Dissertações/Teses

Clique aqui para acessar os arquivos diretamente da Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da UFRN

2020
Dissertações
1
  • MARIA TAIANY DUARTE DE OLIVEIRA
  • Análise da implementação e avaliação de um programa de saúde auditiva infantil na atenção primária

  • Orientador : ELIENE SILVA ARAUJO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ELIENE SILVA ARAUJO
  • KÁTIA DE FREITAS ALVARENGA
  • MARCUS VALERIUS DA SILVA PEIXOTO
  • Data: 21/02/2020

  • Mostrar Resumo
  •  

    Introdução: A Organização Mundial de Saúde e o Ministério da Saúde têm recomendado a articulação dos Programas de Saúde Auditiva Infantil com a atenção primária em saúde, tendo o Agente Comunitário de Saúde (ACS) um papel de suma importância nesta proposta, devido à abrangência da Estratégia de Saúde da Família e a estreita relação deste profissional com as famílias. Objetivo: Implementar e avaliar um programa de saúde auditiva infantil na atenção primária. Método: Estudo observacional longitudinal prospectivo, estruturado em duas etapas: (1) Análise da eficácia de um curso online para a capacitação de ACS na área de saúde auditiva infantil; (2) Análise de um Programa de Saúde Auditiva Infantil na Atenção Primária. Participaram do curso online 2859 inscritos, e destes, 23 constituíram um grupo específico de ACS oriundos de duas unidades básicas de saúde, com acompanhamento presencial. Resultados: 1842 participantes (63,34%) finalizaram o curso, com representatividade de todos os estados brasileiros e também do exterior e de diversas especialidades, com predominância para a área médica. O curso foi bem avaliado e refletiu em melhorado conhecimento pós - capacitação. 102 crianças de zero a dois anos foram acompanhadas pelos ACS no período de um ano, procedendo o encaminhamento de 15 delas. Foi constatado um caso de perda auditiva condutiva. Conclusão: O curso online autoinstrucional mostrou-se eficaz para a educação a distância dos ACS na área de saúde auditiva infantil. O Programa de saúde auditiva infantil vinculado a atenção primária é exequível e promissor, todavia, estratégias são necessárias para minimizar os percalços existentes.



  • Mostrar Abstract
  • Introduction: The World Health Organization and the Ministry of Health have

    recommended the articulation of Child Hearing Health Programs with primary health

    care, with the Community Health Agent (CHA) playing an extremely important role in

    this proposal, due to the scope of the Family Health Strategy and the close relationship

    of this professional with the families. Objective: To implement and evaluate a child

    hearing      health     program     in     primary     care.     Method:       Prospective     longitudinal

    observational study, structured in two stages: (1) Analysis of the effectiveness of an

    online course for the training of CHA in the area of child hearing health; (2) Analysis of

    a Child Hearing Health Program in Primary Care. 2859 enrolled participants in this

    online course, and of these, 23 formed a specific group of CHA from two basic health

    units, with face-to-face monitoring. Results: 1842 participants (63.34%) finished the

    course, with representation from all Brazilian states and also from abroad and from

    various specialties, predominantly in the medical field. The course was well evaluated

    and reflected in improved post-training knowledge. 102 children aged zero to two years

    were followed up by the CHA during the period of one year, proceeding with the referral

    of 15 of them. A case of conductive hearing loss was found. Conclusion: The self-

    instructional online course proved to be effective for distance education of CHAs in the

    area of child hearing health. The Child Hearing Health Program linked to primary care

    is feasible and promising, however, strategies are necessary to minimize the existing

    problems.

2
  • RODRIGO OLIVEIRA DA FONSÊCA
  • ANÁLISE DA CONCESSÃO DE APARELHOS DE AMPLIFICAÇÃO SONORA INDIVIDUAL PELO SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE (2005-2018)

  • Orientador : MARIA ANGELA FERNANDES FERREIRA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • HANNALICE GOTTSCHALCK CAVALCANTI
  • MARIA ANGELA FERNANDES FERREIRA
  • STELA MARIS AGUIAR LEMOS
  • Data: 13/03/2020

  • Mostrar Resumo
  • Introdução: O Aparelho de Amplificação Sonora Individual (AASI) surgiu como uma alternativa para minimizar as consequências da deficiência auditiva. No Brasil, este dispositivo é fornecido pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Com as dimensões epidemiológicas do país, a concessão de AASI pode representar um verdadeiro desafio ao longo do tempo. Objetivo: Conhecer a produção ambulatorial de aspectos relacionados à concessão de AASI pelo SUS no período de 2005 a 2018. Metodologia: Trata-se de um estudo ecológico realizado no Sistema de Informações Ambulatoriais do SUS. A tendência das taxas anuais de concessão foi analisada com o programa Joinpoint. Realizou-se uma análise descritiva das categorias tecnológicas, reposição, acompanhamento e financiamento dos AASI. Resultados: A menor taxa de concessão foi observada na região Norte (3,20/10.000 habitantes), enquanto a taxa mais elevada foi identificada na região Sul (9,96/10.000 habitantes). Para o Brasil, a tendência é de aumento significativa entre 2005 e 2011 (APC1 = 7,8; IC 95% 4,0 a 11,8). A dispensação de AASI conforme as categorias tecnológicas revelou percentual de 39,26% do tipo A, 36,93% do tipo B e 23,81% do tipo C. Os procedimentos de reposição e acompanhamento foram maiores na região Sudeste e menores na região Norte. Quanto ao financiamento, o recurso aprovado no país foi de R$ 1.706.221.375,00, atingindo maior e menor valor aprovado nos anos de 2005 e 2009, respectivamente. Conclusões: A análise da concessão de AASI pelo SUS revelou discrepâncias entre as regiões geográficas do Brasil, além de descompassos relacionados às categorias tecnológicas, reposição, acompanhamento e financiamento.


  • Mostrar Abstract
  • Introduction: The hearing aids (HA) has emerged as an alternative to minimize the consequences of hearing loss. In Brazil, this device provided by the Unified Health System (SUS). With the epidemiological dimensions of the country, the concession of HA can pose a challenge over time. Objective: Know the ambulatory production of aspects related to the concession of HA by the SUS from 2005 to 2018. Methodology: This is an ecological study carried out in the SUS Outpatient Information System. The trend of annual concession fees analyzed with the Joinpoint program. A descriptive analysis of the technological categories, replacement, monitoring and financing of the HA was performed. Results: The lowest concession rate was observed in the Northern region (3.20/10,000 habitants), while the highest concession rate was found in the Southern region (9.96/10,000 habitants). For Brazil, the trend is for a significant increase between 2005 and 2011 (APC1 = 7.8; 95% CI 4.0 to 11.8). The dispensing of HA according to the technological categories revealed a percentage of 39.26% of type A, 36.93% of type B and 23.81% of type C. Replacement and follow-up procedures were greater in the Southeast and lower in the region North. As for the financing, the resource approved in the country was R$ 1.706.221.375,00 reaching higher and lower amount approved in the years 2005 and 2009, respectively. Conclusions: The analysis of the concession of hearing aids by SUS revealed discrepancies between the geographic regions of Brazil, as well as mismatches related to technological categories, replacement, monitoring and financing.

3
  • GIZELE FRANCISCO FERREIRA DO NASCIMENTO
  • Avaliação vestibular por meio do Video Head Impulse Test em pacientes com Insuficiência Cardíaca.

