagem de base qualitativa, cujo princípio gerador se estrutura em uma pesquisa-ação. Justificamos esse trabalho, porque ao trazermos para a sala de aula práticas de letramento hipertextuais, estaremos orientando os alunos a construírem competências e habilidades que serão úteis para a vida, como também, para a formação de cidadãos críticos e, dessa forma, capazes de corresponderem com o que a sociedade moderna espera. Como pressupostos teóricos, recorremos aos trabalhos de Levy (1993), Xavier (2002), Cascarelli (2012), Braga (2013), Gomes (2011), dentre outros. Para subsidiar o trabalho de leitura foram utilizadas as estratégias expostas por Solé (2010). Esperamos, portanto, que esse trabalho possa contribuir para que a escola enxergue as ferramentas hipertextuais como um recurso que mostra outras possibilidades de aprendizagem e de conhecimento. Que essa prática, também, não fique somente limitada ao ensino de Língua Portuguesa, mas que seja entendido o trabalho com o hipertexto como uma prática para promover o letramento digital no contexto escolar. Como resultado, esperamos que o trabalho com o hipertexto, possa ocupar um espaço significativo na aprendizagem dos alunos e que lhes permita usufruir dessa modalidade escrita sem que se percam na liberdade quanto aos usos dos links que levam a percursos diferenciados. O hipertexto tem exercido um papel de destaque na sociedade atual, portanto, torna-se um suporte relevante para leitores proficientes em múltiplos letramentos, inclusive o letramento digital.


  • Mostrar Abstract
  • Access to new information and communication technologies, especially the internet, is now a tool that contributes to the development of reading and writing. With the introduction of digital culture as a pedagogical practice, students are led to use the internet as a support for teaching / learning content, which challenges them to read more and more through hypertexts. Therefore, our objective was to analyze the performance of the students of a class of the 9th grade of elementary school regarding reading on screen. For this, we elaborated a proposal of intervention that directed the development of the abilities of reading and understanding of the hypertext in the digital context. In the methodological field, the work was anchored in a qualitative approach, whose generative principle is structured in an action research. We justify this work because when we bring to the classroom hypertextual literacy practices, we will be guiding students to build skills and abilities that will be useful for life, as well as for the formation of critical citizens and thus able to correspond With which modern society expects. As theoretical assumptions, we used the works of Levy (1993), Xavier (2002), Cascarelli (2012), Braga (2013), Gomes (2011), among others. To support the reading work, the strategies set forth by Solé (2010) were used. We hope, therefore, that this work can help the school to see the hypertextual tools as a resource that shows other possibilities of learning and knowledge. That this practice, too, should not be limited only to the teaching of Portuguese Language, but that the work with hypertext be understood as a practice to promote digital literacy in the school context. As a result, we hope that the work with hypertext can occupy a significant space in the students' learning and that allows them to enjoy this written modality without losing their freedom as to the uses of the links that lead to differentiated paths. Hypertext has played a prominent role in today's society, therefore, it becomes a relevant support for proficient readers in multiple literatures, including digital literacy.

11
  • LUZIA ANÁLIA DE ARAÚJO
  • O TEXTO LITERÁRIO COMO FERRAMENTA PARA A APRENDIZAGEM DA ESCRITA

  • Orientador : JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • JOSE CEZINALDO ROCHA BESSA
  • Data: 16/12/2016

  • Mostrar Resumo
  • O ensino de Língua Portuguesa tem se constituído como a mais urgente dificuldade a ser superada, dentro da ação educativa escolar; sendo que tal observação torna-se evidente pela grande quantidade de estudantes do Ensino Fundamental que apresentam graves problemas de leitura e, consequentemente, de escrita. Os fatos expostos aparecem como sintoma de uma forma de ensino mais comprometida com os conteúdos padronizados no currículo institucionalizado, do que com a construção de uma ponte entre os conteúdos trabalhados e as experiências de vida; sem a qual, não ocorrerá uma efetiva aprendizagem. Diante dessas dificuldades, traçamos como objetivo propor a leitura literária de poemas e contos para favorecer a articulação de conhecimentos linguísticos e literários e, assim, aproximar os aprendizes da riqueza que emana dos referidos textos; gerando oportunidades para minimizar as limitações do ato de bem escrever. Nossa investigação, configura-se como uma pesquisa ação, na qual buscamos, a partir de uma intervenção pedagógica, desenvolver atividades de escrita na perspectiva da norma padrão da língua vinculadas à leitura de obras literárias. Para consecução do propósito investigativo, apoiamo-nos autores das áreas de Língua Portuguesa e Literatura, a saber: Cosson (2006), Flôres (2001), Kato (1995), Kleiman (1995), Matêncio (1998), Antunes (2003, 2011), Figueiredo (2005) Koch e Elias (2010), Azevedo (2012), Passarelli (2004), Schneuwly e Dolz (2004), dentre outros. Os resultados revelaram que as ações didáticas empreendidas para desenvolver a competência escritora dos alunos a partir da leitura de textos do gênero literário mostraram-se relevantes em virtude de favorecer o aprendizado da escrita na modalidade padrão da língua.


  • Mostrar Abstract
  • The Portuguese language teaching has been constituted as the most urgent difficulty to be overcome, within the educational educational action; And this observation is made evident by the large number of elementary students who have serious problems of reading and, consequently, of writing. The facts presented appear as a symptom of a form of teaching that is more committed to standardized content in the institutionalized curriculum than to the construction of a bridge between the content of the work and the life experiences; Without which effective learning will not occur. In the face of these difficulties, we set out to propose the literary reading of poems and short stories to favor the articulation of linguistic and literary knowledge and, thus, to bring apprentices closer to the richness emanating from those texts; Generating opportunities to minimize the limitations of good writing. Our investigation is an action research, in which we seek, from a pedagogical intervention, to develop writing activities in the perspective of the standard norm of the language linked to the reading of literary works. In order to achieve the research purpose, we support authors of the areas of Portuguese Language and Literature, namely: Cosson (2006), Flôres (2001), Kato (1995), Kleiman (1995), Matêncio (1998), Antunes 2011), Figueiredo (2005) Koch and Elias (2010), Azevedo (2012), Passarelli (2004), Schneuwly and Dolz (2004), among others. The results revealed that the didactic actions undertaken to develop students' writing skills from the reading of texts of the literary genre were shown to be relevant in favor of learning to write in the standard language modality.

     

12
  • CLEIDIANE BRAGA LIMA
  • ENSINO DE LITERATURA: ANÁLISE DA OBRA O CORTIÇO SOB A PERSPECTIVA DA ESTÉTICA DA RECEPÇÃO APLICADA AOS ALUNOS DO 9º ANO DO ENSINO FUNDAMENTAL

  • Orientador : MARCIO RENATO PINHEIRO DA SILVA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARCIO RENATO PINHEIRO DA SILVA
  • SEBASTIAO AUGUSTO RABELO
  • MANOEL FREIRE RODRIGUES
  • Data: 16/12/2016

  • Mostrar Resumo
  • Quando pensamos na experiência da leitura, a obra literária seria o artefato que é oferecido à consciência de um leitor, o texto literário não deve ser uma realidade independente dessa consciência, que sente e percebe os significados de uma forma particular, contínua, livre de amarras impostas por delimitações alheias. A obra literária precisa de seu leitor para percorrer diferentes épocas e contextos e existir, de fato. Fazer o autor perder a unidade detentora de sentidos e possibilitar ao texto a liberdade necessária para desprender-se dos preceitos estruturalistas e formalistas que - por atribuírem exclusivamente à própria textualidade a responsabilidade interpretativa de uma obra, não privilegiaram o leitor nessa relação - é o pressuposto levantado pela estética da recepção, corrente contemporânea da teoria da literatura, escolhida para nortear esta proposta de intervenção. A proposta desta dissertação é centrada em utilizar a estética da recepção, aplicada através de uma sequência didática idealizada por Cosson (2009) junto a uma turma do 9º ano do ensino fundamental em uma escola do município de Fortaleza, Ceará. Objetivamos valorizar o papel ativo do aluno/ leitor na análise e interpretação de uma obra fundamental da literatura brasileira que é O cortiço, de Aluísio Azevedo. Trata-se de uma pesquisa-ação, com a abordagem de dados qualitativos propostos por Bogdan e Biklen (1991). A fundamentação teórica recorre à aplicação de conceitos de grandes predecessores e estudiosos da teoria receptiva como Barthes (1968), Eagleton (1989), Jauss (1994), Iser (1999), assim como teóricos que nos auxiliam nas novas formas de compreender o texto literário, como Zilberman (1989), Cândido (2000), Cosson (2009), Oliveira (2009), Zappone (2009), dentre outros. Ao final de nossa intervenção, observamos que os alunos adquiriram apreço pela obra lida, traçaram suas próprias impressões acerca dela e buscaram novas fontes para exercerem uma leitura consciente, além de enxergarem sua própria importância na construção de significados, livres de julgamentos, não apenas em O cortiço, mas também em leituras vindouras.


  • Mostrar Abstract
  • When we think of the experience of reading, the literary work would be the artifact that is offered to the consciousness of a reader, the literary text shouldn't be a reality independent of that consciousness, which feels and perceives the meanings in a particular, continuous, imposed by other people's delimitations. The literary work needs its reader to traverse different epochs and contexts and exist, in fact. To make the author lose the sensory unity and allow the text the freedom necessary to detach itself from the structuralist and formalist precepts which - because they attributed exclusively to their own textuality the interpretative responsibility of a work, didn't privilege the reader in this relation - is the presupposition Raised by the aesthetics of the reception, contemporary current of the theory of literature, chosen to guide this proposal of intervention. The proposal of this dissertation is centered in using the reception aesthetics, applied through a didactic sequence idealized by Cosson (2009) next to a class of the 9th year of elementary education in a school in the city of Fortaleza, Ceará. We aim to value the active role of the student / reader in the analysis and interpretation of a fundamental work of Brazilian literature that is O Cortiço, by Aluísio Azevedo. It is an action research, with the approach of qualitative data proposed by Bogdan and Biklen (1991). The theoretical basis is based on the application of concepts of great predecessors and students of receptive theory such as Barthes (1968), Eagleton (1989), Jauss (1994), Iser (1999), as well as theorists who help us in the new ways of understanding the text Literary, such as Zilberman (1989), Candido (2000), Cosson (2009), Oliveira (2009), Zappone (2009), among others. At the end of our intervention, we observed that the students acquired appreciation for the work they read, drew their own impressions on it, and sought new sources to exercise a conscious reading, as well as seeing their own importance in constructing meanings, free from judgments, not just in O cortiço, but also in readings to come.


13
  • JUCIANA SOARES DE OLIVEIRA
  •  

    ARGUMENTAÇÃO E ENSINO DA ESCRITA: UMA PROPOSTA DE INTERVENÇÃO


  • Orientador : ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • JOSE CEZINALDO ROCHA BESSA
  • Data: 16/12/2016

  • Mostrar Resumo
  • O objetivo desta pesquisa é investigar como se efetiva o aprimoramento da escrita do gênero discursivo argumentativo, a partir da focalização do artigo de opinião, por meio da implementação do recurso metodológico da sequência didática. Quanto aos objetivos específicos, este trabalho se propõe a realizar uma análise comparativa de duas versões de dez artigos de opinião produzidos por alunos do Ensino Fundamental, identificar problemas relacionados à ausência de uma ou mais fases da sequência argumentativa prototípica proposta por Adam (2011) e intervir por meio de um conjunto de atividades na perspectiva de que essa sequência prototípica se efetive nos textos dos alunos, contribuindo assim para a melhoria da escrita argumentativa. Teoricamente, o trabalho se fundamenta em uma abordagem sociodiscursiva, os gêneros do discurso são compreendidos na perspectiva dialógica da linguagem de Bakhtin (1992) e na execução da proposta teórico-metodológica de sequência didática proposta por Dolz e Schneuwly (2004), recorremos também à noção de Retórica, desde a antiguidade clássica até o surgimento da Nova Retórica presentificada nos estudos de Perelman e Tyteca (1996), que, na atualidade, foi assimilada pelos estudos da Pragmática e conectada às teses centrais do pensamento de Ducrot (1977,1980, 1987). Também nos ancoramos no conceito de sequências textuais propostos por Adam (2011), assim como nos pressupostos que concebem a produção escrita como prática processual Flower e Hayes(1980); Serafini (2004); Passarelli (2001). Em termos metodológicos, trata-se de uma pesquisa-açãoThiollent (1996), de abordagem de dados de natureza qualitativa, conforme estabelecem Bodgan e Biklen (1996). Como cenário da investigação, elegemos uma escola pública municipal da cidade de Fortaleza-Ce. Como participantes da pesquisa temos a professora de Língua Portuguesa e os alunos que compõem a turma de 9º ano. A aplicação da sequência didática possibilitou-nos observar que os alunos passaram a escrever artigos de opinião mais elaborados, com níveis de argumentação mais significativos, conseguindo, inclusive, se posicionar de forma mais reflexiva e crítica diante de questões sociais discutíveis. Além disso, ao defendermos o argumentar como ação linguística de maior importância, acreditamos que, por meio da intervenção proposta, conseguimos contribuir para que os alunos envolvidos tivessem a oportunidade de exercer os papéis sociais do argumentar e contra-argumentar por meio da adoção de uma postura pró-ativa e ética em seus textos.