  • Orientador : ERIKA BARIONI MANTELLO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ERIKA BARIONI MANTELLO
  • MIGUEL ANGELO HYPPOLITO
  • STHELLA ZANCHETTA
  • Data: 10/06/2020

  • Mostrar Resumo
  • Introdução: A Insuficiência Cardíaca (IC) apresenta alta prevalência, diversas etiologias e elevadas taxas de mortalidade. Os sintomas vestibulares, secundários à IC, não são comumente estudados, porém sabe-se que, além de gerar sintomas físicos, podem levar prejuízos no desempenho das atividades sociais destes pacientes. Objetivo: Verificar a associação entre os achados da avaliação clínica do equilíbrio postural, o ganho do reflexo vestibulo-ocular (RVO), a autopercepção dos sintomas cardiológicos e vestibulares com o avanço da idade, em pacientes com IC. Método: Estudo transversal, analítico-descritivo, observacional, prospectivo, estruturado em duas etapas: (1) Relato de três casos sobre a avaliação vestibular de alta frequência em pacientes com cardiomiopatia chagásica. (2) Avaliação clínica e objetiva da função vestibular em pacientes com IC, divididos pela faixa etária. Participaram 34 sujeitos submetidos à avaliação clínica do equilíbrio postural, questionários de qualidade de vida e avaliação vestibular por meio do Video Head Impulse Test (vHIT). Resultados: Constatou-se a prevalência de ganho reduzido do RVO nos canais semicirculares (CSC) verticais, bem como algum prejuízo do equilíbrio postural nos pacientes portadores de IC, seja de origem Chagásica (estudo 1), cardiomiopatias multifatoriais ou isquêmicas (estudo 2). No estudo 2, não houve associação significativa entre o ganho do RVO, a autopercepção dos sintomas cardiológicos e vestibulares com o avanço da idade. Porém houve associação estatística dos resultados da Prova de Unterberger-Fukuda com parâmetros avaliados pelo vHIT, entre os grupos etários. Conclusão: Em ambos estudos, observou-se prevalência da hipofunção vestibular periférica nos pacientes com IC, independe da faixa etária e da etiologia.


  • Mostrar Abstract
  • Introduction: Heart Failure (HF) presents high prevalence, several etiologies and high mortality rates. Vestibular symptoms, secondary to HF, are not commonly studied, but it is known that, besides generating physical symptoms, they can lead to losses in the performance of social activities of these patients. Objective: To verify the association between the findings of the clinical evaluation of postural balance, the gain of vestibulo-ocular reflex (VOR), the self-perception of cardiological and vestibular symptoms with the advancement of age in patients with HF. Method: Cross-sectional, analytical-descriptive, observational, prospective study, structured in two stages: (1) Report of three cases on high-frequency vestibular evaluation in patients with Chagas cardiomyopathy. (2) Clinical and objective assessment of vestibular function in patients with HF, divided by age group. Participated 34 subjects submitted to clinical assessment of postural balance, quality of life questionnaires and vestibular evaluation through the Video Head Impulse Test (vHIT).  Results: The prevalence of reduced VOR gain in the vertical semicircular channels (SCC) was found, as well as some loss of postural balance in patients with HF, whether of Chagas origin (study 1), multifactorial or ischemic cardiomyopathies (study 2). In study 2, there was no significant association between the gain of VOR, self-perception of cardiological and vestibular symptoms with advancing age. However, there was a statistical association of the results of the Unterberger-Fukuda test with parameters evaluated by vHIT, among the age groups. Conclusion: In both studies, the prevalence of peripheral vestibular hypofunction was observed in patients with HF, regardless of age and etiology.

4
  • ANTONIO MARCOS OLIVEIRA DE LIMA
  • AVALIAÇÃO DO DESENVOLVIMENTO COGNITIVO E DE LINGUAGEM EM PRÉ-ESCOLARES NASCIDOS PREMATUROS

  • Orientador : ANA MANHANI CACERES ASSENCO
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANA MANHANI CACERES ASSENCO
  • CINTIA ALVES SALGADO AZONI
  • DIONÍSIA APARECIDA CUSIN LAMÔNICA
  • Data: 13/07/2020

  • Mostrar Resumo
  • A identificação precoce de comprometimentos no desenvolvimento da linguagem em crianças nascidas prematuras favorece a intervenção no período ideal e minimiza os impactos de um transtorno de linguagem na vida da criança. Entretanto, para tal identificação são necessários instrumentos capazes de avaliar as habilidades comunicativas da criança considerando inclusive a correção da idade no caso dos nascidos prematuros. No Brasil, os instrumentos de avaliação da comunicação e da linguagem ainda são escassos, especialmente nos primeiros anos da primeira infância. Nessa dissertação foram conduzidos dois estudos aprovados pelo comitê de ética em pesquisa (CAAE: 97759718.4.0000.5292). O primeiro estudo teve como objetivo traduzir transculturalmente para o Português Brasileiro um instrumento específico para nascidos prematuros, e que é baseado no relato de pais, o Parent Report of Children’s Abilities-Revised (PARCA-R). Este instrumento passou pelo processo de tradução e retrotradução, e foi aplicado em duas etapas com pais ou responsáveis de crianças no segundo ano de vida. O segundo estudo teve como objetivo comparar o desempenho aos dois anos de vida de crianças nascidas prematuras e a termo nas subescalas de linguagem da Bayley III, considerada padrão-ouro para avaliação do desenvolvimento infantil e recentemente traduzida e comercializada no Brasil. Com base em seus resultados, esta dissertação contribui para preencher a lacuna relacionada a avaliação da linguagem em nascidos prematuros nos primeiros anos de vida.


  • Mostrar Abstract
  • The early identification of language development impairments in children born prematurely favors intervention in the ideal period and minimizes the impacts of a language disorder on the child's life. However, such identification requires instruments capable of assessing the child's communicative skills, including the correction of age in the case of premature births. In Brazil, communication and language assessment instruments are still scarce, especially in the early years of early childhood. In this dissertation, two studies were conducted, both approved by the research ethics committee (CAAE: 97759718.4.0000.5292). The first study aimed to adapt cross-culturally for Brazilian Portuguese a specific instrument for premature births, which is based on the report of parents, Parent Report of Children’s Abilities-Revised (PARCA-R). This instrument went through the entire process of translation and back-translation, and was applied in two stages with parents or guardians of children in the second year of life. The second study aimed to compare the performance at two years of life of children born premature and at term in the receptive and expressive subscales of language of Bayley III, considered the gold standard for assessing child development and recently translated and commercialized in Brazil. Based on its results, this dissertation contributes to fill the gap related to language assessment in the first years of life.

5
  • LAISE CAROBA DA SILVA
  • Frequência da deficiência auditiva relacionada as infecções congênitas: estudo retrospectivo

  • Orientador : SHEILA ANDREOLI BALEN
  • MEMBROS DA BANCA :
  • HANNALICE GOTTSCHALCK CAVALCANTI
  • MARIA ANGELINA NARDI DE SOUZA MARTINEZ
  • SHEILA ANDREOLI BALEN
  • Data: 14/08/2020

  • Mostrar Resumo
  • O impacto da deficiência auditiva é amplamente conhecido quanto aos seus efeitos no desenvolvimento da criança. A deficiência auditiva pode ser ocasionada por fatores genéticos, congênitos ou adquiridos. Entre os fatores congênitos estão a presença de infecções que podem ocorrer durante a gestação como: toxoplasmose, rubéola, citomegalovírus, herpes, sífilis, HIV e Zika Vírus. A alta morbimortalidade fetal e neonatal e a presença de sequelas importantes dos pacientes afetados tornam as infecções congênitas um problema de saúde pública e sua prevenção, diagnóstico, acompanhamento e tratamento são necessários antes, durante e depois da gestação. Objetivo: Verificar a frequência da deficiência auditiva nas crianças atendidas no Centro SUVAG do RN com indicadores de risco de infecções congênitas. Métodos: Trata-se de um estudo retrospectivo, observacional e descritivo. A população do estudo foi composta por 4806 crianças de 0 a 3 anos atendidos no Centro SUVAG do RN no período de 2011 a 2019. Desta totalidade 692 crianças apresentaram histórico de infecções congênitas isolada ou em combinação com outros indicadores de risco a partir dos dados registrados no banco de dados da instituição. Foram excluídas 134 por não concluírem a avaliação audiológica. Desta forma, a amostra deste estudo foi composta por 558 crianças. Realizou-se análise descritiva para estabelecer a frequência da deficiência auditiva em relação a cada infecção congênita isolada ou associada a outros indicadores de risco. Resultados: A frequência da deficiência auditiva foi de 1,25% nas crianças com relato e/ou confirmação de infecções congênitas, com a presença da perda auditiva sensórioneural em seis crianças (85,71%) e uma perda auditiva do tipo condutiva (14,29%), das quais seis foram bilaterais (85,71%) e uma unilateral (14,29%). Conclusão: O presente estudo permitiu verificar que houve uma frequência reduzida da deficiência auditiva relacionada ao relato das infecções congênitas.


  • Mostrar Abstract
  • The impact of hearing loss is widely known for its effects on child development. Hearing impairment can be caused by genetic, congenital or acquired factors. Among the congenital factors are the presence of infections that can occur during pregnancy, such as: toxoplasmosis, rubella, cytomegalovirus, herpes, syphilis, HIV and Zika virus. The high fetal and neonatal morbidity and mortality and the presence of important sequelae of affected patients make congenital infections a public health problem and their prevention, diagnosis, monitoring and treatment are necessary before, during and after pregnancy. Objective: To verify the frequency of hearing loss in children attended at the SUVAG Center of RN with risk indicators for congenital infections. Methods: This is a retrospective, observational and descriptive study. The study population consisted of 4806 children aged 0 to 3 years attended at the SUVAG Center of RN in the period from 2011 to 2019. Of this total, 692 children had a history of congenital infections alone or in combination with other risk indicators from the recorded data in the institution's database. 134 were excluded because they did not complete the audiological evaluation. Thus, the sample of this study was composed of 558 children. Descriptive analysis was carried out to establish the frequency of hearing loss in relation to each congenital infection isolated or associated with other risk indicators. Results: The frequency of hearing loss was 1.25% in children with reports and / or confirmation of congenital infections, with the presence of sensorineural hearing loss in six children (85.71%) and conductive hearing loss (14 , 29%), of which six were bilateral (85.71%) and one unilateral (14.29%). Conclusion: The present study allowed us to verify that there was a reduced frequency of hearing loss related to the report of congenital infections.

6
  • ANA CAROLINA DANTAS DE MEDEIROS
  • Desempenho das habilidades linguísticas e metalinguísticas em crianças bilíngues em fase de alfabetização

  • Orientador : CINTIA ALVES SALGADO AZONI
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CINTIA ALVES SALGADO AZONI
  • PATRICIA ABREU PINHEIRO CRENITTE
  • TAÍS DE LIMA FERREIRA MATTAR
  • Data: 30/09/2020

  • Mostrar Resumo
  • Introdução: A aquisição da língua acontece por meio da interação da criança com seus familiares e a sociedade. Este estudo, é composto por três artigos científicos: o primeiro trata-se de uma revisão integrativa da literatura e os demais, estudos originais por meio da avaliação das habilidades linguísticas e metalinguísticas em crianças bilíngues. Objetivo: verificar o desempenho no processamento fonológico, consciência sintática, vocabulário e leitura de crianças bilíngues em fase de alfabetização. Método: Estudo transversal, descritivo e quantitativo, realizado com estudantes do 1° ao 5° do ensino fundamental. Estudo 1: 10 crianças para o grupo de bilíngues e 5 de crianças monolíngues do 1º ano do ensino fundamental. Estudo 2: 32 crianças, subdivididos em: G1: cinco crianças do 1° ano; G2: cinco crianças do 2° ano; G3: oito crianças do 3° ano; G4: cinco crianças do 4° ano; G5: nove crianças do 5° ano. As crianças foram avaliadas na língua portuguesa nas habilidades de consciência fonológica, consciência sintática, memória operacional fonológica, nomeação automática rápida, e leitura. Resultados: No estudo 1 foram encontradas diferenças significativas na consciência fonológica (fonêmica e total), nomeação automática rápida (objetos), e leitura de pseudopalavras. No estudo 2 notou-se que as crianças de maior escolaridade apresentaram melhor desempenho em todas as habilidades avaliadas. Conclusão: a exposição a uma segunda língua de forma sequencial torna as crianças mais suscetíveis aos sons da língua, apresentando benefícios em determinadas habilidades do processamento fonológico, repercutindo positivamente no desempenho da leitura.


  • Mostrar Abstract
  • Introduction: Language acquisition occurs through the child's interaction with family members and society. This study is composed of three scientific articles: the first is an integrative literature review and the others, original studies through the assessment of linguistic and metalinguistic skills in bilingual children. Objective: Objective: to verify the performance in phonological processing, syntactic awareness, vocabulary and reading of bilingual children in literacy phase. Method: Cross-sectional, descriptive and quantitative study, conducted with students from the 1st to the 5th of elementary school. Study 1: 10 children for the bilingual group and 5 for monolingual children from the 1st year of elementary school. Study 2: 32 children, subdivided into: G1: five children from the 1st year; G2: five children from the 2nd year; G3: eight children from the 3rd year; G4: five children from the 4th year; G5: nine children from the 5th year. Children were assessed in Portuguese for phonological awareness, syntactic awareness, phonological working memory, rapid automatic naming, and reading skills. Results: In study 1, significant differences were found in phonological awareness (phonemic and total), rapid automatic naming (objects), and reading of pseudowords. In study 2, it was noted that children with higher education had better performance in all skills assessed. Conclusion: exposure to a second language in a sequential way makes children more susceptible to the sounds of the language, presenting benefits in certain phonological processing skills, having a positive impact on reading performance.

7
  • FABIANA APARECIDA LEMOS
  • Análise do frequency following response em bebês com sífilis congênita

  • Orientador : SHEILA ANDREOLI BALEN
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ELIARA PINTO VIEIRA BIAGGIO
  • HANNALICE GOTTSCHALCK CAVALCANTI
  • SHEILA ANDREOLI BALEN
  • Data: 01/10/2020

  • Mostrar Resumo
  • Introdução: A sífilis congênita é considerada um indicador de risco para a perda auditiva em crianças, porém ainda não se sabe os reais impactos causados pela sífilis nessas crianças ao longo do seu desenvolvimento geral, incluindo a audição. Objetivos: Estudo1: Verificar os parâmetros utilizados para a aquisição da resposta do frequency following response (FFR) em crianças até 24 meses de idade por meio de revisão sistemática; Estudo 2: Analisar os resultados do frequency following response em bebês com sífilis congênita. Método: No estudo 1: Registrou-se o protocolo no PROSPERO, seguindo as recomendações do PRISMA. A pesquisa foi realizada por dois revisores independentes em seis bases de dados (LILACS, Livivo, psycINFO, PubMed, Scopus, Web of Science); literatura cinzenta (Google Scholar, Open Gray, Proquest) e pesquisas manuais em referências bibliográficas. Já no estudo 2 a amostra está constituída por 9 crianças com sífilis congênita (GE) e 5 crianças sem sífilis (GC), com idade entre 12 e 24 meses. Todos os participantes apresentam respostas no Potencial Evocado Auditivo de Tronco Encefálico a 80 dB nNA e emissões otoacústicas evocadas transientes presentes. Realizaram o teste laboratorial FTA-ABS a partir dos 18 meses e o FFR com estímulo /da/, com duração de 170 ms, velocidade de 3,70/s, na intensidade de 80dBnNA em ambas as orelhas. Resultados: No estudo 1: 459 estudos foram identificados. Após a leitura do texto completo, foram incluídos 15 estudos. Os parâmetros de aquisição variam conforme os estudos. Os mais comuns entre os estudos foram: Montagem vertical dos eletrodos, polaridade alternada, taxa de amostragem de 20.000 Hz, / da / sintetizada. No estudo 2: Não houve diferença entre os grupos estudados nas análises de parâmetros do domínio do tempo e da frequência na resposta do FFR. Conclusão: Estudo 1: Existe um consenso no uso de alguns parâmetros de aquisição do FFR com estímulo de fala, como a polaridade alternada, a taxa de amostragem de 20.000 Hz, o estímulo sílaba /da/ sintetizada e estímulo de 40 ms de duração. Apesar desses parâmetros terem um consenso os resultados mostram a falta de um protocolo único estabelecido para a aquisição de dados para a coleta do frequency following response com estímulo de fala em crianças na faixa etária investigada. Estudo 2: Crianças de 12 a 24 meses com notificação de sífilis congênita ao nascimento apresentam mesmo padrão de resposta neural da via auditiva central avaliada pelo FFR do que crianças sem sífilis congênita.