  • Mostrar Abstract
  • The aim of this research is to investigate how Elementary School students develop their performance in the writing ability concerning the production of opinion pieces through the proptotypic didactic sequence proposed by Adam (2011). It was analyzed two sets of ten compositions each and, after detecting any absence in any stage in Adam's prototypic ditactic sequence, it was developed a set of activities to assist the students in following each proposed step and consequently developing their writing skill. The theoretical background is based on the sociodiscursiv approach. The speech genres follow Bakhtin's (1992) dialogic speech and the follow up was built according to the didactic sequence proposed by Dolz e Schneuwly (2004). A notion from Rhetoric from the ancient times up to the new Rhetoric present in Perelman e Tyteca (1996) work was also used. Nowadays these studies are dealt by the pragmatics and they are connected by Ducrot's (1977, 1980, 1987) thought. We also use the textual sequences concept proposed by Adam (2011) and the writing production as procedural practice Flower e Hayes (1980); Serafini (2004); Passarelli (2001).The methodology used is the research-action Thiollent (1996), with the qualitative data, according to Bodgan e Bilken (1996). The research stage was an elementary public school in the city of Fortaleza-CE, Brazil. As members from this research, there are the students from the last year of elementary school (9th year students) and their Portuguese teacher. With the didactic sequence, we could observe that the students' writing skill concerning the opinion pieces was developed considerably. Besides that, we believe that we could contribute in assisting the students to get to know their roles in the society assuming an active position in which they may make more consistent arguments to defend their beliefs and point of view.

14
  • LUCIENE DE FÁTIMA DANTAS VIEIRA
  • O USO DOS DESCRITORES NO ENSINO DE LEITURA: UMA PROPOSTA DE INTERVENÇÃO PEDAGÓGICA


  • Orientador : JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • GILTON SAMPAIO DE SOUSA
  • JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • Data: 22/12/2016

  • Mostrar Resumo
  • Ler e compreender são habilidades que convergem para uma terceira: a de interpretar. Sem dúvida, tais capacidades são complementares e indissociáveis para a competência leitora, que todo professor espera ver desenvolvida em seu educando. Desse modo, a habilidade de compreender o texto e a intenção comunicativa do autor, não é tarefa tão fácil e requer a execução de procedimentos que vão além da decodificação de palavras, pois o leitor precisa desvendar os explícitos e/ou implícitos presentes no texto e que sem a sua compreensão, a leitura proficiente torna-se limitada. Nessa perspectiva, traçamos como objetivo geral investigar a competência leitora de alunos do 9º ano do ensino fundamental de uma escola pública do município de Currais Novos/RN a partir de uma intervenção pedagógica fundamentada na Matriz de Referência de Língua Portuguesa, focalizando o uso dos descritores utilizados como estratégias de leitura dos gêneros discursivos notícia e tirinha. O estudo insere-se no âmbito da Pesquisa Ação, como tentativa continuada de aprimoramento da prática pedagógica, tendo em vista a intenção de organizar procedimentos que possam contribuir para o desenvolvimento da competência de leitura dos alunos. Os aportes teóricos firmaram-se na concepção de gêneros, enquanto práticas sociais discursivas, tendo em Bakhtin (2006, 2011), os fundamentos para o trabalho com a língua enquanto realidade social, numa perspectiva interacional. No que se refere às estratégias de leitura e compreensão buscou-se os estudos desenvolvidos por Lefta (1996), Solé (1998), Kleiman (2000, 2007), Koch e Elias (2006), Oliveira (2010); a elaboração das sequências didáticas organizou-se a partir de Schneuwly e Dolz (2004), além de adotar as orientações sobre o ensino de Língua Portuguesa, contidas nos Parâmetros Curriculares Nacionais (1998) e autores como Riolfi (2008), Oliveira (2010), Suassuna (1995), dentre outros. Os resultados da utilização dos descritores como estratégias para o desenvolvimento da competência leitora dos alunos revelaram avanços significativos no desempenho dos mesmos, pois facilitaram a compreensão dos textos lidos nas atividades de leitura que foram propostas.


  • Mostrar Abstract
  • Reading and understanding are skills that converge to a third: that of interpreting. Undoubtedly, these capacities are complementary and indissociable to the reading competence, which every teacher hopes to see developed in his learner. Thus, the ability to understand the text and the author's communicative intention is not an easy task and requires the execution of procedures that go beyond the decoding of words, since the reader must unveil the explicit and / or implicit ones present in the text and That without your understanding, proficient reading becomes limited. From this perspective, we have as a general objective to investigate the reading competence of students of the 9th grade of a public school in the city of Currais Novos / RN, based on a pedagogical intervention based on the Reference Matrix of Portuguese Language, focusing on the use of the descriptors Used as strategies of reading the discursive genres news and comic strip. The study is part of Action Research, as a continuous attempt to improve pedagogical practice, in view of the intention of organizing procedures that may contribute to the development of students' reading competence. The theoretical contributions were based on the conception of genres, as discursive social practices, with Bakhtin (2006, 2011), the foundations for working with the language as a social reality, in an interactional perspective. As regards reading and comprehension strategies, the studies developed by Lefta (1996), Solé (1998), Kleiman (2000, 2007), Koch and Elias (2006), Oliveira (2010); The elaboration of the didactic sequences was organized from Schneuwly and Dolz (2004), besides adopting the guidelines on the teaching of Portuguese Language, contained in the National Curricular Parameters (1998) and authors like Riolfi (2008), Oliveira (2010) , Suassuna (1995), among others. The results of the use of the descriptors as strategies for the development of reading competence of the students revealed significant advances in their performance, since they facilitated the comprehension of the texts read in the reading activities that were proposed.

15
  • JANE MEDEIROS
  • PROPOSTA DIDÁTICA PARA O ENSINO DA RESPONSABILIDADE ENUNCIATIVA NO GÊNERO DISCURSIVO CRÔNICA 

  • Orientador : ALEXANDRO TEIXEIRA GOMES
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ALEXANDRO TEIXEIRA GOMES
  • LUCELIO DANTAS DE AQUINO
  • GILTON SAMPAIO DE SOUSA
  • Data: 22/12/2016

  • Mostrar Resumo
  • A Responsabilidade Enunciativa tem sido entendida como um fenômeno que busca marcar a assunção ou não pelo dizer por parte do locutor do texto, conforme destacam Adam (2011) e Gomes (2014). Para Adam (2011), o texto deve ser compreendido a partir de sua materialidade discursiva, considerando o estudo de determinados níveis ou planos de análise. Nessa pesquisa, detemo-nos no nível sete de Adam (2011), o qual se propõe a estudar o fenômeno da responsabilidade enunciativa no gênero discursivo crônica. Assim, foi nosso objetivo verificar como se manifesta o referido fenômeno no gênero discursivo crônica, tomando como objeto de análise seis crônicas escolhidas da coleção ‘Para gostar de Ler’, do ano de 2003. Do ponto de vista teórico, amparamo-nos em autores como Adam (2011), Gomes (2014), Lourenço (2015), Marcuschi (2008), Koch (2014), Fávero e Koch (2012), Koch e Travaglia (2015), Mussalim e Bentes (2010), Rodrigues, Passeggi e Silva Neto (2010, entre outros. Do ponto de vista metodológico, nossa investigação apresenta três momentos, sendo o primeiro referido à análise do fenômeno da responsabilidade enunciativa no gênero discursivo escolhido; o segundo à aplicação de uma intervenção didática pautados nos postulados da pesquisa-ação e com vistas à elaboração de uma sequência didática; o terceiro momento à elaboração de uma sequência didática considerando os pressupostos básicos da responsabilidade enunciativa na construção do propósito argumentativo do produtor do gênero crônica. Em relação ao primeiro momento, percebemos que o produtor do texto assume ou não a responsabilidade enunciativa pelo dizer com vistas a realização de seu propósito argumentativo. Em relação ao segundo e ao terceiro momentos, esperamos que a sequência apresentada contribua para o ensino da Língua Portuguesa, proporcionando ao aluno um avanço no desenvolvimento da sua competência leitora, melhorando sua criticidade e seu posicionamento frente ao texto. 


  • Mostrar Abstract
  • The enunciative responsibility has been understood as a phenomenon that seek to spot the assumption or not by saying on the part of the speaker of the text according to point out Adam (2011) and Gomes (2014). For Adam (2011), the text must be understood from its discursive materiality, considering the study of certain levels or analysis plans. In this research, we hold to the seven level by Adam (2011) which proposes to study to study the phenomenon of the Enunciative Responsibility in the discursive genre chronicle. Therefore, it was our purpose to verify how to manifest the referred phenomenon in the discursive genre chronicle taking as object of analysis six chronicles chosen from the collection “Para gostar de Ler”' , of the year 2003. From the theoretical point of view, we support us in authors like Adam (2011), Gomes (2014), Lourenço (2015), Marcuschi (2008), Koch (2014), Fávero and Koch (2012), Koch and Travaglia (2015), Mussalim and Bentes (2010), Rodrigues, Passeggi and Silva Neto (2010), among others. From the methodological point of view, our research reports three moments, being the first point referred the analysis of the phenomenon of the Enunciative Responsibility in the discursive genre chosen; the second point the application of a didactic intervention guided on the postulates of research action and in order to the elaboration of a didactic sequence; the third moment the elaboration of a didactic sequence  considering the basic assumptions of the enunciative responsibility in the construction of the argumentative purpose  of the producer of chronicle genre. In relation to the first moment, we notice that the producer of the text take up or not the enunciative responsibility by saying in order to accomplishment of his argumentative purpose. In relation to the second and third moments, we hope which the sequence represented contributed to the Portuguese Language teaching, providing the student an advance in developing their reading competence, improving their criticality and positioning on the text. 

2015
Dissertações
1
  • JAYANE DO NASCIMENTO SOUZA
  • A ESCRITA NO ENSINO FUNDAMENTAL II: UMA ANÁLISE DOS DESVIOS FONOLÓGICOS E POSSÍVEIS ESTRATÉGIAS DE INTERVENÇÃO  

  • Orientador : MARIA ASSUNCAO SILVA MEDEIROS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JOÃO BOSCO FIGUEIREDO GOMES
  • MARIA ASSUNCAO SILVA MEDEIROS
  • VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • Data: 10/07/2015

  • Mostrar Resumo
  • Esse trabalho apresenta uma reflexão sobre a língua escrita, uma prática social que cada vez mais se fortalece no cotidiano das pessoas. Desvelar sua natureza, organização e função deve ser o primeiro passo para os professores mudarem de postura diante do ensino dessa modalidade linguística, ajudando os alunos a utilizá-la de forma mais eficaz e segura. Considerando esses princípios, a presente dissertação busca compreender, à luz de teorias linguísticas contemporâneas, os fatores que influenciam os desvios de escrita encontrados nas produções textuais de alunos do 8° ano do Ensino Fundamental II, matriculados numa Escola Pública do Rio Grande do Norte, considerando que esses desvios revelam o início da aprendizagem dessa ferramenta de comunicação, representando as primeiras hipóteses levantadas pelos para dominá-la. Para a análise dos dados utilizamos os trabalhos desenvolvidos por Lemle (1995), Cagliari (2009), Carraher (1985), Zorzi (1998), Guimarães (2005), Monteiro (2008), Veçossi (2010), entre outros, a partir dos quais, a produção científica sobre aprendizagem da leitura e da escrita vem se desenvolvendo. Os resultados dessa análise mostraram que os desvios de escrita, presentes nos textos dos alunos, são motivados, não só por desconhecimento da norma ortográfica da Língua Portuguesa, mas, também, decorrem de fatores fonéticos, fonológicos e gramaticais. Assim, buscamos apresentar novas estratégias de ensino-aprendizagem da escrita que possam levar os discentes a refletir sobre o uso da mesma, desenvolvendo essa habilidade de forma mais crítica e criativa. Acreditamos que as atividades apresentadas possam minimizar a escrita com desvios ortográficos ou variação linguística, praticada pelos alunos.


  • Mostrar Abstract
  • Esse trabalho apresenta uma reflexão sobre a língua escrita, uma prática social que cada vez mais se fortalece no cotidiano das pessoas. Desvelar sua natureza, organização e função deve ser o primeiro passo para os professores mudarem de postura diante do ensino dessa modalidade linguística, ajudando os alunos a utilizá-la de forma mais eficaz e segura. Considerando esses princípios, a presente dissertação busca compreender, à luz de teorias linguísticas contemporâneas, os fatores que influenciam os desvios de escrita encontrados nas produções textuais de alunos do 8° ano do Ensino Fundamental II, matriculados numa Escola Pública do Rio Grande do Norte, considerando que esses desvios revelam o início da aprendizagem dessa ferramenta de comunicação, representando as primeiras hipóteses levantadas pelos para dominá-la. Para a análise dos dados utilizamos os trabalhos desenvolvidos por Lemle (1995), Cagliari (2009), Carraher (1985), Zorzi (1998), Guimarães (2005), Monteiro (2008), Veçossi (2010), entre outros, a partir dos quais, a produção científica sobre aprendizagem da leitura e da escrita vem se desenvolvendo. Os resultados dessa análise mostraram que os desvios de escrita, presentes nos textos dos alunos, são motivados, não só por desconhecimento da norma ortográfica da Língua Portuguesa, mas, também, decorrem de fatores fonéticos, fonológicos e gramaticais. Assim, buscamos apresentar novas estratégias de ensino-aprendizagem da escrita que possam levar os discentes a refletir sobre o uso da mesma, desenvolvendo essa habilidade de forma mais crítica e criativa. Acreditamos que as atividades apresentadas possam minimizar a escrita com desvios ortográficos ou variação linguística, praticada pelos alunos.