  • Mostrar Abstract
  • Congenital syphilis is considered a risk indicator for hearing loss in children, but the real impacts caused by syphilis on these children over their general development, including hearing, are still unknown. Objectives: Study1: Verify the parameters used to acquire the frequency following response (FFR) response in children up to 24 months of age through systematic review; Study 2: Analyze the results of the frequency following response in babies with congenital syphilis. Method: In study 1: The protocol was registered in PROSPERO, following the recommendations of PRISMA. The research was carried out by two independent reviewers in six databases (LILACS, Livivo, psycINFO, PubMed, Scopus, Web of Science); gray literature (Google Scholar, Open Gray, Proquest) and manual searches on bibliographic references. In study 2, the sample consists of 9 children with congenital syphilis (EG) and 5 children without syphilis (CG), aged between 12 and 24 months. All participants present responses in the Brainstem Auditory Evoked Potential at 80 dB nNA and transient evoked otoacoustic emissions present. They performed the FTA-ABS laboratory test from 18 months and the FFR with stimulus / da /, lasting 170 ms, speed of 3.70 / s, at an intensity of 80dBnNA in both ears. Results: In study 1: 459 studies were identified. After reading the full text, 15 studies were included. The acquisition parameters vary according to the studies. The most common among the studies were: Vertical assembly of the electrodes, alternating polarity, sampling rate of 20,000 Hz, / da / synthesized. In study 2: There was no difference between the groups studied in the analysis of parameters of the time and frequency domain in the FFR response. Conclusion: Study 1: There is a consensus on the use of some parameters of acquisition of the FFR with speech stimulus, such as alternating polarity, the sampling rate of 20,000 Hz, the syllable / da / synthesized stimulus and a 40 ms duration stimulus. Although these parameters have a consensus, the results show the lack of a single protocol established for the acquisition of data for the collection of the frequency following response with speech stimulus in children in the investigated age group. Study 2: Children aged 12 to 24 months with notification of congenital syphilis at birth have the same pattern of central auditory neural response assessed by the FFR as children without congenital syphilis.

8
  • ÉRIKA SUÊNYA GOMES CORDEIRO
  • EQUILÍBRIO POSTURAL EM CRIANÇAS COM TRANSTORNO DO ESPECTRO AUTISTA

  • Orientador : JULIANA MARIA GAZZOLA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • JULIANA MARIA GAZZOLA
  • CAROLINA DANIEL DE LIMA ALVAREZ
  • ANA CRISTINA DE ALBUQUERQUE MONTENEGRO
  • Data: 06/11/2020

  • Mostrar Resumo
  • Introdução: O equilíbrio postural é assegurado pela interação entre três sistemas sensoriais: visual, proprioceptivo e vestibular. Alterações nas demandas sensoriais são citadas desde as primeiras descrições [MOU1] do Transtorno do Espectro Autista (TEA), com dificuldades de processamento, modulação e integração sensorial. A literatura demonstra que existe uma diminuição no desempenho de crianças com TEA quando comparadas a crianças de desenvolvimento típico. Objetivo: 1). Identificar o estado da arte da produção científica sobre equilíbrio postural em crianças com TEA; 2). Buscar a relação entre as características associadas ao TEA e as dificuldades de equilíbrio postural dessas crianças. Método: No estudo 1, uma revisão de literatura, foi realizada busca em bases de dados e nas referências dos artigos selecionados, com os descritores "postural balance", "vestibular diseases", "postural equilibrium" e “autism”. O estudo 2, trata-se de um estudo transversal descritivo analítico, com amostra de conveniência, constituído por 12 crianças com TEA, avaliadas pela Escala de Equilíbrio Pediátrica e com o Teste de Organização Sensorial. Também foram analisados os prontuários das crianças para verificação da existência de características de comportamento, interação e linguagem associadas ao TEA. Resultados: No estudo 1, foram encontrados 62 artigos com base nos critérios de elegibilidade. O pico de publicações referente ao tópico ocorreu durante   2015 e 2016, e a primeira publicação encontrada ocorreu em 1974. Além disso, predominou os estudos publicados nos EUA (37%), em língua inglesa, com abordagem quantitativa, e corte transversal. Quanto ao estudo 2, as crianças apresentaram respostas semelhantes[MOU2]  entre si e dentro do esperado para as suas faixas etárias. Conclusões: No estudo 1, foi observado que o equilíbrio corporal e o controle postural em crianças com TEA são temas em ascensão nas publicações científicas. Em relação ao estudo 2, não foi encontrada relação entre as crianças que apresentavam características associadas ao TEA e o desempenho na Escala de Equilíbrio Pediátrica.


  • Mostrar Abstract
  • Introduction: Postural balance is ensured by the interaction between three sensory systems: visual, proprioceptive, and vestibular. Changes in sensory demands are cited since the first descriptions of Autistic Spectrum Disorder (ASD), with difficulties in processing, modulation, and sensory integration. The literature shows that there is a performance decrease of children with ASD when compared to children of typical development. Objective: 1). Identify state of the art of scientific production on postural balance in children with ASD; 2). Search for relationship between characteristics associated with ASD and postural balance difficulties of these children. Method: In study 1, a literature review, a search was carried out in databases and in the references of selected articles, with the descriptors "postural balance", "vestibular diseases", "postural equilibrium" and "autism". Study 2 is a cross-sectional analytical descriptive study, with a convenience sample, consisting of 12 children with ASD, assessed by the Pediatric Balance Scale and the Sensory Organization Test. These children's medical records were also analyzed to verify existence of characteristics of behavior, interaction and language associated with ASD. Results: In study 1, 62 articles were found based on the eligibility criteria. The peak of publications related to the topic occurred during years 2015 and 2016, and the first publication found occurred in 1974. Additionally, most studies were published in the USA, in English, with a quantitative approach, and cross-section design. As for study 2, the children presented similar responses among themselves and within the expected for their age groups. Conclusions: In study 1, it was observed that body balance and postural control in children with ASD are on the rise in scientific publications. Regarding study 2, no relationship was found between children who had characteristics associated with ASD and performance on the Pediatric Balance Scale.

9
  • MARIA HELENA DA SILVA
  • RELAÇÃO DO SISTEMA FONOLÓGICO E CONSCIÊNCIA FONOLÓGICA EM CRIANÇAS PRÉ–ESCOLARES DE BAIXA RENDA

  • Orientador : CINTIA ALVES SALGADO AZONI
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CINTIA ALVES SALGADO AZONI
  • HAYDÉE FISZBEIN WERTZNER
  • ISABELLE CAHINO DELGADO
  • Data: 04/12/2020