2
  • CLOACIR GOMES DANTAS
  • “QUEM SOU EU?”: UMA (RE)CONSTRUÇÃO DO SUJEITO POR MEIO DA NARRATIVA AUTOBIOGRÁFICA – PROPOSTA DIDÁTICA COM UM OLHAR NAS INTERAÇÕES EM SALA DE AULA

  • Orientador : MARIO LOURENCO DE MEDEIROS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • JOÃO BOSCO FIGUEIREDO GOMES
  • MARIO LOURENCO DE MEDEIROS
  • Data: 10/07/2015

  • Mostrar Resumo
  • Como é do nosso conhecimento, a sala de aula afirma-se como um ambiente de contínua construção de aprendizagens e experiências, porém, para os alunos, além disso, funciona como um lugar, também, para estar em razão do convívio com os amigos. No entanto, nem sempre esses elementos se completam, assim, tão harmoniosamente, pois estamos cientes de que existem bastantes dificuldades, tanto no ato de aprender quanto nas relações interpessoais entre eles. Partindo disso, entendemos que cabe à escola buscar meios para contemplar tais questões de modo que estes se sintam inseridos tanto no que diz respeito a essa aprendizagem como também sendo capazes de interagir consigo mesmos e com os outros, de forma participativa, no sentido de conviver bem socialmente. Assim, encontramo-nos diante de uma situação semelhante com uma turma de 9º ano onde parte dos alunos apresentava certas limitações quanto à maneira de relacionarem-se bem, acarretando, assim, problemas na aprendizagem. Por outro lado, essa dificuldade na forma de interagir afetivamente com o outro, também, se agravava pela dificuldade que alguns alunos apresentavam de falar de si mesmos e de demonstrar seus sentimentos e emoções dificultando ainda mais esse convívio no ambiente escolar. Diante disso, vimo-nos na obrigação de agir de forma imediata e precisa para provocar mudanças nesse quadro. Daí que surgiu a ideia da aplicação de uma ação interventiva a qual começou tomar forma a partir de um projeto pedagógico que havíamos desenvolvido em outras turmas em anos anteriores, desta vez, adaptado para a situação vivenciada pela turma. O projeto, moldado na pesquisa qualitativa e caracterizado a partir da abordagem da pesquisa-ação tomou forma e, elegemos como objetivo maior buscar possíveis alternativas no sentido de desenvolver a competência comunicativa dos alunos, razão pela qual investimos em exercitar a oralidade (fala e escuta) no intuito de promover, pelo uso da linguagem, esse envolvimento interpessoal facilitando, dessa forma, a participação destes tanto na sala de aula quanto na vida social. Para o cumprimento deste objetivo, propusemo-nos a elaborar um caderno didático cujo suporte materializou-se através da narrativa autobiográfica (moldado na produção escrita) e trabalhado ao longo deuma sequência didática estruturada em três etapas distintas que dialogavam entre si. Para tanto, fundamentamos nosso estudo a partir da concepção sócio-histórica e dialógica proposta por Bakhtin em consonância com o interacionismo sociodiscursivo de Bronckart bem como recorremos a outros estudiosos como Dolz e Schneuwly, Marcuschi entre outros. O desenvolvimento de todas as etapas do projeto não só surtiu efeito imediato diante do que nos propúnhamos como também rendeu-nos momentos muito gratificantes reforçando, para nós, que o ambiente de sala de aula vai muito além do fato de ministrarmos conteúdos. E que o trabalho com a oralidade, com vistas na interação afetiva desses alunos, resultou num projeto, por assim dizer, apaixonante.


  • Mostrar Abstract
  • Como é do nosso conhecimento, a sala de aula afirma-se como um ambiente de contínua construção de aprendizagens e experiências, porém, para os alunos, além disso, funciona como um lugar, também, para estar em razão do convívio com os amigos. No entanto, nem sempre esses elementos se completam, assim, tão harmoniosamente, pois estamos cientes de que existem bastantes dificuldades, tanto no ato de aprender quanto nas relações interpessoais entre eles. Partindo disso, entendemos que cabe à escola buscar meios para contemplar tais questões de modo que estes se sintam inseridos tanto no que diz respeito a essa aprendizagem como também sendo capazes de interagir consigo mesmos e com os outros, de forma participativa, no sentido de conviver bem socialmente. Assim, encontramo-nos diante de uma situação semelhante com uma turma de 9º ano onde parte dos alunos apresentava certas limitações quanto à maneira de relacionarem-se bem, acarretando, assim, problemas na aprendizagem. Por outro lado, essa dificuldade na forma de interagir afetivamente com o outro, também, se agravava pela dificuldade que alguns alunos apresentavam de falar de si mesmos e de demonstrar seus sentimentos e emoções dificultando ainda mais esse convívio no ambiente escolar. Diante disso, vimo-nos na obrigação de agir de forma imediata e precisa para provocar mudanças nesse quadro. Daí que surgiu a ideia da aplicação de uma ação interventiva a qual começou tomar forma a partir de um projeto pedagógico que havíamos desenvolvido em outras turmas em anos anteriores, desta vez, adaptado para a situação vivenciada pela turma. O projeto, moldado na pesquisa qualitativa e caracterizado a partir da abordagem da pesquisa-ação tomou forma e, elegemos como objetivo maior buscar possíveis alternativas no sentido de desenvolver a competência comunicativa dos alunos, razão pela qual investimos em exercitar a oralidade (fala e escuta) no intuito de promover, pelo uso da linguagem, esse envolvimento interpessoal facilitando, dessa forma, a participação destes tanto na sala de aula quanto na vida social. Para o cumprimento deste objetivo, propusemo-nos a elaborar um caderno didático cujo suporte materializou-se através da narrativa autobiográfica (moldado na produção escrita) e trabalhado ao longo deuma sequência didática estruturada em três etapas distintas que dialogavam entre si. Para tanto, fundamentamos nosso estudo a partir da concepção sócio-histórica e dialógica proposta por Bakhtin em consonância com o interacionismo sociodiscursivo de Bronckart bem como recorremos a outros estudiosos como Dolz e Schneuwly, Marcuschi entre outros. O desenvolvimento de todas as etapas do projeto não só surtiu efeito imediato diante do que nos propúnhamos como também rendeu-nos momentos muito gratificantes reforçando, para nós, que o ambiente de sala de aula vai muito além do fato de ministrarmos conteúdos. E que o trabalho com a oralidade, com vistas na interação afetiva desses alunos, resultou num projeto, por assim dizer, apaixonante.

3
  • MARIA JOSÉ FERNANDES DA SILVA ARAÚJO
  • A COMPETÊNCIA LEITORA DE ALUNOS DO ENSINO FUNDAMENTAL: UMA PROPOSTA DE INTERVENÇÃO

  • Orientador : JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • MARIO LOURENCO DE MEDEIROS
  • MARIA AUGUSTA GONÇALVES DE MACEDO REINALDO
  • Data: 13/07/2015

  • Mostrar Resumo
  • A leitura constitui uma atividade de suma importância na vida de todo ser humano, uma vez que esta prática é condição primordial para o desenvolvimento pleno da pessoa; uma atividade cujo domínio é essencial ao exercício da cidadania, pois é o meio através do qual o estudante tem acesso aos saberes que fazem parte do mundo a sua volta. No entanto, dada a complexidade que envolve o processo de aprendizagem da leitura, ensinar os alunos a ler não constitui tarefa fácil e, muitas vezes, os discentes não adquirem a competência necessária à compreensão dos textos, o que dificulta todo o desenvolvimento destes, haja vista que não há leitura, se não houver compreensão. De acordo com essa visão, o presente estudo tem como foco uma intervenção pedagógica que visa contribuir para o desenvolvimento da competência leitora dos alunos do 6º ano “U” da Escola Estadual Senador José Bernardo, na cidade de São João do Sabugi – RN.  As atividades que constituíram o processo da referida intervenção foram realizadas em sala de aula de Língua Portuguesa e desenvolvidas por meio de sequências didáticas elaboradas a partir de estratégias de leitura, tendo como base os gêneros textuais conto e notícia, uma vez que os alunos, sujeitos desta investigação, apresentavam sérios problemas no tocante à compreensão leitora. Tendo em vista a importância do problema em questão, este trabalho justifica-se pela relevância de atender à dificuldade mencionada, haja vista que o mesmo busca o desempenho em leitura através dos gêneros enquanto práticas sociais de linguagem, por meio de atividades interativas que visam ao ler para compreender, para construir o sentido dos textos e ampliar o interesse pela leitura. Esta proposta de intervenção insere-se no âmbito da Linguística Aplicada e para realizá-la, foram tomadas como fundamentos algumas teorias voltadas para a noção de língua enquanto prática sociointerativa, tais como os estudos de Bakhtin (2006, 2011), Bronckart (2012) e aportes direcionados ao ensino da atividade leitora, dentre eles: Solé (1998), Oliveira (2010), Leffa (1996, 1999), Silveira (2005) e outros. As discussões acerca de gêneros seguiram os estudos de Bakhtin (2011), Marcuschi (2008), além de outros teóricos; as sequências didáticas foram construídas a partir de Bronckart (2012), Dolz; Noverraz; Schneuwly (2013) e, no que se refere ao ensino de Língua Portuguesa, foram adotadas as orientações contidas nos PCN/LP (1998), como também em Antunes (2003, 2009) e outros autores. Os resultados mostram que os alunos do 6º ano ampliaram sua capacidade de compreensão dos textos lidos, através da implementação das ações didático-pedagógicas, adquirindo, assim, a competência leitora de que necessitavam para continuar aprendendo.

     


  • Mostrar Abstract
  • Reading is an activity of great importance in the life of each human being, since this practice is main condition for the complete development of a person.  It is also an activity whose domain is essential to the practice of citizenship, because  it is the means by which the student has access to the knowledge that is part of the world around you. However, given the complexity involved in the learning reading process, teaching students to read is not an easy task. Often the students do not acquire the skills necessary to understand the texts, which makes difficult  any development of these, considering that is no reading if there is no understanding. According to this view, this study focuses on an educational intervention  whose aim is to contribute to the development of the students reading competence of students, in the 6th grade "U", in a Public School, in the city of São João do Sabugi - RN. The activities which compound  that intervention process were developed in Portuguese classroom through teaching sequences according to  reading strategies, based on the genres tales and news, since the students, subject this research, presented serious problems regarding to reading comprehension. Given the importance of the problem in question, this work is justified by the importance to resolve the aforementioned difficulty, given that it seeks the reading performance through genres, as a language social practice, through interactive activities whose aim is  reading and understanding, to construct the meaning of texts and to increase interest in reading. This intervention proposal falls within the scope of Applied Linguistics.  To perform it, we took as a basis some theories that focuses on language as sociointerative practice, such as the studies of Bakhtin (2006, 2011), Bronckart (2012) and some contributions to the teaching of reading activity, including: Solé (1998), Oliveira (2010), Leffa (1996, 1999), Silveira (2005) and others. The discussions about genres followed the studies of Bakhtin (2011), Marcuschi (2008), as well as other theoretical; the didactic sequences were constructed from Bronckart (2012), Dolz; Noverraz; Schneuwly (2013) and, regarding to teaching of Portuguese language, we adopted the guidelines of PCN / LP (1998), as well as Antunes (2003, 2009) and other authors. The results showed that students of the 6th year increased their ability to understand the texts read through the didactic and pedagogical actions, thereby acquiring the reading competence they needed to continue learning.

4
  • LUCIANA MARIA CARVALHO MEDEIROS DOS SANTOS
  • ENCANTOS POÉTICOS: A POESIA POTIGUAR PEDE LICENÇA...

     

  • Orientador : VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • DERIVALDO DOS SANTOS
  • FRANCISCA ZULEIDE DUARTE DE SOUZA
  • Data: 14/07/2015

  • Mostrar Resumo
  • É certo que muitas discussões acerca da abordagem da poesia em sala de aula têm sido promovidas e publicadas, entretanto qual a razão para a poesia ainda não ter encontrado de fato o seu caminho na escola? Uma das possíveis respostas para o desvendar desse mistério, que inquieta principalmente àqueles que sabem da importância do contato com leituras dessa natureza, em especial na escola, é a certeza de que é preciso ser leitor de poesia para formar leitores de poesia. Assim, se torna necessário ampliar e ressignificar essas discussões de modo a promover efetivas transformações quanto a abordagem do texto poético no espaço escolar. Uma outra lacuna também identificada nas práticas de sala de aula é a mínima escolha pela poesia produzida por autores locais como objeto de estudo. Por essa razão, a presente pesquisa de natureza qualitativa, propõe-se a apresentar uma proposta voltada a abordagem da poesia potiguar na sala de aula, considerando a escassez de material dessa natureza. Dessa forma, o objetivo maior da pesquisa aqui apresentada é ressignificar os conceitos e a abordagem da poesia potiguar no contexto da sala de aula, considerando sua importância como artefato artístico, histórico e cultural, para além dos limites geográficos, por meio da produção de material didático. Sabendo da pluralidade de interesses e afinidades que perpassam o indivíduo, assim como a impossibilidade de negar os avanços da tecnologia e sua importância também no ambiente escolar, o material didático aqui proposto materializa-se na forma de site e de um caderno de poesias, ambos voltados a propostas didáticas centradas na poesia potiguar, sendo o caderno de poesias um recorte do site, por entender a dificuldade de alguns professores no acesso e manuseio dessas novas ferramentas. Para esta pesquisa, assumem-se como norte os pressupostos a respeito de literatura e poesia de CANDIDO (2013), HAMBURGER (2007), as orientações acerca do letramento literário de COSSON (2014), assim como os escritos de GURGEL (2001) e ONOFRE JR (2000) a respeito de literatura potiguar. Assim, a referida pesquisa parte da necessidade de impregnar nos professores a certeza de que é preciso dar voz e vez a poesia na sala de aula, assim como de conhecer a poesia produzida por artistas locais, com vistas a valorizar e disseminar suas obras para, enfim, possibilitar atividades significativas de construção, desconstrução e reconstrução de paradigmas no campo da literatura.

     


  • Mostrar Abstract
  • É certo que muitas discussões acerca da abordagem da poesia em sala de aula têm sido promovidas e publicadas, entretanto qual a razão para a poesia ainda não ter encontrado de fato o seu caminho na escola? Uma das possíveis respostas para o desvendar desse mistério, que inquieta principalmente àqueles que sabem da importância do contato com leituras dessa natureza, em especial na escola, é a certeza de que é preciso ser leitor de poesia para formar leitores de poesia. Assim, se torna necessário ampliar e ressignificar essas discussões de modo a promover efetivas transformações quanto a abordagem do texto poético no espaço escolar. Uma outra lacuna também identificada nas práticas de sala de aula é a mínima escolha pela poesia produzida por autores locais como objeto de estudo. Por essa razão, a presente pesquisa de natureza qualitativa, propõe-se a apresentar uma proposta voltada a abordagem da poesia potiguar na sala de aula, considerando a escassez de material dessa natureza. Dessa forma, o objetivo maior da pesquisa aqui apresentada é ressignificar os conceitos e a abordagem da poesia potiguar no contexto da sala de aula, considerando sua importância como artefato artístico, histórico e cultural, para além dos limites geográficos, por meio da produção de material didático. Sabendo da pluralidade de interesses e afinidades que perpassam o indivíduo, assim como a impossibilidade de negar os avanços da tecnologia e sua importância também no ambiente escolar, o material didático aqui proposto materializa-se na forma de site e de um caderno de poesias, ambos voltados a propostas didáticas centradas na poesia potiguar, sendo o caderno de poesias um recorte do site, por entender a dificuldade de alguns professores no acesso e manuseio dessas novas ferramentas. Para esta pesquisa, assumem-se como norte os pressupostos a respeito de literatura e poesia de CANDIDO (2013), HAMBURGER (2007), as orientações acerca do letramento literário de COSSON (2014), assim como os escritos de GURGEL (2001) e ONOFRE JR (2000) a respeito de literatura potiguar. Assim, a referida pesquisa parte da necessidade de impregnar nos professores a certeza de que é preciso dar voz e vez a poesia na sala de aula, assim como de conhecer a poesia produzida por artistas locais, com vistas a valorizar e disseminar suas obras para, enfim, possibilitar atividades significativas de construção, desconstrução e reconstrução de paradigmas no campo da literatura.

     

5
  • JAÉCIA BEZERRA DE BRITO
  • LITERATURA: O ESPAÇO DA CRIAÇÃO E TRANSFORMAÇÃO IDENTITÁRIA

  • Orientador : VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • FRANCISCA ZULEIDE DUARTE DE SOUZA
  • SEBASTIAO AUGUSTO RABELO
  • VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • Data: 14/07/2015

  • Mostrar Resumo
  • Esta pesquisa objetivou apontar caminhos para a mudança de conceito que os alunos, de uma turma de 9º ano do Ensino Fundamental da Escola Estadual Dr. José Gonçalves de Medeiros, na cidade de Acari-RN, têm de si mesmos, do seu meio cultural e de sua capacidade de produção poética. Ademais, faz referência às desigualdades sociais no Brasil, utilizando como eixo motivador a leitura da obra poética de Conceição Evaristo referente à memória, luta e valorização dos afrodescendentes. Os aportes teóricos sobre o sócio-interacionismo, a poesia, poesia na escola e sequência didática colaboram para afirmar que o aluno da escola pública em seu discurso revela influência do meio familiar, sociocultural, mas também do meio educacional, bem como os primeiros sinais de sentimento nacional: de uma maioria excluída. O seu fazer poético encontra raízes no meio sociocultural e geográfico, que inicialmente, denota revolta, porém, com o reconhecimento das contribuições das classes desfavorecidas para a construção do nosso país, o aluno apresenta outros temas, como o do mestiço, o da identificação com a África e o do orgulho por sua origem, memória e cultura. Dessa forma, se confirma as relações rizomáticas entre as duas realidades. A escolha da pesquisa interventiva, numa confluência com a pesquisa-ação e a pesquisa participante se deve ao fato de que a troca de experiência numa investigação científica é rica e significativa. Com a utilização de uma sequência didática, que tem como eixo o sentir poesia, o analisar textos e o fazer poesia, o aprendiz é conduzido para as janelas de percepção do universo contido nesse gênero literário, que é uma ferramenta comunicativa que oferece inúmeras probabilidades de expressão, de conhecimento do outro e reconhecimento de si.


  • Mostrar Abstract
  • Esta pesquisa objetivou apontar caminhos para a mudança de conceito que os alunos, de uma turma de 9º ano do Ensino Fundamental da Escola Estadual Dr. José Gonçalves de Medeiros, na cidade de Acari-RN, têm de si mesmos, do seu meio cultural e de sua capacidade de produção poética. Ademais, faz referência às desigualdades sociais no Brasil, utilizando como eixo motivador a leitura da obra poética de Conceição Evaristo referente à memória, luta e valorização dos afrodescendentes. Os aportes teóricos sobre o sócio-interacionismo, a poesia, poesia na escola e sequência didática colaboram para afirmar que o aluno da escola pública em seu discurso revela influência do meio familiar, sociocultural, mas também do meio educacional, bem como os primeiros sinais de sentimento nacional: de uma maioria excluída. O seu fazer poético encontra raízes no meio sociocultural e geográfico, que inicialmente, denota revolta, porém, com o reconhecimento das contribuições das classes desfavorecidas para a construção do nosso país, o aluno apresenta outros temas, como o do mestiço, o da identificação com a África e o do orgulho por sua origem, memória e cultura. Dessa forma, se confirma as relações rizomáticas entre as duas realidades. A escolha da pesquisa interventiva, numa confluência com a pesquisa-ação e a pesquisa participante se deve ao fato de que a troca de experiência numa investigação científica é rica e significativa. Com a utilização de uma sequência didática, que tem como eixo o sentir poesia, o analisar textos e o fazer poesia, o aprendiz é conduzido para as janelas de percepção do universo contido nesse gênero literário, que é uma ferramenta comunicativa que oferece inúmeras probabilidades de expressão, de conhecimento do outro e reconhecimento de si.

6
  • MARIA ANGELA LIMA ASSUNÇÃO
  • USO DIDÁTICO DO FACEBOOK:

    ESTRATÉGIAS DE LEITURA A PARTIR DO GÊNERO TEXTUAL POESIA

  • Orientador : JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • MARIA ASSUNCAO SILVA MEDEIROS
  • CRIGINA CIBELLE PEREIRA
  • Data: 20/07/2015

  • Mostrar Resumo
  • O baixo desempenho dos alunos do EF, nas atividades de leitura e escrita, suscitou a busca por ações que minimizassem esse problema, perceptível, principalmente, no ensino público. A falta de interesse pela leitura de textos poéticos verificada em alunos do 7º Ano, de uma escola pública do RN, nos levou a questionar os motivos dessa rejeição pela poesia. Assim, surgiu a ideia de organizar e desenvolver novas possibilidades de leitura mediada pelas TDIC, considerando a preferência dos adolescentes pelos ambientes virtuais. Para tanto, foi imprescindível observar como os estudantes utilizavam os recursos da Web a fim de planejar ações que visassem à melhoria da situação constatada. Apresentamos como justificativa a necessidade de reflexão sobre os problemas educacionais partindo da nossa realidade, a fim de estabelecermos procedimentos adequados para minimizá-los. Para esse fim, traçamos como objetivo geral realizar uma intervenção pedagógica nessa turma, propondo atividades significativas nas quais fossem utilizadas estratégias que envolvessem a rede social Facebook como suporte para veiculação de textos poéticos. O estudo ancora-se nas reflexões dos seguintes teóricos e pesquisadores que atuam nas áreas de conhecimentos necessários à construção da proposta: Bakhtin (2011), Bronckart, (1997), Marcuschi (2008), Kleiman (2013), Solé (1998), Geraldi (2006), Silveira (2004), Dolz; Noverraz; Schneuwly (2004), Oliveira (2010), Cosson (2007), Antunes (2009), Gabriel (2006), Moran (2008), Kenski (2007), Vygotsky (2003a), Perrenoud (1999) dentre outros. Apoiamo-nos, também, nas diretrizes dos documentos oficiais: PCN (1998), PDE (2008) e no PPP (2013) da EEAF. A metodologia seguiu orientações da pesquisa-ação, numa perspectiva de abordagem qualitativa. Os instrumentais de investigação incluíram questionários, entrevistas, observações e anotações de campo. Os resultados comprovaram a pertinência da SD, bem como o uso didático do Facebook para essa intervenção, propiciando a leitura da poesia e a interação entre os sujeitos da pesquisa. Desse modo, constatamos a necessidade de inclusão do uso pedagógico das TDIC às atividades educativas para melhor atender às expectativas da geração de “nativos digitais”, oferecendo-lhes um ensino de Língua Portuguesa significativo que se ajuste aos seus interesses.

     


  • Mostrar Abstract
  • Reading is an activity of great importance in the life of each human being, since this practice is main condition for the complete development of a person.  It is also an activity whose domain is essential to the practice of citizenship, because  it is the means by which the student has access to the knowledge that is part of the world around you. However, given the complexity involved in the learning reading process, teaching students to read is not an easy task. Often the students do not acquire the skills necessary to understand the texts, which makes difficult  any development of these, considering that is no reading if there is no understanding. According to this view, this study focuses on an educational intervention  whose aim is to contribute to the development of the students reading competence of students, in the 6th grade "U", in a Public School, in the city of São João do Sabugi - RN. The activities which compound  that intervention process were developed in Portuguese classroom through teaching sequences according to  reading strategies, based on the genres tales and news, since the students, subject this research, presented serious problems regarding to reading comprehension. Given the importance of the problem in question, this work is justified by the importance to resolve the aforementioned difficulty, given that it seeks the reading performance through genres, as a language social practice, through interactive activities whose aim is  reading and understanding, to construct the meaning of texts and to increase interest in reading. This intervention proposal falls within the scope of Applied Linguistics.  To perform it, we took as a basis some theories that focuses on language as sociointerative practice, such as the studies of Bakhtin (2006, 2011), Bronckart (2012) and some contributions to the teaching of reading activity, including: Solé (1998), Oliveira (2010), Leffa (1996, 1999), Silveira (2005) and others. The discussions about genres followed the studies of Bakhtin (2011), Marcuschi (2008), as well as other theoretical; the didactic sequences were constructed from Bronckart (2012), Dolz; Noverraz; Schneuwly (2013) and, regarding to teaching of Portuguese language, we adopted the guidelines of PCN / LP (1998), as well as Antunes (2003, 2009) and other authors. The results showed that students of the 6th year increased their ability to understand the texts read through the didactic and pedagogical actions, thereby acquiring the reading competence they needed to continue learning.

7
  • MARIA DAS VITÓRIAS DOS SANTOS MEDEIROS



  • A MULTIMODALIDADE NO ENSINO FUNDAMENTAL: UMA ANÁLISE DAS PRÁTICAS SOCIAS DE LEITURA NA CONTEMPORANEIDADE

  • Orientador : MARIA ASSUNCAO SILVA MEDEIROS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CRIGINA CIBELLE PEREIRA
  • MARIA ASSUNCAO SILVA MEDEIROS
  • MARISE ADRIANA MAMEDE GALVÃO
  • Data: 21/07/2015

  • Mostrar Resumo
  • A crescente presença da imagem nos textos vem despertando o interesse pelos estudos multimodais, haja vista que tem se constituído como um dos fatores que dificultam a leitura e a compreensão pelos alunos. Assim, nesse trabalho procuramos discutir algumas questões relacionadas ao estudo do texto multimodal no contexto da sala de aula do ensino fundamental, especificamente anúncio e propaganda. Para tanto, realizamos uma pesquisa-ação com uma turma do 8º ano para identificarmos qual a frequência dessa modalidade textual em seu dia a dia e qual a influência das imagens e das cores na construção de sentidos no texto. Essa sondagem mostrou-nos que a maioria dos alunos visualizavam frequentemente textos que são compostos pela linguagem verbal e visual. Com as informações levantadas e, considerando a importância do letramento verbo-visual, levantamos discussões a respeito do tema e apresentamos uma sequência didática que teve como objetivo contribuir para a formação de um leitor crítico, o qual analisa não apenas o código verbal, mas é capaz de identificar os sentidos presentes nos mais diferentes códigos semióticos. Para isso, usamos como aportes teóricos BAKTHIN (1992), OLIVEIRA (2001), KRESS (1988), HODGE E KRESS (1988) KRESS e VAN LEEUWEN (2001), entre outros. Essa pesquisa, portanto, pretende contribuir para a leitura e compreensão de textos multimodais na escola, procurando evitar uma prática pautada apenas na interpretação do código verbal. Desse modo buscamos ampliar um pouco mais a visão sobre a leitura e a produção desses gêneros usados ainda timidamente no ambiente escolar, refletindo sobre a importância da competência leitora tanto nos signos linguísticos verbais quanto nos diversos códigos semióticos.

     


  • Mostrar Abstract
  • A crescente presença da imagem nos textos vem despertando o interesse pelos estudos multimodais, haja vista que tem se constituído como um dos fatores que dificultam a leitura e a compreensão pelos alunos. Assim, nesse trabalho procuramos discutir algumas questões relacionadas ao estudo do texto multimodal no contexto da sala de aula do ensino fundamental, especificamente anúncio e propaganda. Para tanto, realizamos uma pesquisa-ação com uma turma do 8º ano para identificarmos qual a frequência dessa modalidade textual em seu dia a dia e qual a influência das imagens e das cores na construção de sentidos no texto. Essa sondagem mostrou-nos que a maioria dos alunos visualizavam frequentemente textos que são compostos pela linguagem verbal e visual. Com as informações levantadas e, considerando a importância do letramento verbo-visual, levantamos discussões a respeito do tema e apresentamos uma sequência didática que teve como objetivo contribuir para a formação de um leitor crítico, o qual analisa não apenas o código verbal, mas é capaz de identificar os sentidos presentes nos mais diferentes códigos semióticos. Para isso, usamos como aportes teóricos BAKTHIN (1992), OLIVEIRA (2001), KRESS (1988), HODGE E KRESS (1988) KRESS e VAN LEEUWEN (2001), entre outros. Essa pesquisa, portanto, pretende contribuir para a leitura e compreensão de textos multimodais na escola, procurando evitar uma prática pautada apenas na interpretação do código verbal. Desse modo buscamos ampliar um pouco mais a visão sobre a leitura e a produção desses gêneros usados ainda timidamente no ambiente escolar, refletindo sobre a importância da competência leitora tanto nos signos linguísticos verbais quanto nos diversos códigos semióticos.