  • Mostrar Resumo
  • Introdução: A linguagem escrita é uma extensão da linguagem oral e seu desenvolvimento ocorre sob a influência de vários fatores, dentre os quais podemos destacar o nível fonológico e as habilidades de processamento fonológico, especialmente a consciência fonológica. O nível fonológico está relacionado ao sistema de sons presentes em uma determinada língua e o mesmo tem demonstrado relação com o desenvolvimento da leitura e escrita. A consciência fonológica é uma das habilidades do processamento fonológico de maior influência para a aquisição da linguagem escrita. Objetivo: Avaliar o sistema fonológico e a consciência fonológica em crianças pré-escolares de baixa renda e correlacionar as habilidades entre si. Método: Estudo observacional, transversal, retrospectivo e documental. Amostra composta por 93 crianças do nível IV da educação infantil, estudantes de Centros Municipais de Educação Infantil (CMEI) de 3 regiões da cidade de Natal/RN (Oeste, Sul e Leste), com idade entre 5 e 6 anos e 11 meses, de ambos os sexos. Foram analisados os resultados das avaliações da fonologia pelo uso do Teste de Linguagem Infantil - ABFW e a consciência fonológica por meio do instrumento CONFIAS. Para a análise do nível fonológico, foi considerado a Porcentagem de Consoantes Corretas (PCC), Porcentagem de Consoantes Corretas - Revisado (PCC-R), Índice de Ocorrência de Processos (PDI) e a produtividade dos processos fonológicos e, para a consciência fonológica, foram considerados os acertos das habilidades silábicas, fonêmicas e o escore total. Resultados: No estudo 1, foi observado adequação dos valores da PCC e PCC-R na maioria dos participantes (PCC: 82 crianças - 88,2%; PCC R: 84 crianças - 90,4%), produtividade dos processos de simplificação de líquida (SL), simplificação de encontro consonantal (SEC), simplificação de consoante final (SCF) e frontalização de palatal (FP) e correlação negativa muito forte entre as variáveis PCC x PDI e PCC-R x PDI. Já no estudo 2, amostra apresentou desempenho aquém do esperado em todos os itens do CONFIAS, demonstrando dificuldades nas habilidades de consciência fonológica. A correlação entre o PCC e consciência fonológica e PCC R e a consciência fonológica e PDI e a consciência fonológica foi fraca.


  • Mostrar Abstract
  • Introduction: The written language is an extension of the oral language and its development occurs under the influence of several factors, among which we can highlight in the oral language, the phonological level and among the phonological processing skills, the phonological awareness. The phonological level is related to the system of sounds present in a given language and it has demonstrated a possible relationship with the development of reading and writing. Phonological awareness is one of the phonological processing skills of greatest influence for the acquisition of written language. Objective: To evaluate the phonological system and phonological awareness in low-income preschool children and correlate the skills with each other. Method: Observational, cross-sectional, retrospective and documentary study. Sample made up of 93 children from level IV of early childhood education, students from Municipal Centers of Early Childhood Education (CMEI) from 3 regions of the city of Natal / RN (West, South and East), aged between 5 and 6 years and 11 months, of both sexes. The results of the phonology evaluations of the Child Language Test - ABFW and the phonological awareness of the CONFIAS instrument were analyzed. For the analysis of the phonological level, it was considered the Percentage of Consonants Correct (PCC), Percentage of Consonants Correct - Revised (PCC-R), Index of Occurrence of Processes (PDI) and the productivity of phonological processes and, for phonological awareness , the correctness of syllabic and phonemic skills and the total score were considered. Results: In study 1, adequacy of the PCC and PCC-R values was observed in most participants (PCC: 82 children - 88,2%; PCC R: 84 children - 90,4%), productivity of the processes of liquid simplification (SL), simplification of consonant clusters (SEC), simplification of final consonant (SCF) and frontalization palatal (FP) and very strong negative correlation between the variables PCC x PDI and PCC-R x PDI. In study 2, on the other hand, the sample presented a performance below the expected in all CONFIAS scores, showing weaknesses in the phonological awareness skills. The correlation between PCC and phonological awareness and PCC R and phonological awareness and PDI and phonological awareness was weak.

2019
Dissertações
1
  • ELIZA MIKAELE TAVARES DA SILVA
  • Queixa de tontura, relações sociodemográficas, clínico-funcionais e psicocognitivas em idosos com Diabetes Mellitus tipo 2

  • Orientador : JULIANA MARIA GAZZOLA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • FATIMA CRISTINA ALVES BRANCO BARREIRO
  • JULIANA MARIA GAZZOLA
  • LEONARDO WANDERLEY LOPES
  • Data: 20/02/2019

  • Mostrar Resumo
  • Introdução: Idosos com Diabetes Mellitus tipo 2 (DM2) desenvolvem comumente, ao longo do tempo, alterações nos sistemas sensoriais, responsáveis pelo equilíbrio postural, que pode tornar as queixas de tontura mais comuns nessa população. Objetivo: Verificar associação da queixa de tontura com os dados sociodemográficos, clínico-funcionais e psico-cognitivos em idosos com DM2. Método: Trata-se de estudo do tipo transversal, descritivo de caráter analítico realizado em um hospital universitário de média e alta complexidade. Participaram idosos com idade igual ou maior a 60 anos diagnosticados com DM2. Os idosos foram avaliados a partir de um inquérito multidimensional, contendo dados sociodemográficos, clínico-funcionais e psicocognitivos, além disso, utilizou-se os instrumentos: Mini-Mental State Exam (MMSE), Escala de Depressão Geriátrica Abreviada (GDS) e Timed Up and Go Test (TUGT) para rastreio de déficit cognitivo e de sintomas depressivos e análise da mobilidade, respectivamente.. Resultados: A amostra consistiu em 157 idosos, destes 45,22% apresentaram queixa de tontura. A queixa de tontura apresentou associação com as variáveis sexo, estado civil,escolaridade, autopercepção de saúde geral e visão, queixa de dor em membros inferiores, medo de quedas, tendência a quedas e sintomas psicocognitivos. Conclusão: Ressalta-se a associação da queixa de tontura com a autopercepção negativa de saúde geral e visão e com o estado civil sem vida conjugal.


  • Mostrar Abstract
  • Introduction: Elderly people with Type 2 Diabetes Mellitus (DM2) commonly develop changes over time in the sensory systems responsible for postural balance, which may make the dizziness complaints more common in this population. Purpose: To verify the association of the complaint of dizziness with sociodemographic, clinical-functional and psycho-cognitive data in the elderly with DM2. Method: This is a cross-sectional, descriptive study of an analytical character performed in a university hospital of average and high complexity. Elderly patients aged 60 years and older diagnosed with DM2 have participated. The elderly were evaluated through a multidimensional survey containing sociodemographic, clinical-functional and psycho-cognitive data. In addition, the following instruments were used: Mini-Mental State Exam (MMSE), Geriatric Depression Scale (GDS) and Timed Up and Go Test (TUGT) for screening for cognitive deficit and depressive symptoms and mobility analysis, respectively. Results: The sample consisted of 157 elderly people, of whom 45.22% presented dizziness. The complaint of dizziness presented association with the variables gender, marital status, education, self-perception of general health and vision, complaint of pain in lower limbs, fear of falls, tendency to falls and psycho-cognitive symptoms. Conclusion: The association between the complaint of dizziness and the negative self-perception of general health and vision and marital status without marital life is highlighted.

2
  • ALEXANDRE LUCAS DE ARAÚJO BARBOSA
  • Evidências de validade de conteúdo de um instrumento de triagem de vocabulário. 

  • Orientador : CINTIA ALVES SALGADO AZONI
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANA MANHANI CACERES ASSENCO
  • CINTIA ALVES SALGADO AZONI
  • PATRICIA ABREU PINHEIRO CRENITTE
  • Data: 28/03/2019

  • Mostrar Resumo
  • OBJETIVOS: verificar evidências de validade de conteúdo de um instrumento de triagem do vocabulário para crianças entre 3 e 7 anos. MÉTODOS: Estudo dividido em três etapas: 1ª) Revisão da literatura integrativa nas bases de dados nacionais e internacionais Scielo, Lilacs, Eric e Pubmed para verificar os testes de triagem do vocabulário utilizados recentemente (Artigo 1); 2ª) Análise de conteúdo: o instrumento construído foi enviado para quinze juízes, visando analisar o conteúdo de acordo com o Racional Teórico, Princípios da Triagem e Materiais, considerando o Índice de Validade de Conteúdo (IVC) e Índice de Validade de Conteúdo Item (IVC-I) (Artigo 2). 3ª) Aplicabilidade do instrumento: triagem em uma amostra de 133 crianças entre 3 e 7 anos, estudantes de quatro escolas públicas (Artigo 3). RESULTADOS: a partir da revisão, foi possível construir o instrumento de triagem de vocabulário receptivo e expressivo, nomeado TRILHAR. Na análise de validade de conteúdo, verificou-se que o IVC do instrumento esteve adequado. Entretanto, o IVC-I dos subcritérios de aspectos gráficos e descrição do caderno de aplicação apresentaram-se baixos, indicando necessidade de revisão nestes itens. No estudo piloto, verificou-se diferença do desempenho entre as idades e correlação entre estas variáveis, o que sugere melhora de acordo com o avanço faixa etária. Além disso, foi verificada correlação positiva entre o vocabulário receptivo e vocabulário expressivo. CONCLUSÃO: o TRILHAR é um instrumento adequado para realizar a triagem do vocabulário infantil, porém são necessários mais estudos de validação para verificar sua capacidade de identificar crianças com alterações no vocabulário.