     

8
  • JÁRIA SUÉLDES ALVES DE LIMA
  • PROJETO DE LETRAMENTO: IMPLICAÇÕES NA AUTONOMIA DA PRODUÇÃO ESCRITA DOS DISCENTES NO ENSINO FUNDAMENTAL II

     

  • Orientador : ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • MARISE ADRIANA MAMEDE GALVÃO
  • SILVANO PEREIRA DE ARAÚJO
  • Data: 28/07/2015

  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho tem como objeto de estudo os Projetos de Letramento que se caracterizam por enfatizar a prática social da leitura e da escrita; por conceber o conhecimento como algo dialeticamente (re)construído, (re)contextualizado e ser impulsionado pela necessidade real do educando, na perspectiva de promover a ressignificação do ensino e o redimensionamento do papel do professor, do aluno e da escola no contexto social e no processo ensino/aprendizagem. Nesse sentido, objetiva-se analisar as implicações do desenvolvimento de Projeto de Letramento em aulas de Língua Portuguesa no que diz respeito ao aperfeiçoamento da competência comunicativa do aluno do 9º ano do ensino fundamental. Teoricamente, a investigação proposta fundamenta-se nos pressupostos apresentados pelos Estudos de Letramento, mais precisamente no que se refere aos Projetos de Letramento (OLIVEIRA, 2008; TINOCO, 2008, SANTOS, 2012, OLIVEIRA; TINOCO; SANTOS, 2011), na Teoria dos Gêneros do discurso (BAKHTIN, [1992] 2011) bem como na perspectiva de escrita como prática processual e colaborativa (PASSARELLI 2004; SOARES 2009). Em termos metodológicos, segue abordagem de dados qualitativos (BODGAN; BIKLEN, 1982), configurando-se, mais precisamente, como pesquisa-ação, cuja finalidade consiste no diagnóstico e transformação da realidade que afeta os sujeitos envolvidos (CHIZZOTTI, 2013; MOREIRA; CALEFFE, 2006). Sua realização compreende uma sequência de procedimentos que inclui, dentre outros: definição do problema, execução e avaliação da ação. O corpus de análise é constituído de material gerado no decorrer da sequência proposta, mais especificamente na aplicação de técnicas como: entrevistas e rodas de conversa, questionários, registros de imagem e vídeo bem como notas de campo. As discussões indicam que o trabalho de sala de aula com Projeto de Letramento implica na abordagem mais significativa de questões sociais contemporâneas, na maior circulação e produção de diversos gêneros do discurso e, consequentemente, na participação mais efetiva dos alunos em atividades de leitura e de escrita, o que favorece o aprimoramento de seu desempenho em termos de demandas comunicativas, sejam elas orais e escritas.

     

     


  • Mostrar Abstract
  • Este trabalho tem como objeto de estudo os Projetos de Letramento que se caracterizam por enfatizar a prática social da leitura e da escrita; por conceber o conhecimento como algo dialeticamente (re)construído, (re)contextualizado e ser impulsionado pela necessidade real do educando, na perspectiva de promover a ressignificação do ensino e o redimensionamento do papel do professor, do aluno e da escola no contexto social e no processo ensino/aprendizagem. Nesse sentido, objetiva-se analisar as implicações do desenvolvimento de Projeto de Letramento em aulas de Língua Portuguesa no que diz respeito ao aperfeiçoamento da competência comunicativa do aluno do 9º ano do ensino fundamental. Teoricamente, a investigação proposta fundamenta-se nos pressupostos apresentados pelos Estudos de Letramento, mais precisamente no que se refere aos Projetos de Letramento (OLIVEIRA, 2008; TINOCO, 2008, SANTOS, 2012, OLIVEIRA; TINOCO; SANTOS, 2011), na Teoria dos Gêneros do discurso (BAKHTIN, [1992] 2011) bem como na perspectiva de escrita como prática processual e colaborativa (PASSARELLI 2004; SOARES 2009). Em termos metodológicos, segue abordagem de dados qualitativos (BODGAN; BIKLEN, 1982), configurando-se, mais precisamente, como pesquisa-ação, cuja finalidade consiste no diagnóstico e transformação da realidade que afeta os sujeitos envolvidos (CHIZZOTTI, 2013; MOREIRA; CALEFFE, 2006). Sua realização compreende uma sequência de procedimentos que inclui, dentre outros: definição do problema, execução e avaliação da ação. O corpus de análise é constituído de material gerado no decorrer da sequência proposta, mais especificamente na aplicação de técnicas como: entrevistas e rodas de conversa, questionários, registros de imagem e vídeo bem como notas de campo. As discussões indicam que o trabalho de sala de aula com Projeto de Letramento implica na abordagem mais significativa de questões sociais contemporâneas, na maior circulação e produção de diversos gêneros do discurso e, consequentemente, na participação mais efetiva dos alunos em atividades de leitura e de escrita, o que favorece o aprimoramento de seu desempenho em termos de demandas comunicativas, sejam elas orais e escritas.

     

     

9
  • CLEGIANE SANTOS BEZERRA DANTAS
  • MINICONTOS: UMA PRÁTICA DE LETRAMENTO EMERGENTE NA ESCOLA

  • Orientador : ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • RISOLEIDE ROSA FREIRE DE OLIVEIRA
  • VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • Data: 28/07/2015

  • Mostrar Resumo
  • Como outros inúmeros gêneros da minificção, o miniconto se configura como um gênero conciso e breve, mas que ainda consegue preservar alguns elementos do conto tradicional, tais como: narrador, unidade espaço-temporal, personagens e trama. Para alguns autores, o surgimento desse gênero está estritamente ligado à rapidez e diversidade das formas de comunicação no atual contexto social, que exigem do leitor outras habilidades além da leitura e escrita convencionais. Considerando a importância dessas habilidades numa sociedade letrada e reconhecendo esse gênero como ferramenta potencialmente eficiente para o desenvolvimento do letramento, esta pesquisa tem como objetivo descrever o desenvolvimento e implicações de sequência didática direcionada a práticas de letramento com o gênero miniconto. Nesse sentido, a pesquisa se efetiva em uma turma de 9º ano vespertino do Ensino Fundamental da Escola Estadual Dr. José Gonçalves de Medeiros, na cidade de Acari – RN. Como pressupostos teóricos serão utilizados fundamentos dos Estudos do Letramento como prática social, especialmente os escritos de Kleiman (1995), Hamilton (2000), Soares (2012), Mortatti (2004) e Rojo (2012). Para subsidiar o letramento literário, são adotados os aportes teóricos de Borges (2000), Candido (2004), Pinheiro (2001) e Silva & Silveira (2013). No que diz respeito ao estudo da contística, tomamos por base os postulados de Gotlib (2006), Bosi (1997), Cortázar (1999), Teles (2002), Poe (s/d), Luzia de Maria (2004), assim como os estudos dos pesquisadores e escritores Spalding (2007; 2008; 2011), Gonzaga (2007), Freire (2004) e Trevisan (1994), dentre outros que se dedicam ao estudo do miniconto. No campo metodológico, a perspectiva proposta ancora-se nas orientações da pesquisa-ação (MOREIRA; CALEFFE, 2006) e na abordagem de dados de natureza qualitativa (BOGDAN; BIKLEN, 1994), uma vez que trata de interpretação de situação diagnosticada, implementação de ações de intervenção organizadas em sequência didática (SCHNEUWLY; DOLZ, 2004; BARROS; RIOS-REGISTRO, 2014),inclusive de descrição e avaliação de resultados obtidos a partir da realização das referidas ações. As discussões geradas indicam que trabalho com os minicontos, desenvolvido por meio de sequências didáticas, contribui para a reflexão sobre estratégias de ensino de Língua Portuguesa, efetivadas com vistas a preparar o alunado para atender às exigências de leitura e de escrita da sociedade contemporânea, cuja dinâmica requer dos indivíduos maior objetividade e concisão nas interações.

     


  • Mostrar Abstract
  • Como outros inúmeros gêneros da minificção, o miniconto se configura como um gênero conciso e breve, mas que ainda consegue preservar alguns elementos do conto tradicional, tais como: narrador, unidade espaço-temporal, personagens e trama. Para alguns autores, o surgimento desse gênero está estritamente ligado à rapidez e diversidade das formas de comunicação no atual contexto social, que exigem do leitor outras habilidades além da leitura e escrita convencionais. Considerando a importância dessas habilidades numa sociedade letrada e reconhecendo esse gênero como ferramenta potencialmente eficiente para o desenvolvimento do letramento, esta pesquisa tem como objetivo descrever o desenvolvimento e implicações de sequência didática direcionada a práticas de letramento com o gênero miniconto. Nesse sentido, a pesquisa se efetiva em uma turma de 9º ano vespertino do Ensino Fundamental da Escola Estadual Dr. José Gonçalves de Medeiros, na cidade de Acari – RN. Como pressupostos teóricos serão utilizados fundamentos dos Estudos do Letramento como prática social, especialmente os escritos de Kleiman (1995), Hamilton (2000), Soares (2012), Mortatti (2004) e Rojo (2012). Para subsidiar o letramento literário, são adotados os aportes teóricos de Borges (2000), Candido (2004), Pinheiro (2001) e Silva & Silveira (2013). No que diz respeito ao estudo da contística, tomamos por base os postulados de Gotlib (2006), Bosi (1997), Cortázar (1999), Teles (2002), Poe (s/d), Luzia de Maria (2004), assim como os estudos dos pesquisadores e escritores Spalding (2007; 2008; 2011), Gonzaga (2007), Freire (2004) e Trevisan (1994), dentre outros que se dedicam ao estudo do miniconto. No campo metodológico, a perspectiva proposta ancora-se nas orientações da pesquisa-ação (MOREIRA; CALEFFE, 2006) e na abordagem de dados de natureza qualitativa (BOGDAN; BIKLEN, 1994), uma vez que trata de interpretação de situação diagnosticada, implementação de ações de intervenção organizadas em sequência didática (SCHNEUWLY; DOLZ, 2004; BARROS; RIOS-REGISTRO, 2014),inclusive de descrição e avaliação de resultados obtidos a partir da realização das referidas ações. As discussões geradas indicam que trabalho com os minicontos, desenvolvido por meio de sequências didáticas, contribui para a reflexão sobre estratégias de ensino de Língua Portuguesa, efetivadas com vistas a preparar o alunado para atender às exigências de leitura e de escrita da sociedade contemporânea, cuja dinâmica requer dos indivíduos maior objetividade e concisão nas interações.

     

10
  • FRANCISCA FABIANA DA SILVA
  • A ORALIDADE NO ENSINO DE LÍNGUA PORTUGUESA EM LIVROS DIDÁTICOS PARA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS (EJA):REFLEXÕES E PROPOSIÇÕES

  • Orientador : MARISE ADRIANA MAMEDE GALVÃO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARISE ADRIANA MAMEDE GALVÃO
  • JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • MARIA ELIETE DE QUEIROZ
  • Data: 07/08/2015

  • Mostrar Resumo
  • O presente trabalho configura-se como uma reflexão acerca da modalidade oral da língua no ensino de Língua Portuguesa, a partir de livros didáticos propostos para o ensino fundamental. Tem-se como objetivo geral analisar os livros didáticos destinados à Educação de Jovens e Adultos – EJA (6º e do 7º ano), da coleção “É tempo de aprender”, especificamente no que se refere às atividades pedagógicas com foco na oralidade propostas nas unidades constitutivas. Trata-se de um trabalho de reflexão com vistas à apresentação de sugestões resultantes da  discussão realizada, haja vista a constatação de que a modalidade escrita tem sido apontada por alguns estudiosos, entre estes Marcuschi (2005), como a mais privilegiada em sala de aula e na maioria dos manuais que orientam o ensino de Língua Portuguesa. Neste trabalho, parte-se de uma visão mais ampla dos princípios da pedagogia dialógica do educador Paulo Freire, na direção de práticas pedagógicas que favorecem o desenvolvimento de competências linguístico-discursivas do aluno. Nesse sentido, ressalta-se a formação de um sujeito crítico, que saiba argumentar e defender pontos de vista, usando a língua oral ou escrita, nas diversas situações sociais. Nessa direção, neste trabalho estabeleceram-se como objetivos identificar, descrever e interpretar as atividades propostas com a modalidade oral da Língua Portuguesa, a partir de bases teóricas interacionais subsidiadas em autores como Marcuschi (2005, 2010), Fávero, Andrade e Aquino (1999), Schneuwly e Dolz (2004), Antunes (2009), entre outros. Além disso, objetivou-se sugerir outras atividades pedagógicas, como forma de ampliação das já existentes, a fim de que contemplassem de forma mais eficiente, aspectos da oralidade já propostos e aspectos de gêneros orais formais. Metodologicamente, trata-se de uma pesquisa qualitativa, na qual, a partir de materiais didáticos utilizados em sala de aula, fez-se uma reflexão sobre a oralidade e sobre a oralidade no ensino da Língua Portuguesa e propôs-se uma ampliação de atividades com uma a modalidade oral. Nessa reflexão, os resultados de análises revelaram que as obras investigadas, usadas nas aulas de Língua Portuguesa na EJA contemplam em suas propostas a oralidade como objeto e eixo de ensino. No entanto, constatamos a necessidade de ampliar as propostas de trabalho atividades já existentes, a fim de dar uma maior ênfase a aspectos relevantes da oralidade já priorizados, além de  direcionar para que contemplem os gêneros públicos formais. Ao buscar-se a apresentação de sugestões e encaminhamentos pedagógicos que se integrem aos já existentes, postulou-se o desenvolvimento mais efetivo de habilidades orais dos alunos da EJA numa perspectiva Freiriana, como também pensou-se em uma forma de fornecer subsídios que possam nortear docentes da área de Língua Portuguesa no nível fundamental de ensino.


  • Mostrar Abstract
  • This work appears as a reflection on the oral modality of the language in the teaching of Portuguese Language from textbooks proposed for the elementary school. It has as main aim to analyze the textbooks for the Youth and Adult Education - EJA (6th and 7th grade), the collection "It is time to learn", specifically in regard to educational activities focusing on oral proposals in their constituent units. It is a process of reflection with a view to submitting suggestions arising from the discussions held, given the fact that the writing mode has been identified by some scholars, between these Marcuschi (2005), as the most privileged in the classroom and in most manuals that guide the teaching of Portuguese Language. In this work, we start from a broader vision from the principles of dialogic pedagogy by Paulo Freire perspectives towards pedagogical practices that favor the development of linguistic and discursive student skills. In this sense, we emphasize the formation of a critical subject, who can argue and defend points of view, using oral or written language, in various social situations. In this view, this paper set up aims to identify, describe and interpret the activities proposed to the oral modality of Portuguese Language, from interactional theoretical bases, based on authors as Marcuschi (2005, 2010), Fávero, Andrade and Aquino (1999) Schneuwly and Dolz (2004), Antunes (2009), among others. In addition, the objective was to suggest other educational activities, as a way of expanding the existing ones, in order that addressed more efficiently, to aspects of orality been proposed and aspects of formal oral genres. Methodologically, it is a qualitative research, in which, from the teaching materials used in the classroom, there was a reflection on the orality and the oral teaching of the Portuguese language and has been proposed an expansion of activities one oral mode. In this reflection, analysis of the results revealed that the books investigated, used in Portuguese classes in EJA, include in their proposals orality as an object and teaching axis. However, we appoint the need to expand the teaching proposals with the existing activities in order to give greater emphasis to important aspects of orality already prioritized, and also to address to the formal public genres. In seeking to make suggestions and educational proposals that integrate with existing, we postulated the most effective development for oral skills for the EJA student, in Freire's perspective, as also we thought in a way to provide subsidies which could guide teachers of the Portuguese Language area at the fundamental level of education.

11
  • FERNANDO RODRIGUES DA SILVA
  • A ESCRITA NO ENSINO FUNDAMENTAL II: A PRESENÇA DE DESVIOS GRAMATICAIS E VARIAÇÃO LINGUÍSTICA NA PRODUÇÃO DE GÊNEROS DISCURSIVOS DIFERENCIADOS


  • Orientador : MARIA ASSUNCAO SILVA MEDEIROS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • MARIA ASSUNCAO SILVA MEDEIROS
  • MARIA DO SOCORRO MAIA FERNANDES BARBOSA
  • Data: 07/08/2015

  • Mostrar Resumo
  • O ensino de Língua Portuguesa, no Brasil, ainda necessita de grandes avanços quanto ao desenvolvimento de estratégias que possibilitem um bom desempenho dos alunos do ensino fundamental na leitura e na escrita. Pensando nisso, este trabalho surgiu na tentativa de ampliar os estudos sobre os desvios motivados pela variação linguística dos alunos ou por desconhecimento das normas gramaticais que tanto incidem em suas produções escrita. O objetivo é avaliar a presença destes desvios nos gêneros textuais produzidos por alunos do 6º ano da Escola Municipal Manoel Catarino Filho. Visa, ainda, aprimorar a capacidade linguístico-discursiva dos alunos nos mais diversos ambientes de circulação de determinados gêneros discursivos e, consequentemente, à formação de leitores e escritores atuantes. A fim de melhor compreender como se dá este processo, o texto parte da concepção sociodiscursiva de gênero, tendo como embasamento teórico os estudos de Bakhtin (1992) e Marcuschi (2002) acerca deste, bem como a concepção retórica de Aristóteles e Platão. A pesquisa ainda se apoia no que diz os PCN, com relação ao ensino de Língua Portuguesa, nos trabalhos de Callou (2007), Neves (2003), Faraco (2002), Franchi (2006) e Cagliari (2005) sobre o ensino de gramática, variação linguística e também sobre os estudos da sociolinguística.  Acerca da fonética e fonologia, buscamos as pesquisas de Oliveira (1990), Seara (2009) e Hora (2009). Para compor o corpus da pesquisa e como forma de estimular a prática de escrita dos alunos e a reflexão crítica sobre a língua, propomos atividades de produção textual de gêneros discursivos diferenciados para analisarmos os desvios apresentados. Este trabalho verificou que houve uma taxa de ocorrência de desvios motivados pela variação maior do que os desvios motivados pelo desconhecimento da norma gramatical. A conclusão a que chegamos comprovou que a oralidade apresenta uma grande influência sobre a produção escrita dos alunos, a qual foi bastante refletida nestas. Por fim, propomos algumas atividades que visam minimizar a ocorrência dos referidos desvios nas produções escritas dos alunos.

     


  • Mostrar Abstract
  • O ensino de Língua Portuguesa, no Brasil, ainda necessita de grandes avanços quanto ao desenvolvimento de estratégias que possibilitem um bom desempenho dos alunos do ensino fundamental na leitura e na escrita. Pensando nisso, este trabalho surgiu na tentativa de ampliar os estudos sobre os desvios motivados pela variação linguística dos alunos ou por desconhecimento das normas gramaticais que tanto incidem em suas produções escrita. O objetivo é avaliar a presença destes desvios nos gêneros textuais produzidos por alunos do 6º ano da Escola Municipal Manoel Catarino Filho. Visa, ainda, aprimorar a capacidade linguístico-discursiva dos alunos nos mais diversos ambientes de circulação de determinados gêneros discursivos e, consequentemente, à formação de leitores e escritores atuantes. A fim de melhor compreender como se dá este processo, o texto parte da concepção sociodiscursiva de gênero, tendo como embasamento teórico os estudos de Bakhtin (1992) e Marcuschi (2002) acerca deste, bem como a concepção retórica de Aristóteles e Platão. A pesquisa ainda se apoia no que diz os PCN, com relação ao ensino de Língua Portuguesa, nos trabalhos de Callou (2007), Neves (2003), Faraco (2002), Franchi (2006) e Cagliari (2005) sobre o ensino de gramática, variação linguística e também sobre os estudos da sociolinguística.  Acerca da fonética e fonologia, buscamos as pesquisas de Oliveira (1990), Seara (2009) e Hora (2009). Para compor o corpus da pesquisa e como forma de estimular a prática de escrita dos alunos e a reflexão crítica sobre a língua, propomos atividades de produção textual de gêneros discursivos diferenciados para analisarmos os desvios apresentados. Este trabalho verificou que houve uma taxa de ocorrência de desvios motivados pela variação maior do que os desvios motivados pelo desconhecimento da norma gramatical. A conclusão a que chegamos comprovou que a oralidade apresenta uma grande influência sobre a produção escrita dos alunos, a qual foi bastante refletida nestas. Por fim, propomos algumas atividades que visam minimizar a ocorrência dos referidos desvios nas produções escritas dos alunos.

     

12
  • MÁRCIA NADJA OLIVEIRA DE MEDEIROS GALVÃO
  •  

     

    A LEITURA E A PRODUÇÃO TEXTUAL NO ENSINO FUNDAMENTAL I: UMA PROPOSTA DE COMO TRABALHAR COM OS GÊNEROS TEXTUAIS


  • Orientador : MARIA ASSUNCAO SILVA MEDEIROS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARIA ASSUNCAO SILVA MEDEIROS
  • ALEXANDRO TEIXEIRA GOMES
  • CRIGINA CIBELLE PEREIRA
  • Data: 14/08/2015

  • Mostrar Resumo
  • A prática com os gêneros textuais, no ensino fundamental, amplia a utilização da leitura e da escrita e melhora a qualidade da aprendizagem. Assim, por ser a escola uma das esferas mais atuantes nas práticas sociais da linguagem, é que justificamos a utilização dos gêneros como facilitadores para o ensino e aprendizagem da língua materna. Dessa forma, esse estudo é relevante porque não observamos na literatura atual, estratégias consistentes que venham melhorar a escrita de alunos do ensino fundamental. A partir disso, temos como objetivo principal discorrer sobre o trabalho com gêneros textuais a partir do desenvolvimento de sequências didáticas. Desse modo, ao analisar as formas estruturais, linguísticas e sócio discursivas dos gêneros estamos refletindo sobre a adequação dos elementos da língua, a situação de produção que determina a funcionalidade de um gênero específico e a sua utilização como prática social da linguagem. Nessa pesquisa discutimos algumas questões relacionadas ao ensino com gêneros textuais diversificados, no contexto escolar de turmas do ensino fundamental I, do 5º ano, especificamente a carta, o bilhete, a música, a poesia, a fábula e o conto. Para tanto, os referidos gêneros foram escolhidos por fazerem parte da grade curricular e estarem presentes no livro didático. Com as informações reunidas e considerando a importância da leitura e da produção textual a partir de gêneros conhecidos, foram organizadas sequências didáticas pautadas na prática escrita desses textos. Como o estudo se refere à uma pesquisa qualitativa, optamos por uma perspectiva sócio discursiva ancorada nas teorias de Bakhtin (2011) e Carolyn Miller (1994), sobre os gêneros na interação social; Bronckart (1999/2004) que evidencia o interacionismo; Marcuschi (2005) e Dolz e Schneuwly (2004) que aprovam uma proposta de ensino-aprendizagem centrada em gêneros textuais, atribuindo à linguagem uma significação na construção do conhecimento. Nesse sentido, conclui-se que é necessário contemplar nas atividades de ensino a diversidade de textos e gêneros e, não apenas em função de sua relevância social, por isso o discente deve ser capaz de utilizar a língua de modo variado e adequar seus textos a diversas situações de interlocução oral e escrita. Para isso, verificamos que houve um avanço significativo quanto à produção textual dos alunos, visto que os resultados foram além do que esperávamos. Isso porque o produto resultante das atividades realizadas se constituiu na publicação de três livros distintos com os textos dos próprios discentes, os quais acompanham essa dissertação.

     



  • Mostrar Abstract
  • A prática com os gêneros textuais, no ensino fundamental, amplia a utilização da leitura e da escrita e melhora a qualidade da aprendizagem. Assim, por ser a escola uma das esferas mais atuantes nas práticas sociais da linguagem, é que justificamos a utilização dos gêneros como facilitadores para o ensino e aprendizagem da língua materna. Dessa forma, esse estudo é relevante porque não observamos na literatura atual, estratégias consistentes que venham melhorar a escrita de alunos do ensino fundamental. A partir disso, temos como objetivo principal discorrer sobre o trabalho com gêneros textuais a partir do desenvolvimento de sequências didáticas. Desse modo, ao analisar as formas estruturais, linguísticas e sócio discursivas dos gêneros estamos refletindo sobre a adequação dos elementos da língua, a situação de produção que determina a funcionalidade de um gênero específico e a sua utilização como prática social da linguagem. Nessa pesquisa discutimos algumas questões relacionadas ao ensino com gêneros textuais diversificados, no contexto escolar de turmas do ensino fundamental I, do 5º ano, especificamente a carta, o bilhete, a música, a poesia, a fábula e o conto. Para tanto, os referidos gêneros foram escolhidos por fazerem parte da grade curricular e estarem presentes no livro didático. Com as informações reunidas e considerando a importância da leitura e da produção textual a partir de gêneros conhecidos, foram organizadas sequências didáticas pautadas na prática escrita desses textos. Como o estudo se refere à uma pesquisa qualitativa, optamos por uma perspectiva sócio discursiva ancorada nas teorias de Bakhtin (2011) e Carolyn Miller (1994), sobre os gêneros na interação social; Bronckart (1999/2004) que evidencia o interacionismo; Marcuschi (2005) e Dolz e Schneuwly (2004) que aprovam uma proposta de ensino-aprendizagem centrada em gêneros textuais, atribuindo à linguagem uma significação na construção do conhecimento. Nesse sentido, conclui-se que é necessário contemplar nas atividades de ensino a diversidade de textos e gêneros e, não apenas em função de sua relevância social, por isso o discente deve ser capaz de utilizar a língua de modo variado e adequar seus textos a diversas situações de interlocução oral e escrita. Para isso, verificamos que houve um avanço significativo quanto à produção textual dos alunos, visto que os resultados foram além do que esperávamos. Isso porque o produto resultante das atividades realizadas se constituiu na publicação de três livros distintos com os textos dos próprios discentes, os quais acompanham essa dissertação.

     


13
  • ROSEANE IDALINA DA SILVA RANGEL
  •  

     

     

     

    LEITURA E PRÁTICA DOCENTE: EVENTO DE LETRAMENTO EM SALA DE AULA COM CARTAS PESSOAIS

     

  • Orientador : SEBASTIAO AUGUSTO RABELO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • SEBASTIAO AUGUSTO RABELO
  • MARIO LOURENCO DE MEDEIROS
  • MANOEL FREIRE RODRIGUES
  • Data: 27/08/2015

  • Mostrar Resumo
  •  

    O presente trabalho propõe caminhos que através da pesquisa–ação viabilize alternativas de atividades pedagógicas que oportunizem ao aluno construir sua aprendizagem e que a leitura possa ser uma ação da prática docente, capaz de desenvolver competências na ampliação da capacidade leitora. O estudo propõe também o favorecimento e domínio da escrita, promovendo, o letramento como um evento que incorpora a formação do leitor, o prazer de ler e a construção compartilhada de interpretação. A relação leitura e a escrita, neste contexto torna-se significativa e eficaz à vida e ao cotidiano. Evidencia-se o letramento social na construção dos saberes como também no resgate dos valores como: solidariedade, amor ao próximo e gestos de cidadania, neste caso a comunicação escrita (carta pessoal). O letramento neste contexto ultrapassa o ambiente escolar para cumprir o papel social. Para tanto, diante dos postulados teóricos que nos oferecem suporte nesta tarefa destacam-se Marcuschi (2001, 2005) Regina Zilberman (2003) Marisa Lajolo (1985) Kleiman (2000) Roxane Rojo (2004), Rildo Cosson, (2006) Emerson de Piretri (2007) Paulo Freire e Donald Macedo (2013), entre outros. Esta pesquisa situa-se em uma perspectiva interacionista de intervenção na qual será adotada a interação concretizada na leitura e práticas docente. A leitura, a escrita e o letramento com ênfase nas questões sociais podem ser observadas no contexto escolar como também fora do mesmo. Salientamos a integração de novas práticas de letramento as já realizadas dinamizando o cotidiano das aulas de Língua Portuguesa do 6º e 9º ano.