  • Mostrar Abstract
  • AIM: to verify the evidences based on content validity of a vocabulary screening instrument for children aged from 3 to 7 years old. METHODS: This study was divided into three steps: 1º) Integrative literature review on nacional and international database Scielo, Lilacs, Eric and Pubmed, to verify the vocabulary screening instruments used recently (Article 1); 2º) Content analysis: the instrument was sent to fifteen judges, who analyzed the content validity based on the criterias of Theory, Screening Principles and Materials, considering the Content Validity Index (CVI) and Content Validity Index Item (Article 2); 3º) Aplicability of the instrument: screening of 133 children from 3 to 7 years old, students of four public schools (Article 3). RESULTS: from the theorical review, it was possible to construct the receptive and expressive vocabulary screening instrument, named TRILHAR. On the content validity analysis, the CVI has proven itself adequate. However, the CVI-I for the subcriterias of graphic aspects and description of the application sheet was inadequate, indicading the necessity of revision for those items. On the pilot study, there was differences on the performance between the groups and correlation between these variables, showing that the result on the screening improves according to the advencement of age. Besides that, there was a positive correlation between receptive and expressive vocabulary. CONCLUSION: the results of this research showed that TRILHAR is an adequate instrument for infant vocabulary screening. However, more validity studies are necessary to verify it's capability to identify children with vocabulary delays.

     

3
  • MARIA HELIMARA DE MEDEIROS
  • Parâmetros e sintomas vocais após o desaquecimento vocal em um grupo de cantores populares. 

  • Orientador : LOURDES BERNADETE ROCHA DE SOUZA
  • MEMBROS DA BANCA :
  • LEONARDO WANDERLEY LOPES
  • LOURDES BERNADETE ROCHA DE SOUZA
  • Patricia Maria Mendes Balata
  • Data: 29/03/2019

  • Mostrar Resumo
  • Introdução: Cantores populares têm demanda de trabalho excessiva e, devido à falta de conhecimento sobre cuidados com a saúde vocal, acabam cometendo fonotraumas mais frequentemente. Sabe-se que o desaquecimento vocal pode colaborar no sentido de amenizar a fadiga muscular após o uso da voz cantada, no entanto, ainda são escassos os estudos sobre esta prática nestes profissionais. Objetivo: Verificar a influência do tempo de desaquecimento vocal nos sintomas de desconforto do trato vocal e nos parâmetros acústicos e perceptivos da voz em um grupo de cantores populares. Metodologia: trata-se de um estudo intervencional transversal. A amostra foi composta por um grupo de cantores populares alocados aleatoriamente em dois grupos de acordo com o tempo de execução de exercícios de desaquecimento vocal: G5 (5 minutos) e G10 (10 minutos). Foram realizadas as avaliações acústica, perceptivoauditiva - grau geral da voz e graus de soprosidade, rugosidade e tensão - e autoavaliação por meio da Escala de Desconforto do Trato Vocal (EDTV) nos momentos pré e pós-desaquecimento.  Resultados: No G5, houve melhora significativa do shimmer local dB (AVQI), grau geral das frases e vogal, e nos graus de rugosidade, soprosidade e tensãodas frases. No G10, a melhora ocorreu para o sintoma de garganta irritada, jitter, grau geral da voz e graus de rugosidade e de tensão nas frases e vogal. O desaquecimento também promoveu melhora em diferentes aspectos acústicos e perceptivos em relação ao sexo. Conclusão: De modo geral, o desaquecimento vocal foi importante para a melhora de parâmetros vocais, entretanto, o tempo de 10 minutos promoveu impacto mais positivo neste grupo de cantores.


  • Mostrar Abstract
  • Introduction: Popular singers have a high demand for work and, due to a lack of knowledge about vocal health care, end up making vocal cord trauma more often. It is known that vocal cool-down can contribute to the reduction of muscle fatigue after work, however, there are still few studies on this practice in these professionals. Purpose: to verify the influence of vocal cool-down time on the symptoms of vocal tract discomfort and on vocal parameters in a group of popular singers. Methods: it is a transversal interventional study. The sample consisted of a group of popular singers randomly allocated in two groups according to the time of execution of vocal cool-down exercises: G5 (5 minutes) and G10 (10 minutes). Acoustic, perceptive-auditory, aerodynamic evaluation were made and self-assessment were performed through the Vocal Tract Discomfort Scale (VTDS) in the moments after the show and after the cool-down exercises. This research was approved by CEP HUOL under opinion nº 2,315,036. Parcial results: There was improvement of the symptoms and vocal parameters after the cool-down exercises, however, only the acoustic parameter jitter and the irritated throat symptom presented a statistically significant value in G10, and the value of the s / z ratio in G5.

     

4
  • JÉSSIKA SANTIAGO DA ROCHA
  • Habilidades preditoras de leitura em escolares de 1º ano do ensino fundamental.

  • Orientador : CINTIA ALVES SALGADO AZONI
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CINTIA ALVES SALGADO AZONI
  • MARIA ANGELA FERNANDES FERREIRA
  • TAÍS DE LIMA FERREIRA MATTAR
  • Data: 05/04/2019

  • Mostrar Resumo
  • RESUMO: Há na literatura uma gama de habilidades ditas preditoras do processo de desenvolvimento da leitura. Quanto aos aspectos da linguagem, a consciência fonológica, nomeação automatizada rápida, memória de trabalho fonológica e identificação de letras tem sido amplamente descritas como relevantes neste processo. Objetivo: Caracterizar o desempenho em habilidades preditoras de leitura de escolares do primeiro ano do ensino fundamental de escolas públicas de Natal-RN e correlacionar as habilidades preditoras entre si. Método: Participaram 138 crianças, com idade entre 06 e 07 anos, de três escolas públicas da cidade de Natal/RN. Foram avaliadas a consciência fonológica -Teste de Consciência Fonológica – Instrumento de Avaliação Sequencial CONFIAS; acesso fonológico ao léxico mental- Teste de Nomeação automática rápida; Memória fonológica de trabalho- Prova de memória de trabalho - não palavras e dígitos; Reconhecimento de letras Subteste de identificação de letras – PROLEC; vocabulário expressivo-Substeste vocabulário – Teste de Linguagem Infantil ABFW. Resultados: As crianças apresentaram desempenho inferior ao esperado nas medidas do vocabulário expressivo, especialmente nas categorias vestuário, alimentos, locais e formas e cores; processamento fonológico, exceto na subtarefa “objetos” do RAN, e no reconhecimento de letras; as habilidades apresentaram fraca correlação entre si. Conclusão: As crianças do estudo apresentaram resultados inferiores ao esperado para a escolaridade nas habilidades de processamento fonológico, vocabulário e reconhecimento de letras que podem influenciar no processo de alfabetização, evidenciando a necessidade de estudos posteriores quanto à práticas interventivas a fim de minimizar o impacto dessas dificuldades ao longo da vida escolar.