  • Mostrar Abstract
  • This paper proposes paths through action research makes possible pedagogical activities alternatives that allow the students build their learning and that reading can be an action of teaching practice able to develop literary skills in the expansion of reading capacity. The study also proposes favoring and mastery of writing thus promoting literary literacy in a move that incorporates the formation of the reader, the pleasure of reading and the shared construction of interpretation. Reading and writing relationship in this context becomes meaningful and effective life and the everyday. Is evident in the social literacy in the construction of knowledge as well as the rescue of values; solidarity, love of neighbor and solidarity gestures, in this case the written communication (Personal Letter). The literary literacy shares up in fiction and reality and beyond the school environment to fulfill the social role. Therefore, on the theoretical postulates that offer us support in this task stand out Marcushi (2001, 2005), Regina Zilberman (2003), Marisa Lajolo (1985), Kleiman (2000), Roxane Rojo (2004), Rildo Cosson (2006), Emerson de Piretri (2007), Paulo Freire and Donald Macedo (2013), among others. This research is situated in an interactionist perspective of research where interaction achieved in reading and teaching practices where literature and literary literacy with social emphasis which can be observed in the school context but also outside of it will be adopted. Taking the integration of new literacy practices already written and streamlining the daily lives of Portuguese classes of 6th to 9th grade.

14
  • ANTONIA MARIA DE FREITAS OLIVEIRA
  • SABER ... E SABER FAZER: IMPLICAÇÕES TEÓRICAS E PRÁTICAS NO TRATAMENTO DA MODALIDADE ORAL NO ENSINO DE LÍNGUA PORTUGUESA

  • Orientador : MARISE ADRIANA MAMEDE GALVÃO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • MARISE ADRIANA MAMEDE GALVÃO
  • MARIA ASSUNCAO SILVA MEDEIROS
  • MARIA ELIETE DE QUEIROZ
  • Data: 27/08/2015

  • Mostrar Resumo
  • O processo de ensino e aprendizagem de Língua Portuguesa (LP), antes centrado apenas nas atividades de metalinguagem, passou por grandes modificações.  Nessa renovação, a ampliação da competência discursiva do aluno, tendo em vista as práticas sociais de linguagem que se estabelecem dentro e fora dos muros escolares, passou a ser o ponto de convergência do ensino dessa disciplina. Nesta perspectiva, a oralidade, que até então era utilizada apenas como um instrumento que permitia a interação entre os sujeitos em sala de aula e o tratamento dos diversos conteúdos, passou a ser também privilegiada, propiciando aos alunos tanto desenvolverem práticas sociais nessa modalidade como compreenderem aspectos inerentes a cada uma delas. Porém, há indícios de que essas mudanças, especialmente as que se voltam para a inserção da oralidade no ensino de LP, ainda não conseguiram se estabelecer no cotidiano das práticas docentes. Nesse sentido, neste trabalho procuramos investigar se as atividades que os alunos realizam em sala de aula de LP do Ensino Fundamental II focalizam aspectos referentes à modalidade oral na busca de favorecer o desenvolvimento da competência discursiva oral desses alunos, conforme sugerem as novas teorias e propostas curriculares vigentes. Para tanto, valemo-nos dos métodos da pesquisa qualitativa, adotando uma abordagem etnográfica e o estudo de caso. Nessa direção, utilizamo-nos da observação in loco e de registros em diários de campo, em aulas de LP em uma sala de 6º ano do Ensino Fundamental. Os referenciais que orientaram este estudo foram, principalmente, as investigações de Marcuschi (1991, 2001 e 2008); Kerbrat-Orecchioni (2006); Fávero, Andrade e Aquino (2012); Costa-Maciel (2013); Antunes (2005 e 2010); Dolz e Schneuwly (2004); Leal, Brandão e Lima (2012); Leal e Seal (2012), além das orientações contidas nos PCN de LP do 6º ao 9º ano (Brasil, 1998), entre outros. Nos resultados, verificamos que as atividades realizadas em aulas de LP dão conta, somente, de alguns aspectos relacionados à oralidade e que são explorados em apenas duas dimensões: a oralização da escrita e a variação linguística e a relação fala e escrita; enquanto isso, a produção e compreensão de gêneros orais e a valorização de textos de tradição oral, por exemplo, não são contempladas. Nesse sentido, para que seja proporcionado o desenvolvimento das habilidades orais nos alunos é fundamental um planejamento sistemático das atividades didáticas que as coloquem como foco e, além disso, uma intervenção pedagógica que seja favorável a esse propósito. Assim, considerando algumas dificuldades que possam existir por docentes na didatização da oralidade, haja vista tratar-se de um objeto de ensino que carece ser melhor conhecido, como também pela falta de orientações práticas de como abordá-la em sala de aula, apresentamos algumas sugestões de atividades cujo propósito é complementar aquelas que cotidianamente são realizadas nas aulas de LP.


  • Mostrar Abstract
  •  

    The process of teaching and learning Portuguese (LP) before focused only on the meta-language activities, has undergone changes. In this renewal, the expansion of the discursive competence of the student, considering the social practices of language that are established within and outside the school walls, became the focal point of the teaching of this discipline. In this perspective, orality, which until then was only used as a tool that allowed the interaction between subjects in the classroom and treatment of various contents, has also become privileged, giving students both develop social practices this modality as understand aspects inherent in each of them. However, there are indications that these changes, especially those who turn to the inclusion of orality in teaching LP, have yet to become established in daily teaching practices. In this sense, this study sought to investigate whether the activities that students perform LP classroom of elementary school II focus on aspects relating to oral modality in seeking to foster the development of oral discursive competence of these students, as suggested by the new theories and proposals existing curriculum. To this end, we make use of qualitative research methods, adopting an ethnographic approach and the case study. In this direction, we use in the on-site observation and records in field diaries, LP classes at a 6th grade of elementary school room. The reference that guided this study were mainly investigations of Marcuschi (1991, 2001 and 2008); Kerbrat-Orecchioni (2006); Fávero, Andrade and Aquino (2012); Costa Maciel (2013); Antunes (2005 and 2010); Dolz and Schneuwly (2004); Leal, Brandão and Lima (2012); Loyal and Seal (2012), and the guidelines contained in the LP NCP 6th to 9th grade (BRAZIL, 1998), among others. In the results, we find that the activities analyzed realize, only, of some aspects related to orality and who are exploited in just two dimensions, which are: the writing oralization and linguistic variation and the relationship speaking and writing; Meanwhile, the production and comprehension of oral genres and appreciation of oral tradition texts, for example, are not covered. In this sense, to be provided the development of oral skills in students is fundamental systematic planning of educational activities that put focus and also an educational intervention that is favorable for this purpose. Thus, considering some difficulties that might exist for teachers in didactization of orality, given that this is a teaching object that needs to be better known, but also by the lack of practical guidance on how to address it in the classroom, we present some suggestions for activities whose purpose is to supplement those that are routinely carried out in LP classes.

15
  • MARIA GISELIA DE OLIVEIRA
  •  

     

     

    A ARTE DE USAR AS PALAVRAS: A LITERATURA INFANTO E JUVENIL NA FORMAÇÃO SOCIAL DO LEITOR.

  • Orientador : SEBASTIAO AUGUSTO RABELO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • SEBASTIAO AUGUSTO RABELO
  • VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • MANOEL FREIRE RODRIGUES
  • Data: 27/08/2015

  • Mostrar Resumo
  •  

        

    Este trabalho apresenta e analisa os resultados da Pesquisa A Arte de Usar as Palavras: Literatura Infanto e Juvenil na Formação Social do leitor, que teve como objetivo avaliar a influência dos gêneros textuais literários na formação do leitor a partir do viés social. A pesquisa foi realizada em uma turma de 7º ano, da Escola Estadual José Joaquim, localizada no município de Coronel Ezequiel no estado do Rio Grande do Norte. Busca refletir sobre a formação do leitor literário no ambiente escolar e sobre a importância da literatura na formação do indivíduo, partindo-se do pressuposto de que a literatura, por meio da leitura dos textos literários (COSSON, 2007) possibilita ao sujeito a construção da sua identidade e o humaniza. Destaca também o valor da participação de pais, professores e escola no processo de letramento literário. O presente trabalho tem como base alguns estudiosos que discutem questões relacionadas à importância da formação do leitor e do letramento literário, entre eles: Cosson (2007), Zilberman e Lajolo (1998), Custódio (2007) e sobre o prazer em ler, destaca-se como um dos suportes Roland Barthes (2013). No momento da leitura dos textos em sala de aula, foi verificada a viabilidade da estratégia utilizada pelo professor para que a identificação dos alunos com os textos fosse construída de forma relevante, bem como quais os efeitos que a leitura oral expressiva do professor mediador auxilia na motivação e aprendizado dos alunos, como também, quais conhecimentos prévios os discentes têm da leitura literária. Dessa forma, busca permitir aos alunos a constituição da sua identidade leitora e o desenvolvimento de sua competência comunicativa, possibilitando-os agir e pensar de forma autônoma. Espera-se que os resultados decorrentes desta pesquisa possam contribuir para a produção bibliográfica na área da temática ora trabalhada. 

              


  • Mostrar Abstract
  •  

        

    Este trabalho apresenta e analisa os resultados da Pesquisa A Arte de Usar as Palavras: Literatura Infanto e Juvenil na Formação Social do leitor, que teve como objetivo avaliar a influência dos gêneros textuais literários na formação do leitor a partir do viés social. A pesquisa foi realizada em uma turma de 7º ano, da Escola Estadual José Joaquim, localizada no município de Coronel Ezequiel no estado do Rio Grande do Norte. Busca refletir sobre a formação do leitor literário no ambiente escolar e sobre a importância da literatura na formação do indivíduo, partindo-se do pressuposto de que a literatura, por meio da leitura dos textos literários (COSSON, 2007) possibilita ao sujeito a construção da sua identidade e o humaniza. Destaca também o valor da participação de pais, professores e escola no processo de letramento literário. O presente trabalho tem como base alguns estudiosos que discutem questões relacionadas à importância da formação do leitor e do letramento literário, entre eles: Cosson (2007), Zilberman e Lajolo (1998), Custódio (2007) e sobre o prazer em ler, destaca-se como um dos suportes Roland Barthes (2013). No momento da leitura dos textos em sala de aula, foi verificada a viabilidade da estratégia utilizada pelo professor para que a identificação dos alunos com os textos fosse construída de forma relevante, bem como quais os efeitos que a leitura oral expressiva do professor mediador auxilia na motivação e aprendizado dos alunos, como também, quais conhecimentos prévios os discentes têm da leitura literária. Dessa forma, busca permitir aos alunos a constituição da sua identidade leitora e o desenvolvimento de sua competência comunicativa, possibilitando-os agir e pensar de forma autônoma. Espera-se que os resultados decorrentes desta pesquisa possam contribuir para a produção bibliográfica na área da temática ora trabalhada. 

              

16
  • JOSÉ AURÉLIO DA CÂMARA
  • A PRODUÇÃO TEXTUAL NO ENSINO FUNDAMENTAL:

    PROCESSO DE RETEXTUALIZAÇÃO COM O GÊNERO MEMÓRIA

  • Orientador : JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JOSILETE ALVES MOREIRA DE AZEVEDO
  • VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • MARIA ELIZA DE FREITAS NASCIMENTO
  • Data: 28/08/2015

  • Mostrar Resumo
  •  

    O ensino de Língua Portuguesa nas escolas públicas no Brasil, na maioria das vezes, limita-se, ainda, ao estudo de fragmentos textuais descontextualizados, à memorização de nomenclaturas e ao culto às normas gramaticais. Nessa perspectiva, ao considerarmos a língua como prática social e cultural, cuja nascente emerge na interação entre os sujeitos é que buscamos, através deste estudo, propor uma intervenção pedagógica que priorizasse os processos de retextualização da fala para a escrita a partir do gênero memórias, visando à melhoria das competências discursivas do educando. Assim, atentando para essas inquietações e na tentativa de contribuir com a melhoria do ensino de Língua Portuguesa no ensino fundamental, elegemos como locus privilegiado uma turma do 9º ano do ensino fundamental de uma escola estadual em Bento Fernandes/RN, cujo corpus de análise foi formado por textos produzidos e retextualizados pelos alunos a partir de relatos orais de idosos da comunidade local. Nesse intento, buscamos compreender o que é memória, sua importância para o registro da língua falada e da cultura locais, bem como realizar ações didáticas que favorecessem a aprendizagem dos alunos nas atividades de produção textual. À luz das perspectivas teóricas das relações linguístico-discursivas e tomando por base o contínuo da relação entre oralidade e escrita propostas por Marcuschi (1993, 1997, 2001, 2002, 2006, 2008, 2010) e nas discussões propostas por Antunes (2003, 2014), Alves Filho (2011), Koch (2012), Bakhtin (1992, 2011), procuramos compreender, com base na análise das memórias retextualizadas, como estas práticas se complementam nesse processo de oralidade e escrita. No que tange à proposta das sequências didáticas, o estudo foi norteado pelas orientações de Dolz e Scheneuwly (2004), e acerca das memórias, nos estudos de Coracine e Ghiraldelo (2011), Le Goff (2010, 2013). Nessa direção, este trabalho seguiu as orientações da pesquisa-ação, numa abordagem qualitativa, considerando o professor (o pesquisador) como um agente ativo envolvido no processo de produção de conhecimento em sua própria prática pedagógica, podendo, assim, interferir na mediação, na produção do conhecimento e na sua disseminação no contexto particular da sala de aula, locus privilegiado da construção e transformação do conhecimento. Muito há de ser pesquisado nesta área de retextualização, embora, verificamos que esta intervenção pedagógica pautada nos operadores discursivos de retextualização viabilizou-se como um eficiente caminho para nós professores trabalharmos as peculiaridades de usos e funções dos gêneros textuais nas modalidades orais e escritas de uma língua sem pautar-se em dicotomias entre ambas. Isto nos credenciou a fortalecer o discurso que desfaz vários mitos ainda presentes nessa ordem. Principalmente, aquele que causa maior dano para os aprendizes da Língua Portuguesa: o de que a escrita é uma representação da fala.

     

     

     

     

     

     


  • Mostrar Abstract
  • Teaching Portuguese language in Brazilian public schools is still limited mostly to studying decontextualized text fragments, memorizing classifications and cult of grammar rules. Considering the language as a social, cultural practice which emerges from the intersubjective interaction, we sought to propose an educational intervention that prioritizes the retextualization processes from speech to the writing of memoirs as a textual genre, so as to contribute for improving learner’s discursive performances. Therefore, paying attention to these concerns and in attempt to contribute for improving the teaching of Portuguese language in elementary school, we chose as privileged locus a 9th grade class from a state school in Bento Fernandes, RN. The corpus is formed by texts produced and retextualized by students from the elders’ oral reports within local community. We sought thus to understand what memory is, its importance for registering local spoken language and culture, as much as to carry out didactic actions that favor students’ learning in the activities of textual production. In light of the theoretical overviews about linguistic-discursive relations, based on Marcuschi’s (1993, 1997, 2001, 2002, 2006, 2008, 2010) conception of oralitiy-writing continuum and    the

    debates proposed by Antunes (2003, 2014), Alves Filho (2011), Koch (2012) and Bakhtin (1992, 2011), we aimed to understand, by analyzing the retextualized memoirs, how these practices complement each other within the process of orality and writing. As for the proposal of didactic sequences, the study has been oriented by Dolz and Scheneuely (2004); as for the memoirs, by the guidelines of Coracine and Ghiraldelo (2011) and Le Goff (2010, 2013). In this way, this work followed the action-research methodology in a qualitative approach, considering the teacher (researcher) as an active agent involved in the process of knowledge production in his own educational practice, so as to interfere in the mediation, knowledge production and its dissemination in classroom context, which is the privileged locus for constructing and transforming process. There is much to be research within the area of retextualization.  Yet  we verified that this educational intervention, based on discursive operators of retextualization, has been proven viable as an efficient path so that we teachers can  work the peculiarities of usages and functions of textual genres in oral and written modalities of a language, without grasping both as a dichotomy. This accredited us to strengthen a discourse that undoes many myths still present in that order, especially the one that causes more damage for the learners of Portuguese language – that writing is a representation of speech.

17
  • MARIA ISABEL DE MACEDO AZEVÊDO
  • UMA CARRADA DE SONHOS: DO BAÚ DE ANTÔNIO PARA A SALA DE AULA EJEANA

  • Orientador : VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • MEMBROS DA BANCA :
  • VALDENIDES CABRAL DE ARAÚJO DIAS
  • SEBASTIAO AUGUSTO RABELO
  • MARIA EDILEUZA DA COSTA
  • Data: 28/08/2015

  • Mostrar Resumo
  • A presente dissertação procura descrever o trabalho com cordéis em uma turma de EJA, da Escola Estadual Tomaz de Araújo, situada em Acari –RN. A pesquisa foi realizada à luz de duas categorias: a oralidade e a escrita. Analisando as dificuldades observadas no tocante ao gosto pela leitura e escrita nessa modalidade de ensino, foi pensado em um projeto que pudesse minimizar essas barreiras. Elegemos, portanto, o cordel como gênero ideal para atrair a atenção dos alunos em razão de elementos como a rima, a musicalidade, a linguagem simples, os temas próximos da realidade dos alunos. O objeto de estudo da pesquisa foi a recepção dos alunos aos cordéis de Antônio Francisco, dado o lirismo e encantamento observados nos referidos cordéis desse poeta popular, propícios, portanto, para transmitir valores humanos essenciais à vida moderna, visto que o capitalismo e a corrida desenfreada pelas possessões materiais faz com que valores éticos, sociais e humanos sejam desprezados. O estudo está pautado na Estética da Recepção, Jauss (1994) e Iser (1996), bem como em estudos críticos e teóricos sobre o texto poético em sala de aula e a literatura em geral: Candido (1995), Pinheiro (2007), Kirinus (2011). No tocante às orientações teórico-metodológicas seguimos Freire (2004), Esclarin (2006), além da Proposta Curricular para a Educação de Jovens e Adultos. Nas reflexões acerca do cordel e da cultura popular nos guiamos por Batista (1977), Abreu (2001) e Kunz (2001). Todos contribuíram para a compreensão e elaboração de um perfil do aluno ejeano, suas dificuldades e também forneceram dados para proposições de atividades que culminem em uma aprendizagem satisfatória.


  • Mostrar Abstract
  • The present research aims to describe the work with cordéis in a class of young and adults education from State School Tomaz de Araújo, situated in Acari- RN. The research was accomplished at the light of two patterns: orality and writing. Analyzing the difficulties watched reporting to the like for reading and writing in this level of teaching, it was thought in a project that could reduce these barriers. Therefore, elect the cordel like ideal gender to attract the attention of the students due to its elements such as: rhyme, musicality, simple language, themes nearest of students’ reality. The studying object of the research was the students’ reception to the Antônio Francisco’S cordéis for its lirism and enchantment watched in cordéis of this popular poet, so, adequate to pass on essential human values to modern life, whereas the capitalism and uncontrolled running for material goods become the ethic, social, human values  into despised. The work is ruled at esthetics of reception in Jauss (1994) and Iser (1996); Referring to the Poetry’S study we hold in theories of Candido (1988); Pinheiro (2007); Moisés (2007); Moisés (2012) and Kirinus (2011); Regarding to the methodological orientations relating to teaching we regard to Freire (2014); Esclarin (2006) and Curricular Propose for youngs and adultS’ Education (2002); For reflecting about popular culture and the literature of cordel we ruled in Batista (1977); Abreu (2001) and Kunz (2001); we noticed after the work with cordéis the students improved like for reading and writing.

18
  • VILMA ABDIAS DE LIMA BEZERRA
  • PRÁTICAS DE ESCRITA EM DIÁRIOS DE LEITURA: UMA EXPERIÊNCIA DE INTERVENÇÃO PEDAGÓGICA NO ENSINO FUNDAMENTAL

  • Orientador : ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • JOSE LUIZ FERREIRA
  • FRANCISCA MARIA DE SOUZA RAMOS LOPES
  • Data: 31/08/2015

  • Mostrar Resumo
  • Este trabalho apresenta o desenvolvimento de intervenção pedagógica estabelecida no intuito de incentivar os alunos do 6º ano do Ensino Fundamental II, a apreciarem a leitura de textos literários e a discorrem sobre elas. Assim, objetiva compreender as implicações do uso de diários de leitura para o aperfeiçoamento do desempenho desses alunos em práticas de leitura e de escrita em aulas de Língua Portuguesa. Para tanto, fundamentamo-nos em referenciais teóricos direcionados à leitura e a produção do texto, especificamente sobre o gênero diário de leituras, como é o caso de Machado (1998), ao revelar particularidades e vantagens pedagógicas da abordagem do gênero, para a formação de leitores mais críticos nas escolas.  Também constituem embasamentos para as discussões propostas os aportes de Bakhtin (2011), dentre outros, no que se refere à teoria dos gêneros como também os postulados dos Estudos de Letramentos (SOARES, 2004; KLEIMAN,1995; ROJO,2009; STREET,2014 e TFOUNI,2010), do uso de sequência didática no ensino de língua materna  (DOLZ; SCHNEUWLY (2004),  adaptado por Costa Hübes (2014), inclusive de fontes que abordam a escrita como prática processual (PASSARELLI, 2004;2012 e SOARES, 2009).Em termos metodológicos, trata-se de uma pesquisa-ação, pois além de ser realizada por meio da interação direta com os sujeitos e o ambiente pesquisado também compreende proposta realizada em “estreita relação com a ação ou com a resolução de problemas num processo em que pesquisadores e participantes estão envolvidos de modo cooperativo” (THIOLLENT, 2009, p. 21). A abordagem de dados é de natureza qualitativa, uma vez que, além de priorizar a descrição de ações, a pesquisa também se realiza no ambiente natural onde ocorrem as intervenções, considerando-se o que fazem e o que dizem os participantes da pesquisa acerca do seu fazer, assumindo assim caráter interpretativista. Os dados foram gerados no decorrer do ano de 2014, a partir da aplicação de questionários, realização de entrevistas e notas de campo bem como da elaboração de diários de leitura pelos próprios colaboradores. As análises dos dados nos permitiram observar melhorias nas competências leitora e escritora dos alunos. Ademais, foi possível perceber que a pesquisa favoreceu o reconhecimento de que o trabalho com o gênero discursivo diários de leitura contribuiu para a construção de novos conhecimentos, pois a partir da sua produção os alunos passaram a levar em conta aspectos relativos ao domínio pragmático, à estrutura composicional e elementos linguísticos inerentes ao gênero em estudo, o que certamente indica maior possibilidade de agirem discursivamente, com êxito e autonomia, em  situações de interação escolar.

     

     

     


  • Mostrar Abstract
  • Este trabalho apresenta o desenvolvimento de intervenção pedagógica estabelecida no intuito de incentivar os alunos do 6º ano do Ensino Fundamental II, a apreciarem a leitura de textos literários e a discorrem sobre elas. Assim, objetiva compreender as implicações do uso de diários de leitura para o aperfeiçoamento do desempenho desses alunos em práticas de leitura e de escrita em aulas de Língua Portuguesa. Para tanto, fundamentamo-nos em referenciais teóricos direcionados à leitura e a produção do texto, especificamente sobre o gênero diário de leituras, como é o caso de Machado (1998), ao revelar particularidades e vantagens pedagógicas da abordagem do gênero, para a formação de leitores mais críticos nas escolas.  Também constituem embasamentos para as discussões propostas os aportes de Bakhtin (2011), dentre outros, no que se refere à teoria dos gêneros como também os postulados dos Estudos de Letramentos (SOARES, 2004; KLEIMAN,1995; ROJO,2009; STREET,2014 e TFOUNI,2010), do uso de sequência didática no ensino de língua materna  (DOLZ; SCHNEUWLY (2004),  adaptado por Costa Hübes (2014), inclusive de fontes que abordam a escrita como prática processual (PASSARELLI, 2004;2012 e SOARES, 2009).Em termos metodológicos, trata-se de uma pesquisa-ação, pois além de ser realizada por meio da interação direta com os sujeitos e o ambiente pesquisado também compreende proposta realizada em “estreita relação com a ação ou com a resolução de problemas num processo em que pesquisadores e participantes estão envolvidos de modo cooperativo” (THIOLLENT, 2009, p. 21). A abordagem de dados é de natureza qualitativa, uma vez que, além de priorizar a descrição de ações, a pesquisa também se realiza no ambiente natural onde ocorrem as intervenções, considerando-se o que fazem e o que dizem os participantes da pesquisa acerca do seu fazer, assumindo assim caráter interpretativista. Os dados foram gerados no decorrer do ano de 2014, a partir da aplicação de questionários, realização de entrevistas e notas de campo bem como da elaboração de diários de leitura pelos próprios colaboradores. As análises dos dados nos permitiram observar melhorias nas competências leitora e escritora dos alunos. Ademais, foi possível perceber que a pesquisa favoreceu o reconhecimento de que o trabalho com o gênero discursivo diários de leitura contribuiu para a construção de novos conhecimentos, pois a partir da sua produção os alunos passaram a levar em conta aspectos relativos ao domínio pragmático, à estrutura composicional e elementos linguísticos inerentes ao gênero em estudo, o que certamente indica maior possibilidade de agirem discursivamente, com êxito e autonomia, em  situações de interação escolar.

     

     

     

19
  • FRANCISCA ALDENORA MORENO FERNANDES
  • IMPACTOS GERADOS POR APLICAÇÃO DE SEQUÊNCIA DIDÁTICA NAS PRÁTICAS DE LEITURA E DE ESCRITA DE ALUNOS DO ENSINO FUNDAMENTAL - EJA

     

  • Orientador : ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANA MARIA DE OLIVEIRA PAZ
  • MARIO LOURENCO DE MEDEIROS
  • RISOLEIDE ROSA FREIRE DE OLIVEIRA
  • Data: 16/09/2015

  • Mostrar Resumo
  • Desde os anos de 1980 as questões em torno do Letramento têm sido amplamente discutidas no Brasil e no mundo, provocando inúmeras reflexões em torno do processo de aquisição da leitura e da escrita e, sobretudo, do uso que as pessoas fazem destas ferramentas nas mais diversas situações. A escola, por sua vez, na qualidade de agência de letramento, tem sido desafiada a rever conceitos e ações voltadas para o processo de ensino da língua materna, de modo que o aluno perceba a função social da língua e participe das situações comunicativas com competência linguística. Visando contribuir para o aprimoramento do letramento do aluno, este trabalho aborda aplicação de sequência didática que adota como prática de letramento a produção do gênero crônica, cujas leituras geralmente são agradáveis e atraentes para se trabalhar nos espaços de sala de aula de forma dinâmica e reflexiva. A intervenção tem como público alvo uma turma do Ensino Fundamental, Educação de Jovens e Adultos, da Escola Estadual “CEJA Profª Creuza Bezerra”, no município de Currais Novos/RN. O objetivo dessa pesquisa-ação é estudar os impactos gerados pela aplicação de sequência didática nas práticas de leitura e escrita dos alunos do Ensino Fundamental da Educação de Jovens e Adultos. Metodologicamente, fundamenta-se nas orientações de Bodgan; Biklen (1994), Gressler (2003), Moreira; Caleffe (2006) e Stake (2011). Em termos teóricos, a pesquisa proposta tem como embasamentos aportes dos Estudos de Letramento (MORTATTI, 2004; KLEIMAN 2007; OLIVEIRA, 2008; HAMILTON, 2000; ROJO, 2012; 2013), subsídios da Teoria dos Gêneros (BRONCKART, 2003; 2006; MARCUSCHI, 2008) bem como suporte dos estudos que versam sobre a sequência didática e a formação docente (DOLZ, 2004; 2012; BARROS, 2013; ABREU-TARDELLI, 2009; FREIRE, 2006; BOLZAN, 2002). A pesquisa em andamento evidencia maior participação dos alunos nas atividades de leitura e de escrita assim como melhoria de desempenho nessas atividades.


  • Mostrar Abstract
  • X

SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2020 - UFRN - sigaa07-producao.info.ufrn.br.sigaa07-producao