  • Mostrar Abstract
  • ABSTRACT: There are a large range of predictors of the reading development in the literature. Regarding the language aspects, the phonological awareness, rapid automatized naming, phonological working memory and letter identification have been widely described as relevant for this process. Aim: to characterize the predictors of reading skills in first grade students of public schools in Natal-RN and correlate theses habilities with each other. Method: 138 children between 6- and 7-years-old participated, from three public schools of Natal/RN. The assessment was made based on phonological awareness – Phonological Awareness Test – Sequencial assessment instrument CONFIAS; phonological access of the lexicon – Rapid automatized naming test; Phonological working memory – Working memory task – pseudowords and digits; Letter identification – letter identification subtest – PROLEC; expressive vocabulary – vocabulary subtest – Infant language test ABFW. Results: the children had worst performance than expected on expressive vocabulary, especially on the categories of clothing, food, places, shapes and colors; phonological processing, except on RAN ‘objects’, and letter identification; the habilities showed a weak correlation with each other. Conclusion: the children from this study performed worst than expected according to their schooling on phonological processing tasks, vocabulary and letter identification, which can influence the literacy process, highlighting the need of further studies as to intervention practice, in order to minimize the impact of these difficulties over the school life.

5
  • LUANA GABRIELE GARCIA DE SOUZA
  • PREDITORES LINGUÍSTICOS DE ALFABETIZAÇÃO EM CRIANÇAS PRÉ-ESCOLARES DE BAIXA RENDA

  • Orientador : CINTIA ALVES SALGADO AZONI
  • MEMBROS DA BANCA :
  • ANA LUIZA NAVAS
  • CINTIA ALVES SALGADO AZONI
  • ISABELLE CAHINO DELGADO
  • Data: 08/04/2019

  • Mostrar Resumo
  • Introdução: O Brasil tem um dos piores níveis de leitura, conforme avaliação do Programa Internacional de Avaliação de Estudantes. O desenvolvimento da leitura tem sido objeto de estudos com pré-escolares, porém ainda escassos no país. Objetivo: Caracterizar o desempenho de preditores linguísticos da alfabetização em pré-escolares de baixa renda e relacionar fatores socioeconômicos, vocabulário e consciência fonológica. Método: A pesquisa apresenta dois estudos: no primeiro, a amostra foi composta por 96 crianças do último ano da educação infantil avaliadas quanto a discriminação fonológica, fonologia, vocabulário, consciência fonológica, nomeação automática rápida, memória de trabalho fonológica e identificação de letras; no segundo, 34 crianças foram avaliadas quanto ao vocabulário, consciência fonológica e um questionário socioeconômico e cultural foi aplicado com o responsável. Resultados: no estudo 1 foi observado desempenho aquém do esperado em vocabulário, consciência fonológica, memória de trabalho, nomeação automática rápida e identificação de letras; houve correlação significativa entre consciência fonológica e memória de trabalho, consciência fonológica e identificação de letras, nomeação automática rápida e identificação de letras. No estudo 2 foi encontrada correlação significativa apenas entre o percentual de acertos no campo profissões do vocabulário e frequência de passeios realizados pela criança nos últimos 12 meses no questionário. Conclusão: As crianças pré-escolares de baixa renda apresentaram desempenho inferior quanto aos preditores linguísticos da alfabetização; estes apresentam correlação desenvolvimental entre si. Os achados do estudo ratificam a importância do monitoramento periódico desde o ensino infantil a fim de evitar problemas relacionados à alfabetização em anos posteriores da vida escolar dessas crianças.


  • Mostrar Abstract
  • Introduction: Brazil has one of the worst levels of reading, as assessed by the Programme for International Student Assessment. The development of reading has been the subject of studies with preschoolers, but still scarce in the country. Purpose: To characterize the performance of linguistic predictors of literacy in low income preschool children and to relate socioeconomic factors, vocabulary and phonological awareness. Method: The research presents two studies: in the first, the sample was composed of 96 children of the last year of the kindergarten evaluated regarding phonological discrimination, phonology, vocabulary, phonological awareness, rapid automatic naming, phonological work memory and letters identification; in the second, 34 children were evaluated for vocabulary, phonological awareness and a socioeconomic and cultural questionnaire was applied with the child’s parents. Results: the study 1 showed poor performance in vocabulary, phonological awareness, working memory, rapid automatic naming and letters identification; there was a significant correlation between phonological awareness and working memory, phonological awareness and letter identification, rapid automatic naming, and letter identification. In study 2, a significant correlation was found only between the percentage of correct answers in the professions field of vocabulary and the frequency of excursions performed by the child in the last 12 months in the questionnaire. Conclusion: Low income preschool children presented lower performance in terms of linguistic predictors of literacy; these present developmental correlation with each other. The findings of the study reaffirm the importance of periodic monitoring from early childhood education to avoid problems related to literacy in later years of the school life of these children.

6
  • INARA MARIA MONTEIRO MELO
  • Acurácia de testes de triagens auditivas via smartphones para a identificação da deficiência auditiva

  • Orientador : SHEILA ANDREOLI BALEN
  • MEMBROS DA BANCA :
  • DEBORAH VIVIANE FERRARI
  • DYEGO LEANDRO BEZERRA DE SOUZA
  • HANNALICE GOTTSCHALCK CAVALCANTI
  • SHEILA ANDREOLI BALEN
  • Data: 29/05/2019

  • Mostrar Resumo
  • Introdução: As triagens auditivas pro meio de smartphones é uma estratégia atraente por ser autoadministrável, de baixo custo e acessível. A utilização de materiais de fala, como dígitos, na presença de ruído de fundo, torna a triagem auditiva mais sensível a identificar perdas auditivas, pois simulam situações do dia-a-dia. Objetivo: 1) Identificar a eficácia de aplicativos de celulares para detecção da deficiência auditiva por meio de uma revisão sistemática e 2) verificar a acurácia do teste de dígitos no ruído, baseado em software, em português brasileiro. Métodos: A pesquisa apresenta dois estudos: uma revisão sistemática e um estudo de acurácia, no primeiro, a amostra foi composta por 12 artigos de diagnóstico que utilizaram aplicativos de smartphones para a triagem auditiva; no segundo, 186 indivíduos foram avaliados por meio de exames audiológicos considerados padrão-ouro no diagnóstico de perdas auditivas e o teste de dígitos de ruído, baseado em software, na versão portugês. Resultados: no estudo um, foi observado que todos onze aplicativos estudados mostraram valores de sensibilidade e especificidade favoráveis a testes de diagnósticos (AUC>60%). No estudo dois, o teste de dígitos no ruído apresentou ponto de corte da média final em -6,9dB para critério de passa/falha, 92,7% de sensibilidade e 67,1% de especificidade. Conclusão: A revisão sistemática forneceu informações significativas para evidenciar quais aplicativos podem ser considerados os mais eficazes na identificação das perdas auditivas e o estudo de acurácia insere o TDR em português como um novo método eficaz de triagem auditiva.  


  • Mostrar Abstract
  • Introduction: Hearing screening through smartphones is an attractive strategy because it is self-manageable, affordable and affordable. The use of speech materials, such as digits, in the presence of background noise, makes hearing screening more sensitive to identify hearing loss, since they simulate everyday situations. Objective: 1) To identify the effectiveness of cellular applications for the detection of hearing loss through a systematic review and 2) to verify the accuracy of the software-based noise test in Brazilian Portuguese. Method: The research presents two studies: a systematic review and a study of accuracy, in the first, the sample was composed by 12 diagnostic articles that used smartphone applications for hearing screening; In the second one, 186 subjects were evaluated by means of the audiological tests considered gold standard in the diagnosis of hearing loss and the Software-Based Noise Test in the Portuguese version. Results: In the one study it was observed that all 11 applications studied showed values of sensitivity and specificity favorable to diagnostic tests (AUC> 60%). In the second study, the Noise Digit Test presented a final cut-off point of -6.9dB for the pass / fail criterion, 92.7% sensitivity and 67.1% specificity. Conclusion: The systematic review provided significant information to show which applications may be considered the most effective in identifying hearing loss and the accuracy study inserts TDR in Portuguese as a new effective method of hearing screening

7
  • LUANA CELLY SILVA APRÍGIO
  • EFEITO "SUMMER LEARNING LOSS" EM CRIANÇAS DE BAIXA RENDA NA FASE INICIAL DE ALFABETIZAÇÃO

  • Orientador : CINTIA ALVES SALGADO AZONI
  • MEMBROS DA BANCA :
  • CINTIA ALVES SALGADO AZONI
  • LEONARDO WANDERLEY LOPES
  • PATRICIA ABREU PINHEIRO CRENITTE
  • Data: 14/06/2019

  • Mostrar Resumo
  • Introdução: O efeito "Summer Learning Loss" é caracterizado como risco de prejuízo ou estagnação de processos de aprendizagem, especialmente em crianças na situação de vulnerabilidade social. O efeito ainda é pouco conhecido e estudado no Hemisfério Sul do mundo. Objetivo: Tendo em vista esse cenário, este estudo tem como objetivo realizar um levantamento na literatura mundial sobre a ocorrência e caracterização deste efeito e avaliar a ocorrência deste efeito em crianças de baixa renda estudantes de escolas públicas na cidade de Natal-RN. Método: O primeiro estudo trata-se de uma revisão integrativa da literatura sobre o efeito "Summer Learning Loss", com busca nas bases de dados Scielo, Pubmed, Eric, Medline, Lilacs, Periódicos Capes. O segundo é um estdo quantitativo, longitudinal, observacional em que habilidades linguísticas preditoras de leitura foram avaliadas em crianças de baixa renda de três escolas municipais do munícipio de Natal. A avaliação aconteceu em dois períodos escolares, antes e após as férias de fim de ano. Resultados: No estudo 1 foram encontrados 149 artigos e selecionados 8 para revisão, de acordo com os critérios adotados, e é descrito a real ocorrência do efeito "Summer Learning Loss" independente da cultura. Há foco para o estudo da ocorrência do efeito em crianças desde o último ano da Educação Infantil até o último ano do Ensino Fundamental, principalmente relacionada a habilidades básicas de leitura e matématica. No estudo 2, a análise estatística dos dados evidenciou predominante estagnação na comparação das médias das habilidades linguístico-cognitivas avaliadas antes e depois das férias de 10 semanas. Conclusão: Há consenso na leitura sobre a ocorrência do efeito "Summer Learning Loss", em populações de baixa renda, o que gera prejuízos contínuos. O segundo estudo reitorou a informação trazida pela revisão, na qual as crianças de baixa renda tendem a apresentar padrões de declínio ou estabilizar o processo de aprendizagem durante as férias escolares.


  • Mostrar Abstract
  • Introduction: The Summer Learning Loss effect is characterized as risk of impairment or stagnation of learning processes, especially for children in situations of social vulnerability. The effect is not enough explored in Southern Hemisphere of the world. Objective: In view of the scenario, two objectives were presented. The first is to review in the literature the occurrence and characterize this effect. The second is to verify the occurrence of this effect in low-income students of public schools in the city of Natal-RN context. Method: The first study is an integrative review of the literature on the "Summer Learning Loss" effect, with search in the databases Scielo, Pubmed, Eric, Medline, Lilacs, Periodico Capes. The second is a quantitative, longitudinal, observational study in which predictive reading skills were assessed in low-income children of three municipal schools in the city of Natal. The evaluation happened in two school periods, before and after the vacation. Results: In the study 1, 149 articles were found and 8 were selected for review, according to the criteria adopted. The occurrence of the "Summer Learning Loss" effect independent of the culture is described. There is a focus on the study of the occurrence of the effect in children from the last year of Infant Education until the last year of Primary Education, mainly related do basic reading and math skills. In study 2, the statistical analysis of the data showed a predominant stagnation in the comparison of the means of the linguistic-cognitive abilities evaluated before and after the vacations of 10 weeks. Conclusions: There is a consensus in the literature about the occurrence of the "Summer Learning Loss" effect in low-income populations, which generates cumulative losses. The second study reiterated the information brought by the review, in which low-income children tend to decline or stabilize the learning process during school break.

8
  • THALINNY DA COSTA SILVA
  • TESTE DÍGITOS NO RUÍDO BASEADO EM SOFTWARE PARA PORTUGUÊS BRASILEIRO PARA TRIAGEM DO TRANSTORNO DO PROCESSAMENTO AUDITIVO


  • Orientador : SHEILA ANDREOLI BALEN
  • MEMBROS DA BANCA :
  • DEBORAH VIVIANE FERRARI
  • JOSELI SOARES BRAZOROTTO
  • SHEILA ANDREOLI BALEN
  • Data: 27/09/2019

  • Mostrar Resumo
  • Objetivo: 1) Revisar a literatura referente a eficácia de instrumentos de triagem do Transtorno Processamento Auditivo (TPA); 2) Comparar relação sinal/ruído (RSR) final do Teste Dígitos no Ruído (TDR) em crianças com TPA, com crianças típicas, e analisar acurácia dos instrumentos TDR, SCAN e QFISHER. Metódo: No estudo 1, foi realizada busca em seis bases de dados e na literatura cinzenta. Analisado risco de viés dos artigos incluídos através do QUADAS 2. No estudo 2 a amostra de conveniência foi constituída por 30 crianças, sendo 23 com TPA (G2) e sete sem o transtorno (G1), de 8 a 12 anos. Realizada avaliação audiológica básica; timpanometria; reconhecimento numérico visual; TDR; triagem de processamento auditivo; e avaliação comportamental do processamento auditivo para diagnóstico do TPA. A análise utilizou RSR final do TDR comparando G1 e G2. Calculada acurácia dos três instrumentos com nível de significância de 5%. Resultados: Do estudo 1 foram identificados 1.114 artigos. Na análise de título e resumo, 24 artigos passaram para análise completa, permanecendo cinco após esta. Três artigos apresentaram alto risco de viés em pelo menos um domínio. Enquanto ao estudo 2, observou-se média da RSR de -7,25 dB nos sujeitos do G2 e -8,34 dB no G1. Conclusões: No estudo 1,todos os instrumentos apresentam boa especificidade, contudo, apenas o STAP e sete testes da bateria alemã são sensíveis na identificação do TPA. Em relação ao estudo 2, o desempenho no TDR de crianças com TPA é semelhante ao de crianças sem transtorno.


  • Mostrar Abstract
  • Objectives: 1) To review the literature regarding the effectiveness of screening instruments for Auditory Processing Disorder (APD); 2) Compare the final Digits in Noise Test (DNT) signal-to-noise ratio (SNR) in children with APD versus typical children and analyze the accuracy of the instruments DNT, SCAN, and QFISHER. Methods: In study 1, the search went over six databases and gray literature. Risk of bias of the included articles through QUADAS 2 was analyzed. In study 2, the convenience sample consisted of 30 children, 23 with APD (G2) and seven without the disorder (G1), aged 8 to 12 years that performed audiological evaluation; tympanometry; visual numerical recognition; DNT; auditory processing screening; and behavioral assessment of auditory processing to diagnose APD. The analysis used DNT final SNR comparing G1 and G2. The accuracy of the three instruments was calculated with significance level of 5%. Results: From study 1, 1.114 articles were identified. In the analysis of title and abstract, 24 articles went to full-article analysis, remaining five after this. Three articles had a high risk of bias in at least one domain. For study 2, the mean SNR was -7.25 dB in G2 subjects and -8.34 dB in G1. Conclusions: In study 1, all instruments have good specificity, however, only the STAP and seven German battery tests are sensitive in identifying APD. Regarding study 2, the performance in DNT of children with APD was similar to children without disorder.

SIGAA | Superintendência de Informática - | | Copyright © 2006-2020 - UFRN - sigaa13-producao.info.ufrn.br.sigaa13-producao